Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Opinião Feminina #45 – Twin Magic

Por acaso, eles não são gémeos. Nem de perto, nem de longe. Mas neste momento, a rivalidade entre ambos baseia-se no facto de um, se andar a fazer passar por outro. Confuso, mas no fundo bem que as Bellas se podiam queixar de estar a ser copiadas, se virmos bem algumas coisas que eles fizeram. O primeiro de todos, a verdadeira dor de cabeça da WWE e do nosso novo COO, é Místico.

Desde que se estreou, Místico só deu trabalho. As falhas na Raw, que levaram a que fosse mudado para a SmackDown, não ter conseguido trabalhar com os lutadores, levando a que um deles dissesse “Basta!” (Chavo), a sua incapacidade em relação à língua inglesa, a infracção na Wellness Policy, as entrevistas dadas posteriormente… Ou seja, se não fosse pelo investimento feito desde início e de ser protegido por Triple H, não sei se Místico se tinha aguentado como empregado da WWE. E que grande investimento, a sua apresentação foi numa conferência de imprensa com toda a pompa e circunstância com direito a discurso.

Logo, apesar dos fãs mais novos chamarem por ele e comprarem a sua máscara, ele não estava a corresponder às expectativas. Bem vistas as coisas, a culpa não foi só dele. Terem posto um lutador que estava habituado a um estilo e a um ambiente completamente diferente, directamente na televisão sem ter passado um período decente de tempo na FCW, foi estupidez.

Resumindo, ambas as partes cometeram erros. E apesar da WWE não ter tentado remediar isto além do mandar para a Smackdown, Mistico tem talento. E com o esforço que empregaram nele, só é justo se o fizerem render. Da parte dele, acho que era crucial que ele começasse a treinar umas falas. Expressar-se fisicamente não está mal, mas não nos podemos esquecer que ele não se pode basear nisso para construir uma rivalidade com quem quer que seja. Principalmente, na condição dele de mascarado. Ir para a FCW embora fosse uma boa ideia, já não vai acontecer, por isso mais vale ele tentar evoluir a cada evento que faz.

Depois de Místico ir cumprir o seu castigo, Sín Cara continuou a aparecer. Mas personificado por Hunico.

No início achei mal. Não por tentarem continuar a personagem, não por achar que iam despedir Mistico pelo seu erro (algo que nunca acreditei), mas sim porque achei injusto Hunico só ter recebido esta oportunidade graças ao erro de outrem. Sabe-se lá quantos mais adversários Mistico iria enfrentar, como Sín Cara, até ponderarem trazer Hunico.

E se virmos bem as coisas, a situação em que Hunico estava era complicada. Se ele não provasse que conseguia ser Sín Cara, se não correspondesse às expectativas, poderiam simplesmente mandá-lo de volta para a FCW e fingir que ele nunca tinha sido Sín Cara, isto quando Místico voltasse, claro.

Todavia, felizmente, esse não foi o caso. Hunico conseguiu fazer esta tarefa. Honestamente, toda a gente sabia que aquele não era o Sín Cara original. Toda a gente via as diferenças, físicas e dentro do ringue. Mas a WWE é perita em ignorar o que lhe convém se necessário, por isso apesar de a início estar reticente em relação à situação de Hunico, felizmente, isso não se verificou. E gostaria que no futuro Hunico ficasse. Ele tem feito por merecer o seu lugar, e fala! O que já é um grande avanço em relação a Místico.

No seu tempo como Sín Cara, Hunico não teve rivalidades nem momentos de grande relevo. Pulava de adversário em adversário, tal como Místico. No entanto, surpreendentemente, Hunico fez um heel-turn que pode ser entendido como um indicador que o verdadeiro Sín Cara estava perto de regressar e que talvez uma rivalidade nascesse. Afinal, é o fim que faz sentido quando se tem dois lutadores para a mesma personagem.

Na edição da Smackdown de 16 de Setembro de 2011, Místico regressou. Após Hunico ter feito o heel-turn, estava a agredir a sua primeira vítima, Daniel Bryan, quando Místico apareceu para salvar a situação e do nada, tínhamos dois Sín Caras. Nos seguintes eventos, tivemos oportunidade de ver Hunico a imitar as Bellas, ao interferir nos combates do seu falso gémeo, por motivos diferentes, claro.

Esta história que estamos a ver, não é nova, já aconteceu no passado, mas cada vez mais se torna difícil inovar. Contudo, isso não significa que seja má, ou que se deva rejeitar à partida.

Esta rivalidade, e a série de combates que daqui pode ser extraída, possui os seus benefícios e os seus perigos. Vamos ter combates interessantes, com um ritmo diferente ao que estamos habituados. Olhando para o card do Hell in a Cell, onde vamos ter dois combates dentro das jaulas, é bom ter algo menos pesado no card, por assim dizer.

O perigo destes combates, são as falhas que podem ocorrer, principalmente porque vai ser em directo logo muito dificilmente conseguirão disfarçar algo. Acho que mesmo apoiando-se num repertório high-flyer, eles não deveriam apoiar-se unicamente nisso, e tentar variar.

Uma das coisas que notei, é que nós em casa, com a possibilidade de parar o vídeo e ver melhor, conseguimos distingui-los. Mas não podemos dizer o mesmo das pessoas que estão na arena. De todas as pessoas, incluindo as que estão lá mesmo ao fundo. E isso reflectia-se na sua reacção. Depois de Hunico fazer o heel-turn e de começarem a aparecer ambos, a audiência não sabia se deveria apoiar, se deveria apupar. Só quando aparecia o segundo e eles ficavam a tentar conquistar o público, é que conseguiam obter alguma reacção da multidão.

Nessa altura, eu achava uma mudança de cor num dos fatos, necessária. Compreendi porque não o fizeram logo, afinal, queriam aproveitar a oportunidade para “confundir” os árbitros e criar mais razões que justifiquem esta rivalidade. Porém, notava-se que o público presente precisava disso. Eu tenho as minhas próprias preferências para as cores que eles deveriam usar, para mim seria o típico branco/preto. Seria algo já visto, mas com uma carga simbólica bastante mais forte, e visto que Místico já usou um fato branco no MITB, mantenho a esperança que o possam repetir hoje. Em relação ao fato preto que Hunico usa, não está mau, mas eu tirava-lhe o vermelho e punha a máscara mais baça. Percebo que possa ajudar com as luzes e com os efeitos ele ser brilhante, mas não fica bem numa personagem que é suposto ser maléfica, por assim dizer.

Pela forma como esta rivalidade foi construída, acho que seria decepcionante se produzisse só dois ou três combates. Gostaria que daqui saísse uma rivalidade longa e bem construída. Algo que valhesse a pena e marcasse o ano de 2011 na carreira destes dois senhores. Estrearem-se na televisão, na WWE, não é suficiente. Primeiro, porque é a primeira vez que veremos ambos em tais circunstâncias, afinal eles passaram o tempo todo a saltar de adversário em adversário, sem rumo. E segundo, porque isso poderia significar mais promos, mesmo que fosse com outras línguas pelo meio. O Wrestling Profissional, e neste caso, a WWE, é variado linguisticamente. Logo, mais vale falar e não se entender que não falar de todo. Aliás, se falarem noutra língua, são distinguidos dos outros. As pessoas reconhecem-nos. E não são pioneiros neste campo, por isso é desnecessário e pouco inteligente criticá-los, se o fizerem. A entoação que se usa, aliada a algumas palavras-chave que não lhes custava nada decorar e andar a treinar pelos corredores, poderia fazer maravilhas, afinal as expectativas para as promos deles não são elevadas, logo não deve ser muito difícil surpreender.

Penso que esta rivalidade vai acabar com um combate Máscara vs Máscara, e se tal se confirmar, gostaria que fosse num evento significativo e com história, por exemplo o Survivor Series, que é o próximo dos quatro grandes. No Royal Rumble, qualquer combate é ofuscado pelo Royal Rumble Match, por isso não só não acredito que a WWE arrastasse isto até ao Rumble, como também não acho que fosse inteligente.

Para o combate no Hell in a Cell, acho que vai ganhar o Sìn Cara azul, logo o Místico. Hunico ficará com ainda mais motivos para ir atrás dele, logo não ficará descredibilizado, e o Místico precisa de se afirmar como alguém que merece ser copiado.

Não tenho as expectativas muito elevadas, mas acredito que possa sair algo bom daqui. Pode-se dizer que estou cautelosa em relação à forma como a WWE constrói isto, e como eles se vão entender um com o outro. A verdade é que ambos precisam disto. Para impressionar e convencer o público. Rey Mysterio vai deixar um grande legado para eles tentarem, não substituir, mas seguir como exemplo, para poderem escrever o seu nome na história.

Por esta semana é tudo, bom PPV e até para a semana!

Sobre o Autor

- Administradora. Publico parte das notícias, faço a gestão da League, dos Passatempos e ainda sou escritora do artigo “Opinião Feminina”.

6 Comentários

  1. EddyParera - há 5 anos

    Gostei deste artigo, e concordo em quase tudo… esta situação é só parecida à das Bellas, porque as Bellas fazem o Twin magic para garantirem a vitoria, aqui, o “Twin Magic” deles é sem o Mystico contar, aumentando a rivalidade…

  2. Flavio Bruniera - há 5 anos

    Vai ser um bom combate, com certeza, mas será HiaC Match?
    E gostaria de ver uma grande feud, e depois disso, quando começar o desgaste, seria interessante começar alguma coisa para eles virarem uma tag-team, mas isso mbeeem lá na frente.

    • Chazz_Princeton - há 5 anos

      Não vai ser HiaC… apenas os combates pelos títulos principais são desse formato.

      Vê-los aos dois como Tag Team nem soa mal, mas por enquanto esta feud entre os dois Sin Caras beneficiam a toda a gente, aos dois, porque têm oportunidade de provar aquilo que são realmente capazes, aos fãs, porque vêem combates estonteantes e incríveis (espero eu) e à WWE, porque entra dinheiro… mas também espero que não arrastem esta feud até 2012, já seria exagero, penso eu…

      • Flavio Bruniera - há 5 anos

        Isso mesmo Chazz! Legal, não sabia que só title-matches eram HiaC, aprendi mais uma. Quanto à tag-team, é bem isso. Com certeza eles explorarão o máximo possível, fazendo até quem sabe tag-team matches com eles em lados opostos. A tag dos dois seria realmente quando se esgotasse a fórmula, que tem muito a ser vista!

  3. Ao inicio quando soube que Sín Cara ia regressar com Hunico como interprete não gostei muito da ideia porque sim Hunico merecia um lugar na WWE mas não a substituir outro merecia ter a sua propria identidade.

    Mas quando começaram a sair as notícias de uma possivel feud entre Sín Caras começou agradar-me muito mais isto então quando Sín Cara F. fez o turn ai tive a certeza que ia haver feud entre Sín Caras e que o original estava perto de regressar.

    Agora estou bastante contente com esta feud e curioso para ver como sera os combates entre ambos e é uma excelente oportunidade para Mistico limpar a sua imagem inicial.

    Espero que tenha uma feud com uma duração razoavel e bem construída e que no fim disto tudo Mistico limpe a sua imagem e que Hunico continue no plantel principal, porque se á lutador na FCW que gostava de ver no plantel principal esse era Hunico e é verdade que não era justo ele vir só para fazer este papel actual.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador