Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Shattered Dreams #1 – The Beginning

E aqui estou eu, finalmente! O meu objetivo há muito tempo traçado foi finalmente atingido. Hoje escrevo-vos deste novo espaço, espaço pelo qual trabalhei muito para ter e espero que seja do vosso agrado. Dispenso apresentações, até porque quem acompanha este site há algum tempo, já deve conhecer o meu nome, nem que seja pelos dez artigos singulares que enviei até hoje, a única coisa que vos posso dizer é: Bem-vindos à primeira edição do “Shattered Dreams”!

O artigo de hoje não vai ser nada de especial em termos de conteúdo, ou seja, não visa deixar ninguém a pensar, apenas vai ser uma forma mais especial de vos contar a minha jornada neste mundo encantador sobre o qual escrevo, o wrestling! Não me lembro ao certo como tudo começou, apenas sei que foi de um modo algo inesperado, de um dia para outro começou a minha paixão por esta encantadora modalidade!

Desde que me lembro de começar a ver combates na televisão em princípios de 2008, que sempre tive alguma afinidade para com os moves de braços, ou seja, coisas como arm drags, chinlocks e clotheslines deixavam-me completamente fascinado. Consequentemente, rapidamente criei uma ligação com JBL e Randy Orton, cujo os seus finishers eram, respetivamente, o Clothesline From Hell e o RKO, em que ambos necessitavam da utilização dos braços para a sua execução.

Aqui tive a minha primeira dream match. Imaginemos, com Orton e Layfield juntos numa rivalidade, onde o primeiro podia carregar a história em ringue, e o segundo ao microfone, certamente daria algo de extraordinário, tendo em conta a facilidade com que ambos interpretam as suas personagens, tanto a face, como a heel.

E é ao falar em heel que relembro com grande emoção aquele que foi para mim um dos melhores de sempre a interpretar essa mesma faceta, o Rated R Supestar, Edge. Alguém falou em John Cena? Alguem falou em Eddie Guerrero? Alguem falou em Triple H? Não, a cara da Ruthless Aggression Era foi sem dúvida Edge. Venha quem vier, digam o que disserem, nada me tira do pensamento que esta Era teve o destaque que teve, muito por causa do contributo de Edge.

Foi com este grande nome que vivi grandes emoções. A histórica rivalidade com Undertaker e os segmentos inesquecíveis como parte da Rated-RKO, foram momentos que me marcaram como fã. Este Senhor tornou-se rapidamente no meu favorito e predomina no topo da minha lista de preferências até hoje!

Mas não é por esta afinidade com personagens vilanescas ser tão grande que deixei de gostar de nomes mais bondosos. E a bondade é a palavra-chave quando atualmente se fala de um dos maiores, mais medíaticos, controversos e polémicos nomes da modalidade, John Cena. No entanto, a bondade nunca foi tão exagerada como é hoje.

Apesar de não morrer de amores por Cena e o meu apreço por ele já não ser o mesmo, não posso deixar de referir o seu contributo para a empresa de Stampford. Diga-se o que se disser, a personagem de “Doctor of Thuganomics” foi umas das melhores de sempre, e era impossível apontar a palavra “desinteresse” a Cena.

Os anos foram passando e chegamos ao fim da primeira década do século, 2010, ano que ficou marcado pela reforma de um dos maiores de sempre, (senão o maior) Shawn Michaels. Em plena Wrestlemania XXVI, HBK enfrentou Undertaker naquela que foi, para mim, a melhor luta desde que acompanho a modalidade. A história, a estipulação, o combate, o público e toda a atmosfera presente fabricaram o combate que marcou uma Era e moveu multidões e multidões de fãs. Dois dos meus cinco wrestlers favoritos juntos numa luta de tamanha importância marcaram para sempre a minha jornada como espectador.

E é por falar nestes dois grandes nomes que realço outro dos grandes destaques da minha vida de fã: a streak! Não procuro explicar o meu ponto de vista sobre este feito histórico, (até porque isso deixo para mais tarde), mas não posso deixar de referir as vinte e uma vitórias consecutivas deste Senhor no “Maior de todos os palcos”. Apesar de apenas ter visto seis desses grandes clássicos em tempo real, consigo ter a perfeita noção da importância que este record teve no panorama de audiências da empresa, sendo tão especial ao ponto dos fãs ansiarem mais do que tudo por vê-lo ser defendido todos os anos. E esse foi o grande fator que me marcou. A personagem de Undertaker é só por si algo repleto de mistério e ao longo da sua carreira foi promovido como tal, tornando-se em alguém que os fãs idolatravam apenas ao verem um dos seus combates.

O seu último combate, o combate que fixou até agora o record em 21-0, foi contra outro dos meus “especial five”, aquele que com um microfone na mão, mudou por completo a minha prespectiva sobre o wrestling! Após a RAW em que a sua mítica promo foi executada, o “Universo WWE” revolucionou-se por completo. A popularidade da modalidade subiu, a Internet expôs ainda mais o produto das empresas e CM Punk tornou-se no ídolo da ICW.

Um ídolo que me marcou também a mim, ou não fosse eu um “mark” super-ativo nos blogues online. O “Summer of Punk” e o reinado de 434 dias como campeão principal da empresa, respetivamente, afirmaram Punk como “Main-Eventer” e tranformaram-no numa lenda! Estes dois acontecimentos mais recentes foram vistos com outros olhos, mas não deixaram de ser especiais e mais uma vez tive oportunidade de relembrar o porquê de ver wrestling!

Bom, e assim chego ao fim desta primeira edição do “Shattered Dreams” com um artigo que não procura receber elogios, apenas procura preparar-vos para o que aí vem, ou seja, agora conseguem ter uma noção base de em quê que se vão basear os meus artigos, afinal, depois da leitura deste texto conseguiram facilmente reconhecer pormenores como o meu lutador favorito, a minha luta favorita, há quanto tempo acompanho wrestling e os momentos e personagens que mais me marcaram. Com isto não quero assustar ninguém, antes pelo contrário, espero prender-vos aqui semana após semana até que o futuro acabe com este espaço, o que espero que não esteja próximo. Continuação de uma excelente semana!

Sobre o Autor

25 Comentários

  1. danilo'-' - há 3 anos

    Rubinho, meus parabéns pela conquista do espaço, fizeste bem em se apresentar e estarei esperando os próximos, afinal espero artigos com qualidade mesmo, mais uma vez parabéns.

  2. Catchphrase - há 3 anos

    Parabens!! Gostei do artigo e do teu ponto de vista sem duvida edge tbm e o meu lutador favorito ( a seguir de y2j) pq o nome?

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Obrigado :) O nome é algo que surgiu assim do nada, tinha também o “Sister Abigail”, o “Cult of Personality” e o “Similar Creatures” na lista, por serem nomes ligados a wrestlers que admiro, mas escolhi o nome ligado ao Goldust porque, partindo de princípio que o Wyatt tem o futuro garantido, considerei o Goldust o mais “underrated” dos quatro e decidi fazer-lhe esta homenagem.

  3. Conspo - há 3 anos

    Ainda bem que conseguiste o teu espaço, vi todos os teus artigos e no fim só pensava ” Epá este aqui já mandou um monte de artigos escrve muita bem, como é que ainda não têm um espaço no Universo?”

  4. JoãoRkNO - há 3 anos

    Muitos parabéns Rúben. Já conhecia alguns dos teus artigos, mas é bom ver que quem trabalha sempre alcança.

    Não me vou alongar muito, sem dúvida que o JBL e o Orton marcaram a infância de muita gente, inclusive eu próprio. Eles os dois possuem finishers que são a verdadeira imagem de marca deles, e possuindo a gimmick que cada um tinha, melhor ainda então, foi á custa disso que são dois finishers de grande impacto para todos nós.

    O combate do Michaels/Undertaker na Mania 26, foi dos melhores, e repito, dos melhores combates que vi até hoje. Possuem ambos um carisma inigualável, são soberbos no mic e no ringue, e aquele combate não foi recomendado para cardíacos.

    O Punk, é o Punk, já todos sabemos que ele é o best in the world, já todos sabemos o monstruoso que é no mic, e as excelentes performances que nos trouxe ao longo dos tempos, enfim, sem comentários.

    Bem, espero que consigas levar este espaço avante, tens qualidade, boa sorte!

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Obrigado:) Sim, trabalhei muito pra cá estar, estou em tentativa de conseguir o espaço desde a época da Wrestlemania e fico feliz por finalmente ter conseguido!

  5. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Parabéns Rubinho!!!!Edge!!!!claro!!!

  6. FAlmeida_10 - há 3 anos

    Que é que se passou enquanto eu andava ausente ?! xD Finalmente o Ruben conseguiu aquilo que tanto queria! Parabéns Ruben, começaste com um artigo muito bom, o nome do espaço é excelente. Estás de Parabéns!

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Tu estiveste ausente? Peço desculpa, ninguém deu pela tua falta …

      Muito obrigado, vou tentar cumprir ao máximo!

  7. danielLP21 - há 3 anos

    Boa sorte para o teu novo espaço. Gostei deste primeiro artigo, está melhor escrito do que os anteriores ( colocação de vírgulas, pontuação, etc). Continua a evoluir. Ah, e o nome do espaço é brutal.

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Obrigado! Visto seres dos que mais respeito em questões de opinião, agradeço-te as palavras e todas as dicas que me deste até chegar aqui.

      Espero ver-te por aqui todas as semanas :)

  8. AwesomeTheMiz - há 3 anos

    Parabéns, Rubinho! Seja bem-vindo ao Universo e continue assim nos próximos artigos, acredito que isto foi somente uma introdução de tudo que há de vir! Gostei do nome do quadro.

  9. Diogo7 - há 3 anos

    Parabéns por teres conseguido entrado no Universo, Rúben! O artigo está muito bom e adorei o nome do espaço.

  10. José Sousa - há 3 anos

    Artigo agradável, e como dizes é apenas a introdução, o inicio do que será o teu espaço. E para primeira semana foi um artigo agradável de se ler.

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Obrigado :) És dos poucos que sempre comentou os meus artigos singulares, por isso espero que agora não falhes no meu espaço semanal :)

  11. Ricardo Silva - há 3 anos

    Bem, até ficava mal o Padrinho deste espaço não vir comentar, não é verdade? :)

    Quanto ao espaço, é fruto do teu desejo em o querer agarrar e agora que o conseguiste, espero que o agarres com unhas e dentes e não o deixes fugir. É uma oportunidade que fizeste por merecer, mas também uma aposta na tua capacidade de evolução.

    Quanto ao artigo, fico contente por conhecer alguém que gostava do JBL durante o período em que estava no ativo e não como comentador. Somos poucos acredita.
    Aliás, no teu top 5 tens 3 do meu top 5, portanto estás logo à partida num bom caminho!

    Foi uma boa ideia esta apresentação, agora vai já pensando no que vais fazer para cativares espetadores para a próxima semana.

    Quanto ao nome, gostei. Sempre gostei do Goldust. E sempre achei muita piada à entrada dele. Foi uma boa sacada até porque podes andar por aí a perguntar quem já viu a edição desta semana do SD? E tudo vai-te responder, ainda não vi o SmackDown. E tu dizes, não não, Shattered Dreams. TAU, right in the kisser.

    Boa sorte e bem vindo ao time.

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Posh, o gajo que escreveu o “Wrestling Chora” a vir comentar o meu artigo é uma honra maior do que escrever um dia antes do Long Horn!

      O JBL é aquela base, ele e o Regal são dos comentadores que mais respeito … em ringue xD

      Obrigado, o nome está a fazer furor pelos vistos e espero compensar com a qualidade.

      Sim tu foste um dos “padrinhos” deste espaço, assim como o Kuj e o Luis, portanto, muito obrigado aos três por toda a ajuda que me deram até aqui.

  12. Foto de perfil de Facebook

    D'Leite - há 3 anos

    Bem, mais um colega! Bem-vindo à equipa e espero que tenhas a maior das sortes.

    Um bom “aquecimento” para o que aí vem e espero que consigas estar à altura das expectativas que criaste pois agora não há volta a dar! Espero que consigas manter-te por estas bandas por muito tempo e folgo em ver que afinal o concurso não serviu para descobrir só um cronista, mas sim dois.

    Um dia disseste-me isto: “Parece que nem todos estávamos à altura do desafio, agora é só evoluir! :)” … “Quanto à minha prestação no concurso, são opiniões, eu considerei-me o ele mais fraco”, parece que estavas enganado ;)

    Boa sorte!

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Obrigado, vindo de quem vem significa muito :)

      • Foto de perfil de Facebook

        D'Leite - há 3 anos

        É bom saber que sou mantido em tão boa conta pelos leitores e cronistas, obrigado!

        Só assim uma referência ao título: Acho que não podias ter escolhido um título melhor depois da tua participação no concurso. Não tendo saído vencedor e ter ficado com os “Sonhos em Pedaços” valeu a pena pois agora conseguis-te, um a um, colar esses pedaços e alcançar este feito! Mais uma vez, os meus parabéns :)

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador