Pensamentos #99 – Temas da Actualidade

Esta semana decidi voltar um pouco ao RicardinhoO que tenta ser engraçado mas não tem graça nenhuma, para descortinar alguns temas da actualidade da WWE. Hoje, vamos falar de meia dúzia de temas que assombram a maior empresa do mundo.

Porquê pegar em dois anões e colocá-los frente a frente num combate? Pior, Porquê pegar em dois anões, colocá-los frente a frente num combate e eles conseguirem ter um combate melhor do que muitos de Divas e de Lower-Card? Porquê? Não faço ideia, mas que resultou melhor do que esperávamos, resultou.

wooglevstorito

Antes de entrar no assunto propriamente dito, queria só esclarecer aqui um ponto: Numa companhia de wrestling como a WWE ou mesmo a TNA, nem sempre os lutadores que têm gimmicks parvas, são aqueles que menos sabem lutar. Tanto o Hornswoogle, como El Torito têm passado Indy, onde em vez de andarem a fazer palhaçadas, lutavam. Mas existem muitos mais exemplos, como Santino Marella, que é o palhaço de serviço da WWE e é um dos melhores lutadores da empresa, segundo muitos ex-companheiros. Este parágrafo surge apenas na sequência das criticas que vi na Internet ao facto dos anões terem tido espaço na SmackDown e terem deixado outros de fora. Ninguém avisou que a vida era justa, filhos.

evolution2014

Então os Evolution estão de volta, desta vez sem Ric Flair ( e ainda bem, diga-se de passagem). Nesta nova versão, os Evolution são compostos por um quase-veterano Randy Orton, por um semi-retirado Triple H e por um quase-velhote Batista. Por incrivel que pareça, Batista e Hunter tem quase a mesma idade, mas o Batista parece muito mais velho e cansado. Adiante, eles estão de volta e em rivalidade com os novos bonzinhos da companhia, The Shield. Sem dúvida nenhuma que esta rivalidade favorece os jovens, afinal, estes estão a começar a carreira e nesta altura, precisam de trabalhar com gente que os possa ajudar a brilhar ainda mais e nada melhor que uma grande rivalidade com três veteranos da WWE, que já foram o grupo mais dominador da Raw, entre 2003 e 2005. Sem dúvida que um Six Man Tag Match vai ser um combate bom, mas gostava de ver os três elementos de cada lado em combates individuais, com Roman Reigns a enfrentar Batista, Seth Rollins a enfrentar Randy Orton e Dean “Titty Master” Ambrose vs Triple H. Seria mais uma boa maneira de podermos ver o que o futuro reserva aos The Shield quando eles seguirem os seus caminhos individualmente.

É impressão minha ou depois da Wrestlemania, o Daniel Bryan ainda não tem rivalidade totalmente definida e foi mandado para o banco? Bryan venceu na Wrestlemania, continuou a sua rivalidade com os Evolution e agora segue-se o quê? Uma rivalidade com Kane? Será que é mesmo a melhor solução? Colocar Kane com a Superstar mais over do momento e WWE World Champion? Sinceramente, mas isto sou eu, não acho que seja a rivalidade mais atractiva em termos de ratings, até porque parece-me que a WWE resolveu a dar a prenda aos fãs na Wrestlemania, com a conquista de Bryan e partir daí, resolveu mandar Bryan de volta para aquilo que gosto de chamar “Secundary Position”. Então o homem vence dois combates na Wrestlemania, vence o Main-Event, conquista o WWE World Heavyweight Championship e depois é presenteado com uma rivalidade com Kane e provavelmente um combate no Extreme Rules, que nem será o Main-Event? Eu sei que esta cena do ego de Triple H está muito batida, mas não vos parece que depois da Mania, os Evolution tomaram conta do Main-Event, relegando Bryan para uma posição mais atrás? Talvez seja por causa do seu casamento com Brie e para lhe dar uma pausa, mas eu defendo que o campeão Mundial deve estar sempre, tirando casos raros, no Main-Event dos PPV’s.

Como um grande fã dele, tenho toda a liberdade de dizer isto: O atrasado do CM Punk continua escondido e não se vê hora para ele voltar e já começa a fazer figura de urso. Desculpa lá Punk, eu até percebo o teu lado: Andas a esfolar-te durante anos, fazes muito pela empresa e não te dão o devido valor. Parece assim, mas não é. Tiveste um reinado de mais de um ano, já foste campeão uma mão cheia de vezes, já lideraste o top das vendas de merchandise e os fãs estão quase sempre contigo. SUPOSTAMENTE, ficas-te chateado porque não querias um combate com Triple H na Wrestlemania e achavas que merecias melhor do que isso. Mas nestas circunstâncias, não haveria muito mais para te dar, afinal, existe sempre uma altura onde até as maiores estrelas ficam mais abaixo na hierarquia. Basta ver o John Cena, que várias vezes por ano tem rivalidades com gajos do Lower-Card ou do Mid-Card, ele que é a maior estrela da companhia. Ouve Punk, vão existir sempre alturas que as coisas não vão estar como tu queres e com o teu feitio, não é dificil as coisas não estarem como tu queres. Mas tens de engolir muita coisa, como muitos fazem e dar graças por seres uma das maiores estrelas da companhia. Agora, birras não te favorecem nada, porque vais ficar conhecido como aquele que pegou na bola e foi para casa, porque estava chateado e normalmente quem fica conhecido assim não tem grande futuro…Fazes muita falta na companhia e espero bem que voltes o mais depressa possivel.

Fiquei maravilhado com a estreia da minha musa, a linda, a fantástica, a incrivel Paige. Mas atenção, fiquei maravilhado por ela se ter estreado e ganho o titulo, mas não da forma como aconteceu. Paige sempre foi a Diva mais dominante do NXT, era egocêntrica até e estreiam-na como uma menina cheia de dúvidas em si mesma, que parecia até que tinha medo de lutar, que parecia assustada com o facto de estar na Raw? Sim, é normal que quem se estreie não tenha um impacto assim tão grande, mas a estreia de Paige foi como se um Juvenil se estreasse num jogo de futebol. A estreia devia ter sido feita, não com medo, mas com confiança, a desafiar AJ Lee, a usar algum trash talk sobre ser a concorrência que AJ precisa. Isso sim seria uma estreia. Vamos lá apostar em condições na menina, que ela é o futuro.

Para terminar esta tortura de crónica, gostava de abordar um assunto que é pouco discutido: o Total Divas. Eu confesso, vi alguns episódios do show e estou em condições de garantir que é uma estupidez. Além de expor alguns segredos do wrestling, mostra lutadores e divas de uma forma totalmente diferente ao que se vê nos shows semanais e eu acho isso extremamente prejudicial. Além disso, o tema central de grande parte das conversas é só um: Sexo. Para quê estar a tocar em certos assuntos, em mostrar as Superstars como elas não são, se nos shows semanais fazem exactamente o contrário? E ainda se queixam quando os lutadores tiram fotos com ex-lutadores e falam do Benoit. Por amor de Deus, temos a Natalya a falar de posições sexuais e o Cena é mostrado como o melhor amigo do Bryan. Totalmente ridiculo. Acabem lá com isso, por favor…

See you next week, for the 100 Pensamentos

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Pensamentos”.

5 Comentários

  1. Tunes9 - há 3 anos

    Excelente artigo, com temas interessantes, Parabéns! RicardinhoO. :-)

    – Quanto ao Hornswoggle e o El Torito, já deu para ver que eles têm “ring-skills” e sabem lutar, até pode ser uma feud interessante e engraçada, até gostei do combate, às vezes é preciso inovar e fazer coisas novas e foi diferente, não acho que tenha sido uma má ideia, mas se fizessem uma feud mais séria e deixassem que eles lutassem o que sabem num combate, acredito que nos surpreendessem, vamos ver.

    – Os Evolution regressaram e bem, o Orton está no auge, o HHH ainda está bem e o Batista está a melhor a sua condição física, basta ver o 1º combate dele quando regresso e este último com o Sheamus, está melhor, os Evolution foram o grupo mais dominador entre 2003 e 2005 e acho que os The Shield só têm a ganhar com esta feud, até por que acredito que vençam e saiam por cima na feud, só vão sair credibilizados e até lá podemos desfrutar desta feud que tem tudo para ser interessante, esses combates singles entre os membros dos grupos, seriam excelentes, gostava de ver.
    Quanto ao Bryan, também me parece que lhe foi dado um “papel secundário”, depois de fazer o que fez na WM XXX, ele merecia ter mais destaque e o combate no “Main-Event” do Extreme Rules, não me parece que o Kane seja o adversário ideal, mas agora que está furioso e com outra atitude e que regressou com a mascara, pode ser que nos surpreenda, mas concordo contigo, só não penso que seja pelo ego do HHH, ele que perder na WM XXX com o Bryan e foi humilhado no Main-Event do mesmo evento, inclusive noutras RAW´s.

    – O Punk era dos meus lutadores preferidos, mas não gostei desta atitude dele e acho que não ganha nada com ela, para além de não receber dinheiro, deixou de fazer o que gosta e só está a fazer figura de parvo, ele merecia mais respeito e destaque, mas ir assim embora não resolve nada, o próprio John Cena tem sido utilizado em feuds de mid-card e com jovens talentos, a WWE acabou por dar destaque ao Bryan e o próprio titulo, portanto acho que o Punk deveria considerar e regressar para lutar pelo seu espaço e ter o destaque que merece.

    – Quanto à Paige, como tu, também sou grande fan dela, é a minha “Diva” preferida, subscrevo os elogios que lhe deste, mas também concordo contigo que a sua estreia foi estranha, ela era uma “anti-Diva” e a mulher mais dominador e agressiva do NXT, não tinha medo de ninguém, nem de nada e estava sempre pronta e confiante para um desafio, até tinha alguma arrogância, depois chega à RAW e parece uma menina e uma “Diva” como outra qualquer, dar os Parabéns à AJ??? levar um estalo e não reagir com agressividade??? dizer que não está pronta para enfrentar a AJ, ainda por cima pelo titulo??? não ter insultado e humilhado a AJ??? são coisas disparatadas da WWE e que em nada favorecem a Paige, mas, pelo menos, venceu e conquistou o titulo.
    Nos próprios combate da Paige, tenho notado algum fair-play a mais e noto que começa sempre a perder e levar e depois dá a volta, parece uma “babyface”, não estou a gostar da maneira que a WWE está a gerir a personagem, não tem nada a ver com a maneira como a Paige era na NXT, a própria roupa passou de preto para roxo, daqui a pouco está em azul ou verde e pintam o cabelo de castanho ou loiro, como fan, espero que a WWE considere e comece a utilizar a Paige como a “Anti-Diva” dominadora e agressiva que ela é, não é uma “face”, nem uma “heel”, simplesmente não precisa de fans e não quer saber de meninas, de Divas e de faces, é assim que ela é, não tem amigas, a personagem tem que voltar a ser o que era, se não vão estragar tudo que foi feito e vão desperdiçar o talento, qualidade e potencial que ela tem, vamos esperar para ver.

    – Quanto ao “TotalDivas”, confesso que vejo regularmente, até é engraçado, mas concordo contigo que traz temas e discussões que não interessam à WWE, estraga um pouco este desporto, acho que deviam acabar com o programa e concentrar mais esforços na própria empresa que é o mais importante e o que nós realmente queremos ver e temos interesse, sem duvida, acabem com isso.

  2. Don_Ricardo_Corleone - há 3 anos

    Calma com o Daniel Bryan. Eles quiseram fazer o face turn aos Shield na mesma altura e por isso voltaram com os Evolution, o que ocupa o ex-campeão e o outro participante no triple threat. Já li noticias que davam conta da saida do Batista após o Extreme Rules o que poderá ter qualquer coisa a ver. Até lá o Bryan enfrenta o Kane que sempre o impedio de conquistar o titulo, por isso faz todo o sentido. Depois o Orton regressará à caça do titulo. Por mim, estão a ir bem. E quem disse que o combate do titulo não será o main event?
    Quanto ao combate dos anões, casos como o destes dois e do Khali, na sua nova posição, dá-me sempre algum desconforto pois faz lembrar o circo no século XIX e inicio do século XX em que os gigantes, os anões e os deficientes eram atracções apenas por esse facto. Parece estarem a gozar com os anões, basta ver que um deles se veste de boi…Só por isso acho isto um disparate completo.
    Estreia a conquistar o titulo é um disparate.

  3. TheJohnX - há 3 anos

    Queriam o Bryan campeão aí o têm agora não se queixem se houver um combate ainda melhor mas querem ou bom combate ou só o Bryan?

  4. Bill Rods - há 3 anos

    Bom artigo, meu caro! A tua escrita é agradavelmente orgânica, sem grandes papas na língua!

    Concordo contigo em tudo, especialmente na parte em que dizes que o Punk já começa a “fazer figura de urso”. Eu próprio também sou um grande fã dele. Aliás, ele é o meu wrestler predilecto. Mas, visto que as coisas até tiveram um rumo diferente na WM, talvez fosse altura de ele voltar a casa, se bem que eu acho que o orgulho dele o anda a manter escondido em Chicago…

    Quanto ao Bryan, acho que há que dar tempo ao tempo. Não é por não ser o main-event de um PPV que a coisa se há de estragar (a não ser que o booking fique podre, obviamente…), o Punk que o diga, com os seus três ou quatro main-events de PPV durante o seu reinado.
    Pode ser que ele e o Kane saquem qualquer coisa da cartola e façam desta “feud” algo bastante bom, porque, no fundo, o Kane é o Kane, um veterano, não é um qualquer!

    “Total Divas”… Hmm… Eu poderia ser hipócrita e dizer que isso é uma valente bosta, e que, quem vê isso, não deve ser bom da cabeça. Contudo, vou ser honesto e vou dizer que é, realmente, uma valente bosta, que vi os episódios todos até hoje e que eu não devo mesmo a andar a bater bem da tola (matem-me…), e que aquelas “Divas” de divas não têm nada. Acho que a designação delas tem mais a ver com lacticínios e pastoreio, mas isso é apenas a minha opinião…

    Ah, e venha daí a 100ª edição, RicardinhoO!

  5. danielLP21 - há 3 anos

    Finalmente, alguém concorda comigo em relação aos combates dos anões.

    Gostei do artigo.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador