Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Onde Andas Tu? #49 – Katie Lea Burchill/Winter

Na edição passada uma das pessoas pedidas para esta edição foi Beth Phoenix. Infelizmente, por muito bom que seja recordar a carreira da Beth a verdade é que ela retirou-se completamente do wrestling e não está mais activa. Mas durante a época da Beth muitas foram as divas que passaram pela WWE. Entre elas uma destacava-se pelo seu visual e pelas suas capacidades de wrestling, embora nunca tenha sido muito utilizada dentro da divisão. Hoje falamos de Katie Lea Burchill ou Winter, como preferirem.

Katarina Waters, nascida na Alemanha, começou a interessar-se por Wrestling depois de ler um artigo numa revista sobre o main-event da Wrestlemania VI. Depois de ter assentado em Inglaterra aos 18 anos, sempre ficou com a impressão que as companhias de wrestling só exisitam na América ate ter descoberto um anúncio a anunciar um show de wrestling em Londres. Contudo, o que viu desapontou-lhe, visto ser centrado muito no estilo britânico e pouco na vertentne de sports entertainment e deixou a ideia de ser wrestler de lado.

Foi novamente até ver um episódio do The Jerry Springer Show, que ficou novamente ocm o bichinho do wrestling e deicidiu procurar por uma escola. Encontrou a National Wrestling Alliacne (NWA) e começou a sua aventura nestas lides. Treinada por Jon Ryan, adoptou o ring-name de Kat, até ver que já havia outra Kat (na altura na WWF) e mudou o nome para Nikita, também inspirada pela série La Femme Nikita. O  seu debut foi a 2000 num torneio que opôs wrestlers americanas a wrestlers britânicas e que deu o primeiro título a Katie, o NWA Women’s Championship.

Já com a carreira iniciada, mudou-se para a Frontier Wrestling Alliance mas os seus primeiros combates na companhia tiveram más reviews. Para provar que conseguia melhorar, para além de treinar mais começou a participar em combates de tag-team com outros parceiros e até mesmo a ter feuds com wrestlers masculinos, tendo até tido uma streak de vitórias contra vários talentos da companhia. Após ter conquistado o respeito no backstage, Nikita rapidamente tornou-se num sucesso da companhia. Foi integrada numa feud com a stable “The Family” um grupo de heels que tinham tornado-se FWA tag team champions. Depois de Nikita e Alex Shane terem tentado inúmeras vezes a conquista dos títulos, o par juntou-se Ulf Herman e os três começaram uma feud que teve o culminar no evento Frontiers of Honor (evento promovido juntamene com a Ring of Honor). Num hardocore match que opôs as duas equipas, Nikita foi a estrela da noite ao saltar de um andar da arena até ao chão. Ainda hoje este é considerado um dos momentos mais ícones da companhia.

Top 20 Moments of FWA (logo ao início, recomendo mesmo que vejam)

https://www.youtube.com/watch?v=zG7E2u1ILjo

Depois de terminada a feud com a The Family, Nikita tornou-se invencível durante o resto de 2003 e grande parte de 2004. A meio do ano, já tinha vencido a maior parte das estrelas da companhia e foi nessa altura que também deu-se o regresso à Frontiers, uma das veteranas do wrestling feminino britânico: Sweet Saraya (que para quem ainda não sabe é a mãe da Paige). A feud entre as duas infelizmente acabou mal, quando Saraya sem querer lesionou Nikita com Piledriver mal executado. A lesão deixaria Nikita fora de acção durante um ano. No seu regresso à companhia, apesar de algumas vitórias, os seus combates eram cada vez mais esporádicos até ao ano de 2006, onde anunciou a sua saída da FWA devido a ter sido contractada pela WWE.

Depois de se mudar definitivamente para os EUA, mudou rapidamente o seu nome para Katie Lea. Na OVW encontrou pelo caminho wrestlers como ODB, Serena e Beth Phoenix. O título andou sempre na mira das quatro mas em Outubro de 2006, Lea ganharia pela primeira vez o Women’s Championship. Deteria o título durante 212 dias, dando-lhe um dos maiores reinados da OVW.

Já o seu segundo reinado foi mais curto visto que na altura em que era campeã a WWE chamou-a ao main-roster, tirando-lhe o título sem dar muita importância

A sua estreia nos palcos principais da WWE, foi feita ao lado de Paul Burchill e com a ligação veio mais um nome a juntar-se a Katie Lea, ficando conhecida como Katie Lea Burchill. Representando um casal de irmãos, os dois começaram a mostrar sinais de uma gimmick de incesto entre os dois, mas os planos saíram gorados.

Dentro da divisão feminina Katie tinha pouca participação, aparecendo apenas em combates que envolviam lumberjills. Apesar de pertencer à RAW, era mas vista no HEAT, onde se estreou nos ringues contra Super Crazy.

https://www.youtube.com/watch?v=9RvCj6k_R_g

A sua feud mais conhecida foi contra Mickie James, depois de ter confrontado James na RAW a 19 de Maio, insinuando que James teria usado a sua relação com Cena para ser campeã, Lea juntaria forças tanto com Beth Phoenix ou com Burchill, em combates contra Mickie James e Melina ou com Mr. Kennedy.

No PPV Night of Champions teria a sua primeira oportunidade por um título mas o esforço não deu frutos e saiu derrotada.

Mickie James vs Katie Lea

http://www.dailymotion.com/video/x5yv9v

As suas aparições reduziram-se a combates de tag-team com Jillian Hall. Na última RAW do ano teve mais uma oportunidade de lutar pelo título na batte royal feita para determinar a principal candidata, mas esta foi ganha por Melina.

O que viria a estragar a carreira de Kate Lea e qualquer esperança que esta nos pudesse dar grandes combates foi a sua mudança para a ECW e a falta de aposta da WWE na Katei como wrestler. A sua temporada na ECW resumiu-se a perder combates para a Alicia Fox, antes de ser recambiada para o Superstars em combates com as Bellas.  A Janeiro de 2010 mudaria-se de novo para a RAW, mas desta vez sem Paul, visto este ter sido demitido recentemente. O mesmo destino calharia a Katie, sendo despedida a 22 de Abril do mesmo ano.

Depois do despedimento, Katie voltaria ao circuito independente até ter um tryout match para a TNA, perdendo contra Madison Rayne. Mesmo assim, foi reportado em Outubro, que a TNA tinha assinado contracto com a wrestler.

A 21 de Outubro, numa storyline com Angelina Love, esta tinha visões de uma mulher no espelho, de seu nome Winter. Afirmado ser sua fã, e apesar de só Love puder vê-la, Winter apareceria no Impact de 25 de Novembro, marcando o debut de Katie na TNA.

https://www.youtube.com/watch?v=LALyStJcb6w

Estando naquela altura a decorrer o torneio para o coroamento das novas campeãs e tag-team, Winter substituiria Velvet Sky, e formando tag-team com Love, derrotaram Madison Rayne e Tara para ganhar os TNA Knockouts Tag Team Titles.

O reinado como campeã de equipas chegaria ainda a envolver pseudo-celebridades da MTV mas Winter manteve sempre uma feud aberta com Velvet Sky. Contudo, Love e Winter perderiam os títulos para Sarita e Rosita a 13 de Março de 2011, depois de uma interferência de Sky no fim do combate.

https://www.youtube.com/watch?v=DzuxL577MIE

Com os olhos postos no títulos das Knockouts, a 24 de Março, Winter adaptaria uma gimmick mais misteriosa e mística, exercendo controlo sobre Angelina Love. Isto levou a que Angelina começasse a ajudar Winter nos combates, vendendo a ideia de estar enfeitiçada por esta última. A 7 de Agosto, no Hardoce Justice, Winter derrotou Mickie James para ganhar pela primeira vez  o Knockouts Championship.

https://www.youtube.com/watch?v=FYaecw3DJH4

O reinado de Winter durou apenas duas semanas antes de voltar às mãos de Mickie James. Mas a 11 de Setembro voltou a conquistar, tornando-se pela segunda vez campeã. A 16 de Outubro, no Bound for Glory, Winter perde o título para Velvet Sky numa fatal four way, arbitrada por Karen Jarrett.

http://www.dailymotion.com/video/xlqq50

Depois da perda do título, a equipa de Love e Winter envolveria-se com ODB e Eric Young mas saiu derrotada. Depois da separação, Winter sairia da TNA.

Paralelamente à sua estadia na TNA (e depois da sua saída), Winter manteve-se nas indies. A 25 de Fevereiro de 2011, Katie Waters faria o seu debut na World Independent Ladies Division e em Agosto conquistaria o WILD World Championship.

Winter vs Terra Calaway:

https://www.youtube.com/watch?v=khe2b8v3X6k

Waters também teve a sua passagem pela FWE (Family Wrestling Entertainment) ao derrotar Rosita, Christy Hemme e Jackie Haas em vários combates. No PPV FWE No Limits, derrotaria Brooke Tessmacher no primeiro round para coroar a primeira campeã feminina da promoção.

Winter vs Brooke:

https://www.youtube.com/watch?v=wo0vVq8HQbw

Contudo a primeira campeã seria Maria Kanellis embora o seu reinado não tenha durado muito, perdendo o título para Winter:

https://www.youtube.com/watch?v=M6Ef07AhqfI

https://www.youtube.com/watch?v=Ewvc16paJOI

A primeira defesa de Winter deu-se a 28 de Abril de 2012, contra Melina e com Lita como árbitra especial mas Winder saiu vitoriosa.

Winter vs Melina:

https://www.youtube.com/watch?v=9pzWx8GdiqI

Mais tarde Maria convocaria o seu rematch e em Julho, Kanellis tornou-se duas vezes campeã da FWE, reinado que ainda hoje mantêm.

Maria vs Winter:

https://www.youtube.com/watch?v=jhnUAHhD1jw

Para além do Wrestling, Katarina, que estudou Cinema, enveredou pela carreira de actriz e até teve um papel secundário numa série transmitida via web chamada Tinker, interpretando as personagens Eldine Herzhaft & Verdalet Merewood.

Numa altura em que a divisão feminina importava pouco para a WWE, é de lamentar o pouco uso que teve Katie, tal como Serena, foi mais relegada ao papel de valet, quando tinha capacidades para muito mais. Mesmo sendo mais usada na TNA, o booking também não foi o melhor e não lhe foi proporcionado grandes reinados. Nas indies, ainda vai mostrando o que vale até ao dia em que se retirar.

Espero que tenham gostado e não se esqueçam de comentar!

Sobre o Autor

- Escritora do artigo "Onde andas tu?" Fã de Wrestling desde 2005.

16 Comentários

  1. reigns one versus all - há 2 anos

    Excelente artigo,Mafi.
    Nao conhecia esta wrestler,pelo que dizes tinha muito talento mas não foi aproveitado,típico da WWE.
    Não teve uma carreira por ai alem podia ter sido mais aproveitada.

    • Mafi - há 2 anos

      Obrigada :D
      Sim tem mesmo muito talento e não ser aproveitada na WWE não me admira mas a na TNA também não deu tudo o que tinha…

  2. Anónimo - há 2 anos

    Boa escolha, é sempre bom rever a Katie. Eu não percebo como uma mulher linda e que sabe lutar e falar acaba por ser desperdiçada desta maneira, mas enfim, é a WWE, nada de novo (a Terryn Terell lá provou que afinal é wrestler, por exemplo). Mas mais espantoso ainda é que nem a TNA a aproveitou. Gostava mais dela na TNA devido aquele estilo mais gótico que me põe maluco. (Eu é só cenas maradas lol). Como dizes e bem no fim, tal com a Serena…Um mulher linda, sabe falar, sabe lutar, mas ninguém a quer aproveitar na TV, vá-se lá entender esta gente…
    Só um aparte, todos falam da suposta storyline de incesto e até dizem que mostraram sinais. Eu nunca vi qualquer sinal que pudesse demonstrar algum sinal de relação incestuosa. Ou sou muito distraído ou anda por aí uma interpretação demasiado alargada de incesto ou eu não percebo nada disso. Até já li os Maias como toda a gente.
    Bom, para a semana Maven ou Trevor Murdoch.

    • Don_Ricardo_Corleone - há 2 anos

      O anónimo sou eu. Enganei-me.

      • Mafi - há 2 anos

        Obrigada padrinho :)
        A Katie e a Serena foram dois casos que…enfim fiquei sempre confusa como não eram aproveitadas. Especialmente a Serena que tinha um look para lá de brutal e era mesmo uma boa wrestler.
        Ah mas percebia-se bem, até os comentadores evidenciavam isso, os olhares, os toques…acho que via-se que havia ali qualquer coisa.
        Obrigada pelas sugestões ;)

  3. Sorlei Rui Oltramari - há 2 anos

    Mais um ótimo artigo, Mafi!

    Até hoje, não entendo por que a WWE desperdiça atletas como essa. Katie já havia provado seu valor e mostrou que poderia revitalizar a divisão das divas, mas foi usada de maneira ridícula pela WWE, que se acostumou a tratar suas atletas assim. Quanto a seu tempo na TNA, não acompanhei e por isso não tenho muito a dizer.

    Se você quiser alguma sugestão, eu lhe sugiro Dean Malenko ou Blue Meanie.

    • Mafi - há 2 anos

      Obrigada :D
      Pois que a WWE não usou-a da melhor maneira já nós sabemos como é, mas olha que a TNA tmb podia ter feito mais, mas o booking daquela época – apesar dos bons combates – não era assim tão bom, o título parecia uma batata quente a passar de mãos em mãos..
      Obrigada pelas sugestões :)

  4. Tunes9 - há 2 anos

    Excelente artigo como costume, gosto bastante desta rubrica.

    Eu até gostava da Katie Lea na WWE e via potencial nela, além de ter uma beleza diferente e única também tinha carisma à sua maneira e no ringue tinha condições para melhorar mas foi muito mal aproveitada pela WWE e acabou por cair na insignificância com pena minha, eu que nem sou espectador assíduo da TNA houve uma altura em que via todas as semanas e por coincidência foi na altura da estreia da Winter e primeiros tempos de carreira e gostei dessa sua faceta e esteve muito bem e mostrou mais uma vez o seu talento e sem duvida que na WWE podia ter tido mais sorte, também basta olhar para Gail Kim, Tiffany, Brooke Tessmacher, entre outras, que são outros exemplos de má gestão da WWE porque na TNA são top pelo seu talento e evoluíram bastante, fico satisfeito e contente que a Katie Lea esteja nas Indys e espero que continue a fazer o que gosta e tenha sucesso.

    Bom trabalho Mafi. :-)

    • Mafi - há 2 anos

      Obrigada Tunes :D
      Mesmo assim e repito-me acho que podia ter tido melhores reinados na TNA, foi campeã por pouco tempo. Mas sim foi mais utilizada lá, a TNA dá valor às atletas femininas! Merecia estar mais acima das indys mas infelizmente é o que tem por agora.. :/
      Obrigada mais uma vez ;)

  5. valde - há 2 anos

    viu, sera que vocês consegui achar achar alguma coisa sobre o wrestler brasileiro kafu, a ultima coisa que vi sobre ele estava lutando em portugal

  6. Kauê Souza - há 2 anos

    Bom artigo, vocês bem que poderiam fazer assim, uma semana Superstars e outra Divas =D

    • Mafi - há 2 anos

      Olha não era mau pensado o problema é que muitas das Divas ou Knockouts quando saem das empresas grandes, reformam-se :/

      • Kauê Souza - há 2 anos

        Entendo, mas tem muitas que estão seguindo outros rumos, como Maryse que tem uma loja de joias, e é corretoras de imóveis ;)

  7. Sonic3452 - há 2 anos

    Obrigado por lembrar de minha sugestão e belo artigo :D

  8. Edson - há 2 anos

    nossa gostaria de ver um onde andas tu ASHLEY MASSARO tudo bem k ela ñ e uma boa wrestler + pra min foi a q teve a melhor historia…e foi por causa dela que sou vidrado em luta livre vi no sbt a luta dela contra melina no wrestlemania 23 foi a primeira luta que vi na vida ae fui atras de sabe + mas num sei do q e feito dela hj :(

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador