Pensamentos #101 – Temas da Actualidade

Antes de começarmos, volto a falar do mesmo assunto: Combates de anões. Como é que é possivel que três anões no ringue, dois lutadores e um árbitro, três anões na mesa de comentários e um anão como announcer, consigam dar um combate melhor que muitos combates dos lutadores normais? Sim, eu admito, a nivel técnico, o combate foi estúpido, mas a nivel de entretenimento, foi das melhores coisinhas que a WWE fez nos últimos tempos. Reduziu o tamanho de tudo, escadotes, cadeiras e mesas e criou um momento único, que apesar de ser apenas achincalhamento, serviu para arrancar palmas e risos ao público. Aprendam aspirantes a promotores, é assim que se aquece um público para um PPV.

E defender o titulo?

Neste momento, Dean Ambrose detem o United States Champioship há 352 dias. Ambrose está a sensivelmente 10 dias de ser campeão há 1 ano, coisa que muito poucos lutadores conseguem. Apenas 6 lutadores conseguiram ser campeões dos Estados Unidos durante 1 ano ou mais. Dean Ambrose é neste momento o 8º lutador com maior reinado de sempre, estando a alguns dias de chegar ao 7º posto, ocupado por Chris Benoit, sendo que Ambrose apenas tem um reinado, enquanto Benoit tem 5.

O que é que isto quer dizer? Que Dean Ambrose é um excelente lutador, que possui o Titulo dos USA na sua posse porque é um excelente campeão e que tem todas as credenciais para carregar o titulo durante o tempo que quer, certo? Errado. Durante estes mais de 300 dias, se Dean Ambrose defendeu o seu titulo 10 vezes, foi muito. A culpa é sua? Claro que não, afinal, ele anda demasiado ocupado com a globalidade a que chamam The Shield para se importar em defender o titulo e mais para mais, quem “programa” defesas de titulos não é ele, ou seja, não está no seu poder decidir quando defende o titulo.

Ora bem, o facto de Ambrose ainda ser campeão é bom. O titulo está relativamente bem entregue, num lutador sólido, que consegue ter bons combates individuais…Mas…Está a descredibilizar o titulo. É facto consumado que Ambrose sabe carregar um titulo, mas a situação há muito que se tornou ridicula. Um campeão não pode estar tanto tempo sem defender o titulo, muito menos, um dos titulos do Mid-Card. E é esse mesmo Mid-Card que está com falta de um titulo, titulo esse que está refém na cintura de Ambrose. Da maneira como as histórias estão a ser escritas, não vejo muitas maneiras da situação mudar. Ambrose continua nas histórias principais como membro dos The Shield e não parece que num futuro próximo perca o titulo. A única maneira possivel é que Ambrose perca o titulo, neste caso para um Heel. Não faz sentido continuar com o titulo preso, com muita e boa gente a precisar dele.

wyatt family

A forma como a Wyatt Family está a entrar na cabeça do Cena é fantástica. Usar o miúdos contra Cena é de uma imaginação e originalidades miticas. Primeiro de tudo, ao usarem os putos contra o Cena, estao a admitir aquilo que há anos a IWC diz: Grande parte dos fãs de Cena são crianças. Segundo, colarem essas mesmas crianças a um louco como Bray Wyatt é completamente surreal, mas ao mesmo tempo, revela a força com que a Wyatt Family entrou na WWE e se está a cimentar na empresa. O que fica na retina é o jogo psicológico usado por Bray, na tentativa bem sucedida de, pela primeira vez na carreira dele, levar Cena a um estado de loucura e medo, de ver que Bray tem realmente o mundo nas mãos e que consegue arrastar qualquer pessoa para dentro do seu mundo, incluindo os fãs de Cena.

Vendo de uma perspectiva “de fora”, esta é uma das melhores storylines actualmente na WWE, pois além de englobar trabalho dentro do ringue, excelente de ambas as partes diga-se de passaem, o trabalho realizado fora do ringue tem sido dos melhores de sempre. Eu não sei como é que esta história vai terminar, mas adorava ver o pai de Cena participar na história e estar do lado da Wyatt Family. Seria uma grande estocada em Cena e uma manobra perfeita para terminar a rivalidade, com um combate final entre os dois.

É verdade, vocês sabiam que o cliente do Paul Heyman, Brock Lesnar, conquistou a Streak do Undertaker na Wrestlemania?

Uma coisa que eu tenho reparado, e gostado, na WWE da actualidade, é a forma como a empresa consegue promover um monstro Heel. No Extreme Rules, a WWE decidiu que a melhor maneira de promover Rusev, seria usar Vladmiri Putin, presidente da Rússia e considerado por estes dias uma persona non grata nos Estados Unidos. Ora, numa era PG, usar uma manobra destas para sacar Heat para Rusev é extremamente arriscado, mas igualmente bem sucedido. Por norma, a xenofobia é algo de que a WWE sempre tirou partido. Parte do sucesso de Hulk Hogan deveu-se ao facto de este andar a defender o nome da América contra Estrangeiros e isso benefecio-o imenso, como todos sabemos. Essa maneira de promover Rusev está a resultar, pois este é visto como um verdadeiro monstro Heel, ao contrário de alguns nos últimos tempos (cof cof Tensai cof cof).

Alexender Rusev tem tudo (a Lana também tem tudo) para ter sucesso como Heel nos próximos tempos. Se a WWE não o estragar como já fez a milhentos Heel’s ao longo dos anos, poderemos estar a olhar para o próximo Umaga, um lutador implacavel e sanguinário, que não se importa com mais nada a não ser destruir e dizimar o seu adversário. Vá lá WWE, não façam asneiras desta vez.

“My Client Brock Lesnar conquered the Streak”

theshield

Fico extremamente satisfeito por ver que os Evolution não estão a colocar os seus egos à frente das rivalidades e estão a permitir aos The Shield brilharem. Apesar de a afirmação “O tempo deles já passou” não ser totalmente verdadeira, principalmente em relação a Randy Orton, o facto é que nenhum dos 3 membros dos Evolution precisa de destaque nesta rivalidade. O destaque, como tem sido, tem de ser dado aos The Shield, afinal, eles é que são o futura da empresa. Eu podia dizer que eles estão a preparar os três para o futuro, mas o facto é que os The Shield estão prontos para o estrelato há muito tempo. Roman Reigns nem tem sido o maior ponto de destaque, porque Seth Rollins decidiu-se a fazer spots loucos e atirar-se de sitios altos, mas mesmo assim, Reigns está cada vez mais a assumir-se como a futura cara da WWE.

Randy Orton, Batista e Triple H são três grande veteranos. Os três conquistaram 31 titulos Mundiais e têm todo o poder para decidir o que quer que seja na WWE. Mas mais cedo ou mais tarde, vão ter de parar. Triple H vai tomar conta da WWE, Batista vai-se reformar brevemente e Randy Orton tem outras coisas com que se preocupar do que com rivalidades de Stables. The Shield são o futuro e esse futuro é agora.

….knock knock….Who’s there?…Mike…Mike Who?….Mikelient Brock Lesnar conquered the streak….

See you next week, here on WPT

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Pensamentos”.

8 Comentários

  1. RicardinhoO - há 3 anos

    Tá certo. Escrevo um texto sobre o Ambrose e ele perde o titulo.

    Isto é uma cavala montada contra mim.

    • Flávio Bruniera - há 3 anos

      Você disse que ele perderia o título para um heel. A mim, parece que Sheamus fará um heel turn. Por favor, diga quem vence o Mundial no Brasil e mais seis números, de 1 a 60, por favor!

      • Yan Pinheiro - há 3 anos

        Eu posso te responder quem vai ganhar o Mundial no Brasil

      • John_3:16 - há 3 anos

        Flávio mas não é preciso ser grande bruxo para prever mais ou menos que o Brasil é o grande favorite :)

    • danielLP21 - há 3 anos

      Assunto resolvido… E nem sequer perdeu o título para um “heel”. Não acertas uma! Pareces o Manuel Serrão lol

  2. zackryderfan - há 3 anos

    lol essa ultima piada

  3. CashDaniel's - há 3 anos

    Bom, o Ambrose perdeu o U.S Championship, infelizmente, mas foi para um grande lutador, acho que o Sheamus fará um heel turn e talvez tenha rivalidade com o Ambrose.

    Mas essa piadinha ai no final foi sensacional, li com a voz do Paul Heyman

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador