Smoke and Mirrors #179 – What is Fake?

Esta semana o mundo do wrestling parece viver o choque da nova entrevista de CM Punk, na qual ele referiu que viveu num “mundo falso” durante o período em que esteve no Pro Wrestling, e embora perceba o ponto de vista dele não consigo concordar totalmente com ele. Claro que consigo perceber que ele já não ame o wrestling devido aos acontecimentos que precederam a saída dele da WWE, e percebo que fique amargurado e com razão por nunca ter tido um main-event de Wrestlemania, porém ele não pode dizer que não foi tratado como nome importante na WWE porque na verdade foi.

Se ele não foi tão grande como podia ter sido? Talvez sim. Ele podia ter sido a cara da companhia sem dúvida alguma, mas o facto de ser a segunda cara não fez dele menos importante na WWE, se virmos bem o Macho Man também era o segundo face na altura dele e nem por isso não era importante e influente. Aliás, o próprio Punk acaba por se contradizer nesta entrevista porque refere que era dos poucos com influência criativa na WWE, apesar da última decisão ser sempre do Vince.

Porque se ele não fosse importante na companhia ele não teria essa margem criativa, e ele sabe perfeitamente que o número de pessoas com esse poder na WWE é muito pequeno. Claro que ele não mudou a visão da WWE tal como pretendia, mas apesar de tudo (e apesar da ideia-base não incluir o Reigns) ele teve uma enorme influência na formação dos Shield, e isso é prova clara que o Vince ouvia as sugestões do Punk. Aliás, não é segredo nenhum que o Vince e o Punk tinham uma óptima relação, com trocas constantes de ideias criativas.

Sem dúvida que os últimos dois anos do Punk na WWE foram um verdadeiro calvário de lesões, onde a companhia abusou dele ao forçar a sua utilização até ao ponto que ele não suportava mais a dor e a sua situação na companhia. Porém, chamar mundo falso a uma vida de 15 anos é muito forte, e é injusto para esse mundo e para os fãs que criou nessa realidade, porque são esses os seus principais aliados na sua entrada no UFC, ou pelo menos seriam à partida.

Além que chamar falso e ilusão a uma realidade que o colocou onde está agora é um pouco arrogante, e é porque acho que nenhum de nós duvida que se ele não fosse importante onde foi nunca seria chamado para a UFC, sobretudo nesta idade. Ou seja, a UFC quer o Punk porque ele será um Draw de dinheiro, e isso acontece porque ele foi um wrestler relevante e é por isso que chamar ilusão ao mundo que viveu durante anos é grave, até porque ele sabe que o wrestling não é “fake” e essa foi uma luta que ele travou durante anos desde dos tempos na ROH.

Mas ainda mais importante do que isso é o facto que ele desiludiu muitos fãs dele e de wrestling com estas afirmações, e isso colocou-o com ainda mais oponentes para o primeiro combate na UFC. O que pretendo dizer é que ele insiste que esta é a nova vida e realidade dele, bem se é ele precisa de provar que merece estar lá e ripostar o hype que está a criar. Porque caso o contrário terá grande parte do mundo do UFC a festejar a sua derrota, assim como alguns fãs de wrestling que duvidam do seu sucesso na nova aventura igualmente desejosos de o ver a falhar.

Se esse é o meu caso? Não, obviamente que não, porém não deixo de admitir que enquanto fã de wrestling fiquei um pouco triste com as palavras do Punk. Porque muito embora perceba o contexto na qual as profere, e os motivos a verdade é que ele não ganha nada com esta atitude tão amargurada, muito pelo contrário ele conquista ainda mais adversários e ao contrário da WWE e do wrestling esses adversários serão impiedosos com as suas performances na chamada” luta a sério”. Até porque dificilmente terá o mesmo sucesso lá que o Lesnar teve, e por isso e apesar de perceber o motivo da revolta, ele deveria admitir a importância do wrestling no salto para o UFC, tal como outros admitiram e não renegam as origens quando abandonam o wrestling para “mundos” mais lucrativos.

Mas sobretudo o que me deixa um pouco desiludido é o facto de ele ter utilizado o chavão do “Wrestling é falso” só para magoar alguns fãs do wrestling, porque não tenho dúvidas que o fez intencionalmente. Porém, ver alguém que considero uma lenda do wrestling tentar difundir a ideia que este é falso ou encenado e que por isso é um mundo falso e ridículo parece-me excessivo. Isto porque existem tantos mundos falsos como o cinema, a séries televisivas etc, e nunca reflectimos sobre isso quando assistimos, nem sequer são vítimas de tantos ataques como o wrestling sofre por esse facto.

Claro que todos nós percebemos que está ofendido, e isso foi visível na entrevista no Podcast do Colt Cabana, porém a atitude na mais recente entrevista de promoção para o UFC foi excessiva no que diz respeito à sua postura em relação a um “desporto” que o colocou onde está agora. Depois e apesar de ser um desporto de combate, e por isso com contacto real e sem “coreografias”definidas a verdade é que o UFC está longe de ser um desporto limpo, ou imune a situações de resultados ou performances combinadas, ou mesmo de pré-definição de storylines.

Porque se fosse tudo uma questão apenas de mérito então deveriam ser sempre os segundos do ranking ( nº1 contenders) a defrontar os campeões, mas todos nós sabemos que por vezes algumas trocas de palavras falam mais altos e criam combates que valem mais pela rivalidade do que pelo mérito desportivo. Não que se assista a situações onde os últimos do ranking têm oportunidades pelos títulos, mas a escolha dos combates não é inocente e é pensada tendo em conta vários factores.

Como é óbvio os oficiais combinam lutadores mediante estilos de luta que poderão ser similares ou divergentes, mas o importante é que sejam atractivos do ponto de vista do espectáculo que é pretendido. Mas não é só os estilos, nem as rivalidades que influenciam as decisões de marcar determinados combates, e essas nem sempre são feitas com base em escolhas meramente de mérito desportivo.

Vejamos alguns exemplos recentes como é o caso do combate McGregor e José Aldo, onde o campeão irá defender o título em Julho num PPV, e o ambiente que se está a criar para este combate é de uma rivalidade tal como aconteceria no Pro Wrestling. Este combate têm tido uma enorme promoção por parte do irlandês que promete vencer o título ao brasileiro, e não se tem poupado a provocá-lo com palavras e com uma atitude de badass, típica dos lutadores irlandeses, chegando ao ponto de ” roubar” o titulo.

E muito embora não seja tudo totalmente combinado, não deixa de ficar no ar que esta será a altura em que McGregor irá conquistar o título e continuar invicto na UFC, até porque ele é dos lutadores mais lucrativos e mediáticos da companhia. O que quero dizer é que mesmo não sendo combinado, a sensação é que existirá uma pressão enorme para que ele vença e isso acabará por fazer com que isso seja o resultado final.

E este é apenas um exemplo de situações onde a UFC apesar de não ser coreografada, acaba por estar sujeita a pressões que condicionam os resultados finais. Não quero dizer com isto que isso seja algo constante nessa modalidade, apenas que ela não é imune a situações em que o resultado final acaba por ser o que é “melhor para o negócio”, e isso implica situações um pouco menos limpas no que diz respeito à verdade desportiva.

O que quero dizer é que o Wrestling não é uma modalidade desportiva de alta competição, mas não deixa de ser uma competição. Claro que por vezes chega à meta quem interessa à companhia e não quem tem mais talento, mas isso é algo que podemos encontrar com regularidade em qualquer local porque nem sempre impera a lógica meritocrática. E por isso é errado afirmações que promovam banalidades, e uma visão de um mundo completamente destorcida, e não deixa de ser irónico isso acontecer no momento em que Ronda Rousey poderá estar a fazer uma ponte entre as duas companhias.

Sendo que isso é mau quando é feito por alguém que conhece esse mundo por dentro, e que embora esse conhecimento lhe dê um maior poder de argumentação e critica que a qualquer um de nós, não lhe dá é o direito de destruir esse mundo com opiniões que não são de todo as mais acertadas. Tudo isto quando surgem igualmente textos jornalísticos nos USA a criticar a ESPN por ter dado cobertura à Wrestlemania, com a base que acompanharam um evento da mesma veracidade que um jogo dos Globetrotters.

Porém, esta visão mais destorcida do que é o Wrestling por parte de alguns media mais mainstream dos Estados Unidos já não é novidade, e por isso não é surpreendente que o vejam enquanto algo falso e um fenómeno que deve ser desvalorizado publicamente. Mas lá está, eles não desvalorizam o Cinema ou as Séries de Televisão, e tal como estes, o Wrestling por vezes também conta boas histórias e cria emoções junto dos seus espectadores. E essa ligação não é falsa, tal como as emoções que os fãs e os wrestler sentem, porque essas por mais que sejam na maioria das situações encenadas, acabam por ter momentos onde a máscara cai e a verdadeira personalidade do atleta acaba por se revelar.

Por isso, sim o Wrestling é encenado, mas é tudo menos falso só porque conta histórias ficcionadas através de combates, segmentos e promos. E tal como outras formas de entretinimento ficcionado têm boas histórias e más histórias, tal como tem bons e maus actores. Ou seja, claro que não é competição pura como o UFC mas não é por isso que é menos cativante quando é bem apresentado, e por isso é que vejo as afirmações do Punk não como alguém ingrato, mas sobretudo amargurado com o Wrestling e só espero que um dia ele faça as pazes com o mundo que lhe deu oportunidades fora dele.

É desta forma que concluo esta edição do Smoke and Mirrors, que desta vez abordou um tema que foge ligeiramente à análise de feuds ou wrestlers actuais, mas nem por isso penso que é um tema pouco pertinente. Para a semana este vosso espaço regressa para a antevisão do PPV que marca o arranque da nova season da WWE: O Extreme Rules.

Perguntas da Semana

Qual a tua opinião sobre a visão actual do Wrestling do CM Punk?

Consideras o Wrestling “falso”? Ou pensas que existe igualmente “jogo sujo” na UFC?

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Smoke and Mirrors”.

55 Comentários

  1. reigns one versus all - há 2 anos

    Excelente artigo,José.
    Antes de comentar,quero dizer que escolheste um tema muito pertinente e no qual tenho muito para dizer.
    Acho que o CM Punk saiu magoado em termos psicológicos e físicos com a WWE,e a partir dai ganhou “ódio”(acho que se pode chamar assim)e por isso tem andado a dizer estas coisas.
    Só que ele revoltou-se contra o wrestling,quando pelos vistos foi só a WWE que o tratou mal,segundo os seus relatos desde que saiu da companhia.
    Acho que uma pessoa que dedicou tantos anos ao wrestling de um momento para o outro o vê como falso,e para um fã de wrestling não é fácil ouvir isto da boca de um dos melhores wrestlers da historia recente da WWE.Ele esta a ser ingrato com a WWE,por foi lá que se deu a conhecer ao mundo.

    Para mim o wrestling é um espetaculo brutal que tenho sempre vontade de assistir,apesar de saber que é coreografado,não falso.

    • José Sousa - há 2 anos

      Exacto e como eu disse. O Cinema e as Séries, também são encenados e no entanto ninguém para tanto tempo para analisar isso, ou pelo menos de modo tão depreciativo como fazem no caso do wrestling.

      • reigns one versus all - há 2 anos

        Concordo por isso é que eu prefiro ver um bom show de wrestling do que ver filmes que em certas vezes mais de metade do que lá aparece é ficção.
        Quanto ao Punk,acho que ele nunca ouviu a expressão:
        Não se cospe num prato onde já comeu ou algo parecido com o que escrevi.

      • José Sousa - há 2 anos

        Eu gosto de ver filmes. Porém quando vejo não estou a reflectir se é ficção ou não, apenas vejo-o sem problemas alguns.

  2. Frederico_WWE - há 2 anos

    “Além que chamar falso e ilusão a uma realidade que o colocou onde está agora é um pouco arrogante”… 100 % de acordo!

    Dizes que com estas declarações ele desiludiu muitos fãs que gostavam dele… só desiludiu quem estava iludido com ele… eu disse mal após a saída dele que ele virou costas aos fãs e foi um mau profissional e que no fundo está a mostrar o verdadeiro palerma egocêntrico que é… se eu gostava muito dele? Sim gostava… mas as atitudes das pessoas fazem mudar a forma com que as vemos e as respeitamos e para mim neste momento tenho 0 de consideração por ele.

    Arrisco a dizer que neste momento os fãs que ainda gostam dele… não podem gostar de Wrestling… simplesmente não faz sentido gostar de uma pessoa que fala mal de uma modalidade e continuar a gostar ao mesmo tempo da dita modalidade… depois daquilo que este senhor disse continuar a respeitá lo é pedir o impossível!

    Virou se o feitiço contra o feiticeiro… admito mas lá está as pessoas mudam e por exemplo eu passei a ter uma estima por exemplo pelo John Cena muito maior do que aquela que tinha e porquê? Porque se é verdade que me irrita o exagerado e sucessivo numero de reinados que o homem tem… por outro se olharmos para isto como adultos e gente séria e honesta… a realidade é que o Cena se calhar também está onde está porque é um verdadeiro exemplo de alguém leal à WWE e um trabalhador que seria incapaz de vir cá para fora falar mal da WWE… e isso é algo que todos devemos admitir… até eu que nunca pensei em dizer isto mas porque era uma criança tola e não via as coisas como vejo agora… tenho outra noção das cenas…

    “Punk es una mierda”!

    • danielLP21 - há 2 anos

      “a realidade é que o Cena se calhar também está onde está porque é um verdadeiro exemplo de alguém leal à WWE e um trabalhador que seria incapaz de vir cá para fora falar mal da WWE…”

      Então agora não se pode falar mal da WWE? Não concordo nada com isso. O que acho é que o Punk, nestas últimas declarações, abrangeu o Wrestling em geral, como modalidade, e não a WWE, que nem se assume como uma empresa de Wrestling – tanto assim é, que chama à IWC “Internet Sports Entertainment Community” e não Internet Wrestling Community.

      Além disso, acho que o Punk, como lutador de MMA, está agora “do outro lado”, daí que esteja a tentar ganhar algum respeito e talvez credibilidade por quem, fazendo parte dessa indústria, o possa olhar de lado e duvidar das suas capacidades. Não diria que seja “dar graxa”, mas talvez esteja a tentar provar que “cabe” no mundo das MMA.

      Olha, faz-me lembrar quando o Witsel saiu do Benfica para o Zenit e disse que o clube russo é maior do que o Benfica… É óbvio que ele não pensa assim, mas como agora é o Zenit o seu patrão, tentou agradar-lhes logo de início.

      Percebo, ainda assim, quem ficou chateado com as declarações do Punk, embora a meu ver isto lhe vá passar, e um dia até o podemos voltar a ver na WWE. Acredito plenamente nisso.

      • Frederico_WWE - há 2 anos

        Percebo o teu ponto… mas quanto a mim o Punk tem sido desilusão atrás de desilusão… chegou a falar mal de colegas de profissão convém também lembrar algo que o Jericho depois veio desmentir em relação ao Ryback… e sinceramente eu consigo acreditar muito mais no Jericho como homem/pessoa do que o Punk.

        Enfim é uma sucessão de coisas e para mim o Punk no fundo cospe no prato onde já comeu e isso é tão feio fazer… ele abrange o Wrestling em geral mas infelizmente Wrestling é WWE… o resto não existe para 85 % de grande parte das pessoas… portanto ele quando fala a meu ver é sem dúvida para a empresa de Vince McMahon… não consigo ter dúvidas quanto a isso… e mantenho a opinião que não é possível ter respeito por um homem que critica algo que nós gostamos.

        Imaginemos amanhã ou depois o Gaitán falar mal do nosso Benfica… todo o respeito que conquistou dos adeptos perdia se e era óbvio que não o queríamos ver mais na frente… tal como os Sportinguistas não querem saber do Simão Sabrosa para nada… quando ele um dia diz que em Portugal só jogava no Sporting porque devia tudo ao Sporting e em dada altura em 2001/2002 refere que prefere o Boavista campeão em vez do Sporting… depois resulta a célebre frase “formaram um jogador mas falharam em formar um homem” enfim a vida é isto as pessoas têm que saber aquilo que dizem… da forma como dizem… e a quem dizem as coisas sob pena de ficarem mal na fotografia… e o Punk tem ficado tão mas tão mal na fotografia.

      • José Sousa - há 2 anos

        Mas lá está por mais que o Punk tenha coisas contra a WWE e tem direito de ter, a verdade é que sem ela ele não estava no UFC. Ele vai para lá porque sabiam que isto ia acontecer, ou seja estas polémicas dão debate e dinheiro, e é isso que a UFC quer do Punk, e não um dos melhores lutadores.

    • Tibraco - há 2 anos

      “e mantenho a opinião que não é possível ter respeito por um homem que critica algo que nós gostamos.”

      Portanto, supondo que o meu pai é sportinguista e critica o Benfica, eu não vou poder respeitar o meu pai apenas porque ele se atreveu a criticar algo que eu gostei. Mais, nós só podemos respeitar quem concorda com todos os nossos gostos. Pá, eu gosto de Coldplay. Se alguém me diz que não gosta da banda, obviamente irei logo cortar relações com essa mesma pessoa.

      Essa tua frase faz todo o sentido, parabéns.

      • Frederico_WWE - há 2 anos

        Lá estás tu a querer implicar… e a tentar colocar na minha boca algo que eu não disse… e a tentar puxar um assunto que não tem nada a ver porque são coisas diferentes e com dimensões diferentes umas das outras… mas não te preocupes que neste momento como alguém dizia “não estou nem aí”… a minha vida não é alimentar discussões de telenovelas mexicanas.

      • Tibraco - há 2 anos

        Não é implicar, é contradizer algo que disseste.

        Não coloquei palavras nenhumas na tua boca. Citei uma frase tua e dei exemplos que demonstram o quão errada está essa tua tese. Tu, pelo contrário, ficas-te por um vago “são coisas diferentes”. Quando não são, como é lógico.

        Eu gosto de responder aos teus comentários porque às vezes até é divertido. Tu gostas de vir dar as tuas opiniões mas quando alguém te contradiz és incapaz de sustentar o que dizes. Simplesmente porque não consegues. Então ya, é fixe ver as desculpas que arranjas.

        Mas hey, se estiveres com paciência para justificar a barbaridade da tua primeira frase, eu agradecia.

      • Frederico_WWE - há 2 anos

        Tibraco… vamos então ao exemplo do pai que é sportinguista e critica o Benfica… posso te garantir que se alguém criticar algo de que gosto seja pai, avós, padrinhos, tios, primos sei lá… eu vou colocar aquela pessoa de parte… sei lá sou assim se sentir que há alguém que não me respeita de certa forma então eu também não posso respeitar… independentemente do grau de parentesco que essa pessoa tenha comigo… se formos por ai quantos casos não há por esse país e por esse mundo de pais e filhos que se dão mal por divergências e por formas de pensar diferentes… chega se ao ridículo de ver raparigas a levar uma roupa e depois chegam aos clubs e trocam de roupa na casa de banho… porque se saírem de casa “despidas” vão ter problemas… enfim há de tudo… esta questão do respeito entre pais e filhos é uma linha muito ténue… o que mais há é conflitos para aí.

        Se o teu pai supondo fizesse uma crítica construtiva é uma coisa… criticar só porque sim e consequentemente embirrar contigo… daria origem no meu caso a virar lhe costas… tipo eu sou assim não sei.

        Não se trata de cortar relações com uma pessoa… trata se de essa pessoa respeitar te tal como tu a respeitas… e quando isso não há a meu ver a relação torna se insustentável… e no caso do Punk o raciocínio a fazer é que quem ama a WWE e digo amar porque quem vê Wrestling há vários anos já pode falar em paixão… portanto quem ama a WWE não pode respeitar quem a critica porque assim sou mt incoerente… vamos imaginar que eu amo uma rapariga e alguém a critica… é possível eu respeitar quem falou mal dela ou quem a fez mal? Então pronto… a vida é dar e receber e podem dizer que não mas toda a gente pensa desta forma “cá se fazem cá se pagam” toda a gente é assim porque isto tá no sangue de cada um de nós… o ser humano é “vingativo” por natureza… acredito 100% nisso que tou a dizer.

  3. João Tavares - há 2 anos

    Cara vc so tentou se apoiar a outros alicerces do wrestling como a relação com o fã e etc;Mas enquanto á LUTA que é o que o punk e até mesmo o brock lesnar disseram é falsa.

    • José Sousa - há 2 anos

      Com todo o respeito nunca vi o Brock a ser agressivo em excesso com o Wrestling, aliás ele nunca negou que veio de lá nem a sua importância. O mesmo posso dizer do Rock, que como actor nunca negou as suas origens, e poderia facilmente faze-lo devido ao sucesso que adquiriu.

      O Punk pode criticar a postura da WWE para com ele, o wrestling propriamente dito fica-lhe mal porque é essa realidade falsa que lhe deu a oportunidade de estar na UFC.

  4. Mr.Cenation - há 2 anos

    Ja nao fazes os supresas da semana ,destaques ,desilusao etc ?

    • José Sousa - há 2 anos

      O artigo passou por uma reformulação para diminuir o seu tamanho que visto que este era extenso em demasia. E desculpa se não comuniquei isto anteriormente tanto a ti como aos restantes leitores.

      • Mr.Cenation - há 2 anos

        Ok,tudo bem tudo bem.
        Sinceramente era uma parte que gostava muito…

  5. Jonh #1 - há 2 anos

    Mais um excelente artigo José, óptimo tema…. Parabéns.
    Começo por dizer que sou um fã de wrestling , adoro ver todas as semanas os shows da WWE, a Raw, Smackdown, Main Event etc, e ouvir dizer que o wrestling é falso é muito frustrante para quem segue e gosta de wrestling, ainda por cima sabermos o que os wrestlers são sujeitos a alguns sacrifícios. Não sou um grande fã do Cm Punk, mas gostei muito do trabalho dele enquanto esteve na WWE, e como tu referiste e bem chamar mundo falso a uma vida de 15 anos é muito mau pois não só esta a ser ingrato mas também esta a ser um pouco duro com os fans que o acompanham e que chamavam quase todas as Raws o nome dele. Para além disso acho que as pessoas deviam de pensar um pouco antes de dizer que o wrestling é falso pois os wrestlers fazem muitos sacrifícios entre eles estar longe da família pois fazem viagens sempre de um lado para o outro, sujeitam-se a lesões, por isso é que acho que deve haver respeito por parte das pessoas que dizem que o wrestling é falso. Quanto a UFC nunca acompanhei muito por isso não vou comentar(mas sei que é bem diferente da WWE), desejo a maior sorte do mundo ao Cm Punk e que consiga uma boa carreira na UFC e um dia possa vir a fazer as passes com a companhia que foi mais que uma casa para ele, e possa um dia quem sabe vir a poder pisar novamente o ringue da WWE. Mais uma vez parabéns um bom artigo.

    • José Sousa - há 2 anos

      Talvez um dia. Mas duvido seriamente que esse dia aconteça em breve, e sinceramente espero que a carreira dele na UFC seja um sucesso mas tenho sérias dúvidas que isso aconteça. Muito obrigado pelo comentário.

      • Jonh #1 - há 2 anos

        De nada. Pois talvez mais daqui a algum tempo, em relação a carreira no UFC é esperar para ver.

  6. Don_Ricardo_Corleone - há 2 anos

    O CM Punk nunca foi um tipo fácil de lidar. Sempre demasiado egocêntrico e arrogante e desde que saiu da WWE que não consegue estar calado, é mais forte que ele e por isso todos os seus defeitos se têm notado mais. Ele afiramava ser o melhor do mundo e não só o personagem da WWE que o afirmou, ora se o Wrestling é falso significa que ele era o melhor num mundo falso, ou seja, nunca foi nada na vida porque afinal tudo era falso. Enfim, mais valia estar calado.
    O Wrestling não é falso, é pré-determinado e ensaiado e em alguns momentos é coreografado. Porque não é falso num superkick que acerta mesmo, não é falso no moonsault porque não dá para fingir isso, é falso nos murros, é falso quando eles fingem estar KO para permitir o moonsault, por exemplo, ou quando fingem que um cobra é suficiente para vencer. Não é em nada diferente de um filme, de uma série ou de uma telenovela, sendo até mais verdadeiro porque o fazem sem duplos e porque há coisa que não pode de maneira alguma fingir, apenas o podem fazer de forma segura, por isso treinam durante anos.
    Gostava até de perguntar ao CM Punk, infelizmente não posso, se o wrestling é falso quando eles aparecem de olho negro, se foi falso quando o Sid Vicious partiu a perna, se foi falso quando a Candice Michelle quase se matava quando caiu da terceira corda num combate contra a Beth Phoenix, se era falso quando o Triple H se lesionou em combate com os Reated RKO, se era falso quando o Stone Cold Steve Austin partiu o pescoço, era falso quando o Edge partiu o pescoço e se teve de retirar anos mais tarde, se era falso quando o Hijo Del Perro Aguayo caiu na corda e morreu, por fim, gostava de perguntar se o wrestling era falso sempre que ele se lesionou e gostava que o CM Punk perguntasse ao Jesse Sorensen se o wrestling é falso.
    O CM Punk perdeu uma grande oportunidade de estar calado.

    • José Sousa - há 2 anos

      Pois é exactamente isso que penso. Apesar de admirar o wrestler Punk, estas atitudes levam a que deixemos de acreditar tanto na pessoa do Punk. Alguns poderão pensar que ele gozou com as pessoas durante 15 anos, se incluirmos o tempo da Ring of Honor.

  7. ShowOff - há 2 anos

    Mais um excelente artigo, José.

    De facto é triste de ver estas declarações do Punk, não apenas as últimas mas todas as que foram feitas desde a sua saída da WWE. Como fã de Wrestling em geral, e da WWE em particular, fiquei muito magoado com a atitude do Punk desde a sua saída. Nunca tive uma opinião formada sobre este assunto, nem sobre a sua saída, nem sobre a chegada à UFC nem sobre as palavras dele durante este último ano, porque sempre foi algo que eu vi como um assunto ‘adjacente’ digamos assim ao que é o grande espetáculo que é o Wrestling, logo sempre foi um tema que acompanhei de perto os seus desenvolvimentos, mas que nunca me interessei a 100% pelo que ele dizia.

    Sempre fui um grande fã de Punk, era um wrestler excelente e um dos maiores de sempre, e não lhe desejo menos do que o maior sucesso na sua nova experiência, mas após estas últimas declarações perdi algum do respeito que tenho por ele. Porque ele literalmente cuspiu no prato onde comeu, ele veio criticar o wrestling (em especial a WWE) como se nào tivesse sido essa indústria que lhe deu tudo o que ele tem hoje e todo o seu reconhecimento, porque como dizes, e bem, se ele não tivesse tido sucesso na WWE, nunca seria contratado para a UFC. Agora ele vir dizer que o Wrestling é falso é algo que me impressiona, porque ele está a criticar o wrestling por ser da maneira como é, quando ele próprio viveu 15 anos dele. A menos que ele apenas recentemente tenha descoberto que o Wrestling é pré-determinado, então acho estas declarações completamente despropositadas. Penso que foi algo que não lhe caiu bem, quando temos em conta que ele foi campeão por 344 dias, o campeão com reinado maior da era moderna, portanto aos olhos da WWE ele foi sempre uma das caras da companhia, não se trata de ser a maior cara ou a segunda, trata-se de ser uma das melhores, e ele nunca conseguiu viver como a segunda escolha. Isso não faz dele alguém que sinta rancor por não ser a primeira escolha, faz dele alguém ambicioso que quer ser sempre o melhor. E por isso, não acredito que ele tenha saído da companhia por esse motivo, acredito que tenha sido obrigado a lutar em condicões pouco favoráveis, com uma condição física pouco apropriada, e acredito nele quando ele diz isso.

    Concluindo, perdi algum respeito por ele, não por ter criticado algo que eu tanto gosto, o wrestling, mas sim por ter criticado algo que ele próprio já dedicou a vida e já amou fazer.

    Fico triste por já não fazeres as figuras, surpresa e desilusão da semana, gostava muito de ver as tuas opiniões acerca do que acontece semanalmente, mas continua os bons artigos

    • ShowOff - há 2 anos

      434 dias**

    • José Sousa - há 2 anos

      Acredito. E foi uma decisão difícil de ser tomada mas o artigo estava extenso e não dava para continuar com aquele formato.

      Sobre o Punk, ele não era a Cara da companhia, mas era uma das, até porque isso é dos principais motivos pelos quais ele está na UFC. Se ele fosse um “Zé Ninguem” na WWE por certo que a UFC não o iria contratar.

  8. wwe - há 2 anos

    grande artigo a contar realmente o que é o wrestling
    mas acho sim que o punk é um ingrato, todas as entrevistas dele ele faz questão de denegrir as imagens de lutadores, dirigentes e do próprio wrestling, quando se não fosse o wrestling ele não estaria onde esta, pois é obvio que é por causa da fama que ele tem do wrestling que chegou á ufc, é tao verdade que o seu nome no ufc continuar a ser cm punk

    • José Sousa - há 2 anos

      Exacto. Atenção que não deixo de ser apreciador do lutador que ele é, e foi, mas que estas declarações foram muito infelizes.

  9. 434 Days - há 2 anos

    Um artigo muito pertinente José.

    Como se pode ver pelo meu username, sou um grande fã do que o Punk fez na WWE, com destaque para o seu reinado longo. Ter agora conhecimento destas declarações faz-me sentir desrespeitado como apoiante dele durante estes últimos anos na WWE. Como foi dito aqui por várias pessoas, isto é uma atitude muito ingrata para quem o lançou para o patamar que lhe permitiu embarcar neste novo desafio da sua carreira. Claro que de certo modo, também sinto alguma mágoa por ele não ter atingido maiores objectivos dentro da WWE, tais como o ME da WrestleMania, algo que eu gostaria de ter visto. Pessoalmente, desejo-lhe boa sorte na UFC, pois continuo a ser fã do seu trabalho. Infelizmente tenho que condenar estas afirmações que só lhe ficam mal e prejudica a boa fé que alguns fãs como eu ainda tem com ele. Mais uma vez os meus parabéns José.

    • José Sousa - há 2 anos

      Exacto. Eu também sou fã dele, porém estas declarações vão um pouco além do que disse sobre o Ryback e os motivos pelos quais saiu. Sobretudo porque questiona a veracidade do que viveu durante todo o período que viveu na WWE.

  10. Miguel Carlos - há 2 anos

    Concordo contigo em quase tudo. O Punk era um dos meus preferidos, e gostava que ele um dia se arrependesse de tudo o que ele disse nessa entrevista e de algumas coisas que ele disse no Podcast do Colt Cabana, e fizesse as pazes com a WWE, e, quem sabe, entrar no Hall of Fame. Eu compreendo que os jornais critiquem a ESPN por fazer a cobertura da WrestleMania, era o mesmo que em Portugal os notíciarios fizessem a cobertura de um episódio de uma novela, apesar de não wrestling e novelas não estarem ao mesmo nível no que toca à linha entre a realidade e a ficção.

    • José Sousa - há 2 anos

      Sim Miguel. Mas o Wrestling tem atletas, a única coisa que diferencia é claramente a predefinição. Se fosse na Attitude Era acredita que não existiria todo este stress em torno da ESPN porque o Wrestling ai era moda.

  11. Vinícius Nunes - há 2 anos

    Artigo interessante José com um dos temas mais quentes da semana no mundo do wrestling, e sempre é um assunto quente quando o nome do CM Punk está envolvido, eu sinceramente vi muito exagero nessa relação do Punk a dizer que o wrestling é falso, acho que ele quis dizer apenas que o wrestling não pode ser verdadeiro como o MMA pelos resultados serem previamente combinados, algo que mataria a essência do MMA como na maioria dos esportes, eu sei que ele quis chamar atenção com isso, como tem feito desde sempre que saiu da WWE, mas acho que não deveriam dar toda essa atenção que o Punk quer e parece necessitar ter.

    Sobre a história do Conor, bem, se fosse uma luta de wrestling, certamente o Conor seria campeão, mas o objetivo do UFC é vendê-lo como alguém credível para derrotar o Aldo, tanto que ele foi protegido e não enfrentou nomes importantes como Cub Swanson, Chad Mendes, Frank Edgar e Ricardo Lamas, tudo isso porque Aldo já derrotou esses e não é nada bom pro negócio não ter uma ameaça ao campeão, praticamente mata a categoria, como foi anos e anos com o Anderson Silva na categoria dos médios… Sobre os falastrões do UFC, normalmente eles levam na boca, mas eles são muito necessários pra venda de PPVs.

    • José Sousa - há 2 anos

      Para veres eu ia escrever sobre outra coisa, porém mal vi a bomba a despoletar sabia que não podia escolher outro tema que não este. Até porque já tinha vontade de o abordar, apenas iria esperar pela altura certa para o fazer.

  12. Tunes9 - há 2 anos

    Excelente artigo como costume.

    O Punk tem razão na parte em que exigiram dele de forma excessiva (não lhe dar descanso, ter que lutar lesionado e ter tempo a menos para recuperar de lesões) e claro na parte dele nunca ter sido um Main-Eventer de uma Wrestlemania, até nalgumas más decisões da WWE em que ele foi contra tinha razão, depois vem as partes em que ele não tem razão e onde já passou dos limites e parece não respeitar este ramo e também os seus fãs.

    Ele foi um Superstar de topo na WWE, quer queira quer não, teve um dos melhores reinados que já vi com uma duração de 434 dias, teve em feuds importantes e marcantes da empresa, conquistou muitas outras coisas e ganhou uma enorme visibilidade.

    Eu como fã de WWE (vejo desde 2004 até agora, quase todos os shows semanais e os PPVs, joguei todos os videojogos, coleccionei de tudo, etc, etc, tenho paixão por este ramo) fiquei triste com as palavras do Punk e ele decepcionou-me porque quem diz que o Wrestling é fake são aqueles que não vêem e gostam de criticar e gozar com quem vê como colegas de escola e noutros sítios, nós sabemos que não é verdadeiro mas somos fãs e queremos viver nessa ilusão e desfrutar, depois quando vemos que é o CM PUNK, o CM PUNK, o próprio a dizer que o Wrestling é fake e aquilo e não sei mais o quê, a mim deixa-me irritado e demonstra alguma arrogância no Punk e também alguma falta de gratidão e respeito pela companhia, enfim.

    Bom trabalho José Sousa. :-)

    • José Sousa - há 2 anos

      Eu percebo o objectivo do Punk, porém na UFC não basta dar promos, aliás isso é o menos importante. Se ele não corresponder no ringue com vitórias adeus a todo o hype, e desistem dele, por isso é que o primeiro combate dele lá será decisivo porque com a idade dele não tem tempo para hesitações.

      • Tunes9 - há 2 anos

        Sim, ter “Star-Power” e saber falar e fazer promos é importante em qualquer lado e a UFC não é excepção, no entanto lá o mais importante é somar vitórias e conquistar titulos portanto isto tudo será esquecido se o Punk tiver uma má prestação e perder no seu primeiro combate.

        Em todo o caso estou desiludido com o Punk e fiquei um pouco triste com as suas palavras, uma parte de mim quer vê-lo triunfar na UFC e vencer o seu primeiro combate, agora confesso que outra parte de mim, mais pequena, quer vê-lo levar uma lição e perder esse combate, é esperar para ver o que vai acontecer mas o que ele disse foi desnecessário.

  13. *best in the world* - há 2 anos

    Ok, o Punk dizer que o wrestling é falso, magoa muitos fãs, é verdade. Para quem não sabe, ou não se lembra, aconteceu o mesmo com Bret “the hitman” Hart, revoltou-se contra vince por causa de não o deixar ser campeão, e na altura demitiu-se, só depois de muitos anos é que fez as pases e não sei que. O que quero dizer com isto é que temos o melhor atualmente e não o deixam ser main eventer. Se eu fosse o Punk faria o mesmo que ele está a fazer, só não dizia a palavra “falso”. Magoou muitos fãs? Paciência, eu sou fã dele e não me magoou nada, já sei como é que ele é.

    • José Sousa - há 2 anos

      Ele foi main-eventer.´Só não foi da Wrestlemania, se devia ter sido sim. Mas se ele não fosse main-eventer da WWE o UFC não o tinha contratado disso não tenhas a menor dúvida.

      • *best in the world* - há 2 anos

        Mas eu não estou a dizer que ele ia ou não para a ufc. O punk raramente foi main eventer quando foi wwe champion, a wwe focava-se em combates com Cena contra Kanes, Big shows, etc. esses é que eram sempre o main event. Enquanto que CM Punk contra Daniel Bryan nunca foi.

  14. The Beast - há 2 anos

    O punk falou que o Wrestling é falso, em parte pode até ser. Vejo essa declaração como cuspir no Prato em que comeu. É obvio que ele está magoado com a WWE, mas falar que o Wrestling é falso mesmo sendo ele a dar tudo o que ele tem isso foi um ato de ingratidão. Mas que ele tem potencial não tem como discutir. Desejo que ele consiga seus objetivos e que num futuro distante volte a WWE.

    • José Sousa - há 2 anos

      Eu também espero e existirão sempre pessoas que terão uma atitude mais agressiva para com o mundo do Wrestling, porém o Punk abusou um pouco no conteúdo que proferiu.

  15. Malco Canedo - há 2 anos

    Excelente artigo, José…hum, cadê as figuras. surpresas e desilusões da semana? Vocês estão usando stealth camouflage?
    Ah, você as tirou, que pena.
    Apesar de ser um fã do trabalho do CM Punk, eu devo dizer que enquanto eu respeito o Cena como homem mas estou farto da gimmick dele, eu estou farto de ver o Phil Brooks a dizer merda sobre o wrestling em geral e a WWE, sendo que foi lá que ele adquiriu a fama para ingressar nessa carreira no MMA, agora eu só o vejo como um douchebag ingrato.
    Ele teve problemas na WWE? Claro que sim, mas não precisava chamar todo esse universo de falso, quanto à carreira que o homem terá no UFC, foda-se, não quero nem saber como ele irá lá.
    Mesmo que o wrestling seja pré-scriptado, nem tudo o que vemos lá é desse jeito, recentemente eu voltei a acompanhar a TNA e tanto lá quanto na WWE, o que eu vejo tem me agradado.
    P.S: Até agora eu não assisti o Lucha Underground, que droga.

    • José Sousa - há 2 anos

      Claro o Punk apenas devia ter-se moderado para demonstrar um maior respeito pelo qual onde criou o nome e estatuto para estar no UFC actualmente.

  16. Stone Cold - há 2 anos

    O wrestling é tão falso como o main-event de wrestlemania do CM Punk :D

  17. Dearg-due - há 2 anos

    Eu tenho quase certeza que as coisas que estão acontecendo no UFC que nos remetem a WWE, como você citou acima, tem muito a ver com CM Punk. Dana quer $$ e Punk sabe como fazer isso. E sempre me pareceu que a ida e as atitudes no UFC tem como intuito atingir a WWE de alguma forma. Mas não deixarei de ser fã do Phill por isso.

    • José Sousa - há 2 anos

      Como é obvio. Mas veremos é se o Phil irá vencer o seu primeiro combate na UFC , porque esse será o seu principal teste.

  18. FrancisDreezPT - há 2 anos

    Vejo muita gente aqui que so diz merdisse
    Cuspiu no próprio prato?? O prato tb lhe cuspiu a ele..
    Muitos aqui so sabem criticar, mas tenho a certeza absoluta que n se imaginam na posição dele..toda a gente faziz o mesmo.mas a aqueles cegos que so veem o que lhes apetece..o Punk, n gosou com o wrestling, simplesmente disse que estava cansado de estar num mundo falso, e que ia tentar ver se o mundo a serio lhe dava alfumas alegrias..vou dar exemplo, tu tas no teu trabalho, trabalhas no duro para seres promovido, mas a aqueles que n fazem um caralho e sao logo promovidos..outro exemplo e tu tares lesionado e a empresa n te deixar descansar, ou o teu filho ter nascido e eles n te deixarem ir ver..qualquer um que fosse feito gato sapato pela empresa, e fosse subcarregado, qualquer 1 saia..por isso quando o quiserem criticar o Punk, ponham-se na posicao dele, e pensem bem no que vao dizer antes que saiao as tretas que os aziados andam por ai a dizee #BItW

    • FrancisDreezPT - há 2 anos

      O que eu quero dizer é que a wwe se aproveitou do Punk, pois sabia ele dava tudo para a companhia..essa pode ser a razao por ter algum poder criativo.
      Toda a gente sabe que o Punk n acha isso..ele esta maguado sentimentalmente, por isso todos sabemos que ele diz o que lhe vem a cabeça, mas o Punk no seu juizo normal, de certeza que ele n dizia o que disse..
      Sim a wwe deu-lhe aquele reinado de 434 dias, mas esse reinado apesar de mt bom, esteve sempre em 2 plano…durante o seu reinado, quem esteve no main-event dos ppv sempre foj o Cena. E mesmo assim Punk so pediu o main-event do wm, pois foi para isso que ele se fartou de trabalhar, mas nunca foi recompensado.
      Por isso antes de falarem, pensem bem, pois o rapaz simplesmente cansou-se da vida que tinha e decidiu experimentar novos caminhos. Acontece o que acontecer, sempre serei grande fã do Punk e do seu trabalho.
      Digo e repito, toda a gente sabe aue o Punk so diz isso porque se sente maguado, e n esta no seu perfeito juízo.
      #ChicagoMadePunk

    • *best in the world* - há 2 anos

      Concordo a 100 %.

  19. LCS - há 2 anos

    ótimo artigo!

    quando o punk saiu muitos lamentaram e concordaram com os motivos pois fazer ele lutar com as lesões era forçar demais o atleta e pelo que me lembre a grande maioria o apoiava e os gritos de “cm punk” era quase que obrigatório em todos os shows semanai.
    Eu fui um que o apoiei por esses motivos,mas essas declarações que ele tem sempre feito mudou a opinião de muitas pessoas,pois se o problema foi com a wwe ele não deveria falara mal de todo o mundo do wrestling como se fosse falso e também se o problema foi com os diretores ele não deveria atacar ex colegas de trabalho que não fizeram nada à ele e não têm nada a ver com a história.Compreendo algumas declarações dele no início pois estava magoado,mas um bom tempo já se passou e continua a dar declarações desse tipo que muitas vezes se tornaram contraditórias e agressivas com um mundo que ele dedicou boa parte da sua vida e com uma empresa que sem ela,o cm punk não seria nada comparado ao que é hoje.e se por um lado não foi a cara da companhia ele teve um reinado que nenhuma das”caras” da companhia tiveram,teve o maior reinado desde hulk hogan e teve rivalidades e venceu do “cara” da companhia.Eu acho que ele teve razôes no ponto das lesões mas os ataques que ele dispara contra tudo relacionado ao wrestling foramaram a opinião que a maioria têm dele hoje

  20. Anónimo - há 2 anos

    Mas o cm punk nao pode ter opinião contraria????
    Algum dia o Wrestling foi verdadeiro??!! Eu venho wrestling porque sei que não é “verdadeiro”. Se fosse….provavelmente não via.
    Não gosto de ver guerras, mas gosto de filmes de acção.

  21. antony jaime - há 2 anos

    Mas o cm punk nao pode ter opinião contraria????
    Algum dia o Wrestling foi verdadeiro??!! Eu venho wrestling porque sei que não é “verdadeiro”. Se fosse….provavelmente não via.
    Não gosto de ver guerras, mas gosto de filmes de acção.

  22. Sorlei Rui Oltramari - há 2 anos

    Ótimo artigo, José!

    Acho que o mundo do wrestling não se sentiu ofendido por ele ter dito que wrestling é fake, pois ele está a dizer o que muitas pessoas dizem . O problema é quem falou isso. Entendo que ele esteja amargurado com o wrestling, devido a maneira como foi tratado e como são tratados os jovens talentos na WWE, mas dar essas declarações polêmicas só o fará perder mais fãs.

    Eu entendi as razões pela qual o CM Punk saiu e estou surpreendido que outros caras não tenham feito o mesmo. Mas essas declarações só dão a sensação dele estar cuspindo no prato em que comeu. Além do mais, só destrói sua imagem em relação aos fãs do desporto que o colocou onde está hoje.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador