Piledrivin’ Everyone #2 – Justiça seja feita… ou não!

Olá. Sejam bem vindos a mais um Piledrivin’ Everyone! Hoje comentarei sobre algumas injustiças que têm se abatido sobre alguns comandados de Mr. Vince McMahon. Bem, o primeiro é um ex-comandado…

Infelizmente, ele já não faz mais parte do rooster da WWE: John Randall Hennigan, no caso, o “former-WWE-high-flyer-superstar” John Morrison. Sou fão declarado dele e de suas manobras. É um dos wrestlers que me fazem prender os olhos à tela em um combate por completo.

John Morrison

O Príncipe do Parkour, John Morrison

Antes que alguém me advirta sobre os motivos que o levaram ser relegado ao ostracismo, sei que teve muitos problemas de bastidores, com nome e sobrenome – Melina Perez. E diga-se de passagem, o amor dele por esta mulher deve ser realmente muito grande. Se Melina não significasse tanto pra ele, não teria reatado o namoro depois da história com Batista.

John Morrison e Melina

Morrison e Melina: dupla altamente explosiva!

Pois bem, tais problemas fizeram com que, em um momento em que ele poderia estar em uma crescente na rota por um título de expressão, eis que um sequência de derrotas e a aproximação do fim de seu contrato demonstravam que o inevitável (seu despedimento) estava próximo. O fim dessa história, todos conhecemos: ele saiu da WWE tendo sido várias vezes campeão de duplas, e tendo um reinado de apenas 3 meses e meio como Intercontinental Champion, seu título mais expressivo (os outros dois, um de três meses e outro de sete dias foram como Johnny Nitro).

Especulações versavam sobre uma possível ida dele à TNA, mas como li em um artigo, à época do fim de seu contrato, sua saída da WWE poderia significar um recomeço na companhia de Orlando, ou o fim de sua carreira nas chamadas “Grandes Ligas”. Seu destino realmente não foi o Impact Zone, mas alguém reconheceu o que poderia fazer e quis aproveitar seu talento, como era de se esperar. A não tão expressiva companhia canadense WFX (World Fan Xperience) contou com o talento do “Príncipe do Parkour” em seu rooster, numa tour por Manilla, nas Filipinas. O que aconteceu? Em um card recheado de ex-WWE Superstars (inclusive Melina), John Hennigan venceu Shelton Benjamin, tornando-se WFX Champion. Confira o vídeo, clicando aqui!

John Morrison Campeão

Morrison com Melina, após ganhar o WFX Championship: olha a mão boba!

Certamente se não houvesse tantos problemas extra ringue, teria uma carreira mais bem sucedida na WWE. Perdemos nós sem ele nos shows da WWE! Se acaso quisermos ver lutas com esta, para mim, talentosíssima estrela, teremos que nos contentar com vídeos amadores de fãs, pois até o momento em que escrevi o artigo, não havia um site oficial da companhia em questão e eram escassos os vídeos de sua mais recente conquista.

Nosso próximo personagem ainda consta no rooster da WWE, mas é alguém que já há algum tempo está afastado dos programas. Estou falando de William Jason Reso, mais conhecido pelo seu ring name: Christian. Um lutador que conta com um currículo invejável, sendo os mais expressivos: seis World Heavyweight Championships (dois pela TNA, dois pela ECW e dois na WWE Smackdown), nove WWE Tag Team Championships – sendo sete deles com seu parceiro Edge -, além de 3 Intercontinental Championships, 1 Light Heavyweight Championship e 1 Hardcore Championship. Nossa, mas o que poderia ser injusto com alguém com tal cartel, que é ainda membro de um seleto grupo de lutadores que ganhou o Grand Slam Championship (falarei um pouco sobre isso no próximo artigo)?

Christian e Edge

Christian e Edge: lembro de já ter desejado esses Oakley Over the Top Googles que ele está usando!

Christian, que sem dúvida teve seus momentos áureos no wrestling à época de sua aliança com Edge, conta uma infinidade de títulos, que poderia ser maior, não fosse sua “infidelidade” à WWE, em 2005. Depois de um push memorável, pediu um tempo afastado dos ringues e “jurou de pés juntos” que não mudaria de empresa. Sabemos o que aconteceu: logo assinou com TNA. Tio Vince não gostou, e desde então, mesmo tendo reconduzido Christian à época ao rooster da extinta ECW, nunca teve o mesmo apreço dos mandatários. Voltou e lá ficou até o fim dela, tendo o 5º maior reinado do ECW WHC. Poderia ter entrado para a história como último campeão, mas parece que nem isso quiseram deixar de legado para ele, pois na última title match, perdeu para Ezekiel Jackson.

A descrição magnífica no seu perfil no WWE.com, enaltecendo suas conquistas e a tag team com Edge, esconde um enorme vazio de quase três anos e meio (de Novembro de 2005 a Fevereiro de 2009). Desde que retornou de sua aventura, em que passou por TNA, One Pro Wrestling e RoH, não teve sequências muito consistentes: ganhou o WHC por quatro vezes – duas na ECW, duas na WWE -, mas certamente sua saída para a TNA ainda reflete em sua atual situação. A confiança nele nunca mais foi a mesma. Nas suas conquistas do World Heavyweight Championship, por exemplo, somadas as duas oportunidades em que isso aconteceu, totalizam 30 dias em suas mãos!

Christian

Christian, com seu protetor cervical

Um dos melhores heels na atualidade, uma gimmick chata, mas efetiva na sua intenção – incitar o público contra ele, ao pedir “One more Match”-, com poucas oportunidades de um reinado consistente no cenário atual. Resta-nos saber o que acontecerá quando retornar da lesão. Aliás, muito se especulou sobre sua volta, inclusive no Royal Rumble. Por essas e outras, tudo leva a crer que já esteja próxima. Terá ele chances reais de reaver o título quando retornar? Terá ele a chance de lutar “One more Match”? E o seu retorno no Elimination Chamber, apoiando John Laurinaitis teria algo a ver com isso?
Enfim, resolvi falar dos dois que mais recentemente entraram no meu “Hall of Wronged Ones”, e sobre os principais motivos que os levaram a tais situações. Poderíamos citar mais alguns lutadores que, pelos mais diversos motivos, não estão em rotas por títulos, ou simplesmente fazem papel de jobbers, mesmo tendo reconhecidamente talento, e isso fica por conta de vocês, leitores:

Qual lutador(a) você considera também injustiçado no cenário atual? Por qual título teria condições de lutar?
Há ainda, alguma injustiça que já vem sendo reparada, ou teria fácil solução?

C ya next week!

Sobre o Autor

Foto de perfil de Facebook
- Professor e futuro Analista de Sistemas. Amo música de qualidade, computadores, wrestling e um bom futebol (não necessariamente nessa ordem).

33 Comentários

  1. Rafa93 - há 5 anos

    Podiam passar aqui o WFX, pois pelos vistos lá lutam antigos lutadores da wwe como : Carlito, Shelton Benjamin, Snitsky, Chris Masters etc

    Pode ser Salvador?

    • Esses lutadores andam pelas indys todas portanto chega a ser normal aparecerem por qualquer lado e a WWFX não é excepção. Além disso fazem shows de mÊs a mês apenas.

    • Foto de perfil de Facebook

      Flavio Bruniera - há 5 anos

      Do mesmo jeito que ele participou neste show da WFX, daqui um mês ele pode estar em outra Indy…

      • Rafa93 - há 5 anos

        eu gostava era que ele fosse para a tna, e entrasse numa feud com o jeff hardy

      • WWE Universe - há 5 anos

        Boa ideia Rafa93.

        É muito interessante este novo artigo e um título muito bom.
        Passaram o artigo para 4ªfeira!

      • Foto de perfil de Facebook

        Flavio Bruniera - há 5 anos

        Obrigado, e sempre que tiver uma sugestão, pode deixá-la por aqui!

      • Foto de perfil de Facebook

        Flavio Bruniera - há 5 anos

        Cara, certamente teríamos ótimos combates entre os dois!
        Mas ao que percebo não há um interesse (pelo menos declarado ou suspeito) da TNA em Morrison no momento…

  2. João Macedo - há 5 anos

    Bom artigo, quanto ao John Morrison vou arriscar dizer que ele se está a “estragar” numa companhia de wrestling que, para além de muito mal conhecida, não é o que a WWE é. Mas se as condições eram más na WWE, o Morrison (na minha opinião) deveria ter assinado um contrato com a TNA (pois é a melhor companhia de wrestling mundialmente a seguir da tão prestigiada e conhecida WWE). A história do Christian é a história que os pais devem contar aos filhos para os ensinarem a dizer não à infidelidade. Christian podia ser um lutador da espécie de Orton, Cena, Michaels, Triple H, Undertaker, Edge, etc, mas não é porque “traiu” a WWE ao ir para a TNA em 2005, por mim ele não teria voltado para a WWE em 2009, pois traidores não fazem falta. Agora que a WWE o colocou no roster da SmackDown, ele terá todas as condições para se tornar campeão mundial outra vez, quando ultrapassar por completo a sua lesão e recuperar o mais difícil: a confiança por parte da WWE.

    • Foto de perfil de Facebook

      Flavio Bruniera - há 5 anos

      E confiança é algo que não se dá, muito menos se compra: se conquista, não? Pois bem, cabe a ele mostrar, a duras penas, que é uma pessoa confiável. Ele certamente está no nível das estrelas que citaste. Vamos ver o que preparam pra ele.

  3. Frederico_WWE - há 5 anos

    Parabéns grande Flávio Bruniera!
    Concordo em tudo contigo.
    O John Morrison era espectacular no ringue e proporcionava grandes momentos.
    Estou em crer que um dia ele volta até pq ele disse que queria algum tempo para recuperar de lesões.
    John Morrison fez “a cama para se deitar” e Christian não foi leal com o que tinha dito mas pela sua qualidade a wwe tem mais é que o aproveitar.
    Sinceramente eu via no Morrison capacidades para ser WWE Champion ou World Heavyweight Champion e no Christian sinceramente eu gostava que ele fosse draftado para a Raw para lembrar aqueles momentos em que ele foi campeão intercontinental e usava capuz e tinha Tyson Tonko como parceiro.
    Christian tem condições para ter um grande reinado como WWE Champion ou Mundial.
    E com Edge ele teve os melhores momentos da carreira!

    • Foto de perfil de Facebook

      Flavio Bruniera - há 5 anos

      Pra falar a verdade, os dois meio que “fizeram sua cama”, não?
      Perdemos John Morrison, mas tomara que consigam aproveitar melhor o talento de Christian, daqui pra frente…

  4. A-DANYEL - há 5 anos

    yá Podiam passar aqui o WFX ?

  5. Andre - há 5 anos

    Nao gosto muito do Christian como heel, tal como detesto que o Orton seja face, porque ele raramente faz promos.

  6. The_Great_White - há 5 anos

    Ótimo artigo…e concordo totalmente com voce…John Morrison é um excelente wrestler e a WWE não deveria agir assim com ele…
    Quanto a Christian…não há duvidas de que tem um grande currículo mas esta confusão dele com a saída para a TNA estão mesmo prejudicando ele…
    Gosto muito dos dois lutadores…e acho que eles merecem outra chance…

  7. Master of Chaos - há 5 anos

    Ótimo artigo Flávio, esta história de Morrison sempre me fascina, juntamente com o seu Starship Pain.

    • Foto de perfil de Facebook

      Flavio Bruniera - há 5 anos

      Valeu Master!
      Como eu disse, foi um dos lutadores que me faziam prender os olhos à TV do início ao fim. Pena o fim da história dele na WWE.

  8. jeff punk - há 5 anos

    tyson kidd é um jovem talentoso que esta sendo desperdiçado assim como outros caras lá.

    • Foto de perfil de Facebook

      Flavio Bruniera - há 5 anos

      Certamente. É um que fica perambulando do NXT (nunca acaba) para o Superstars, e vice-versa. Tem talento e acaba por ser desperdiçado.

  9. Foto de perfil de Facebook

    Flavio Bruniera - há 5 anos

    Pelo jeito muita gente gostou do card desse show da WFX. Pena que são muito esporádicos, sendo que nem sempre se tem a certeza de qual será o rooster do próximo show.
    Cabe a nós buscar vídeos de vez em quando para ver Morrison lutar…

    Mas e aí, pessoal. Alguma injustiça além dessa se abate sobre algum lutador de sua preferência?

    • O Card do show da WWFX era excelente mas pelos vistos o evento desiludiu muito e só se aproveitou mesmo o main-event onde John Hennigan venceu Shelton Benjamin.

      • Foto de perfil de Facebook

        Flavio Bruniera - há 5 anos

        Essa certamente foi uma injustiça com quem assistiu. Assisti este combate e digo que se houve algo melhor, perdi, pois apesar dos conhecidos nomes envolvidos, nada me chamou a atenção…

  10. Queres mesmo saber quais os lutadores injustiçados?

    Alberto Del Rio – Teve um excelente debut e marcou depressa na WWE, merecia um título mundial e passado bastante tempo consguiu e deram-lhe a porcaria de um reinado curto por duas vezes. Descridibilizaram um grande lutador que merece estar na disputa de títulos principais.

    Curt Hawkins – Na altura em que fez tag com Zack Ryder achei o erro a separação desta dupla visto que podiam ter dado muito mais na divisão de equipas e infelizmente não se viu mais nada de Hawkins. Mas continua achar que com o parceiro correcto pode formar uma equipa interessante, que é aquilo que a divisão de equipas precisa.

    Drew McIntyre – Tudo bem que foi castigado mas acho que já pagou por isso até demais. Ele merece oportunidades na empresa porque talento não lhe falta e merece andar em feuds no minimo por títulos secundários.

    The Usos – Sem dúvida que formam uma boa equipa mas esta a faltar uma rivalidade com oportunidades aos títulos e acho que isso já devia ter acontecido.

    Justin Gabriel – Já não lhe bastou ter o paspalho do Heath Slater atrasa-lo quando formavam equipa que agora continua sem oportunidades? Ele merece porque talento também não lhe falta e tem qualidade para disputar títulos secundários.

    Natalya – Uma das melhores lutadoras que a WWE tem e que andam a fazer com ela? Andar a libertar gases em todos os shows? Injustiça e merecia uma feud com Phoenix.

    Ted DiBiase – Andou uns tempos que era só derrotas o que se tornava bastante injusto e depois andou a rondar o título intercontinental e finalmente parece que o estavam aproveitar mas foi sol de pouca dura e andar todas as semanas em combates com Hunico que ganham á vez é uma treta. Gostava de ve-lo disputar títulos secundários e num futuro gostava de ve-lo como campeão mundial.

    Trent Barreta – Os Dudebusters podiam ter dado muito á divisão de equipas mas esta equipa sofreu da sindrome que atormenta muitas equipas e depois Barreta tornou-se num jobber. Ele tem um estilo de luta excelente e era daqueles que ganhava com o regresso do Cruiserweight Title ou então formar equipa com Tyson Kidd e andar atrás dos títulos.

    Tyson Kidd – Outro que não se devia ter separado de Hart Smith tao cedo porque formavam uma boa equipa e podiam ter ajudado a salvar a divisão de equipas que na altura estava muito pior. Ele tem talento para ter feuds decentes e também ganhava com um regresso do Cruiserweight Title ou então formava equipa com Barreta e iam a conquista dos títulos tag team.

  11. FábioVaz - há 5 anos

    ótimo Flávio Bruniera!!!
    Concordo fielmente ao seu artigo, John Morrison, um dos poucos lutadores que me faziam ficar vidrado à luta até o final, tinha ótimas manobras, e seu finisher Starship Pain, pra mim, era um dos mais criativos e com certo grau de dificuldade de execução. Não entendi ao certo porque a WWE se desfez da Melina, uma vez que ela era uma boa Diva, sabia lutar (coisa que a maioria agora não sabe), logicamente isso mexeu com o ego dela, e Morrison como amante dela tambem ficaria furioso com isso, foi uma pena seus problemas no backstage terem interferido em sua carreira na WWE, quanto à companhia que ele está agora, nunca sequer tinha ouvido falar, tambem acho que ele manteria mais seus fãs fazendo um contrato com a TNA.

    Quanto ao Christian não declaro muito, ele fez lenda em sua tag com Edge mas esses problemas citados realmente o prejudicaram muito, prefiro ele como face do que como heel, ele nao tem expressão de heel e sua gimmick está muito chata, espero que a WWE saiba usá-lo pois é um escelente wrestler.

    Quanto aos Wrestlers injustiçados concordo com a grande maioria citada pelo Tiago Silva, Natalya, Del Rio, Justin Gabriel, todos estes estão sendo desvalorizados demais, mas quero citar mais alguns em minha opinião.

    The Miz: Por quê?, vos digo, a WWE anda aborrecida com ele, achando que suas habilidades in ring e ao microfone diminuiram, andaram o culpando pelo Survivor Series e pela quase lesão de R-Truth, na minha opinião, Miz é um dos melhores personagens que já vi, é um heel como a muito a WWE nao tinha, suas promos faziam todo o WWE Universe o odiar e suas trapaças in ring tambem, quanto ao Survivor Series, foi uma Tag Team Match, não há como culpar um wrestler por uma luta em que 4 estavam lutando, e a quase lesão de R-Truth, há de convirem que está claro que não foi proposital, acho que a WWE está querendo diminuir um dos wrestler que ela pode mais aproveitar.

    Alex Riley: Enquanto fazia o capanga de Miz estava em um bom papel, suas habilidades não são lá espetaculares, mas como parceiro ele se saía bem, até o momento da revolta contra Miz, foi aí que pensei que ele reseberia finalmente um push grande e teria alguma chance na empresa, e a WWE até começou a usá-lo, mas, ainda ninguem sabe porque, a WWE levou-o ao Superstars e ao NXT, agora só anda por lá, e quando aparece em um PPV é pra ser o primeiro a ser eliminado do Royal Rumble, sinceramente acho que a WWE oprimiu as chances dele mostrar que podia mais.

    É isso, foi um ótimo artico, parabéns mais uma vez Flávio Bruniera

  12. Gerry Marcio Sozza - há 5 anos

    Vocês estão completos de razão,temos também Jeff Hardy no TNA,que disputou o cinturão acho que 4 vezes e nas 4 a luta foi interrompida quando ele estava para ganhar a luta,temos também Hulk Hogan,que não da pra saber o que realmente ele é na TNA,nem ele mesmo sabe,tem o filho do Rick Steambolt,que usa o mesmo nome do pai esta na FCW,já merecia uma chance também na WWE.

  13. Foto de perfil de Facebook

    Flavio Bruniera - há 5 anos

    Comentando FábioVaz e Thiago Silva:

    É que o artigo ficaria quilométrico com todos estes nomes, mas entre os citados por vocês, cogitei a presença dos Usos, Natalya, Tyson Kidd e Alex Riley.

    Quanto ao comentário do Gerry Marcio Sozza, apesar dele já estar na TNA, com certeza foi muito injustiçado na sua passagem pela WWE. Poucos títulos para um wrestler fenomenal!

  14. Jonest7 - há 5 anos

    A minha opinião é que existem muitos wrestlers neste momento na WWE e como tal nem todos podem ser bem sucedidos. E eu discordo completamente com isso, preferia menos wrestlers mas com mais carisma. Por exemplo, actualmente os Wrestlers novos não têm nomes como Undertaker, Triple H, The Rock etc, ou seja não têm estes nomes diferentes que de certa forma acrescentam carisma. Daniel Bryan, Dolph Ziggler são exemplo de wrestlers com talento, mas sem nomes originais, sem uma “temática” como tem o Undertaker, cuja temática é a morte e isso, e sem grande carisma. Acho que isso devia ser mudado!

  15. Jonas - há 5 anos

    The Big Show, pelo WHC. Não tenho resposta para a 3º pergunta

  16. Jonas - há 5 anos

    Vocês poderiam passar os shows da WFX aqui

  17. guilherme Soares - há 5 anos

    A Diva Melina Perez foi injustiçada por sair da wwe ela era uma boa wrestler.

  18. Jerry Tyler - há 5 anos

    Eu vo citar alguns dos nomes que eu acho:

    A divisão Cruiserweight da WWE, metade lutando na NXT ou Superstars e lutando bem pouco nas Brands.

    R Truth: O Truth ele é um ótimo lutador, mais tambem é pouco aproveitado. Ultima luta pelo titulo da WWE: Elimination Chamber que foi semana passada. Penultima luta pelo WWE Championship: Capitol Punishment perdeu pro Cena. Ultima vez que foi campeão de algum titulo da WWE. USC – ganhou o titulo vago depois de Bret Hart ter ficado como Raw GM isso foi em dia 24 de maio de 2010

    Santino Marella: Faz equipa com o 1° que aparecer ou oque o nome da equipe ficar mais bonito. Ultima vez que foi campeão 6 de Dezembro de 2010 campeão de Tags.

    e nem comento sobre o desaproveito dos titulos como EX o IC poe o DiBiase, Gabriel ou até mesmo o Hornswoggle. USC coloca o Truth pra combater agora que o Ryder passou de machucado pra arrebentado de vez.

    Mason Ryan: Acho ele tambem um ótimo lutador mais só aparece de vez em quando no superstars.

    e finalmente. Brodus Clay

    Acho que até ele se cansa de ganhar por squash, tambem penso que o Clay gostaria de lutar com alguns lutadores tipo Mark Henry Mason Ryan ou até mesmo com o Del Rio

  19. 619 D-generation X - há 5 anos

    fotos ousadass essa do morrison

  20. Jerry Tyler - há 5 anos

    E um dos movimentos que eu gosto do Morrison é o Shooting Star Plancha, Tilt-a-wril DDT e o Flip Bottom

  21. rocha - há 5 anos

    john morrison voltará à wwe mais tarde ou mais cedo, n tenho dúvidas disso. n sabia dessa história de christian ter tirado férias da wwe prometendo n assinar por mais nenhuma empresa, se assim foi, compreende-se que vince, com a sua maneira de olhar as coisas, continue sem o tratar da mesma maneira que a outras superstars do mesmo nível.
    considero alex riley e mason ryan 2 dos injustiçados do actual plantel.
    o 1º ganhou protagonismo como aliado do miz e fez o face turn revoltando-se contra a forma que o seu chefe o tratava. daí para a frente tem sido alvo de processos disciplinares, o que complica a sua afirmação.
    mason ryan tem sido integrado aos poucos, virou face e é vê-lo de vez em quando a defender os mais fracos, o que é pouco para quem recebeu a alcunha de batistwo.
    n comento outros nomes, apenas termino dizendo que jobbers são sempre necessários, cabe à wwe e à sua direcção escolher os lutadores para essa função

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador