Smoke and Mirrors #173 – Give Divas a Chance

Há anos que as mulheres são sobretudo “objectos” no wrestling, ou pelo menos na WWE tem sido esse o paradigma que tem reinado há quase uma década. Ou seja, aquela que outrora fora uma divisão respeitada, e com direito a main-event de Raw é actualmente sobretudo dominada pela visão que as mulheres estão no wrestling para “ estarem ao lado dos wrestlers masculinos”, e por isso deverão ser sobretudo bonitas e atraentes mesmo que não sejam talentosas enquanto wrestlers.

No entanto, acho que a WWE está errada neste conceito e acredito que a WWE neste momento poderia estar apresentar um produto na divisão feminina bem melhor caso quisesse, porque têm alguns talentos capazes de produzir bons combates caso dessem tempo para que eles acontecessem. O que quero dizer é que com uma limpeza nas divas menos talentosas, a WWE podia até ter neste momento das melhores divisões femininas dos últimos anos.

Claro que não voltaremos a ter uma Era com talentos com o impacto como a Mickie James, Trish Status, Michelle McCool, Lita, Victoria, porém existe neste roster actual nomes que eram capazes de dignificar o wrestling feminino a um nível meritório. E é por isso que surgiu o movimento de fãs a defender uma oportunidade para as Divas, isto porque acreditam que o wrestling feminino da WWE pode ter um bom futuro basta para isso que a companhia confie e acredite mais nas suas atletas.

E é por esse motivo que se faz história nesta edição do Smoke and Mirrors, porque passado três anos e meio deste espaço e apenas três semanas da Wrestlemania, irei pela primeira vez debruçar-me sobre a divisão feminina. Verdade seja dita que já esteve para acontecer no passado, porém isso acabou sempre por não acontecer infelizmente, mas creio que esta é a altura certa para o fazer, mesmo sabendo que não é um tema que tocará “as massas”. No entanto, acredito que o actual panorama da divisão merece que faça uma análise da situação e do modo como potenciaria a mesma.

Começo por dizer que considero que a WWE está num momento complexo no que diz respeito á divisão feminina, porque se por um lado tem uma das melhores gerações de lutadoras femininas no NXT, também é verdade que elas quando chegam ao main-roster acabam por não resultar tão bem. Ou pelo menos, são mais limitadas nas suas performances quer no ringue como nas personagens que lhes atribuem, que acabam por não parecer tão interessantes quanto no período em que estiveram no NXT.

Assim, e tal como referiu a minha colega Salgado semana passada o problema está na forma como estamos habituados a observar as lutadoras femininas como um momento light dos eventos. E são anos e anos com os fãs a “serem educados” desse modo, vendo as Divas como apenas mulheres bonitas, sendo incapazes de estarem nesta indústria com performances ao nível que os homens apresentam.

Mas os últimos anos têm demonstrado o contrário, não só na UFC com o sucesso que é Rounda Rousey mas igualmente com o crescente sucesso do NXT, mas o público do NXT é ligeiramente diferente do que vai aos restantes programas da WWE. No entanto, uma vez concordo com a minha colega, e é verdade que elas não agradam aos fãs porque vêm das indys, eles convenceram no ringue que eram capazes de serem levadas a sério. E para isso é preciso mais tempo de antena para as Divas, e isso é o primeiro passo para começar a mudar a mente dos fãs.

Assim é preciso que alguém que mude essa perspectiva, e na minha opinião a lutadora capaz do main-roster que mais facilmente poderá tornar uma Divas de fazer isso de forma credível é sem dúvida a AJ, até porque para uma maioria dos fãs ela é a “bitola” que define se uma lutadora tem qualidade ou não. Mas isso não foi o suficiente para mudar o padrão, pelo menos não durante a rivalidade que teve com a Paige, e por isso mesmo é que preciso juntar a estes nomes alguns elementos do NXT e dar-lhes tempo de combate para que lentamente os fãs comecem a olhar para divisão de outro modo.

A questão que se coloca será que todas wrestlers do NXT terão o mesmo potencial ou futuro no main-roster? Eu tenho sérias dúvidas que se não existir uma mudança de pensamento da WWE sobre a Divisão que isso possa ser efeito de forma eficaz, e por isso é que não consigo colocar todas elas no mesmo patamar. Por outras palavras, num cenário ideal todas elas teriam a mesma hipótese ou pelo menos similares de serem bem sucedidas, mas para que esta geração mude a divisão feminina a Charlotte tem que resultar no main-roster.

Não porque ela seja a melhor wrestler de todos os tempos, mas sim porque ela tem todos os ingredientes necessários para ser um sucesso e ser “aquela” que inicia a mudança. E admito que há um ano atrás não diria isto, porém ela possuí carisma, talento e sobretudo tem o IT Factor que não advém apenas de ser uma Flair, e por isso se a WWE quer mudar o paradigma da divisão é importante que a sua entrada no main-roster não seja um fracasso ou dentro do género da Paige.

Desse modo discordo da Paige quando diz que a Charlotte não deveria nunca vir para o main-roster, eu acho que ela poderá fazer parte da solução. Não será por si, até porque a mudança também terá que ser feita pela WWE porém ela tem a capacidade de ajudar no processo, e em parte estas provocações são sobretudo rivalidades internas. Mas, de uma coisa não tenho dúvida todo este processo será lento e caso venha a ocorrer será algo que terá que ser feito pacientemente, e sem esperar resultados imediatos em meses.

Mas sem dúvida que tanto a Charlotte como a Paige poderá ser partes importante do processo, mesmo que não sejam as melhores amigas do mundo. Até porque caso esta geração comece mesmo a mudar mentalidades no main-roster será muito mais fácil para nomes como a Sasha Banks, Becky Lynch, Alexa Bliss e Bayley acabarem por ter uma transição mais pacífica quando vierem para o roster principal, mesmo que nunca vá ser fácil para todas elas. Basicamente, num cenário ideal elas serviriam como pedras basilares para reconstruir a credibilidade da divisão, por mais que isso pareça impossível neste momento.

Porque sejamos sinceros em condições normais a Bayley poderá sofrer do mesmo que a Emma sofreu, ou seja ter uma personagem que facilmente cairá no campo do entretenimento e isso poderá fazer com que nunca tenha uma verdadeira hipótese de se mostrar enquanto performer. E na minha opinião isso seria uma pena, uma vez que ela tem o carisma e o talento para ser uma boa “personagem face” porque ela consegue criar a empatia necessária sem muito esforço, e isso é um dom ao alcance de muito pouca gente.

Já Alexa Bliss e a Becky Lynch coloco-as no mesmo patamar de análise, ou seja ambas tem talento e potencial mas que ainda estarão bastante tempo no NXT, e por isso mesmo os próximos tempos serão importantes para elas mas simultaneamente sem grande pressão. Digo isto, porque embora tenham esse talento ainda não são as principais figuras da Divisão no NXT, e por isso cada minuto que têm é uma vitória e elas têm que os aproveitar para capitalizar a seu favor.

Quanto á Sasha Banks na minha opinião é claramente a melhor wrestler do NXT, e uma das melhores quiçá do roster do ponto de vista técnico. Porém, ainda tem bastante a evoluir no campo do acting e no aperfeiçoamento da sua personagem, mesmo que não seja uma performer nesse campo penso que poderia melhorar bastante nesse campo porque se o fizer poderá ser um dos principais nomes da Divisão feminina da WWE dentro de anos.

Porém, este processo não será (nem deve) ser feito apenas pelas actuais Divas do NXT, até porque elas não poderão vir todas rapidamente para o roster, nem a mentalidade mudará tão rapidamente. E por isso mesmo é importante que a WWE dê uma hipótese a outras Divas do actual roster para essa mudança comece o mais cedo possível, e é isso que será analisado de seguido quando vos apresentar aquelas que penso que são as Divas mais subvalorizadas do roster principal.

Um belo exemplo dessa situação é claramente a Emma que acabou por ser penalizada no roster principal pelo tipo de personagem que têm, e igualmente pelo incidente criminal que teve o ano passado. Claro que esse incidente merece ser julgado, mas não deveria ter determinado de forma tão veemente uma diminuição da aposta da WWE nela porque ela tem talento enquanto wrestler. E como acho que nem tudo está perdido no caso dela, penso que uns tempos no NXT a redefinir a sua personagem como no caso do Tyson Kidd seria benéfico para relançar a carreira no main-roster.

Por falar em Tyson Kidd, eu gostaria de ver a Natalya e a Naomi com mais destaque individual na divisão até porque ambas são talentosas, apesar da Naomi ser uma performer com alguns botches a verdade é que tem algum potencial. E se fosse trabalhada de forma mais eficaz e ao lado de alguém experiente talvez pudesse tornar-se num valor interessante da divisão, mas uma vez mais era preciso que a WWE começasse a olhar para elas não como as mulheres dos wrestlers, mas sobretudo pelo valor delas.

Por fim, devo falar igualmente que existem outros nomes do roster que não sendo geniais com o tempo e o booking certo poderiam oferecer-nos rivalidades interessantes como é o caso da Alicia Fox ou mesmo da Summer Era. E claro, não posso ser injusto ao ponto de excluir as Bellas, especialmente a Nikki que tem sido uma campeã aceitável e tem demonstrado uma significativa evolução enquanto performer. Aliás seria muito injusto da minha parte não admitir isso, porque não estaria a ser sério na minha análise mesmo não sendo o maior fã das Bellas.

Em suma, a revolução não está perto de acontecer na divisão feminina, mas que o processo de mudança poderia acontecer disso não tenho dúvidas, tudo isto se fosse feito com paciência porque o NXT, e o último combate do Takeover comprova isso. E sobretudo é prova que apostando nas pessoas certas, e sobretudo o booking certo, que o wrestling feminino pode ser tão interessante quanto o masculino, e que existe uma nova geração que merece uma oportunidade e que a qualidade não se limita á Paige e á AJ.

É deste modo que concluo esta edição do Smoke and Mirrors, que desta feita abordou uma temática diferente do normal, uma vez que não é habitual abordar o wrestling feminino, porém espero que tenha sido do vosso agrado apesar deste não ser o tema mais popular do mundo. Para a semana voltamos para nova edição que promete abordar um dos temas mais curiosos desta Road to Wrestlemania, e sobretudo um dos mais polémicos e que por certo suscitará a vossa curiosidade.

Figuras da Semana

Mr.Anderson e Spud- Boa vitória da dupla contra os seus rivais, num episodio que acabou por ser de menor qualidade que os anteriores.

Drew Galloway- É destaque pela ajuda que deu ao Lashley no combate pelo título da TNA.

Lashley- Continuo a dizer que não fossem as fracas promos que ele seria possivelmente um campeão praticamente perfeito.

Blake e Murphy– Bom combate onde os campeões continuam a demonstrar talento, sobretudo Blake que me vem a surpreender pela qualidade do seu frog Splash.

Kevin Owens- Continua em destaque nas provocações que tem feito ao Alex Riley, e que possivelmente terão como resultado final um combate entre ambos em breve.

Sasha Banks- As “meninas” foram o main-event do NXT e estiveram á altura da ocasião, nomeadamente a campeã que defendeu o seu titulo em grande estilo.

Bray Wyatt- Novamente em destaque com nova promo de boa qualidade , continuando o seu trabalho solitário de construção da rivalidade.

Paul Heyman- Provou uma vez mais que a sua qualidade enquanto talker é enorme, e sobretudo é um profissional que se supera a cada promo que faz demonstrando igualmente poder de improvisação.

Reigns e Rollins- Estiveram a bom nivel no combate do main-event, e o Rollins é destaque pela vitória que teve especialmente pela altura em que aconteceu. E claro o Reigns é destaque pela forma como se apresentou no final da Raw ao destruir tudo o que estava á sua frente.

Surpresa da Semana

Niagara e “Mergulho” do Reigns– Esta semana decidi apresentar como surpresa o mergulho do Reigns que surpreendeu muitos fãs na Raw, e claro o momento mais hilariante da semana no pró Wrestling, ou seja o “Comercial” do Miz.

Desilusão da Semana

Barrett- O campeão intercontinental tem sido sistematicamente humilhado nas últimas semanas, e isso não pode ser visto como algo positivo.

Perguntas da Semana

Achas que deveria ser dada uma oportunidade às Divas? Se sim que nomes apostarias e porquê?

Concordas com as figuras, surpresa e desilusão da Semana?

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Smoke and Mirrors”.

66 Comentários

  1. reigns one versus all - há 2 anos

    Excelente artigo.
    Acho que as divas merecem mais oportunidades.
    Apostaria na Charlotte porque acho que ela tem grande qualidade como wrestler,como alias já demonstrou.A meu ver acho que a Paige devia ser mais valorizada,acho que é um grande talentoe e não esta a ser totalmente aproveitada.
    A WWE para voltar a credibilizar a divisão das divas poderia criar uma stable á semelhanca dos shield e caso isso acontecesse escolhia a Paige ,Charlotte e outra diva.
    Concordo claramente com as figuras da semana.
    Concordo claramente com a surpresa da semana,o mergulho do roman é espetacular e não esperava ver o roman a voar.
    Realmente,Barret como campeão é uma desilusão não da uma para a caixa.
    Que perca na WrestleMania.

    • José Sousa - há 2 anos

      O Barrett dar para caixa dá, a questão é que este reinado está mesmo a ser fraquinho verdade seja dita.

      Quanto ás Divas, a Paige e Charlotte não se dão por isso duvido mesmo que conseguissem ser parceiras.

  2. ShowOff - há 2 anos

    Mais um excelente artigo José, e fico contente por ver que não sou o único a ter a mesma opinião acerca das Divas.

    E, na minha opinião, o problema da divisão começa apenas pelo nome: Divas. Normalmente a palavra diva é associada a uma mulher que tem a ideia que é melhor que toda a gente, uma mulher que normalmente é famosa e que comete alguns atos de “rebeldia”, podemos associar por exemplo Miley Cyrus a essa palavra. Portanto, é basicamente tudo menos uma wrestler, tudo menos uma pessoa que se tem que ver como uma ameaça, como credivel e penso que esta é a primeira razão pela qual o público mudou a maneira como olha para o wrestling feminino, deixou de ver estas mulheres como brutas, como determinadas a fazer tudo para vencer (Chyna, Lita, Trish Stratus, até mesmo Karma) e passou a ver como uma espécie de top-models, que entram num ring e durante dois minutos mandam se ao chão e puxam cabelos e no fim saiem com um título. Obviamente, que falo apenas do Roster Principal, porque se existe diferenças entre o mesmo e o NXT, esta é uma das principais.

    Outro problema que vem acrescer é o tempo que é dispensado para as Divas numa Raw ou num PPV, comparado com o tempo que é dado às mesmas no NXT. E de facto, numa Raw de 3 horas é muito complicado construir uma feud com apenas 5 minutos, assim como é dificil para outras Divas mostrarem a sua qualidade ou evoluirem na sua performance com apenas este tempo, é impossivel. E por essa razão é que nós secalhar conseguimos destacar mais Divas de qualidade no NXT so que no Main Roster, não porque elas existam lá em maior quantidade, mas sim porque têm tempo para mostrar o que valem, enquanto as Divas do Main Roster não teem.

    Além disso, porque não trazer algumas Divas de volta, numa espécie de Part-Time, como fazem com lutadores como RVD, Lesnar e Jericho? Isso traria outro interesse à divisão, o público ia querer acompanhar o desenvolvimento das rivalidades, os combates teriam mais qualidade e ao mesmo tempo, as lutadoras mais jovens conseguiam evoluir melhor por terem ali ao lado veteranas experientes com quem aprender.

    E falei apenas destes problemas mas existem muitos mais, e é muito complicado melhorar a divisão caso não haja uma mudança de mentalidade por parte da WWE em dar mais destaque à divisão das Divas.

    Já agora, concordo com as figuras, surpresas e desilusões da semana. Aquele dive do Reigns foi brutal, asism como aquele Spear no Rollins

    Devo dizer que fiquei um pouco surpreendido com aquela promo da Stephanie no Raw no confronto com o Cena, parece me que a WWE está a tentar tornar Cena nalguma coisa, rebaixa-lo e mostrar aos fãs que o Cena não é indispensável, não sei, mas alguma coisa eles estão a tentar fazer

    • José Sousa - há 2 anos

      Eu não acho que estejam a tentar vira-lo heel, pelo menos não para já. Mas que aparentemente estão a dar a impressão que está a entrar numa fase diferente da carreira isso sim, sem dúvida alguma.

      Quanto ás Divas concordo contigo. Não digo que as do Main-roster sejam melhores mas pelo menos as que referi se lhes dessem o tempo suficiente a divisão não estaria nesta situação, disso não tenho duvidas alguma.

      • ShowOff - há 2 anos

        Sim, até porque eu não acredito que Cena alguma vez possa virar heel, principalmente por causa do merchandise que vende, mas também poucos acreditavam que Hulk Hogan o fizesse e foi um dos maiores momentos da história do wrestling. Mas por enquanto não acredito nisso

        Claro, e elas (Naomi e Natalya) têm tido combates e tempo de antena, mas podia ser criada uma rivalidade entre elas e não é. Por exemplo, que tal Natalya vs Naomi na Raw e quem vencesse, juntava-se a Paige, Nikky e Aj por exemplo, num combate pelo título das Divas na Wrestlemania. Não seria mais interessante so que tê-las a fazer de managers numa rivalidade pelos títulos de Tag-Team? Mas pronto, concordo contigo.

        Aquela do Niagara foi brutal mesmo ahaha e todo o segmento em si com o Sandow a confrontar o Miz após a chapada foi muito bom mesmo. Esta rivalidade tem que acontecer mais cedo ou mais tarde, e gostava que o Sandow ganhasse a Battle Royal da WM eliminando o Miz, acho que seria um momento com um enorme pop do público e lançava a rivalidade para próximos PPV’s

      • José Sousa - há 2 anos

        Sim. Tempo de antena têm mas o foco está nos Usos e no Kidd e no Cesaro, elas no final da história são apenas acessórios.

        Mas o Hulk virou porque fazia sentido isso acontecer na WCW, porque assim deram a volta e ficaram mais fortes que a WWE. Nesta altura não existe esse tipo de motivos.

  3. Vitor Oliveira - há 2 anos

    Ótimo artigo, penso que as divas merecem mais oportunidades. Mais enquanto houver o total divas a divisão vai ficar como esta

    • José Sousa - há 2 anos

      O problema não é o Total Divas, ele apenas amplifica os problemas. Ou seja a divisão já estava na sombra muito antes do Total Divas, por isso eles( os problemas) não surgiram por culpa do programa.

  4. Don_Ricardo_Corleone - há 2 anos

    Vou fazer uma afirmação que irá chocar muita gente mas que é a minha sincera opinião: A TNA não tem melhores wrestlers femininas que a WWE. A única diferença entre elas é que a TNA as trata como wrestlers. Prova disso mesmo são a Gail Kim e a Taryn Terrel. A primeira teve sempre grandes papeis na TNA mas na WWE nunca era levada a sério, na última passagem pela WWE só me lembro de a ver aos beijos com o Daniel Bryan. A segunda parecia ser apenas uma cara bonita, nunca esteve num ringue, até chegar à TNA. Se a WWE desse tempo de antena, combates por mais de 5 minutos e storylines decentes, se as tratasse como wrestlers, também teriamos grandes combates.
    A diferença de qualidade que vemos do NXT para a WWE, na minha opinião, nada tem a ver com o público ou com elas, é sim tudo culpa dos péssimos criativos que a WWE tem no main roster e do excelente trabalho do Triple H no NXT. Vemos na Summer Rae, que no main roster nem luta ou na Emma que passou a ser a palhaça da WWE juntamento com o Santino Marella.
    A solução passa por tratarem as Divas como o NXT e a TNA, como wrestlers à séria, separar quem sabe lutar das que não sabem que podem servir de vallets como a Lana, por exemplo, ou serem mesmo retiradas da WWE.
    Tenho de referir a Niki Bella pela negativa, num momento em que fãs e Divas lutam por mais tempo, vir dar uma entrevista a lamber as botas da WWE é lamentável. Provavelmente porque a ela não interessa pois viriam se destacariam ainda mais as suas limitações. Por isso, suponho que seja Give Divas a chance, excepto à Nikki Bella que está contente com combates de 5 minutos.
    Nos destaques da semana tenho de referir que o Bray Wyatt a carregar sozinho a feud é um absurdo, nem vejo o interesse de o Undertaker aparece só an Wrestlemania como têm referido. Perdemos demasiado com isso.

    • BRUNOju - há 2 anos

      Nikki Bella não disse isso. Acho que você se equivocou.
      Ela disse que as Divas merecem mais tempo porém não adianta dar mais tempo se não merecem esse tempo, ou seja não adianta tempo e sim QUALIDADE.

    • José Sousa - há 2 anos

      Eu vou concordar contigo. A WWE se quisesse tinha a melhor geração de lutadoras femininas da sua história, ou pelo menos ao nível das gerações da AE. Falta é claro vontade para isso, porque por exemplo na TNA eu acho aquela Havoc limitada e não é tão fantástica como pintam.

      Sobre o Bray eu concordo, tenho que o elogiar porque ele tem feito muito com essas limitações, mas não faz sentido não termos uma resposta do Taker. Acaba por perder a feud com isso, e mesmo o Brsy fica exposto em excesso.

  5. Pirikito - há 2 anos

    Eu penso que ser Lutador de MMA é mais facil doque PW, pois você fala no ringue com suas habilidades a Rounda é muito talentosa, e se não me engano não perdeu nenhuma luta, somado com sua popularidade é uma combinação perfeita.

    Já no PW a pessoa tem que ter 70% de carisma, e outros 30% em habilidades in-ring, caso contrário o mesmo não fica credível e é isto que aconteceu com a divisão das Divas, la o carisma é muito baixo em relação a Divisão dos Superstar, atualmente só temos 4 divas respondendo por toda divisão (Bellas,Paige,AJ), não sou muito fã das Divas, mas eu gostava muito da época da Beth,Kelly,Laycool,Karma e etc

    • José Sousa - há 2 anos

      Não acho que sejam só quatro. A Nattie com o booking certa poderia ser tipo um “Benoit” feminino, que luta bastante sem ter uma personagem complexa. E as do NXT são tao boas como as Laycool verdade seja dita.

  6. Kauê Souza - há 2 anos

    Belo artigo! Sabe o que eu acho? Posso até estar enganado, mas na WWE eles acreditam que colocando mulheres bonitas, corpos exuberantes pode dar certo. Sei que os tempos mudaram, mas lá pra 2002 à 2006 esse tipo de coisa dava certo, com as divas quase peladas, então pensam… Podemos ter mulheres bonitas, sem serem vulgares, e dá no que dá.

    • José Sousa - há 2 anos

      Como disse acho que a mudança vem da WWE mas também do público, ou seja, a mentalidade também terá que mudar por parte de quem vai aos shows. Mas para isso tem que mostrar que as levam a sério como é obvio.

  7. Victor - há 2 anos

    Excelente artigo.

    Não acho que precisem demitir as Divas menos talentosas, até porque só existem 3 péssimas naquele roster e cada uma cumpre o seu papel. Eva Marie só serve pra fazer dinheiro com o Total Divas, Rosa Mendes é valet do Fandango e a Cameron é a jobber heel.

    Vejamos, temos 14 divas no roster; AJ, Paige e Bellas estão no main event em volta do Divas Title; Natalya e Naomi vem tendo tempo de antena porque estão envolvidas na feud pelos Tag Team Titles, então podem ser considerádas como as “mid carders”; Temos 3 jobbers, Cameron é a jobber heel, Summer Rae a tweener e Emma a face; e temos 5 estagnadas ou que não aparecem a tempos, Eva Marie e Rosa Mendes não sabem lutar, mas esta ultima ainda vale como valet de alguém, Alicia Fox foi para a África em eventos de caridade, Tamina está lesionada e a Layla ninguém sabe por onde anda.

    Agora, sem duvidas que a proxima Divas a subir para o roster principal será Charlotte, e de certeza que terá a ajuda do pai, e tenho um sentimento que vão lhe dar o titulo logo que se estrear, só que ela corre o risco de se tornar uma “Paige” da vida; o primeiro reinado de Paige foi horrível, totalmente por culpa dos oficiais da WWE, mudaram sua gimminick de face badass para uma coisa tão sem graça que ninguém se interessou por ela, as férias da AJ também não ajudaram em nada pois Paige ficou perdida depois que ganhou o titulo.

    Mas não acho que será o caso de Charlotte, pois ela terá ajuda de seu pai que a ajudará a ganhar a confiança do publico, e me parece que a divisão terá mais destaque esse ano, porque o combate de Divas para a Wrestlemania está com um booking sólido até a gora e os combates estão durando mais que 3 minutos.

    Quanto ao NXT concordo inteiramente contigo, Sasha Banks, Becky Lynch, Bayley, Alexa Bliss, Carmella e a recém debutada Dana Brooke terão um grande futuro pela frente.

    • José Sousa - há 2 anos

      No NXT tudo é mais seguro, o problema é como são tratadas no main-roster. Acredita que eu não via esse talento na Charlotte, mas aprendi durante este ano de reinado a respeitar e a ver o talento dela. Sobretudo porque este tempo todo são a ajudou a melhorar.

  8. Hildo - há 2 anos

    Bom artigo José.

    Já faz tempo que é necessário dar chance as divas, mas sinceramente não acho que a WWE queira ou vá fazer, AJ vs Paige ano passado poderia ter sido uma das melhores coisas para a divisão e acabou por decepcionar…

    AJ, Paige, Emma, Natalya, Naomi todas com capacidade de dar facilmente bons combates, mas que não tem o tempo e acabam por fazer combates de 3 minutos em Raws, o problema nao é a divisão, ate porque até as Bellas tem mostrado uma evolução considerável é que a WWE não quer saber da divisão e duvido que vá mudar a mentalidade tao cedo. No fundo ainda tenho alguma esperança, mas não vai ser fácil mudar a mentalidade dos oficiais, pode ter a campanha que for no twitter, no final das contas de nada adianta se na outra semana o público se mantem a mesma coisa durante um combate de divas, quase morto.

    • José Sousa - há 2 anos

      Claro que não. Eu disse o que faria se fosse eu, porque a mudança da mentalidade terá que vir dos fãs e da WWE, não é só da companhia. É algo que poderia ser feito mas como é obvio não acontecerá tão cedo.

  9. Awesome_Mark - há 2 anos

    Artigo interessante apesar de achar, sempre que leio os teus artgigos, que poderias dar um pouco mais sobretudo na forma como estruturas as tuas ideias, que diga-se de passagem, são sempre muito racionais e por a isso há que tirar o chapéu.

    Concordo na maioria do que dizes à exceção da parte em que a Charlotte poderá marcar o arranque de uma nova fase das divas na WWE.Aliás,foi essa a mesma sensação que se tinha aqundo da grande estreia da Paige na noite após a Wrestlamania mas tão facilmente conseguiram sabotar,alguns meses depois,uma das rivalidades com maior potencial de sempre.E quanto a superstars,ainda mais hoje que temos menos títulos do que há uns anos atrás,dificilmente qualquer um dos que andam no NXT conseguirar singrar a não ser que sejam uns fora-de-série (Hideo Itami ou Tyler Breeze por exemplo).

    A adicionar um elemento em cada um dos três tópicos finais,colocaria o Joohnny Stewart que deve ser das personalidades melhor utilizadas no produto nos últimos tempos,como figura da semana;o regresso da AJ Lee como surpresa (para mim foi surpresa,ando meio desatualizado do wrestling);e a ausência de 3 daquelas que se avizinham ser principais figuras da Wrestlamania pela segunda semana consecutiva como desilusão.

    • José Sousa - há 2 anos

      Sim eu disse que ela poderia marcar esse momento, mas tal como tu tenho dúvidas disso. Acho que era preciso uma mudança de criativos no main-roster para essa mudança de mentalidade começar verdadeiramente.

      Tens razão sobre o Jon, eu acho que ele foi dos melhores convidados até de sempre. Não esteve ali a fazer figura de parvo, e o Rollins saiu daquele segmento valorizado como um dos principais heels da WWE e com mais impacto mediático.

      Quanto ao NXT concordo, mas junto o Zayn, Neville, Balor e Owens. Estes quatro poderão ser bem sucedidos, sobretudo os dois últimos, e porque são fora-de-série.

      Sobre os teus reparos agradeço que os faças, assim posso evoluir e melhorar o meu espaço e escrita. E isso é sem dúvida alguma algo positivo.

      • Awesome_Mark - há 2 anos

        Fico contente por não teres levado a mal eheh

        Eu quando falei do Itami e do Breeze referia-me aos não fora-de-série que poderão não ter um impacto assim tão grande no main roster,e junto a essa lista o Neville.À exceção do inglês,não referi qualquer um dos outros nomes por pensar que esses sim vingarão sem dúvidas.

      • José Sousa - há 2 anos

        Eu acho que o Neville andará pelos IC e pelos USA, e alguns Tag em termos de oportunidades, e com um ou dois reinados. Não será é um main-eventer.

  10. Tunes9 - há 2 anos

    Excelente artigo sobre um tema diferente e acho que fizeste bem em aborda-lo, os meus Parabéns.

    Começo por dizer que sou fã da divisão feminina e não é por serem bonitas e atraentes, claro que ajuda e é agradável de se ver mas se fosse essa a razão principal nem me dava ao trabalho de ver os combates e os segmentos e há outros sites e canais onde se pode ver mulheres pela beleza, eu vejo porque gosto de Wrestling e acho que a divisão feminina faz parte desse Mundo e merece respeito e admiração, confesso que embirro com a designação Divas e acho que a divisão devia voltar a chamar-se Women´s division e Womens Championship e essa seria a primeira mudança a fazer se eu mandasse.

    Em segundo lugar é preciso mudar o booking e também a forma como vemos a divisão e em terceiro lugar dar mais tempo para se trabalhar as histórias e também mais tempo de combate e apostar nos verdadeiros talentos da divisão e não em bonecas barbies sem talento.

    Quanto ao resto, na NXT o objectivo é trabalhar os talentos para que eles evoluam e sejam valorizados e promovidos ao Main-Roster, já no Main-Roster o objectivo é lucrar e ter ratings e aí quem manda é o Vince e ele faz o que quer e o que acha melhor para ter mais dinheiro no seu bolso e para ele as Divas não sabem lutar e devem entrar em reality-shows, sessões fotográficas, etc, e devem ter mais destaque noutros sentidos menos no Wrestling e portanto será complicado ter uma divisão feminina credível a baseada no Wrestling nos próximos anos e duvido que a mentalidade mude e assim podem subir quem quiserem da NXT que nada vai melhorar.

    Paige, Summer Rae e Emma eram as caras da divisão feminina na NXT e tinham tão ou mais talento e potencial que as actuais têm (Charlotte, Sasha Banks, etc), no entanto no Main-Roster a Paige anda um pouco à deriva e as outras duas andam sem rumo, quem nos garante que Charlotte e companhia vão ser aproveitadas e ter uma ascensão maior no Main-Roster?? o mais provável é o destino delas ser o mesmo porque enquanto não se alterar algumas coisas na divisão não interessa os talentos que estiverem no roster porque nada se alterará.

    Quanto à AJ, já gostei mais dela e começo a perceber que ela é um pouco sobrevalorizada e só está onde está devido ao seu carisma e ao facto de se ter tornado popular e também as histórias que teve com Superstars e depois como GM foi uma enorme ajuda porque em termos de ring-skills e presença física está longe de ser decente, no ringue não tem assim tanta variação de manobras e as suas clotheslines são abonecadas e não gosto quando vai às cordas a saltitar e demora eternidades, é demasiado fake e acho que se não tivesse tanto carisma e popularidade não seria metade do que é e portanto acho que não é ela que vai fazer a divisão subir de patamar.

    A Paige tem um enorme talento e potencial, é muito jovem e tem muitos anos para evoluir e tornar-se numa excelente “Diva”, tem uma “gimmick” única e interessante, tem presença física e no carisma até é decente, sendo que a nível de ring-skills é de qualidade e como é jovem tem uma enorme margem de progressão para melhorar as suas lacunas.

    AJ, Natalya, Paige, Bellas (sobretudo a Nikki), Naomi, Summer Rae, Emma, Charlotte, Sasha Banks, Becky Lynch, Alexa Bliss, Bayley, Alicia Fox são nomes com talento e acho que podiam fazer uma divisão forte e voltar a despertar o interesse nos fãs que estão desinteressados mas se nada mudar nos “manda-chuvas” nada irá resultar e continuará tudo na mesma.

    Bom trabalho José Sousa. :-)

    • Mr. Money In The Bank - há 2 anos

      Eu também já gostei mais da AJ, até fiquei entusiasmado com o retorno dela no último RAW, mas agora ela não me cativa tanto quanto antes. Já tem quase dois anos que ela esta na rota pelo título, fica parecendo uma espécie de ”John Cena” da divisão feminina. Eu gostaria de vê-la, por algum tempo, fora da rota pelo título, e talvez em uma rivalidade com a Stephanie. Eu até já sonhei com um combate ”mixed” na WM, AJ & CM Punk vs Stephanie & Triple H, mas depois que o Punk assinou com o UFC, acordei desse sonho. Eheh

      • Tunes9 - há 2 anos

        Exacto, além do que disse no meu comentário também acho que está a ter demasiado destaque e tem estado na rota do titulo vezes a mais, acho que outras devem ter uma oportunidade de brilhar.

        Quanto ao combate que falaste, realmente seria interessante mas neste momento é impossível, é pena, eheh.

      • Inzayn - há 2 anos

        eu faria um triple thread: AJ & CM punk vs brie & Bryan vs Nikki & Cena..

      • Mr. Money In The Bank - há 2 anos

        É melhor logo um Fatal 4-Way: AJ & Punk vs Brie & Bryan vs Nikki & Cena vs Paige & Mr. Money In The Bank :) xD

      • Tunes9 - há 2 anos

        Mr. Money In The Bank,

        Mete-me aí no combate, eheh. ;-)

      • Mr. Money In The Bank - há 2 anos

        Eheh, acho que é melhor fazer um tag team turmoil, é muita gente… xD

    • Pirikito - há 2 anos

      Aproveita e coloca tambem no cartel Kidd e Natalia,Naomi e Uso kk

  11. José Sousa - há 2 anos

    Eu concordo em parte contigo. Mas não acho que a Paige esteja á deriva, apenas não demonstra tudo o que demonstrava antes. Não por culpa dela, porque ela de facto é uma das principais figuras da Divisão na mesma por isso na pratica não está totalmente perdida.

    • Tunes9 - há 2 anos

      Quando falei em “à deriva” quis dizer que está com altos e baixos quando podia estar bem melhor e demonstrar muito mais mas até é das melhores no panorama actual e tem tido muito mais destaque que as outras que subiram da NXT, sim, mas claro que não está totalmente perdida e como é jovem tem imenso tempo para evoluir e afirmar-se como uma “Diva” de topo, sem duvida.

      • José Sousa - há 2 anos

        Exacto. Eu também tenho pena que aquela Paige do NXT não apareça, porque a quiseram tornar mais doce e mais light, mas acho que isso toda a gente tem pena claro.

      • Tunes9 - há 2 anos

        Pois, toda a gente que é fã dela deve ter pena mas eu acho que a tendência será melhorar e assim espero porque talento e potencial ela tem e muito.

  12. #UmFãDeDivas - há 2 anos

    Nunca vi um debate sobre a divisão feminina das Divas ! Caraca que louco… Pessoas que realmente se importam com a divisão das divas e veem mais do que Peitos nas Divas. É o seguinte !

    Natalya: Ela era uma BF Fodástica nos tempos de 2010 (Quando era DC), prefiro ela como Heel. Mas tipo uma Heel de verdade, como Beth Phoenix. que pra mim foi a melhor lutadora que passou pelos ringues da WWE depois de 2009. Até por que Mickie James era muito Boa, Victoria, Michelle McCool também. Mas voltando para Natalya. ela podia definitivamente ser moldada como uma Heel digna de uma feud, porque sinto que quando ela está de BF ela se torna ”Infantil” (sei lá algo do tipo kkkkkkk) Natalya sendo valorizada e ganhando destaque SOZINHA como Heel… perfeito !

    Brie e Nikki: Ver elas como as gêmeas iguais heel’s (maior parte da carreira) que trocavam de lugar nas lutas foi bom. Mas ver as duas ganhando destaque separadamente foi melhor ainda, até porque a gente pode lembrar algum dia. ”Ó a Brie, do Brie Mode”. Só que eu acho o seguinte. A Brie pode combinar tanto como Heel como BF. a Nikki pra mim só combina como Heel. (MINHA OPINIÃO) , já deu da Nikki com o título. ela é boa wrestler SIM. só que muita gente não acha, Brie também é muito boa. vejo que elas podem melhorar separadamente. tipo Brie Face e Nikki Heel, as sem se infrentarem até por que já deu também de ”Brie vs Nikki”.

    LAYLA: Gostava dela quando ela era DC. torná-la Face de novo não seria má idéia, mas não jobbar a coitada. e sim Face de qualidade. e sem Summer Rae, até por que ”Laycool” já provou que Layla só combina fazer dupla com mccool, e confirmamos isso com Summer.

    SUMMER RAE: Que raios ela faz no Roster principal????? Ela não luta bem, pelo menos eu não acho. ela tentou ser Maryse, depois tentaram transformá-la em Mccool. como ela é em ringue pra falar a verdade? pra mim ela só está enfeitando. uma diva que se eu mandasse tirava fora.

    PAIGE: Só eu que gosto da Paige do jeito que ela é? Ela é boa e isso não se discute. ela combina melhor com Face, mas ela sabe ser Heel. com mais tempo de luta ela pode mostrar facilmente que domina os dois.

    AJ: (MINHA OPINIÃO) Chega de AJ né?! já deu, ela já mostrou que é boa. eu gosto do jeito que ela luta, e a maneira ”Infantil” faz parte do personagem. prefiro ela agora do que antes (vamos nem lembrar para não passar vergonha). se ela continuar na WWE. vai acontecer duas coisas… 1- A WWE Pode SUPERVALORIZAR ela de novo, dando o título para ela e passar 100000 dias com o título tirando a oportunidades de Divas que merecem… 2- A WWE vai cagar ela de um jeito que o brilho dela vai se acabar.

    NAOMI E CAMERON: Naomi merece ganhar um destaque inividual sim, ela tem uns moves legal. tem umas falhas mas, pode se tornar uma das MELHORES sim. Cameron também pode ser um boa Heel. investindo pesado os treinos e na personagem.

    ALICIA FOX: UMA PUT# WRESTLER…. CARALEEEEOOOOOO !!! ESSAA MUIÉE LUTA DEMAIS… coff coff* me desculpem minha empolgação. é por que eu AMO essa mulher. ela só merece destaque e pronto, por que aquela mulher luta demais. e é LINDA !!! Discordam? analisem as lutas dela de 2010/2011/2014.

    ROSA MENDES: Li uma notícia recente, só não sei se é verdadeira. que ela quer lutar, ela quer espaço no ringue. se trabalhar muito, muito , muito maas muuuuuuuuito pesado nos treinos dela e no desenvolvimento de uma Heel. quem sabe ela não se torna grande também.

    EVA MARRIE: O QUE RAIOS ESSA MULHER FAZ NA WWE? –‘

    TAMINA SNUKA: Ela é uma Snuka e isso já basta… ela é um grande wrestler e admiro muito ela. teve um dos melhores combates ao lado de Beth pelo titulo das divas.

    RESUMINDO !

    Tirar a Eva Marrie e a Summer da WWE !

    Se… SE… SE… eu disse SE… a WWE trabalhasse nos treinos e Aperfeiçoassem todas essas divas que citei dando uma trabalhada tanto nos personagens como nas performances em ringue. Uma nova divisão seria montada e valorizada facilmente. enquanto a Charlotte e EMMA. Charlotte é boa, mas se a WWE focasse mais no roster principal eles não tinham por que ficar trazendo nxt divas. EMMA virou como as pessoas ali falaram a palhaça da WWE. não queria que Charlotte entrasse no roster principal, porque se o roster principal fosse mais valorizado charlotte não iria fazer diferença estando ou não. mas se ela entrar será bem vinda. se a WWE Não cagar ela é Claro.

    • Mr. Money In The Bank - há 2 anos

      Eu também gosto da Paige do jeito que ela é, seja heel ou face. Mas ela disse uma vez no podcast do Chris Jericho, que prefere ser heel.

    • José Sousa - há 2 anos

      Talvez sim. Eu não acho a Summer tão má como dizes, ou seja a Cameron é bem pior actriz e wrestler que a Summer. E basta veres a Summer do NXT que se percebe facilmente isso.

      • José Sousa - há 2 anos

        Já agora tem existido vários artigos sobre a Divisão Feminina, nomeadamente o Visão Feminina da semana passada, e já tivemos um espaço no site totalmente dedicado á divisão.

      • Mr. Money In The Bank - há 2 anos

        *Opinião Feminina :)

      • José Sousa - há 2 anos

        Tens razão fiz um Botch. Também vou entrar para a Botchamania

      • Anónimo - há 2 anos

        A WWE Não precisa de mais loiras… e sim de NEGONAS !! :):) kkkk brincadeira… sem maxismo(machismo, sei lá kk) Já analisei.. vi a Summer rae da Nxt Mas mesmo assim não me impressionei. me refiro o fato de Cameron ter sido a sombra de Naomi há tanto tempo que não conseguiu ganhar destaque. Ela deveria sim receber uma atenção pesada nos treinos e no desenvolvimento de uma feud. :)

  13. Inzayn - há 2 anos

    Achas que deveria ser dada uma oportunidade às Divas? Se sim que nomes apostarias e porquê?
    Claro que deve ser dado. A aposta antes de qualquer nome tem a ver com o tempo de antena e qualidade… do que vale subir charlotte ou sasha para ter 30 seg no main roster?! Vimos neste ultimo smackdown com tempo um combate bastante agradavel entre Nikki e AJ (estao alguns a dizer mal dela, mas o que se passa é que ela esta a re-ganhar ritmo de competiçao, ela parecia um pouco enferrujada). Mais combates e historia de qualidade com tempo o pessoal interessa-se. Se o Vince nao quer no Raw, deem destaque no smackdown como estao a fazer com o titulo intercontinental.
    Outra mudança seria em direto na tv pegava no divas champ e deitava-o no lixo com uma afirmaçao que as divas era acabou, traria o women champ de volta para marcar um nova era… Existe talento de sobra no main roster.
    Charlotte pode dar a volta principalmente por causa do nome: Flair. Poderiam pegar nisso e criar feud… fazer como fizeram no Nxt e meter charlotte e Natalya no ringue com Flair e Hart nos cantos para começar…
    Sasha Banks tem td para ser heel de topo, ela tem td talento, carisma e entrada em ringue…
    Se n querem saber das divas, pk n entreguem a divisao aos bookers do Nxt?! Era já…
    É que a wwe conseguiu destruir 2 divas: Emma e Summer Rae onde no Nxt tinham bons combates e trataram-nas como anedotas e nunca mais conseguiram sair disso. Fox com os seus 23424 turns. Natalya sem destino nem um reinado lhe dao de jeito a uma das melhores de sempre.
    Como esta o main roster Bailey nao pode subir(!!!) pk com esta gymnick é enterrada…
    Resumindo no Raw apos wrestlemania, para começar metia um sasha banks vs Charlotte NXT style, voces iriam ver que o pessoal começar a ver a divisao com outros olhos…

    Concordas com as figuras, surpresa e desilusão da Semana?
    -Falta o Jon stewart como destaque.
    -surpresa/desilusao é a wwe com Daniel bryan sem rumo ou combate ainda na Wrestlemania (intercontinental? Sheamus?)
    -Surpresa: um noticia que li onde vince ja nao teria confiança em si…

    • José Sousa - há 2 anos

      Exacto. Foi o que eu disse há num comentário, ou seja a Summer não é má o problema é que no main-roster não tinha personalidade e no NXT tinha. O resultado final é claramente um desastre no main-roster porque não a desenvolveram em condições.

      Quanto á Emma concordo, porém e como voltou ao NXT talvez a WWE esteja a pensar fazer algo tipo Tyson Kidd com ele e isso poderá resultar.

  14. Valugi - há 2 anos

    Olá José Sousa fico feliz que você está tratando sobre esse mundo do Wrestling feminino, eu particularmente fico muito feliz de ver a situação da NXT que já alguns anos vem valorizando a divisão feminina, seja com Paige e Emma, seja com Charlotte e Sasha Banks, e mais feliz ainda que a maioria delas são provenientes do circuito independente, coisa impensável há vários anos atrás na principal companha de wrestling do mundo.

    Fico na torcida que os booking do roster principal, vejam essa campanha e aconteça essa valorização com combates mais longos, utilizando os bons nomes da companhia tanto no roster principal como na NXT, e quem sabe a contratação de novos nomes do circuito independente.

    • José Sousa - há 2 anos

      Concordo contigo, mas uma vez mais digo que eu falei disto numa situação ideal porque como é obvio isto não vai acontecer tão cedo. Infelizmente mas enquanto estiverem estes criativos á frente da Raw duvido mesmo que a mudança aconteça.

  15. Miguel Carlos - há 2 anos

    Bom artigo, José. Acho que as divas deveriam ter mais espaço no main-roster. Com um pantel com AJ, Alicia Fox, as Bellas, Emma, Layla, Naomi, Natalya, Paige, Summer Rae, Charlotte, Sasha Banks e Bailey, está na altura da WWE apostar nas mulheres. Eu gostava que se fizesse uma fued entre a AJ e a Paige, com a inglesa como heel a ser protegida pela Stephanie, que culminasse na WrestleMania.

    • José Sousa - há 2 anos

      Porque não. Mas desta vez tudo bem feito claro, porque a primeira feud AJ e Paige falha por causa de um booking feito de modo desastroso.

  16. Mr. Money In The Bank - há 2 anos

    Seria interessante se a WWE utilizasse managers para as divas, como por exemplo, uma diva com uma gimmick de patriota, semelhante ao Jack Swagger, para ser auxiliada pelo Zeb Colter.

    E também criar stables, juntando divas e superstars, como por exemplo, uma stable inglesa, com Adrian Neville, BNB e Paige.

    Juntando divas com superstars pode dar resultado, foi assim que a AJ ficou popular, beijando quase todos do roster. Então, quem sabe…

    • Control - há 2 anos

      A questão é que a WWE nunca deu atenção para a divisão feminina principalmente no quesito combate como vemos até hoje.Essas coisas que vc mencionou poderiam até ajudar mas acho difícil que façam algo do tipo,ou quando fazem é apenas para uma diva como vc citou a AJ nunca é algo que beneficie a divisão como um todo ,o resto do card continua na mesma.

    • José Sousa - há 2 anos

      Pois não sei. Talvez ajudasse uma Diva ou duas, mas a divisão apenas com mais tempo de antena como é óbvio.

    • Inzayn - há 2 anos

      tu tens agora Natalya e Naomi nessa situaçao… será que vai ajudar?! oi mais treta para o total divas?!?

      • Mr. Money In The Bank - há 2 anos

        Mas talvez nem Naomi e nem Natalya recebam algum push pelo título depois disso?!?

        Treta para o TD não é, até porque a Naomi saiu do programa.

      • José Sousa - há 2 anos

        Exacto. A Naomi está com destaque por ser mulher de um dos Usos, e ela até tem potencial se conseguir emendar os seus botches.

  17. MR Perfection André Santos - há 2 anos

    Excelente tema.

    Achas que deveria ser dada uma oportunidade às Divas? Se sim que nomes apostarias e porquê?
    A charlote é aquela que “salta logo a vista”, e defendo que deve ser ela a liderar uma possível nova fornada , ou melhor, um lider da divisão, pois apesar de AJ lá estar, não me parece ser ainda uma lider.

    Paige desiludiu-me muito, mas talvez tenha sido influenciada para ficar no que está. Já AJ parece que perdeu o papel de irreverente. Por estas razões, e por ser fantástica em ringue, charlote deve ser ela a cabeça de cartaz. Não esquecer a Sasha, que está no mesmo patamar da filha de Flair.

    Concordas com as figuras, surpresa e desilusão da Semana?

    Apesar de não ter seguido muito o wrestling esta semana, destaco a vitoria do Rollins sobre o Reigns.Sim foi com ajuda, mas já estava a chatear vê-lo perder contra wrestlers com o mesmo estatuto.

    • José Sousa - há 2 anos

      E sobretudo a Charlotte tem o facto do pai poder ajudar, não que ela deve ser importante por causa do Flair mas que ele poderá proteger lá isso é verdade. Até porque até ela não é o protótipo de beleza que a WWE vem a promover.

  18. Jonh #1 - há 2 anos

    Bom artigo José!
    Acho sem duvidas que sim as divas merecem mais tempo/mais oportunidades para realmente fazerem a divisão mais poderosa e mais credível.
    Eu sem duvida que daria uma oportunidade a divas como: Alicia Fox, Emma, Summer Rae pois realmente merecem, são divas com qualidade e carisma suficiente para fazer uma boa feud e acho que se levarem um puxe iriam realmente brilhar.
    Já no NXT as divas são muito bem tratadas a nível de tempo ou seja tenhem mais tempo para puderem mostrar uma qualidade de wrestling que não é possível ver no Main Roster.
    Sem duvida que para mim a melhor diva no NXT é Sasha Banks e é incrível ver como ela melhorou em tão pouco tempo, não deixando de dizer que a Charlotte é uma excelente wrestler e que merece subir ao roster principal pois acho que com a subida desta ultima a divisão irá realmente fortalecer bastante,esperando que não aconteça como a Emma que no NXT fazia combates muito bons e agora perde um combate em 1 minuto. Resta-me dizer que este movimento do Give Divas a Chance faça com que a WWE comece a dar mais valor a divisão feminina não passando de uma simples conspiração.

    • José Sousa - há 2 anos

      Eu sinceramente espero que sim mas não acontecerá isso tao cedo, acredito que a mudança a acontecer demorará bastante tempo a ocorrer.

      • Jonh #1 - há 2 anos

        Sim eu também concordo que esse processo irá ser demorado mas pelo menos que aconteça!
        Em relação se concordo com as figuras,surpresa,e desilusão da semana que me esqueci de referir no comentário anterior, concordo com todas mas vou aproveitar para mostrar o meu desagrado em relação ao Barrett pois como campeão intercontinental tem vindo a perder combates nas ultimas semanas o que faz com que o seu reinado se vá desvalorizando ou seja enfraqueça pois este é um lutador bastante talentoso, e é pena vê-lo a perder semanas consecutivas.

      • José Sousa - há 2 anos

        Eu sobre isso falarei mais em detalhe para a semana, porque irei fazer uma edição dedica ao IC e ao USA. Mas o que posso dizer de forma rápida é que o Barrett possivelmente estará a três semanas de perder o titulo e não tem credibilidade alguma. Aliás, ninguém se acredita que ele vença o Ladder da WM.

  19. Vinícius Nunes - há 2 anos

    Olha José, é um tema polêmico, pois eu acho interessante que o NXT tenha mostrado que é possível termos bons shows com muito destaque as divas, o problema é que eu não sei se no roster principal poderia funcionar, mesmo eu vendo qualidade em algumas delas como Alicia, Nikki, AJ, Paige, a Charlotte (essa subiu não foi), a própria Emma… O problema é que não só as divas são um problema, o roster principal ainda tem diversos problemas ainda mais importantes, como por exemplo o caso dos part-timers que cada vez têm mais protagonismo ao longo dos anos ou vários nomes repetidos (Show, Cena, Kane, Orton…) com destaque em excesso, enfim, acho que é importante dar uma chance as divas, pelo menos aquelas que possuem qualidade, mas eu acho que a WWE tem muitos problemas que poderiam ser solucionados caso eles olhassem mais pro NXT…

    • José Sousa - há 2 anos

      Sim nisso tens razão. A WWE teria que usar melhor o talento que tem e dividir o tempo de algumas rivalidades e talentos entre Raw e Smackdown para dar mais oportunidades às Divas. Lá está neste momento seria urgente que a Smackdown aos poucos tivesse mais impacto para este tipo de situações.

  20. Fábio Peres - há 2 anos

    Seria maravilhoso que as Divas tivessem mais valor como wrestlers do que como modelos e mulheres bonitas, mas acho que todos estão se esquecendo de que o que move a WWE, mais do que a capacidade em ringue, é o vil metal, a grana, que depende principalmente do mercado para quem eles vendem em tempos de PG Era.

    Sendo mais específico, será que as wrestlers femininas geram lucro, ou será que o que vale a pena é mesmo investir nessa dualidade entre as lutas e a estória da carochinha chamada “Total Divas”, que é onde estão expondo, de fato, as mulheres da companhia? Notem, o programa reservado às Divas passa no canal E! norte-americano, que vive de passar futilidades 24 horas, ainda que se insista, via Twitter ou qualquer outro meio, em passar as mulheres como algo que tenha conteúdo, e não forma (o #AskHerMore foi bem menos comentado do que o vestido preto e azul que a Kim Kardashian divulgou no seu instagram).

    A grande concessão que se pode fazer, em termos de liberdade feminina, é botar a A.J. para arrasar no ringue, juntamente com a Paige “sou rebelde e luto na WWE”. Entretanto, do outro lado o carisma das gêmeas faz diferença, principalmente quando se trata de fazer render dinheiro – a patricinha Nikki e a casadíssima Brie não são as melhores no ringue, mas fazem direito seu trabalho fora dele, e talvez por isso tenham tanta exposição na “mídia” da companhia.

    Não deveria ser assim. Mas é, principalmente porque dá dinheiro.

    • José Sousa - há 2 anos

      Claro. Mas isso até nos homens acontece e sempre acontecerá , e sempre foi. Não basta seres o melhor tecnicamente tu tens que ter impacto junto dos fãs, caso o contrário não apostarão em ti.

  21. Diogo7 - há 2 anos

    Excelente artigo.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador