Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Impacto! #147 – They Were Here (3)

Chegámos à penúltima parte desta série de artigos. Na semana passada afirmei que a carreira de um wrestler nunca começa e termina no mesmo local. No percurso que os lutadores percorrem, há sempre alguns detalhes que desconhecemos e que afinal também acabam por contribuir para a mitologia das caras que compõem esta indústria. No Impacto! desta semana trago a segunda parte de um levantamento de nomes que passaram pela TNA e que muito provavelmente a maioria das pessoas desconhecia que o tinham feito. Esta é a primeira parte deste artigo. Espero que alguns destes nomes vos surpreenda e para a semana fechamos o capitulo.

Vamos então à segunda parte desta série de artigos.

Roddy Piper

No wrestling há nomes que alcançam um reconhecimento global que os tornam em verdadeiros ícones. Hulk Hogan, Ric Flair e claro Roddy Piper estão nessa categoria. Lembro-me de na minha infância ver uns desenhos animados em que um grupo de wrestlers liderado por Roddy Piper tentava passar a perna a um grupo de lutadores encabeçado por Hulk Hogan. Apesar de Piper ser retratado como um vilão, houve sempre algo na sua gimmick que o fez um dos meus favoritos. Piper esteve na TNA em 2003, geralmente envolvido em segmentos de entrevistas chamados Pit with Piper e em 2005 foi o árbitro escolhido para um combate entre Scott Hall e Jeff Hardy no Final Resolution. Como curiosidade um dos momentos mais marcantes da passagem de Piper pela TNA foi um segmento em que Piper veio ao ringue e chamou Vince Russo. Aquilo que deveria ter sido uma promo sobre a stable de Russo – os SEX – acabou por ser um ataque pessoal a Russo, onde Piper o acusou da morte de Owen Hart e de destruir a WCW. Piper chegou mesmo a agredir russo e no final do segmento valeu a presença dos Harris Brothers para acalmar a situação e tirar Piper do ringue.

Ken Shamrock

Ken Shamrock é um nome que gera bastantes divisões no mundo do wrestling. Eu faço daqueles que gostou bastante da passagem dele pela WWF como “The World’s Most Dangerous Man”, uma gimmick bem conseguida, mas numa WWF que nunca investiu seriamente em tornar Shamrock um nome de topo. Shamrock foi o primeiro campeão mundial da TNA, ganhando o titulo num torneio realizado no primeiro show da organização em 2002. A ideia era usar Shamrock como uma figura capaz de captar os fãs casuais de wrestling e também um conjunto de fãs mais adulto e voltado para a MMA. O próprio Shamrock acabou por confessar em entrevista que estava então focado num regresso à MMA e não teve tempo de construir esse legado na TNA. Em Agosto, Shamrock perderia o titulo para Ron Killings e deixaria a TNA.

Vader

Vader é outro dos nomes lendários do imaginário do wrestling. Um carismático heel na WCW, que curiosamente transitou para a WWF em plena guerra Monday Night War. Vader teve uma presença discreta na TNA, quando em 2003 se juntou a Dusty Rhodes para enfrentar os Harris Brothers. Infelizmente pouco mais se viu de Vader.

Tyler Black

Um dos jovens mais promissores da actualidade, com um percurso especialmente bem sucedido na ROH, teve uma passagem pela TNA antes de se tornar no personagem conhecido no universo WWE como Seth Rollins. Black esteve em 2006 onde lutou ao lado de Jeff Watson contra os LAX – Homicide e Hernandez, num TNA Impact!. Tenho ideia que Tyler Black chegou ainda a fazer alguns dark matches na TNA, mas não encontrei registo dos mesmos. Ainda assim, o registo da sua passagem ficou nos arquivos televisivos.

Incognito

Recentemente descobri que um antigo nome da TNA passou pela WWE e como tal deverá ser conhecido de muitos dos leitores do Wrestling.pt. Incognito esteve na TNA em 2006, fruto da parceria com a AAA (México). Incognito fez parte da Team Mexico que ficou classificada no terceiro lugar na World X Cup. Anos mais tarde Incognito viria a passar pela WWE, com as gimmicks de Sin Cara, Sin Cara Negro e Hunico. Lembram-se dele?

Tanahashi

De todos os nomes que tenho trazido a este Impacto! sobre os wrestlers que (talvez) não soubessem que passaram pela TNA, Hiroshi Tanahashi será um dos menos conhecidos, mas ainda assim relevante para esta lista. Tanahashi é hoje o Heavyweight Champion da NJPW pela sétima vez na sua carreira e de longe um dos nomes mais altos do wrestling Japonês. A TNA foi perita em arruinar qualquer aproximação com a NJPW ao longo dos anos, remetendo os lutadores asiáticos para combates aleatórios, storylines obscuras ou papéis pouco relevantes (como Okada servir de guarda-costas a Samoa Joe…Sim Okada um segurança…de Joe…a parvoíce é tão grande que nem saberia por onde começar a falar dela…). Em frente. Tanahashi esteve na TNA em 2006 e 2008 nas duas tentativas de parceria entre a NJPW e a TNA. Em 2006 perdeu para AJ Styles e dois anos mais tarde voltou para uma série de combates aleatórios na divisão de tag-team e na X Division. É assim que se desaproveita um talento internacional.

Video da Semana

Roddy Piper shoots on Vince Russo!

Até ao próximo Impacto!

Sobre o Autor

- Colaborador do Wrestling.PT para os conteúdos da Total Nonstop Action!

5 Comentários

  1. José Sousa - há 2 anos

    Excelente trabalho. Não sabia dessa do Tyler Black( aka Rollins), mas sem duvida que já nessa altura da ROH que era um dos melhores jovens talentos do pro wrestling.

  2. MR Perfection André Santos - há 2 anos

    Excelente mais uma vez.

    O Rollins…não sabia. Temos gostos muito iguais Jorge. Velha Guarda :) Pois, o Pipper realmente é qualquer coisa. Nem vou falar do que já debatemos de wrestlers que nunca foram world champions… :(

    Ah fiquei com a pulga atrás da orelha: A TNA conseguiu arruinar algumas storylines com a NJPW. Porque será Jorge?

    O video está demais…HORT ROD baby!

    • Sei que o Bischoff e o Vince Russo (desde o tempo da WCW) que partilham da ideia que o público americano não quer um campeão com o qual não se consigam identificar racialmente, o que levou sempre a problemas quando o assunto era dar um push a nomes asiáticos ou Mexicanos. Há uma história com o Rey Mysterio na WCW em que ele andou em feud (se não me engano) com o Eddie Guerrero para este lhe tirar a máscara e dada a importância que a máscara tem para os luchadores, o Bischoff prometeu tratar aquela storyline com muito cuidado e na realidade não o fez…Já na TNA, durante os primeiros anos, houve muitas queixas de racismo no bastidores…

      A parceria NJPW/TNA para mim é um misto de preconceito para com os wrestlers asiáticos com uma tremenda falta de visão da gestão da TNA, que deveria ter preparado boas storylines para receber estes lutadores e fazer a ponto para o mercado Japonês. Essa ponte hoje já está queimada e resta cuidar da W-1.

  3. DeVille - há 2 anos

    Muito bom, Jorge. Bem que você disse que haveriam mais nomes que iriam surpreender. Vader e Sin Cara, esses me pegaram de surpresa mesmo. Obrigado por aumentar o nosso conhecimento a respeito da história da TNA.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador