Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

My Time Is Now #1 – A ausência de John Cena

Bem-vindos ao meu novo espaço, My Time Is Now, onde procurarei manifestar a minha opinião sobre a atualidade da WWE. Convido-vos ao debate, pois a troca de ideias é que torna este “trabalho” interessante e produtivo. Sem mais demoras vamos ao tema desta semana que consiste nos efeitos, positivos e negativos, da ausência de John Cena, bem como o seu papel quando regressar aos ringues.

Quem lia o Topo e Fundo sabe que John Cena é o meu wrestler favorito. Aliás, isso pode verificar-se facilmente pelo nome que escolhi dar a este espaço. Cena é, provavelmente, o atleta mais injustiçado pelos fãs, que de um modo geral, têm dificuldade em compreender o seu papel dentro da companhia. Normalmente as Lendas, e penso ser pacifico considerar Cena uma Lenda, são alvo de bastante carinho da parte dos fãs o que torna ainda complicado perceber toda esta hostilidade contra o líder da CeNation. Ainda está bem presente na minha memória a ovação dos fãs quando Cena anunciou a sua ausência por 4/6 meses, como se isso significasse uma melhoria evidente do produto apresentado. Será que foi assim?

Sete episódios da Raw e um PPV depois (de referir que este texto está a ser escrito antes do BattleGround) julgo ser possível tirar as primeiras conclusões sobre tão desejada ausência. Existem aspetos positivos e negativos, que eu irei referir em seguida, mas, no cômputo geral, creio que seria bastante precipitado considerar que os níveis de qualidade aumentaram.

Começando pelos benefícios, penso que a ascensão definitiva de Daniel Bryan é o mais óbvio. Com Cena no ativo o seu “efeito eucalipto” dificilmente deixaria espaço para Bryan brilhar tanto. Sem o seu Top Face a WWE não teve outra alternativa a não ser apostar na criação de uma nova estrela de topo, abandonando uma determinada “zona de conforto” que Cena proporcionava. Cody Rhodes é outro que, no médio prazo, poderá tirar frutos desta ausência.

Outro beneficiado, ainda que possa parecer estranho, é o próprio Cena. A sua personagem está estagnada, provoca irritação nos fãs, de modo que só existem duas formas de tentar alterar esta situação: heel turn ou uma paragem por alguns meses. Como a vontade de Vince arriscar estava próxima do zero, só mesmo com uma lesão poderia levar a que esta necessária ausência se concretizasse. Quando voltar Cena, em princípio, terá mais paciência pela parte dos fãs e será uma ótima altura para introduzir algumas mudanças na sua personagem.

A própria WWE, na minha opinião, também terá benefícios, ainda que indiretos, com a lesão de Cena. Como referi atrás, a WWE estava “viciada” na segurança que Cena dava. Quer fosse para criticar, quer fosse para elogiar, a verdade é que o SuperMan não deixava ninguém indiferente e garantia audiências e vendas de produtos. Ora sem inovação não existe evolução e é bom para a WWE ser testada, enfrentar novos desafios e tentar criar novas estrelas “a sério”.

No entanto, ao contrário do que alguns desejariam, esta situação não tem só efeitos positivos. Se o número de verdadeiros main eventers já é reduzido, sem Cena o caso só piora. CM Punk, Daniel Bryan e Randy Orton. Se quisermos ser rigorosos a lista acaba aqui, portanto a ausência de Cena implica, necessariamente, menos star power. Como é óbvio a culpa é da WWE, pois não se soube precaver no passado e deixou este problema arrastar-se até este ponto.

Outro efeito negativo foi a fraca qualidade do Night Of Champions. Teria sido importante a WWE fazer algo em grande no primeiro PPV sem Cena. O PPV, com mais ou menos controvérsia, foi avaliado, pelo público em geral, como dececionante ao contrário do SummerSlam, com Cena no Main Event, que foi muito bom. Reparem, com isto não quero dizer que se Cena tivesse no ativo o NOC teria sido diferente, acredito que não, mas a dúvida ficou a pairar no ar. No primeiro teste falhou-se, essa é a verdade.

Felizmente, ou não, julgo que os aspetos positivos superam os negativos de maneira que estão reunidas todas as condições para atribuir um novo papel a John Cena quando este regressar. Cena não pode ser eternamente “o” campeão da WWE e terá, mais tarde ou mais cedo, que “passar a tocha”. Ora, porque não agora? A WWE tem Bryan e Punk a brilhar como faces e dificilmente terá melhor oportunidade para efetuar a transição. Isto não implica, necessariamente, um heel turn de Cena, pode ser apenas uma nova perspetiva da sua posição no card.

Por aqui me fico e gostava apenas de deixar uma nota de agradecimento à autora do Opinião Feminina, Salgado, que foi de uma valia preciosa para a realização deste texto. Para terminar penso ser interessante saber a tua opinião sobre a ausência do herói mais odiado da WWE. Quais são os aspetos positivos desta ausência? Os negativos? E que papel achas que ele terá quando regressar?

Sobre o Autor

21 Comentários

  1. João Pedro - há 3 anos

    A meu ver, o Cena faz o estereótipo do que a WWE quer.
    O Cena quando ganhou ao JBL era mais ou menos previsível que fosse acontecer (porque uma semana ou 15 dias antes tinha perdido o titulo U.S.A pó Orlando Jordan). Toda a gente adorava o Cena. A questão é: Porquê?
    Porque o Cena era um miúdo em ascensão, tinha um pouco de tudo, quase que diria que era o estilo brawler do Stone Cold com a grande mic skill do The Rock. Mas com a passagem para o Raw a WWE estragou a personagem. Ele deixou de ter uma história envolvente. Era apenas o “rapaz do título”. Isso durante meses e meses a fio desgastou não só os ppv (porque era sempre a mesma coisa) bem como o próprio Cena. O Edge, felizmente, veio mudar esse rumo. E penso que desde essa feud que a WWE abriu os olhos e viu que não podia fazer igual. Mas o mal já estava feito. As pessoas já não conseguiam suportar o Cena e por isso, com a envolvencia do CM Punk, 2012 tornou-se um ano muito bom para o WWE title (a meu ver).
    O The Rock fez muito bem ao Cena porque em 2012, com o grande match The Rock vs Cena e com o CM Punk como um grande WWE champion, devolveu alguma paciência aos antis (eu sou um deles). Em 2013 aconteceu mais ou menos aquilo que toda a gente esperava, The Rock ganhou o titulo para o perder para o Cena e eu penso que o pensamento de toda a gente foi: “lá vem disto outra vez…”.
    Após a lesão e teres comentado o que comentaste (a meu ver, bem), o melhor seria mesmo um heel turn para o Cena. Para já seria algo novo, pois ele nunca o fez, e isso poderia dar ao Cena uma nova personagem que não a “cara da empresa” ou o “menino do titulo”.

  2. cena_vs_rock - há 3 anos

    meu caro joao Pedro tens que ver que um heel turn do john cena o faria perder muitos fas especialmente o publico infantil e o femenino o que representa uma quebra de vendas para a wwe!

    • João Pedro - há 3 anos

      Não tanto pelo publico infantil mas mais pelo feminino, o Randy também virou heel varias vezes e não perdeu muitos fans.
      Sinceramente, se por um lado o publico infantil perderia em termos de vendas, os verdadeiros espectadores (que não são poucos) se calhar iam começar a aderir.

  3. joao b - há 3 anos

    um heel turn no cena é impensavel para a wwe, pois é com cena Face que eles vendem maior parte do marchandising…no dia que ele for heel, as criancinhas deixam de gostar do cena e acabaram-se as grandes vendas. Portanto Cena nunca será heel (infelizmente)

  4. gui - há 3 anos

    concordo e bom texto,e como fã do cena destaco a frase do próprio texto “CENA É,PROVAVELMENTE,O ATLETA MAIS INJUSTIÇADO PELOS FÃS,QUE DE UM MODO GERAL,TÊM DIFICULDADES EM COMPREENDER O SEU PAPEL DENTRO DA COMPANHIA”

  5. Ryback fan - há 3 anos

    “CENA É,PROVAVELMENTE,O ATLETA MAIS INJUSTIÇADO PELOS FÃS,QUE DE UM MODO GERAL,TÊM DIFICULDADES EM COMPREENDER O SEU PAPEL DENTRO DA COMPANHIA” Concordo a 100 por cento. O Cena não é dos que mais gosto, mas também não é preciso estar sempre a criticar o homem.

  6. DinisCMPUNK - há 3 anos

    Um novo artigo no universo,porreiro.
    Gostei.

  7. CmPunk_Cult.Of.Personality - há 3 anos

    Durante muitos anos o Cena foi o meu preferido. Até que comecei a ver a WWE com os olhos que devem ser, ou seja, depois de saber que a WWE é algo combinado, como todos sabemos. Logo, hoje em dia vejo as Superstars de outra maneira.
    A minha opinião quanto a um possível Heel Turn do Cena é: não. Porquê? O Cena é um ídolo para as crianças, mais ainda, um ídolo para as crianças com doenças gravas… Ele é a força delas para sair das doenças. Tudo bem que haja mais gente para fazer o papel dele… mas não é o mesmo, ninguém tem o “estatuto” nos corações das crianças, como ele tem. Ele para mim é o único que não pode mudar. Se ele na vida real não respeita o seu lema da WWE? É outra coisa… é fora da personagem…
    E se o quiserem mudar, tinham de pegar em alguém e torná-lo tal e qual como ele.
    Aspetos positivos da sua ausência? Oportunidade para esta Feud entre o RKO e o DB. Mais tempo de antena para algumas Superstars.
    Negativos: Falta do ídolo das crianças, logo, menos vendas.
    Papel que ele vai ter quando regressar? Espero que entre numa rivalidade com alguém que nunca teve como rival numa feud/ teve uma só vez… por exemplo, Cena vs Bray Wyatt

  8. danielLP21 - há 3 anos

    Acho que o Cena não tem feito falta. Sinceramente, não tenho notado a sua ausência.

    Boa sorte para o novo espaço Tiago.

    • Tibraco - há 3 anos

      Obrigado Daniel.

      Não acho que tenha falta muita falta mas acho que quando regressar pode ser uma mais valia se for bem aproveitado.

      • MicaelDuarte - há 3 anos

        Olha Tiago, falaste no Diabo e parece que tiveste sorte xD

      • Tibraco - há 3 anos

        Mesmo xD Não esperava que isto acontecesse.

  9. "El Pistolero" Luis Suarez - há 3 anos

    Com a ausência dele é que se nota a falta que o Cena faz à wwe!! Nao gosto dele, nunca gostei nem sou admirador da sua qualidade enquanto lutador mas admiro-o imenso como um trabalhador que dá tudo que tem por a companhia.

    Sinceramente nao sei se é a ausência do Cena por si só ou se se deve também em parte às ausências do Sheamus, Y2J, Kane, Rey, Mark ou Christian que sao todos eles superstars que se a wwe quiser representam o papel de main-eventers com maestria mas o que é certo é que se tem notado essa ausencia de superstars de topo na wwe nos ultimos tempos:

    É certo que há Orton, CM Punk, Del Rio, Big Show e RVD mas comparativamente ao que é normal apenas 5 top class num roster tao vasto dá que pensar…

    Por outro lado estas ausencias sao extremamente beneficas para o futuro com as apostas em Daniel Bryan (uma certeza já!!), Ziggler, Cesaro, Cody Rhodes e The Miz que espero que volte ao topo também!

  10. my, myself and i - há 3 anos

    Cena vs alberto del rio pelo world haviweght champion dentro do hell in a cell. foi anunciado pela gm do sd na raw.

  11. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Boa sorte Tiago para o novo espaço

  12. José Sousa - há 3 anos

    Tiago tal como disse o Daniel eu não senti a falta do Cena. Porém se ele voltar para elevar o Damien Sandow ao sofrer o cash-in, ou a ajudar a valorizar o titulo e o Del Rio então não tenho nada contra. Tal como tu, parece-me que ele vai entrar numa fase da carreira, aquela que é uma “lenda” no activo e começa a não ganhar tantos títulos mas a servir para valorizar novos talentos.

    Ah! Já agora excelente début.

    • Tibraco - há 3 anos

      Se for para “ajudar” o Sandow então ainda bem que regressa mais cedo. E o Sandow bem precisa de ajuda. Veremos José, mas gosto de acreditar que o Cena, como apaixonado pelo Wrestling, tem a noção que a sua carreira tem várias fases e talvez este seja uma boa altura para iniciar uma nova etapa.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador