Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Antigo membro da equipa criativa do NXT critica a Raw

As críticas ao Survivor Series e à última edição da Raw não param! Depois de Mick Foley ter dito de sua justiça através do Facebook, foi a vez de Rob Naylor, antigo membro da equipa criativa do NXT e assistente de Dusty Rhodes. Na noite passada, este usou o twitter para dar a sua opinião sobre a última Raw e sobre o que a WWE deve fazer para reverter a queda nas audiências.

Aqui está o que Naylor teve a dizer:

“O rating da última Raw – o mais baixo dos últimos dezoito anos – relembrou-me da Raw que a WWE fez no estrangeiro, em 1997, e que “mudou” a situação da companhia. Foi lá que Russo – Ugh, eu sei! – falou com Vince. Vai ser preciso um membro da equipa criativa com MUITA influência (sei de dois que o podem fazer) ou ALGUÉM que meta tudo em jogo e fale francamente com Vince sobre a situação atual da companhia. 

Isto não é uma situação em que Triple H é a solução ideal para o problema, porque a equipa criativa também parece escrever o que ele e Stephanie fazem. É o problema deles trabalharem apenas para uma audiência de três, em vez de toda a audiência. 

É preciso que a WWE faça uma mudança completa, a começar por Dunn e a forma como o programa é produzido. É tudo tão repetitivo. Todas as semanas, a apresentação é a mesma. Tudo precisa de mudar. A apresentação do programa, todos os clichés e hábitos precisam de desaparecer. A companhia precisa de investir em novos talentos e precisa de fazê-lo de forma diferente.

É engraçado, porque não há nada que gostasse mais de ver no NXT do que Triple H, pois seria uma novidade. No entanto, não há nada que queira ver menos na Raw que Triple H.

Não consigo imaginar-me a ver a Raw. Vi o segmento de abertura da última edição e, juntamente com a pessoa que estava a ver comigo, imediatamente mudei de canal.  Até quando trabalhava lá, era raro ver o programa. Quando aparecia às terças-feiras e me queixava a DeMott, diziam-me que não estava a ser um empregado exemplar. Precisava de escolher as minhas batalhas. 

E esse é o problema. Ao que parece, ninguém quer chegar-se à frente e dizer as coisas como elas são. E quando o fazem, são castigados. 

Como alguém que ADORA Wrestling, é complicado ver tudo isto a acontecer. Road Dogg foi quem disse melhor: quem não gosta, não vê. 

Vi tanta gente talentosa a passar pelo território de desenvolvimento e perdi tanto tempo a trabalhar com eles. Custa vê-los a serem desperdiçados desta forma. Há tanta gente com talento a trabalhar na companhia. E têm também a melhor equipa de produção nos bastidores. Só precisam de uma nova apresentação e abordagem. 

Num aparte interessante, Dusty costumava dizer-me que alguém que não obedecesse às suas ordens era despedido. Desta forma, quando UM booker – Dusty – precisava que uma estrela fosse lançada, então a equipa criava uma estrela. Se não o fizessem, eram despedidos. 

Agora, com uma equipa de chefes, ninguém tem autonomia – sem contar com Vince. Toda a gente troca vitórias e derrotas à vez e ninguém se consegue destacar. 

Bem, acabei. Foi uma experiência catártica. Obrigado por lerem.”

Concordam?

Tens alguma notícia que não está publicada no site? Clica aqui e envia-nos!

Sobre o Autor

- Administradora. Publico parte das notícias, faço a gestão da League, dos Passatempos e ainda sou escritora do artigo “Opinião Feminina”.

17 Comentários

  1. TENDEU - há 1 ano

    Quem são os bookers da wwe? são os mesmos de 5,6,7 anos atrás? não tem renovação?

    • Dolph Ziggler - há 1 ano

      Devem ser diferentes, apesar de ser provável que alguns ainda estejam por lá. Pelo que cheguei a ler há uns meses atrás, alguns dos membros da equipa criativa são antigos writers de novelas, sendo que nem eram fãs de Wrestling antes de serem contratados pela companhia. É preciso sangue novo e gente que gosta e percebe realmente daquilo. Os shows estão estagnados e a a WWE pouco quer saber do booking da maioria das estrelas (quase todos eles andam no tal 50/50 booking que não mete ninguém over). Já para não falar daqueles que ficam over sem autorização e por isso são ou imediatamente rebaixados (Ryder, BNB) ou então não capitalizam na sua população (Ambrose, Cesaro).

      Como este antigo membro da equipa criativa disse, é preciso uma mudança completa, até mesmo na forma como a programação é apresentada, porque realmente é bastante repetitivo.

    • TENDI - há 1 ano

      os bookers da wwe são os mesmos que fundaram a looneytunes

    • Miakuda 2:16 - há 1 ano

      São por volta de 20, 25 escritores.

      O Dolph Ziggler está certo: alguns deles são antigos escritores de novelas, que não são fãs de Wrestling.

      Quem trouxa essa mentalidade para a empresa não foi Vince McMahon e sim Stephanie McMahon. Ela é bastante culpada por essa porcaria de equipe de escritores.

      Assista o vídeo abaixo, por favor:

      https://www.youtube.com/watch?v=VD5erAtleo0

  2. Rolf - há 1 ano

    Homem,falaste tudo.

  3. Austin - há 1 ano

    Eu comecei assistir wwe aqui no brazil pelo mesmo motivo que muitas pessoas por causa de nomes como batista jeff hardy Rey misterio… que faziam lutas epicas nao so pelo talento deles mais por causa da wwe que na epoca ainda se importava com os fans e a qualidade das lutas . Eu acho que o que esta faltando para a wwe é exatamente isso dar as pessoas o que as pessoas queren ver por exemplo eu nao me importaria de ver roman reings vs rusev mais nunca como um main event que seria muito melhor executado por outros nomes como bray Wyatt ou ate mesmo neville que consegue fazer spots inacreditaveis e é muito pouco aproveitado . Enquanto isso vamos sendo obrigados a ver o sheamus campeão mundial ou o ver o cody rhodes com todo o talento que tem neste papel ridiculo de stardust

  4. Francisco Correia - há 1 ano

    Há demasiados bookers e estão apenas concentrados em criar uma estrela de à um ano para cá e continua tudo na mesma em relação ao Roman Reigns. No ringue continua a ser insuficiente para uma estrela e ao microfone é mau.
    Neste momento estão a tentar que a fórmula Daniel Bryan resulte no Roman mas isso não é possível. O público não leva a sério o facto do Roman estar a ser tratado como underdog. Como é um underdog pode ter mais de um 1,90 m e ter o físico dele? É impossível.

    No Raw toda a gente é midcard com excepção do Roman, Cena e Lesnar. Ganham numa noite, perdem na noite seguinte. Não é assim que se vão criar estrelas para o futuro.

    No Nxt, os bookers dão na maior parte das vezes o que o público quer. Veja-se o caso do Baron Corbin que virou heel devido aos fãs. Secalhar a Eva Marie estava escalada para ganhar o titulo e não ganha devido aos fãs. Tudo isto foi para o bem do Nxt. Os fãs querem que o Nxt seja um sucesso.

  5. wrestling - há 1 ano

    Eu preferia que o Raw fosse menor em questão de horas,3 deixa o show com combates repetitivos,segmentos chatos e fica pesado demais pra ver sempre a mesma coisa.

  6. Miakuda 2:16 - há 1 ano

    O rating da última Raw – o mais baixo dos últimos dezoito anos – relembrou-me da Raw que a WWE fez no estrangeiro, em 1997, e que “mudou” a situação da companhia. Foi lá que Russo – Ugh, eu sei! – falou com Vince. Vai ser preciso um membro da equipa criativa com MUITA influência (sei de dois que o podem fazer) ou ALGUÉM que meta tudo em jogo e fale francamente com Vince sobre a situação atual da companhia.

    Vince Russo foi a pessoa que disse na cara do Vince McMahon que o produto daquela época estava ruim. McMahon queria demiti-lo pela briga. No entanto, no RAW seguinte, a WWF teve a segunda pior audiência na história do Monday Night Wars.

    Na terça de manhã, Vince McMahon fez uma reunião de emergência com Jim Cornette, Bruce Pritchard, Shane McMahon e Michael Hayes.

    Vince Russo foi convidado a entrar na reunião pensando que seria demitido pela briga com McMahon. Mas, de forma inesperada, Vince McMahon com inúmeras WWF Magazines (Russo era o escritor principal da revista) em suas mãos, jogou todas elas em cima de mesa e disse: “Isto que o show precisa ser”.

    A partir daquele dia, Vince McMahon, Vince Russo e Jim Cornette escreveram os shows por nove meses. Mais tarde, saiu Cornette e entrou Ferrara.

    O resto é história.

  7. Miakuda 2:16 - há 1 ano

    E esse é o problema. Ao que parece, ninguém quer chegar-se à frente e dizer as coisas como elas são. E quando o fazem, são castigados.

    Reflexo de Wrestlers bundões, reflexo de agentes bundões, reflexo de funcionários bundões, reflexo de escritores bundões. Stone Cold e Ric Flair já disseram que percebem o medo das pessoas nos bastidores.

    Se todos eles parassem de ser bundões e se unissem, não teria Vince McMahon, Triple H, Stephanie McMahon e Kevin Dunn que o segurassem. Mas não, são uns bundões egoístas que tem medo de criticar porque temem perder os seus empregos.

    Olha a Lana. Está ferrada. Deve estar um inferno a vida dela lá. E ninguém ficará no lado dela porque será ferrado também, porque são uns bundões.

  8. Pedro - há 1 ano

    A TNA tem aqui uma oportunidade, basta usar as suas estrelas como deve ser, voltar a focar-se na X Division e fazer um show sem idiotices como fazia em 2005-2008, vá. É esperar por Janeiro para ver.

    • Miakuda 2:16 - há 1 ano

      Mas os fanboys da WWE darão atenção e suporte para a TNA?

      Quando a TNA era milhões de vezes melhor e mais violenta, divertida e interessante do que wwe kids, eles continuaram dando suporte para Vince, Muppets, Cena, Dunn, Orton, Steph e cia limitada.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador