Entrevista com Ramon Vegas

Hoje temos uma entrevista com o Ramon Vegas, um dos lutador mais fáceis de odiar em Portugal e que fez parte de uma das stables mais marcantes do wrestling português.

Falamos sobre o início da sua carreira, a origem do seu nome e da Ordem Fantástica, juntamente com algumas histórias do seu tempo na MLW, mas também temos a oportunidade de espreitar um pouco os bastidores do wrestling nacional, falando de planos que não vieram a acontecer e o estado atual do wrestling português.

Além disso, o Ramon também fala um pouco sobre o seu combate de dia 4, na Batalha Final, contra Luís Mira, e a sua presença no próximo show da APW.

Segue o Ramon Vegas:

– Facebook: https://www.facebook.com/RamonVegaswrestler/

Apoia o SmarkDown!

– Youtube: http://youtube.com/SmarkDown
– Facebook: http://facebook.com/SmarkDownOficial
– Twitter: @SmarkDown
– Website: http://www.smarkdown.net

5 Comentários

  1. Anónimo - há 5 dias

    El perro no perdona!

  2. PapaShango - há 5 dias

    Sem papas na língua a dizer umas quantas verdades sobre o panorama nacional…

    E ainda consegue fazer uma retrospectiva sobre si próprio, sobre o wrestling nacional e sobre outros lutadores… Tudo numa só entrevista.

  3. “Ramon Vegas” é das personagens mais interessantes em Portugal e nesta entrevista é fácil perceber o porque disso.

    Excelente entrevista gostei bastante e uma pessoa que não tem medo de falar seja bom ou mau

  4. Inspirador.
    A fase inicial da carreira é inapiradora.

  5. pitasqueremguito - há 3 dias

    Pareceu-me um tipo bastante honesto que não têm qualquer problema em dar a sua verdadeira opinião aos colegas e ainda com a capacidade para admitir que por vezes aquilo em que está envolvido não correu assim tão bem, mostrando sempre a seu prespectiva e sem ter odios de estimação.Toda a gente só têm a ganhar com pessoal deste género. Além do mais também parece ser um tipo bacano.

    Só achei estranho ali perto do final, sem que nada o fizesse prever ele entrar em personagem cortar uma promo para o combate dele e pouco depois voltar à entrevista em si como se nada tivesse acontecido. A promo em si até estava foi interessante, mas no contexto em si ficou mesmo um pouco estranho para mim. Para isso, ou se fazia a entrevista do principio ao fim em personagem ou não se fazia.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Desenvolvido por Luís Salvador / Wrestling PT © 2006-2017