Beyond The Mat #5 – Está na hora…

À saída do autocarro ouço gritos do meu nome, tudo normal, visto que estou na minha terra natal. Agora que penso nisso, o que será que lhes vou dizer? Será que lhes falo da feud actual, do meu estado de espírito…? Bem, quando lá chegar hei-de saber o que dizer, afinal, é disso que eu sou feito, imprevisibilidade e improviso! Entro na arena e percorro os corredores cheios de pessoas a ultimar todos os preparativos para mais logo. Sinto um nervoso miudinho a percorrer-me o corpo, mas não há-de ser nada. Ah, cá está, o meu balneário!

“Vá lá familia, já devíamos estar fora de casa por esta hora!”. Sempre a mesma coisa, sabem bem que as filas para entrar são imensas mas fazem sempre o mesmo, impressionante… Finalmente já vêm a descer as escadas, já não era sem tempo! Adoro todo o conjunto de cores que envergamos em dias como este, cada um tem o seu preferido e eu sempre gostei dessa variedade em nós. A minha mulher segue mais a preferência dos meus dois filhos, como é habitual, mas eu cá tenho uma escolha diferente. “Bem, estão todos sentados e com o cinto posto? Então aqui vamos nós!”.

Já ouço o burburinho vindo das bancadas, todo o aglomerado de fãs a entrarem pelas portas e à procura do seu lugar, o típico para segundas-feiras. À medida que vou vestindo o meu equipamento apercebo-me do quão incómodo estas pequenas lesões podem ser, mas não é isso que me irá parar, afinal, nunca o fez! Pequenas lesões não são mais importantes que todas estas pessoas que vieram aqui para nos ver a nós fazer aquilo que fazemos melhor. Levanto-me para testar se está tudo bem colocado e no seu sítio correcto mas sinto que me falta algo… Claro, as mãos, falta-me “equipar” as mãos. Onde é que será que deixei a fita mesmo?

“Entusiasmados crianças? Já estamos perto da arena!“. Pergunto isto aos meus filhos mas eu próprio sinto-me uma criança. O nervoso miudinho, a pele de galinha, tudo. “Mas que coisa homem, controla-te!” diz a minha mulher ao testemunhar o estado em que me encontro, mas ela já sabe como é, afinal, tantos anos depois já teve tempo para se habituar. Esboço um sorriso juntamente com este pensamento e ela fica a pensar que sou maluco por me estar a rir sozinho, mas eu não me importo, talvez até seja mesmo! “Chegámos rapaziada, vamos manter-nos sempre juntos até encontrarmos os nossos lugares, sim?” “Sim papá!”. Apercebo-me que a fila está comprida, mas nada me tirará esta boa disposição.

Bem, deixa-me cá ver se o encontro pois se não combinarmos algo isto pode dar asneira. Cá está ele, “Paul!”. Uma breve conversa é sempre bom antes de entrar em cena pois não convém meter os pés pelas mãos à frente da “minha gente”. Os pés pelas mãos também era complicado, afinal, os meus joelhos dão cabo de mim penso eu rindo da minha própria piada à medida que estou a chegar à entrada. Estes minutos atrás da cortina dão cabo de mim! Ouço o meu nome a ser entoado pelos fãs já adivinhando o que aí vem, só preciso de esperar que a minha música surja.

Acompanho com toda a força que consigo os cânticos pela pessoa que foi a principal razão pela qual paguei o meu bilhete. Espero por este momento já à uns meses, vamos ver o que daqui sai! Nunca mais toca a música dele, que raio, estou farto de esperar!

Subitamente, um som que todos reconhecem sai das colunas da arena e percorre todo o recinto deixando toda a gente em alvoroço:

http://youtu.be/g04as9V7Z0w

“Está na hora.”

“Está na hora.”

Um homem franzino com as mãos cobertas de fita branca e com um “x” vermelho em cada uma surge por detrás da cortina e a arena vai ao rubro. Nada mais se houve a não ser gritos de apoio ao herói da cidade, ao auto-intitulado “Melhor do Mundo” de seu nome CM Punk. Punk ajoelha-se e de repente um burburinho diferente surge. Todos esperam um momento em particular, mas mais uma vez, “está na hora”.

“It’s clobberin time!”
-Cm Punk-

E é desta forma que termino mais um Beyond The Mat. Nesta edição não quis fazer a habitual introdução de boas-vindas pois achei que assim seria mais “what’s best for business”. Foi uma edição pequena eu sei, mas diferente do habitual do que já foi aqui apresentado neste meu espaço. No entanto, espero que vos agrade da mesma forma que os artigos que já lá vão agradaram! Ficam aqui os melhores cumprimentos para todos vós que leram este artigo e a quem desejo uma excelente semana que no meu caso se estende até à próxima quarta-feira. Como último apontamento vou deixar apenas uma citação “à la” CM Punk:

“What defines CM Punk? I don’t drink, i don’t smoke, i don’t do drugs. This is me… This is what i’m all about. I wear my heart on my sleeve. My addiction is wrestling. My name is CM Punk.”

Sobre o Autor

Foto de perfil de Facebook
- Vencedor do "Concurso Cronista Universo 2013" e actual co-autor do espaço Beyond The Mat.

23 Comentários

  1. MicaelDuarte - há 3 anos

    “Espero por este momento já à uns meses” – wrong :(
    “Espero por este momento já há uns meses” – right :)

    Agradece-me depois, mas já sabes que se detectares uma calinada minha estás à vontade para corrigir ;)

    Relativamente ao conteúdo do artigo, adorei. Até pode ter ficado pequeno, mas a qualidade é inversamente proporcional ao tamanho do artigo, na minha opinião.

    • Foto de perfil de Facebook

      D'Leite - há 3 anos

      Há sempre uma coisa ou outra que escapa, mas obrigado pela correcção ;)

      Foi uma ideia diferente do habitual, e achei que não devia explorar muito e que devia antes perceber como iria ser recebido. Foi um risco que corri, mas fico feliz que tenha compensado!

  2. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Diferente , mas gostei.O que esta escrito em negrito é o PUNK e em italico é o pensamento e frases ditas por um fá certo?

  3. Opinista - há 3 anos

    Não percebi o artigo, isto é uma historia ou apenas algo para dizeres que gostas do CM Punk?

    É que eu não me mostro interessado pelos teus gostos, mas sim por artigos. Não venho ler artigos para que um gajo me tente fazer a cabeça com o que escreve.

    Gostas do CM Punk? Boa, és mais um no meio de Milhões. Agora escreve artigos de coisas mais interessantes. Ou pelo menos, tinhas dito logo no inicio que este artigo seria uma homenagem ao CM Punk.

    • Foto de perfil de Facebook

      D'Leite - há 3 anos

      Então vamos lá a isto:

      Primeiro, e acima de tudo, boa tarde e obrigado pelo comentário.
      Quanto àquilo que dizes, é como um incêndio, tem diversas frentes e estou a tentar decidir qual é que hei-de “atacar” primeiro. Comecemos pelo príncipio: “Isto” é um tentativa de retratar na primeira pessoa dois pontos de vista completamente diferentes, a de um fã e a de um wrestler. Neste caso calhou ser o Punk, mas podia ter sido feito com outro wrestler qualquer.

      O facto de gostar ou não do CM Punk em nada afecta a minha visão de cronista. Tal como já disse, neste artigo calhou ser o Punk mas podia ter feito com qualquer outro wrestler desde Cena, Ziggler, Rock, Daniel Bryan, ou outro qualquer. Desta vez foi o Punk, ponto final.

      A questão é esta: os meus artigos não são artigos baseados em coisas que aconteceram no passado e que eu decidi relatá-las agora, isso acontece em outros espaços aqui no site e como eu gosto de ser reconhecido pela diferença os meus artigos são artigos de opinião. Sempre foram, ainda são e vão continuar a ser, quer isso te agrade ou não. Sendo este um espaço semanal em que são publicados artigos de opinião, tens um bom remédio para evitar “que um gajo te tente fazer a cabeça com o que escreve”, não lês o “Beyond The Mat”. Eu, como cronista, tenho o direito de escrever aquilo que quiser desde que esteja relacionado com wrestling, o que, certamente, se verificou nesta edição e nas quatro passadas. Ninguém tem autoridade para me dizer o que devo ou não escrever no meu espaço sem ser ou o Kapitas ou o Salvador, e mesmo se algum dia isso acontecer, se bem entender que assim seja, a porta da rua é a serventia da casa e saio pelo mesmo sítio por onde entrei, simples. Caso não saibas, eu ganhei este espaço através de um concurso que contou com 5 rondas, e em todas elas eu tomei por base para os meus artigos a minha opinião e no entanto aqui estou eu, na edição 5 do meu espaço. Ainda mais curioso é o facto de seres o primeiro em 5 edições a reclamar do facto de eu usar a minha opinião como base dos meus artigos quando nos 4 artigos que já lá vão nem ver-te.

      Sabes o que eu acho? (sim, porque vais levar com a minha opinião quer queiras quer não) És apenas um hater de CM Punk que simplesmente não gosta de nada que tenha a ver com ele. Porventura se tivesse feito um do Cena, ou do Rock ou até do Ziggler tu já estarias a dar-me aqui os parabéns. Eu sou fã do Punk sim, eu sou fã de todos os outros wrestler que citei, sim, e não és tu, “Opinista”, que me vais dizer o que fazer ou não fazer com o meu espaço. Esse trabalho só a mim me compete e se não gostas, como se costuma dizer, “mete à borda do prato”.

      Saudações.

      • Opinista - há 3 anos

        Amigo, respostas mais que batidas começam a ser aborrecidas, e adoro o Punk.

        Para já, não aguentas criticas, não escrevas. Já que a tua n me obrigaste a ler o artigo, eu nao te obriguei a ler o meu comentario, expressei a minha opiniao, problemas? nao es mais do que eu

      • Foto de perfil de Facebook

        D'Leite - há 3 anos

        A questão aqui não se prende com o facto de eu ser mais ou menos do que tu ou de não conseguir aguentar críticas, a questão aqui é que as críticas são bem-vindas quando são construtivas. Onde é que está o lado construtivo da tua crítica? Ficou em casa hoje? Óh meu caro, falas de boca cheia porque é fácil ficar na sombra e comentar com outro nome, mas acho que tinhas coragem se mostrasses a tua verdadeira identidade e te deixasse de joguinhos infantis. Isso já deu porcaria uma vez, e “abateu” um cronista, mas fica sabendo que eu me encontro calmo e sereno na posição em que me encontro. Afinal, quem é que tem obrigações aqui? Tu não és certamente. Mas já que não gostas do que escrevo, porque não escreves um mail ao Kapitas ou ao Salvador? Um mail a pedir que eu me vá embora, são 5 minutos que perdes da tua vida mas pode ser que assim fiques realizado :)

        Quando tiveres algo construtivo a dizer e quiseres fazê-lo de “cara destapada”, então vem, és bem-vindo aqui. Se apenas vens para aqui ofender a minha escrita e pôr em causa a forma como eu a aplico, então podes deixar de ler o Beyond The Mat porque isso é algo que não vai mudar. A minha opinião é exactamente como todas as outras, no fim do dia vale exactamente o mesmo que as dos outros, que a tua, absolutamente nada. A diferença caro “Opinista” aka “senhor que não tem coragem de dar a cara”, é que eu aplico-a de forma séria e didática, já tu, apenas a usas para tentar denegrir as outras pessoas.

        Como alguém que eu conheço diria: “You’re welcome”.

      • ismael m. - há 3 anos

        OMG!!!pIPEBOMB!

      • Opinista - há 3 anos

        Senhor que nao quer dar a cara? Este é o meu nick, e a minha critica ja foi escrita

      • LuisMPBO - há 3 anos

        Claro que sim, senhor “coisa”…

      • Foto de perfil de Facebook

        D'Leite - há 3 anos

        Então, acabaram-se os argumentos desconchavados foi? Meteste-te com a pessoa errada rapaz. Ah, e só assim por acaso, esse até pode ser o teu nick agora, mas aposto que já tiveste outro antes e só quiseste vir para aqui TENTAR (e isto é de salientar, pois foi uma tentativa falhada) tirar o meu foco daquilo que realmente interessa, e destruir tudo aquilo que conquistei aqui até aos dias de hoje. Só tenho pena de não poder saber quem realmente és, pois iria dar-me um gozo imenso. Ah, espera, afinal talvez já saiba ;)Saudações.

    • Foto de perfil de Facebook

      D'Leite - há 3 anos

      Ah, e há alguma lei que me obrigue a anunciar o assunto sobre o qual vou escrever sempre que fizer um artigo? É que eu não conheço nenhuma… Sabes aquilo a que se chama “suspense”? Ou talvez mistério seja a palavra certa para ti, mas não deves saber…

      • joaop - há 3 anos

        Perdeste tempo demais com ele. Não ele não valeu metade da tua primeira frase. Isso é só inveja. Ele que bata lá à minha porta… Muito, muito bom artigo. Parabens thegroitone!

      • Foto de perfil de Facebook

        D'Leite - há 3 anos

        Deixa lá, há pessoas que de vez em quando precisam de ser contestadas e esse foi o caso dele. E eu, como não sou de ficar calado, juntou-se a fome à vontade de comer ahahah xD Obrigado pelo elogio! :)

  4. akujy - há 3 anos

    Mais um bom BTM, acho q fiz bem em sugerir o nome do espaço a alguém claramente digno de o continuar. Continua assim rapaz, q vais longe. Dsd q n tenhas nenhum alter ego chamado Liliana, tens td o q é preciso para seres um dos espeços de referencia do universo. Keep up the good work. Quanto aos comentaristas e cronistas desta vida….gostava d dizer q até podes tar a falar com o proximo Pipe Bomber deste site (ou nao tivesse eu tido um principio semelhante (semelhante apenas, pq n foi ridiculo xD, mas ja toda a gente sabe q largar pipe bombs é msm comigo.

    You have avoided a part-time Pipe Bomb! You’re Welcome! I know you are! xD

    Good stuff!

    • Foto de perfil de Facebook

      D'Leite - há 3 anos

      Mas pensei que já tivesses chegado a essa conclusão há muito tempo pá! Ahahah, mas obrigado. Continuarei, se assim conseguir. Não, gosto mais de Daniel, acho que me assenta melhor…

      Desculpa que te diga, mas akujy só há um ;)

      Ahahah, gostei da parte do “part-time”, estiveste bem agora. E claro que estou agradecido, por tudo “brother”!

      It always was, it actually is and always will be ;)

  5. ismael m. - há 3 anos

    Essa ultima frase foi a que o punk disse no debut da ecw,certo?

  6. danielLP21 - há 3 anos

    Olha Dani, li isto ontem mas esqueci-me de comentar! Mais uma vez, um óptimo artigo. Estás a mostrar que consegues abordar os temas de várias formas, o que faz de ti um cronista cada vez mais completo. Continua com essa diversidade.

    • Foto de perfil de Facebook

      D'Leite - há 3 anos

      Obrigado por seres um comentador regular do meu espaço e obrigado pelos comentários. A tua opinião conta bastante para mim :)

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador