Pensamentos #112 – Grumpy Wrestlers Are Grumpy

Aqui há uns tempos, a personalidade de Bully Ray foi discutida aqui no site. Chegou-se à conclusão que Bully era uma pessoa amarga e revoltada, sem ninguém saber bem porquê. Ora, isso fez-me pensar no assunto. Porque não fazer um pequeno top dos lutadores ou personalidades do wrestling que mais mostram um comportamento excêntrico e/ou amargo? Este top é composto por apenas 6 pessoas, porque é complicado avaliar outros. Estes foram rankeados por pesquisa de histórias, videos e livros que descrevem os seus comportamentos dentro e fora dos ringues.

6 – Vince McMahon

Começamos com alguém que não é wrestler, mas que nem por isso deixa de ser alguém que se irrita facilmente e que é um maníaco do trabalho. Vince trabalha incontáveis horas por dia. É o primeiro a chegar e o último a sair. Há muitos anos. Vince leva a sua vida com uma única exclusividade: a WWE. A empresa que ele construiu é tudo para ele. Consome-o 24 horas por dia. Vince não tem qualquer vida social. Se lhe perguntarem se viu o Titanic, ele vai certamente dizer que não. O homem mal dorme. Tudo tem de estar segundo ele deseja.

Esta vida tornou Vince num homem extremamente irritável e que se passa facilmente. Vince começa a praguejar sempre que solta um espirro, pois na sua mente deprava, ele nunca pode estar doente. Os seus já famosos “God Dammit” ouvem-se com regularidade nos bastidores da empresa e as suas reuniões são completamente assombrosas. A saber: Não se pode comer nem beber, não se pode espirrar ou tossir e não se pode usar termos da IWC. Caso contrário, caldo entornado.

Um dos melhores episódios aconteceu com Vince Russo. Numa reunião de produção, Russo encontrava-se bastante doente e estava cabisbaixo. Vince notou e perguntou-lhe de imediato “What the hell is wrong with you, dammit?”. Russo respondeu que estava doente e Vince ripostou “Doente? Ninguém aqui pode estar doente”.

5 – CM Punk

O nosso querido e estimado Punk, que neste momento se encontra no sofá da sua mansão de Chicago a ler isto, pode ser considerado como um dos wrestlers mais mal dispostos de sempre. O facto de Punk não ter grandes distracções além do wrestling, da vida na estrada, das constantes lesões e de Punk ser vegetariano (não come carne, o que dificulta na gestão do esforço físico) tornaram Punk numa pessoa azeda e irritadiça.

Nos bastidores, Punk comporta-se de maneira mal-disposta, reclamando de tudo, pondo em causa algumas decisões e irrita-se por se lesionar demasiado. Uma das razões mais fortes pode ser o facto de Punk sofrer de insónias crónicas. Punk já admitiu que pouco ou nada dorme e a falta de sono provoca irritação nas pessoas.

Segundo alguns colegas que trabalhavam com ele, Punk sempre reagiu mal as lesões e numa ocasião terá mesmo discutido com um treinador pelo facto de ser sempre ele a tratá-lo, sem que o médico tenha feito nada de mal.

4 – Brock Lesnar

Lesnar nunca foi alguém com que fosse fácil lidar. Desde a sua primeira run na WWE que ficou provado que Lesnar era alguém que gostava de arranjar atritos. Em 2004, Lesnar avisou a empresa que ia sair. Simplesmente que ia sair. Este aviso deu-se algumas semanas antes da Wrestlemania 20, com Lesnar em plena feud com Goldberg, outro que ia sair da empresa, assim como The Rock. Uma pessoa com quem Lesnar tem uma má relação é com Undertaker. Aquele famoso video onde os dois se confrontam num evento de UFC e que Taker lhe diz “You wa’nna do it?” deu-se devido ao facto de Taker ter sempre acredito no talento de Lesnar e este virou-lhe as costas para ir para o futebol americano.

Além de algum azedume com os colegas, Lesnar não se dá propriamente bem com os fãs. Ainda há pouco tempo, uma fã pediu uma foto a Lesnar no aeroporto e este simplesmente ingnorou o pedido. Com a insistência da fã, Lesnar simplesmente respondeu “Não” e virou costas. Virar costas a alguém que lhe “paga o salário” não é propriamente uma grande atitude, ainda para mais tendo em conta que Lesnar sempre se cagou para a WWE, preferindo ir para o futebol americano primeiro e para a UFC depois. Lesnar luta pelo dinheiro e nada mais.

3 – Scott Steiner

Aceitar um teste de drogas se o Triple H também aceitasse, agredir um funcionário de uma empresa de transportes, entrar numa rivalidade na vida real com DDP, shoots não planeados, agredir um técnico de emergência médica, arranjar barulho num avião, discutir com membros do roster da WCW, insultos á TNA, processos a Hogan e Bischoff e processos á TNA por dinheiro em atraso.

Steiner é um verdadeiro Loose Cannon. Ninguém é capaz de controlar a sua veia negra, muito menos o próprio. Steiner sempre foi visto como alguém com quem é muito dificil trabalhar, pois encontra-se sempre mal disposto e pronto para arranjar confrontos com quem quer que seja. Além disso, as acusações de abuso de esteróides já foram muitas vezes associadas ao seu comportamento animal dentro e fora dos ringues. As suas lendárias promos são um verdadeiro must-see, mas depois de lermos certas coisas, só podemos olhar para Steiner e pensar que ele está completamente drogado.

2 – New Jack

Se cortar uma artéria na testa de um wrestler para o fazer sangrar não chega, se arranjar lutas nos balneários não chega, se sacar de uma faca e começar a dar-lhe facadas em todo o corpo para se vingar dele não chega, se agredir brutalmente um colega durante um discussão de bastidores não chega, então não estamos a falar de New Jack.

O Ex-ECW é considerado por muitos fãs e peritos como o pior wrestler de sempre. Aliás, muitos nem sequer o consideram um wrestler. O seu trabalho em ringue é péssimo e este apenas ganhou fama pelo seu estilo demasiado hardcore para muitas promoções, mas que viam neste estilo um chamariz para os fãs. New Jack é um drogado assumido e vinga-se de alguém á minima coisa. Se um wrestler aplicar uma manobra mais dura a New Jack, no minuto seguinte está a levar uma carga de porrada. Porquê? Porque sim, porque ele é o New Jack.

Felizmente esta amostra de lutador retirou-se dos ringues, o que me leva a crer que não vão haver mais facas nas empresas independentes. O mesmo já não se pode dizer das pessoas que passem por ele na rua. Cuidado, muito cuidado….

1 – Bully Ray

Que me caia um balde de água gelada em cima se Mark LoMonaco não é o wrestler mais mal disposto, azedo, renegado e revoltado da história do wrestling profissional. Os seus encontros com fãs, normalmente, correm muito mal. As fotos tiradas mostram sempre um Bully com uma cara que diz tudo. Autógrafos? Claro que sim. Assinar e atira o papel á pessoa. Falar com fãs? Óbvio. “Eu por acaso tenho boa pessoa escrito na testa? É que se tenho, diz-me para eu apagar”.

Imensos ex-colegas já admitiram em numerosas shoots que Bully é mesmo isso, um bully que gosta de marginalizar os outros e que odeia o mundo. O seu próprio parceiro, Devon, admitiu que Bully é uma pessoa extremamente difícil de criar laços: “O Bully é um idiota e ele vai ser o primeiro a dizer-te isso mesmo. Ele diz-te que odeia as pessoas e que é um verdadeiro idiota. Ele não se dá com ninguém. É muito dificil lidar com ele. Quando ele quer, consegue ser a pior pessoa do mundo”.

Será que a Velvet Sky gosta de ser maltratada?

E chegamos assim ao fim de mais um Pensamento. Queria apenas dizer que ando há muito tempo afastado da WWE, o que não me permite escrever sobre o que se passa, pois apenas acompanho por entre linhas. Este “blackout” iria terminar esta semana, mas depois do que se passou no Lesnar/Cena do SummerSlam, este blackout vai continuar durante mais tempo. E com isto vos deixo.

See you next week, here on WPT

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Pensamentos”.

6 Comentários

  1. DX Rules - há 2 anos

    Bom artigo de partir a rir e com factos interessantes. Sobreo black out para mim devias ver apenas a porrada do ME do SS e o main-event desta RAW. São coisas que não se esquecem xD

  2. Tunes9 - há 2 anos

    Excelente artigo, desconhecia alguns destes factos e curiosidades e foi interessante ler, muito bom RicardinhoO.

    É um top mau demais, escolheste muito bem, melhor era impossível e já deu para ver quem são os Wrestlers (se é que podemos chamar isso a alguns deles) mais azedos do Wrestling, fiquei a saber mais.

    Quero destacar o New Jack pela negativa, depois de ler o que escreveste sobre ele e ver o video do Mass Transit Incident e do combate contra o Gipsy Joe, nem sei o que dizer, não consigo sentir gosto pelo Wrestling (aquilo nem é Wrestling), mas revolta sim pela aquelas acções e nojo também, aquilo é ir longe demais e não tem nada de fixe, pelo contrário, fazer um corte daqueles a um jovem inexperiente (mesmo que tenha mentido sobre a idade, não se faz aquilo a ninguém) e depois agredir um homem de idade daquela maneira, já nem falo das facadas no video que mostraste, é patético, até queria ver se ele enfrentasse um Brock Lesnar ou assim e lhe tentasse agredir desta maneira, levava logo a beating of a lifetime, não gostei dele, enfim.

    Depois os outros são mais conhecidos, o Punk e o Vince dão se bem com os fãs, apenas na carreira profissional são azedos, são casos diferentes, e o Bully Ray e o Scott Steiner são más pessoas (simplesmente) e depois o Lesnar teve uma má atitude com a rapariga que apenas queria um autografo, mas a própria Sable se estava a borrifar, mas pronto não quiseram, estão no seu direito, mas, pelo menos, não insultaram ninguém, nem atacaram ninguém, aceita-se.

    Bom trabalho. :-)

  3. filipe - há 2 anos

    sempre li e ouvi k lesnar e taker tinham uma boa relaçao… foi dito k no fim da streak lesnar disse obrigado a taker. Nesse pto axo k tas enganado

  4. rodrigomcb99 - há 2 anos

    Excelente artigo!!!

  5. Iago_Awesome - há 2 anos

    Bom artigo, sempre é bom conhecer novas histórias!

  6. danielLP21 - há 2 anos

    Artigo baseado em “diz que disse”… Não gostei… Sabemos lá por que razões eles são amargos, nem temos nada a ver com isso…

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador