Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Perguntas e Respostas #170

Sejam bem-vindos a mais uma contribuição minha ao Perguntas e Respostas. Tal como das outras vezes, escolhi as questões que considerei serem mais pertinentes e as que possuem as respostas mais interessantes. Aqui estão as vossas respostas!

RFBM: “Salgado, com os rumores que apontam para o último combate da carreira do Taker na Mania 32, na tua opinião, qual seria o melhor adversário para ele?”

Embora se tenha falado durante muito tempo que Undertaker estava apenas à espera da Wrestlemania em Dallas, Texas, para se reformar, já se anda a dizer que é possível que ele continue a lutar depois da Wrestlemania 32. Resumindo, a duração da carreira de Undertaker é uma incógnita.

Na minha opinião, o maior adversário que Undertaker tinha para enfrentar era John Cena. Ora, esse combate era um dos maiores combates que a WWE tinha, antes do fim da Streak. Colocar o invencível John Cena contra outro lutador conhecido pela sua invencibilidade era uma ideia, a meu ver, brilhante.

Outro combate que vários fãs sugeriram em 2013, quando se tornou óbvio que John Cena iria enfrentar The Rock outra vez, era Undertaker vs CM Punk pelo Tìtulo da WWE. Na Wrestlemania, CM Punk iria contar com um reinado que ultrapassava os quinhentos dias, portanto seria um reinado histórico contra uma Streak histórica.

O que é que ambos os combates têm em comum? Algo em jogo, em particular, a Streak. Era sempre algo histórico e, aparentemente, invencível contra a Streak.

Porém, a Streak acabou. Brock Lesnar já provou que Undertaker pode ser derrotado na Wrestlemania, portanto já nenhum combate faz sentido ou, pessoalmente, tem qualquer interesse.

Derrotar Undertaker na Wrestlemania, seja para quem for, apenas vai desvalorizar a vitória de Brock Lesnar na Wrestlemania XXX e não vai beneficiar o vencedor. A Streak era algo histórico. Derrotar Undertaker uma vez na Wrestlemania era algo histórico. Derrotar a segunda ou terceira é uma trivialidade. Ora, também não faz qualquer sentido Undertaker continuar a aparecer e vencer, sem qualquer Streak em jogo.

Se a WWE promover o combate como sendo o último da carreira de Undertaker, então qualquer adversário credível serve, porque a atração do combate será a reforma de Undertaker. Se o combate for apenas mais um e não o último, então o adversário é irrelevante, porque o combate não tem nada em jogo.

Não se justifica Undertaker perder e ninguém ganha nada com ele a vencer. Isto tudo para dizer que, na minha opinião, não há melhor ou pior adversário. Não há nada a ganhar com a continuação da carreira de Undertaker.

Cronos HHH e Warrior: “Quem você acha que vai tirar o título de Rollins?” e “Achas que o roman reigns vai ganhar o título principal daqui a algum tempo?”

Roman Reigns ou John Cena. No que toca a Roman Reigns, não acho que se torne campeão em breve. Pelo menos, não este ano.

Ronai Menezes: “Olá salgado, achas que Kane será um bom adversário para Seth rollings? depois de lesnar, cena e Sting, seria Kane uma grande ameaça? E se rolins o vencer, quem vc acha que poderia ser seu próximo adversário para o survivor series? Obrigado!”

Não, não acho que Kane seja um bom adversário para Seth Rollins, tal como não era para Daniel Bryan em 2014. Claro que Kane não é uma grande ameaça. A WWE passou a última década a apresentar Kane como um simples midcarder. Alguém que, ocasionalmente, quando a companhia acusa falta de talento, consiga preencher um lugar no main-event ou ser um campeão de transição.

A escolha da WWE recai frequentemente em Kane, porque este é um excelente talento, sempre foi um empregado absolutamente formidável, é alguém de quem toda a gente gosta de trabalhar e, acima de tudo, é considerado e tratado como um gigante.

O problema é que, em 2015, ser um gigante já não basta para convencer ou empolgar os fãs. E também não é plausível pedir aos fãs que, depois de mais de dez anos de um tratamento de midcarder, agora olhem para Kane como um main-eventer credível e empolgante.

Simplesmente não o é. Isto não é um insulto ou uma falta de respeito, são factos. É uma questão de olhar para a forma como este foi apresentado e ver se essa apresentação é coerente com o que vemos hoje em dia. Como é que os main-eventers de hoje em dia podem ser levados a sério, se midcarders de outros tempos são melhor posicionados?

Estes novos campeões (Daniel Bryan no ano passado e Seth Rollins agora) precisam de grandes e sólidos nomes para rivalizar e vencer. Kane é um excelente nome para ser vencido por um destes novos talentos, mas não deve ser retratado como uma enorme ameaça, de quem os novos campeões fogem assustados, quando essa não é a perceção que a maioria dos fãs têm.

Kane deve ser, sim, um obstáculo, mas não o grande prémio, a grande ameaça e, definitivamente, não o grande herói que a WWE tem em 2015.

Isto tudo é um resultado da recusa da WWE de estabelecer novas estrelas que possam lutar pelo Título. Que outros heróis é que a WWE tem prontos para enfrentar Rollins? John Cena, Brock Lesnar e Randy Orton são nomes estabelecidos e já foram usados recentemente.

Roman Reigns não se encontra em posição para voltar a desafiar pelo Título. Dean Ambrose, não só já foi demasiado usado contra Seth Rollins, como perdeu muito do balanço que tinha.

Neville está perdido no pré-show, embora já tenha lutado com o campeão e sido protegido algumas vezes, e Cesaro parece que foi mais uma vez abandonado pela WWE.

Não há uma nova estrela empolgante, por quem os fãs estejam a torcer fervorosamente como fizeram com Daniel Bryan e Sami Zayn (NXT), logo não há adversários. Daí a WWE ter recorrido a Sting e agora a Kane.

No que toca ao Survivor Series, como não estou a ver a WWE a mudar os planos de Triple H vs The Rock para Triple H vs Seth Rollins na Wrestlemania 32, realizava o combate de Triple H e Seth Rollins no Survivor Series e, dessa forma, acabava com a Autoridade. Mas, não acredito que a WWE o faça.

RybackChampion2015: “Salgado, qual diva do Team Bella podia ser mais aproveitada?”

Nikki Bella, pois esta melhorou bastante em ringue, mas a forma como a WWE a apresenta é contraproducente e as suas promos são abismais. Esta tem sido uma das maiores vítimas do booking e, graças a isso, nunca irá receber o merecido crédito pela sua melhoria, nem conseguirá ajudar a Divisão a melhorar e a tornar-se em algo sério.

ANDRÉ: “Salgado, você sentiu coerência na promo que a Paige fez durante a comemoração do titulo da Charlotte? Faltou ela falar mais coisas? Teve algo que ela falou que na sua opinião não deveria ter dito? Qual será a importância da Paige na dita revolução das Divas daqui pra frente? E essa revolução agora será pra valer?”

A meu ver, a promo de Paige mostrou que a WWE não aprendeu nada com os problemas que a promo de AJ Lee em 2013 criou. Para alguém que parece querer tanto agitar a Divisão de Divas e torná-la em algo em grande, a WWE pouco ou nada faz para estabelecer personagens que as pessoas legitimamente adorem/odeiem.

Paige torna-se numa vilã por estragar a festa da amiga, mas fá-lo ao dizer o que todos pensam e a rebaixar todas as Divas da Divisão. Resultado? Acaba por ser apoiada. Tal como aconteceu com AJ Lee.

E, também tal como aconteceu com AJ Lee, esta não tem adversárias que os fãs queiram apoiar, exactamente por causa do que ela disse. Atenção, a promo em si não é um problema. O problema é a realização da promo, sem primeiro ter estabelecido personagens que os fãs queiram apoiar contra Paige.

Se existissem essas personagens e a promo de Paige fosse um bocadinho mais orientada para o desejo de competição e menos para as novelas de bastidores, a promo conseguiria ser aproveitada e lançar novas rivalidades e histórias.

Se não for feito de forma sensata, o uso da realidade e da perceção que os fãs têm de certas Divas pode ser bastante contraproducente.

Não ajuda ninguém ter Paige como a Diva mais popular da Divisão, quando Charlotte acabou de vencer o Título num momento emotivo e é, de certa forma, uma das caras principais da Revolução. Charlotte foi uma das Divas que veio do NXT no Verão e foi campeã feminina do NXT durante imenso tempo.

Sabotar o reinado de Charlotte desta maneira não ajuda ninguém na Divisão de Divas da WWE ou da Divisão feminina do NXT que, em breve, se possa estrear no roster principal. Afinal, esta é uma das famosas Four Horsewomen.

No entanto, como a sua apresentação, por parte da WWE, tem ficado bastante aquém das expectativas e recorrido demasiado à sua relação familiar com Ric Flair, os fãs têm tido algumas dificuldades em sentir qualquer empatia por ela.

Em vez da promo de Paige estabelecer alguma ordem na Divisão e dar a Charlotte, não só a sua primeira grande adversária enquanto campeã, mas a sua primeira rivalidade a sério, a única coisa que fez foi lançar o caos e dificultar o trabalho de Charlotte como a heroína da Divisão.

No que toca à revolução ser a valer, não acho que tenha feito qualquer diferença. Não existe revolução alguma. Nunca existiu. A apresentação dos talentos femininos é a mesma. As rivalidades continuam a girar à volta dos mesmos defeitos fúteis e mesquinhos e os comentadores e outros lutadores da WWE continuam a tratar as rivalidades como apenas mais disputa de mulheres invejosas e desequilibradas.

Os talentos femininos continuam a ser apresentados exactamente da mesma maneira. Não existe seriedade, ilusão de competição ou sequer um desejo de provar que são as melhores.

É uma novela e, infelizmente, não é muito boa.

SashaBAD: “O que achas de Paige ser campeã mais uma vez tirando o título de Charlotte?”

Acho que é demasiado cedo para Charlotte perder o Título. Paige deveria ser a primeira grande adversária do reinado de Charlotte, depois desta vencer Nikki Bella numa desforra. Neste momento, Charlotte deveria ser um sinónimo de qualidade e seriedade, ou seja, deveria defender o Título em bons combates, em todos os pay-per-views, contra várias Divas da Divisão.

A única pessoa que Charlotte não enfrentava individualmente era Sasha Banks, pois esta seria promovida à parte. Eventualmente, estas iriam ter uma rivalidade, onde poderiam fazer referência a tudo o que passaram juntas no NXT, e no melhor combate que pudessem fazer, Sasha Banks vencia o Título.

Neste momento, o mais importante é garantir que este reinado é bom e é levado a sério, por tudo o que significa. É o primeiro reinado de uma das lutadoras do NXT, depois da série de fantásticos combates e excelentes rivalidades que a Divisão feminina protagonizou no último ano.

É indiferente se o primeiro reinado é de Charlotte, Becky Lynch ou Sasha Banks. Isto também não se trata de gritar aos sete ventos que existe uma revolução. Trata-se de, de uma vez por todas, fazer da Divisão algo sério e digno de respeito. Se é Charlotte que tem o Título agora, então que a WWE faça com que este reinado valha alguma coisa e tenha frutos no fim.

Ryback Rules, Miguel Carlos: “Quem achas que vai derrotar o Cena pelo título dos EUA e afastá-lo definitivamente da rota desse mesmo título?”, “Concordas com a perda do US Championship por parte do Seth Rollins? Como achas que será este segundo reinado do John Cena?”

Não faço a mais pequena ideia. Pessoalmente, acho que nem a WWE sabe. Por agora, parece-me que os planos para John Cena passam por este continuar com o Título de Estados Unidos por tempo indefinido, porque se ele se afastar do Título de Estados Unidos, penso que será para lutar novamente pelo Título principal.

Idealmente, diria que John Cena deveria perder o Título para uma nova grande estrela vinda do NXT. Kevin Owens tinha sido perfeito, mas a WWE preferiu não o fazer. Finn Bálor e Sami Zayn são outros nomes que, a meu ver, seriam ideais para vencerem Cena e o afastarem definitivamente da rota do Título de Estados Unidos.

Concordo, pois não havia necessidade nenhuma de Seth Rollins ter os dois Títulos. Acho que será bastante semelhante ao primeiro. Pessoalmente, espero que desta vez o fim do reinado de John Cena signifique alguma coisa.

Ryback Rules: “Se tivesses o poder de substituir um dos títulos do midcard (divisão masculina), qual deles removerias e posteriormente, qual colocarias no lugar desse mesmo (criar um ou recuperar um dos que foi “encostado e esquecido”)?”

Não acrescentava Títulos nenhuns à WWE. Aliás, é possível que a WWE já tenha Títulos a mais. A existência de Títulos não obriga a WWE a escrever histórias, desenvolver rivalidades e promover talentos.

Se obrigasse, tínhamos muito mais estrelas valorizadas neste momento e os Títulos de midcard (Intercontinental e Estados Unidos) não tinham passado os últimos anos a serem tratados como meras batatas quentes.

O que temos, neste momento, é muitos talentos de midcard sem qualquer direcção ou potencial, mas que, de alguma forma, têm quatro ou cinco reinados com estes, supostamente, prestigiosos Títulos.

Isso tem que acabar. Porém, isso precisa de partir de um investimento e esforço consciente da WWE, não da criação ou substituição de Títulos. Os Títulos são apenas adereços. É a forma como estes são retratados e usados pela WWE que determina o peso e valor que têm aos olhos dos fãs.

Portanto, não é a começar pelos Títulos que se resolve algum problema.

Como fã, as únicas mudanças que faria seriam: substituía o Título das Divas pelo Titulo Feminino que se tinha antigamente ou trazia um semelhante; substituía o Título da WWE pelo antigo Título World Heavyweight e, definitivamente, substituía os Títulos de Equipas, visto que os atuais são horrendos.

Mas, isto são mudanças triviais e têm uma motivação puramente estética. Nada disto vai resolver nenhum dos problemas que a WWE tem.

Concluo assim mais um contributo meu ao Perguntas e Respostas! Às questões que respondi, espero ter conseguido ser clara e que as mesmas estejam à altura das vossas expectativas. Deixem as vossas questões para o autor do Smoke and Mirrors, José Sousa! Até à próxima edição!

Sobre o Autor

- Administradora. Publico parte das notícias, faço a gestão da League, dos Passatempos e ainda sou escritora do artigo “Opinião Feminina”.

21 Comentários

  1. ANDRÉ - há 1 ano

    obrigado Salgado pela resposta a minha pergunta

  2. ANDRÉ - há 1 ano

    José Sousa, quem poderia fazer uma boa feud de regresso ao Daniel Bryan?

  3. RFBM - há 1 ano

    José, achas que o Cesaro já perdeu o ímpeto que vinha tendo ao longo do verão?

  4. Kevinhardy18 - há 1 ano

    José o que achas que a wwe pode fazer para as audiências subirem de novo visto que pela quarta semana consecutiva estão em queda?

  5. Warrior - há 1 ano

    José, quando e para quem é que achas que o seth Rollins vai perder o título da wwe?

  6. Warrior - há 1 ano

    O que achas que se segue para roman reigns e dean Ambrose depois da rivalidade com o bray?

  7. Kidd - há 1 ano

    José, caso o cash in de Sheamus se concretize quanto tempo acha que seu reinado irá durar, acha que será um bom reinado?

  8. DMartins_WWE - há 1 ano

    José, achas necessário o Rollins perder o título, para que, eventualmente, o Sheamus faça cash-in?

  9. Mateus Lavesso - há 1 ano

    José,achas que superstars como Neville,Cesaro,Zayn,Ambrose,Stardust e King Barret são por vezes mal utilizados pela WWE?

  10. João Paulo - há 1 ano

    José, o que acha se tivesse uma feud entre os Dudleys Boys e a Wyatt Family(Harper e Brawn) pelos Tag Team Championship se os Dudleys Boys tirarem os títulos do New Day?

  11. Reigns one versus all - há 1 ano

    José,gostavas de ver um heel turn do Finn Balor no Samoa Joe no proximo Takeover,custando o Dusty Rodhes Classic, dando origem a uma feud entre os dois?

  12. cm bitch - há 1 ano

    nao concordo com a parte do kane, acho que é um bom adeversario para rollins depois de tanto tempo a promover a rivalidade a isto tinha de acontecer, e acho que isto pode ser um bom final de carreira para o kane, e depois se nao fosse o kane quem era?? Cena? Reings? a wwe nao tem quaisquer faces do agrado do publico para enfrentar rollins, acho que a melhor opçao é mesmo o kane

  13. Miguel Carlos - há 1 ano

    Bom artigo, Salgado, e obrigado pela resposta.

    José:
    Quem achas que será o próximo NXT Champion?

  14. RybackChampion2015 - há 1 ano

    José, Acha que Nikki Bella tera o Divas Belt outra vez?

  15. The Chosen One - há 1 ano

    Como acha que deve ser o reinado do Kevin Ownens com o IC? (adversários, quando deve perder, etc)

  16. Dan Lannister - há 1 ano

    José, se a audiência da RAW continuar a descer ao longo dos próximos meses/anos, achas possivel que Vince dê um fim a PG era?

  17. Vitor Oliveira - há 1 ano

    Pensas que a rivalidade entre a Wyatt Family e o time Reigns poderá chegar a um confronto de equipes no Survivor Series? Se achas que não, qual confronto poderia ocorrer?

  18. saraiva - há 1 ano

    que combate de equipas achas que teremos no survivor series?

  19. nattie - há 1 ano

    pensas que a wwe ainda voltará a apostar na natalya?

  20. Ola Salgado, espero que esteja tudo bem. Gostei do teu trabalho na rubrica, continua assim =P

    José Sousa, tudo bem? A minha pergunta é a seguinte: se tivesses que criar mais um titulo individual no nxt que nome lhe darias? Nao aceito um “nao criava titulo nenhum” como resposta =P

  21. leonardo - há 1 ano

    Jose Souza achas que roman reigns pode voltar a rota do titulo? Ao menos achas q este evoluiu da WrestleMania pra CA?

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador