Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Pensamentos #106 – Future Endeavored

Ora bom, a WWE há coisa de duas semanas decidiu despedir 11 elementos do seu roster. 8 lutadores, 1 Divas, um GM e um árbitro. Ora, eu decidi esperar algum tempo até abordar este assunto, para ver se a empresa ia despedir mais gente. Não aconteceu, ou melhor, aconteceu mas foi um Writter, pouco relevante. Bem, hoje decidi abordar o assunto e um por um (menos o árbitro) explicar o que achei dos despedimentos. Falo um pouco do assunto e depois dou um veredicto.

Aksana

aksana

Fiquei um pouco “desiludido” pelo seu despedimento. Fisicamente, ela é uma das minhas Divas favoritas (aquele rabo mata-me). Aksana já estava na empresa desde 2009, levando já 5 anos de empresa, tendo passado pelo território de desenvolvimento, estreando-se depois em televisão no NXT, onde competiu por um lugar no Main-Roster (kayfabe). Depois lá lhe arranjaram lugar e ela ficou na empresa até há bem pouco tempo.

Apesar de não ser nenhuma prodigio no ringue, Aksana também não era assim tão má como a pintavam e principalmente, como a WWE a pintou e a avaliou para de seguida despedi-la. Dentro do roster das Divas, existem lutadoras muito, mas muito piores, que por muito que me tentem convencer que elas vão dar alguma coisa, eu não acredito, casos de Eva Marie e JoJo. Então a Eva Marie é um caso absolutamente perdido. Das duas, uma: Ou ela está em personagem ou é mesmo uma tapada que não entende nada de nada. Pelo menos a Aksana foi evoluindo ao longo dos anos, não muito, mas mostrou melhoramentos.

Tenho pena de ela ser despedida. Se fosse na Attitude Era, não duvidem que ela teria grande destaque. Com o corpo que tem, aquele sotaque e aqueles olhos, bastava umas aulinhas extra de acting e teriamos uma Diva/Manager de topo. Ainda assim, Aksana ainda tem 32 anos, é nova e pode ter novas oportunidades fora do mundo do wrestling.

Veredicto: Bem Despedida

Teddy Long

teddylong

Este não foi bem um despedimento, foi mais um acordo mútuo entre empresa e empregado e percebe-se porquê. Teddy estreou-se na lides do wrestling em 1985, está no ramo há 29 anos. É muito tempo. 3 décadas na estrada, fora de casa, sem ver a familia, etc. Ainda para mais, Teddy já não vai para novo. Aos 66 anos, Teddy entendeu que esta seria a altura certa para se retirar e viver uma reforma que não deve ser assim tão baixa (29 anos devem ter dado para um belo pé de meia). Outro factor pode ter sido a falta de ideias para a sua personagem, que já passou por tanta coisa, que deve ser dificil arranjar coisas inovadoras para lhe dar.

Apesar de não ser propriamente um fã do mesmo, gosto do Teddy Long, principalmente porque ele fez parte da minha infância, quando comecei a ver wrestling, em 2006. Na altura, eu via religiosamente a SmackDown, onde ele era o GM e era uma parte extremamente activa da brand e que aparecia quase todas as semanas em TV. Nessa altura ainda não haviam os “Tag Team Matches, playa” nem os “One on One with di Andateika”, isso só veio mais tarde. Mas o facto é que Teddy foi durante muitos anos, um simbolo da SmackDown, que vai fazer alguma falta quando quiserem encher chouriços com um GM.

Veredicto: Decisão Mútua, por isso, Bem Despedido.

Brodus Clay

brodus clay

Ora bem, um gajo claramente acima do peso, com a alcunha “Funkasaurus”, com uma música que diz “Somebody call my Momma” e com uma roupa que revelava demasiado. Tem tudo para ser um sucesso, right? Não. Tinha tudo para ser uma bela porcaria, que foi o que verdadeiramente se passou. Começou mal, com a sua estreia adiada semana após semana e com todos na expectativa de (mais) um monstro destruidor, que ia vence tudo e todos e no fim, vem um gajo obeso que dança. Tinha tudo para correr mal e correu. Correu e de que maneira…

Só com uma mudança radical de personagem é que Brodus Clay teria algum sucesso, mas para mudar, só mesmo para melhor e não me parece que Brodus tenha assim tanto talento para encarnar qualquer personagem assim do nada, facilmente. Ainda por cima, hoje em dia, é preciso ter-se muita imaginação para arranjar uma personagem que não seja repetitiva e ao mesmo tempo, que venda.

Veredicto: Já vai tarde.

Yoshi Tatsu

yoshitatsu

Outro que nunca daria nada e isso estava mais do que assente desde que ele se estreou. Noutros tempos, em que a WWE tinha a sua Cruserweight Division, talvez Tatsu tivesse algum destaque, pois está na cara que Tatsu daria um excelente Meio-Pesado Face. Seria uma nova versão do Funaki (eu podia dizer uma nova versão do Tajiri, mas o Tajiri é algo completamente diferente).

Com 36 anos e sem qualquer tipo de rumo, a única vantagem de ele continuar na empresa seria como embaixador da WWE no Japão ou algo do género. Mas é para isso que existem outros representantes, como as WWE Legends.

Veredicto: Com 8 anos de empresa, Tatsu já lá estava com 7 anos a mais. You’re Fireeeeed

Evan Bourne

evanbourne

Ironia ao mais alto nivel

Esta não percebi. Evan é ainda extremamente jovem, tem um grande passados na empresas independentes e principalmente, tem aquele “It Factor” que me fazia lembrar o Jeff Hardy. Evan não tem medo de nada e de um momento para o outro, sacava uma manobra completamente louca, um SSP de um escadote ou algo do género. Mesmo sendo bastante frágil, o que leva que muitas lesões, não encontro grandes razões para o seu despedimento.

A única razão pela qual eu acredito que ele tenha sido despedido seria o seu grande historial de suspensões (se fosse apanhado mais uma vez, era despedido) e o facto de Evan não se importar muito com o facto de ser apanhado e ser um compulsivo fumador de Marijuana. Mas o problema nem está na erva, está nas outras coisas, que o levaram a ser suspenso duas vezes.

Veredicto: Na minha opinião, mal despedido. Mesmo com o seu historial, Bourne seria útil, nem que seja para atrair mais miudagem, numa espécie de Rey Mysterio americano.

Jinder Mahal

mahal

Nunca percebi o que raio a WWE viu no Jinder Mahal. Ele é aquele tipo de lutadores a que eu gosto de chamar “Base Gamers”. O Jinder Mahal é aquele bonequinho que aparece no ecrã dos jogos da WWE, quando queremos criar uma nova personagem e o jogo nos dá um boneco base, para depois mudarmos a nosso gosto. O Jinder Mahal é esse Lutador Base. Não tem nada de especial, nada mesmo. Estreou-se com o Khali (essa lenda) numa rivaldiade entre Indianos e depois disso, só apareceu novamente nos 3MB, que eram engraçados, mas igualmente fraquinhos.

Jinder Mahal não tinha futuro na WWE. Nem presente, quanto mais futuro. Ou mudava radicalmente ou mudava radicalmente. A WWE foi pela 3ª opção e mandou-lhe um pontapé no cu.

Veredicto: Ainda lá estava?

Drew McIntyre

drew

O segundo despedimento que mais me chocou, mas que ao mesmo tempo não me admirou. Chocou-me porque não estava mesmo há espera que Drew fosse despedido. Nem sequer fez muito sentido. Mas ao mesmo tempo, foi algo que levou a um pensamento de “Olha, lá foi ele. Nada que surpreenda”. E isto porquê? Porque desde que Drew deixou de ser o Chosen One, que a sua posição na wWE caiu imenso. O seu talento sempre foi extremamente mal aproveitado. Drew é um lutador extremamente talentoso, que como muitos ao longo dos anos, viu o seu talento preso nas amarras de storylines estúpidas, numa empresa que não sabe valorizar os talentos que tem nas mãos.

Drew, para ter algum destaque, teria de sair dos 3MB. Dis 3 membros, Drew era aquele que não merecia fazer aquelas figuras de urso que a tantas vezes foi sujeito. Drew merecia uma personagem melhorada e sólida, que lhe permitisse ao mesmo tempo ser sério e engraçado. Uma espécie de Shawn Michaels dos tempos modernos.

Veredicto: Demissão desnecessária e sem fundamento.

Curt Hawkins

hawkins

Esta foi a demisão que mais me chocou. Apesar de nunca ter tido uma grande oportunidade de se mostrar, Curt Hawkins tem um talento inacreditável. Ou eu sou muito cego ou andam todos cegos. Curt Hawkins, com uma personagem que lhe ajustasse e com liberdade dentro do ringue, podia chegar a nivel de campeão mundial. Mas facilmente e sem rodeios. Hawkins tem um carisma fantástico e uma facilidade de trabalhar incrivel. E foi transformado num mero Jobber. Hawkins tem muito mais, mas muito mais talento que Zack Ryder, mas de longe.

Dentro da WWE, Hawkins era muito bem visto, apesar de não ser regular em TV e muitas pessoas ficaram surpreendidas com o seu despedimento, como eu fiquei. E se dúvidas restavam, um dia depois de ser despedido, já Hawkins estava a lutar na Jersey Championship Wrestling e 10 dias mais tarde, na Beyond Wrestling. Ainda nesse dia, Hawkins foi anunciado como um participante no PPV Pro Wrestling Guerrilla Battle of Los Angeles.

Veredicto: Uma grande perda para a WWE. Apesar de eles não se aperceberem disso…

Camacho

Veredicto: Ele fez alguma coisa na empresa?

JTG

jtg

Fiquei chateado. A lenda do JTG ainda ter emprego era já uma das mais engraçadas histórias da Internet. A carreira de JTG na WWE durou 7 anos, 30 dias, 0 horas, 25 minutos e 12 segundos. Imaginem o que é estarem 7 anos na WWE e nos últimos 3 ou 4, serem pagos para estarem de cu sentado no sofá. É bom ou não? Receber um salário razoavel, não ter despesas de deslocação ou tê-las meia dúzas de dias por mês e ainda ter prémios de merchandise e outras coisas. Emprego de sonho. Eu quero ter um emprego destes. E por isso fiquei chateado pelo JTG ser despedido. Queria vê-lo continuar na WWE, como se a empresa se tivesse esquecido dele.

A nivel de futuro, JTG não ia fazer nada de especial ou mesmo nada. Estava fora dos ringues há não sei quanto tempo. O despedimento era uma questão de tempo:

Veredicto: http://www.lolwrestling.com/how-long-has-jtg-been-employed

Bom e é basicamente isto. Eu sei que muitos de vós não concordam com a minha visão, mas é para isso que cá estamos não é mesmo, para discutirmos todo e qualquer assunto relacionado com o mundo do Rassling, certo? Certo, por isso, toca a comentar e a dizer o que vocÊs acharam destes despedimentos por parte da WWE.

See you next week, here on WPT

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Pensamentos”.

21 Comentários

  1. John_3:16 - há 2 anos

    Gostei do que escreveste, la esta so fiquei mesmo com pena do teddy e do Mcyntire.

  2. zackryderfan - há 2 anos

    Os Despedimentos que mais me puseram triste foram o do Hawkins e do McIntyre, Mas fico contente pelo Hawkins ao mesmo tempo pois tava a ser muito mal aproveitado e agora nas indys vai ter a sua verdadeira oportunidade de se mostrar e a WWE vai se arrepender

  3. PedroSWWE - há 2 anos

    Bom artigo!
    Alguns despedimentos eram esperados, outros não, mas realmente, Camacho e JTG, já não apareciam em televisão à quanto tempo?
    A única coisa que me lembro do Camacho, era quando ele levava Hunico até ao ringue, naquela bicicleta.

  4. Vitor Oliveira - há 2 anos

    Acho que o Curt Hawkins e o Zack Ryder fariam uma boa Tag Team; já o McIntyre tem potencial de main event, mas infelizmente estava perdido no roster

  5. Braian - há 2 anos

    Achei falta de consideração com o Camacho. Ele andava de bike no roster principal e era um grande wrestler no NXT.

  6. simaomatos12 - há 2 anos

    já vai fazer combates na PWG, nada mau, agora podia ir dar uma ajuda na ROH.

  7. Cenasuck - há 2 anos

    O JTG e o Shad vão para a TNA! Vão voltar os Crime Tyme :)

  8. Leonardo Orçay - há 2 anos

    Cara, parei de acompanhar WWE desde que despediram meu lutador favorito Lucky Cannon, cuja melhor strolyne do Yoshi foi com ele. O que acontece é que os caras que fazem o ponto de criatividade junto com o Vince, não sabem diferenciar talento de bons segmentos. Lucky Cannon tinha tudo para ser o melhor heel dentro da WWE, ninguem chegaria perto dele nem John Cena, mais babaram tudo. Se tu pega a NXT Antiga, eles deram destaque para o Titus que hoje é um joober de merda e só tá lá porque o vince gosta dele. Agora os caras me despedem o Drew por exemplo, cara talentoso pacas, assim como o Curt, e introduzem personagens toscos como Adam Rose, e colocam Swagger de joober? É pra ver como a equipe criativa é um lixo..

    DA LISH

  9. Tunes9 - há 2 anos

    Bom artigo, bastante interessante e necessário, Parabéns! RicardinhoO. :-)

    Não gostei de algumas partes como:

    “Fiquei um pouco “desiludido” pelo seu despedimento. Fisicamente, ela é
    uma das minhas Divas favoritas (aquele rabo mata-me).”

    Na minha opinião, falo por mim também, um verdadeiro fã de Wrestling, neste
    caso WWE, não quer saber disso para nada, para ver mulheres bonitas e sensuais
    há outros sites, é só procurar ou outros desportos ou algo do género, no
    Wrestling se não há talento não há futuro, e a Aksana nunca foi aproveitada, o
    seu carisma não era nada de especial, dentro do ringue safava-se, mas também
    nada de extraordinário e a sua “gimmick” era uma anedota, acho que a
    WWE tomou a decisão acertada, concordo no que disseste dos seus atributos
    físicos, sem duvida, e não me leves a mal, mas isso não é o mais importante
    nesta industria.

    —————————————-

    De resto, até concordo com o que disseste dos outros.

    “”””””””””””””

    Para mim, fiquei desiludido com os despedimentos do Drew McIntyre e do Evan
    Bourne, do próprio Curt Hawkins.

    O Drew é muito talentoso, tem boas ring-skills, tem carisma, tem boas
    mic-skills, tem presença e o seu sotaque dá-lhe um ar “badass”, acho que é
    completo, mas perdeu-se, concordo com o que o Y2J disse, ele com um fato e
    gravata, como heel, e com o booking ideal podia facilmente ser um Main-Eventer,
    mas eu acho que foi mais devido a problemas entre e a empresa que o seu push
    foi “por água a baixo”, depois foi para os 3MB e nunca mais conseguiu entrar
    nos eixos, é uma pena, espero que tenha sucesso;

    – O Evan Bourne tinha tudo para ser um “High-flyer” interessante e popular, mas
    depois fez o que não devia e ainda conseguiu ter um acidente, estragou tudo e a
    WWE acabou por despedi-lo, a culpa foi toda dele e não há muito mais a dizer;

    – O Curt Hawkins podia ser aproveitado e juntar-se ao Zack Ryder como Tag Team,
    com uma mudança de “gimmick” de ambos e um push e podiam ser uma Tag Team
    interessante, mas não aconteceu.

    —————————————-

    De resto, não vou sentir muita falta dos outros, há alguns com talento, mas já
    estavam a mais no roster e nem aproveitados eram, tinha que ser e há que
    aceitar e seguir em frente.

    Bom trabalho. :-)

  10. THE_WOLVERINE - há 2 anos

    Curt Hawkins é um grande lutador, mas NUNCA que ele tem carisma de sobra, já Camacho ele vinha desenvolvendo no NXT coisa que vc saberia se caso acompanhasse a mesma ¬¬

  11. Hildo - há 2 anos

    Bom artigo, dos que mais me surpreenderam foi a demissão da Aksana, como você mesmo disse apesar de não ser uma maravilha do ringue ela teve alguma evolução…. tem divas bem piores, coo a Rosa mendes que só foi salva pelo Total Divas, e até a Cameron….

  12. TittyMaster - há 2 anos

    Bom Artigo.
    Tive pena do despedimento do Drew, pois ele tinha muito mais para dar.
    Quanto aos outros não me parece que se vá sentir a sua falta ou por não andarem a ser utilizados ou por nao terem deixado a sua marca durante a sua passagem na companhia.

  13. BNB - há 2 anos

    Aksana – Tambem nao gostei nem concordei. Sou da opiniao que as Divas querem-se bonitas e talentosas (podendo claro haver uma ou outra excepção caso o talento da mesma o justifique!!) e Aksana nao sendo um prodigio servia perfeitamente e como foi muito bem dito é infinitamente superior a Jojo e a Eva Marie.

    Teddy – Entende-se os motivos e compreende-se concordo e foi uma excelente solução. Mas acho que ele ainda daria jeito neste momento nem que fosse para manager do Big E até caía bem.

    Brodus Clay – Adorei esta! Foi dos personagens mais insoportaveis do wrestling de sempre para mim. Odiava-o mesmo! Nao vou falar que ele nao teria tido sucesso com outra gimmick mas nao me parece que ele merecesse tal oportunidade pois nunca vi nada de especial nele.

    Tatsu – Outro que nao tinha qualquer futuro. Nao se destacava em nada e estava tao descridibilizado que so servia mesmo para jobber sendo daqueles superstars quase impossiveis de tornar relevantes.

    Evan – Foi o despedimento que me deixou mais chocado!! Ele era um high flyer extremamente talentoso e tinha todas as condições para singrar com conquistas no midcard e na divisão de tag team.

    Jinder Mahal – Relativamente a este nao me parece que o homem fosse assim tao mal como nao me parece que fosse assim tao bom. Por mim aceitava-se e nao fosse esta gimmick dos 3MB até poderia continuar pois encarnava a personagem de um Indiano e tal e nao havia outro na wwe. Servia a meu ver.

    Drew – Já estava à espera. Até nos propios 3MB sempre foi evidente que “o mais valorizado” era o Slather e que a wwe desistiu completamente do Drew. De facto nao fiquei chocado porque era muito dificil recuperar a credibilidade do Drew depois dos 3MB!!

    Hawkins – Nunca pude tirar uma analise tao pormenorizada dele e como tal nao vou entrar em grandes pormenores. A mim nao me faz diferença, aliás era daqueles superstar que me deixava indiferente talvez por nunca ter tido oportunidades de se mostrar mas o que é certo é que a mim nao me vai fazer falta nenhuma.

    JTG – Acho que a unica forma de o salvar era mesmo voltar o parceiro dele e voltarem à tag team porque a solo ele era completamente insignificante e minha aposta constante para primeira eliminação do Royal Rumble xD

  14. Malco Canedo - há 2 anos

    Excelente artigo, principalmente quando você falou da Aksana, xD.

    As demissões que eu senti foram as do Bourne e do McIntyre, mas o Hawkins e o Camacho também me surpreenderam um pouco, e fiquei um pouco triste pelo Teddy Long ter saído, no more Tag Team Matches, Playa.
    O resto para mim, não importou muito de ter sido mandado fora.
    P.S: Jinder Mahal: “A WWE foi pela 3ª opção e mandou-lhe um pontapé no cu.” ahahahaha, podiam ter aproveitado e mandado o Khali embora também.

  15. Control - há 2 anos

    Bom artigo,concordo com a sua opinião eu via no Drew um grande talento como todos veem não assistia muita coisa do Hawkins lá ou cá na NXT.Você levantou a questão sobre Eva Maria e sim é mesmo uma tapada que não entende nada de nada..

  16. Allweneedislove - há 2 anos

    O Camacho andava pelo NXT a perder combates.

  17. DeVille - há 2 anos

    Drew, Evan e Curt foram mal despedidos. Mas por um lado é bom: poderemos ver esses três fazendo lutas mais decente em outras empresas. O resto realmente já estava passando da hora. Sem bem que pra mim tanto faz, eu nem vejo assisto a WWE mesmo…

  18. Conspo - há 2 anos

    Concordo com tudo o que disseste excetuando a parte sobre o Swagger. Quando o Swagger for despedido eu vou festejar mais do que quando o Brodus foi.

    • Leonardo Orçay - há 2 anos

      Eu acho que Swagger é um bom lutador e ainda poderá ter momentos de glória, apesar que o move set dele é bem fraco comparado aos outros, acho que o powerbomb dele é um finisher melhor que o angle lock. Porém nao consigo aceitar o que fizeram com o Lucky……

      DA LISH

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador