Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Smoke and Mirrors #93 – Bryan vs Power

Sejam bem-vindos a mais uma edição do Smoke and Mirrors, esta semana dedicada á análise da história de um Bode, um Rei e uma Víbora. Ou seja, esta semana falarei da rivalidade do momento da WWE, que opõem Daniel Bryan a Randy Orton e a Familia McMahon, numa nova versão da Corporation. No entanto não me alongarei muito a contar a história da rivalidade, até porque ela ainda está na sua fase inicial e por isso não tenho muitos factos para serem apresentados enquanto revisão da história até agora.

Desse modo, o que farei é uma análise sistematizada dos intervenientes da rivalidade, e do seu papel na rivalidade, tentando assim perspectivar quais poderão ser as armas usadas por ambos os lados durante esta guerra que promete ser longa. E por ser longa as alianças e traições serão fundamentais para o desfecho final desta história que tem potencial para ser a feud do ano. Assim o que vou fazer de seguida é uma apresentação e análise dos intervenientes desta feud dividindo cada um dos momentos por capítulos.

DANIEL BRYAN

Mas comecemos por Daniel Bryan que nesta feud, desempenhará o papel do herói rebelde que irá lutar contra o poder, sendo que estes papéis são sempre muito fortes e desempenhados por alguém na qual a companhia confia, porque sabe que eles conseguirão cativar os fãs que ficam do lado do rebelde injustiçado. Foi assim com Mankind e o Stone Cold no passado, e será igual com o Daniel Bryan, que pode conseguir com esta rivalidade atingir o nível de fenómeno, e um lugar no livro de rivalidades históricas da WWE.

Por isso, esta história vai simbolizar para o Bryan a última escada para atingir o main-event permanente, é impossível perante o apoio que tem actualmente, e o que vai conquistar com esta história, acabar por cair no midcard assim do nada. Até porque o passado já demonstrou que quando quiseram fazer isso com ele, os fãs não deixaram e na altura não tinha metade do impacto actual.

Por esse motivo é totalmente impensável que o Bryan volte ao midcard depois desta história, a menos que ele faça uma asneira brutal. Só nesse caso é que esta história não o torna num dos tops faces da companhia, e é bem merecido esse estatuto porque o Bryan fez por merecer este lugar. Ele evoluiu muito nos últimos dois anos, e ele é quase o perfect performer ao nível dos melhores, e o segmento com a Stephie comprovou isso. Por isso não vejo razões para duvidar que ele será um bom herói nesta história, e isso vai lhe garantir todo o sucesso que ele merece.

E assim será o líder de uma força que irá confrontar o poder, e que deverá ser composta por Big Show, Mark Henry, Ziggler e Rey Mysterio. Não acho que Punk e RVD estejam nesta força porque devem estar noutras feuds até ao Survivor Series, e partindo do principio de um combate 5 vs 5 nesse PPV eles não poderão participar, e ai um nome como Rey Mysterio poderá assentar perfeitamente nesta equipa. Outro nome que a WWE poderá usar é o Miz, naquilo que seria uma tentativa de o credibilizar como face ao envolvê-lo numa história desta importância, mas mais tarde voltarei á este tema quando tentar perspectivar o futuro da feud.

FAMÍLIA MCMAHON/ HELMSLEY

Passando á coordenação da nova força, ela está actualmente entregue a Triple H, Stepanhie e a Vince, o que nesta primeira fase da história considero muito positivo porque permite que se passe a ideia que a família está junta contra Daniel Bryan. Ou seja, seria mau demais se a WWE colocasse logo o Triple H contra o Vince logo depois do turn, até porque seria difícil perceber como é o Vince passava a estar do lado do Bryan assim do nada. Claro que podemos dizer que o Triple H há uma semana estava do lado contra o Bryan, e agora não, porém e apesar de não terem sido explicações notáveis, considero que ele conseguiu minimizar isso não negando as divergências com Orton, mas assumindo que fez isso pelo que ele considera importante para o futuro da WWE.

Aliás a forma como ele falou criou mais heat em torno desta aliança, o que só pode ser positivo para esta história, e sobretudo falou como líder mesmo estando na presença de Vince. O que poderá indiciar que próximo do Survivor Series ou no próprio evento o irá trair, dando ai origem ao inicio da rivalidade pelo domínio da WWE que culminará na Wrestlemania com um combate entre Triple H e um representante de Vince McMahon.

Mas daqui até lá muito acontecerá nesta rivalidade, e sem dúvida que é importante que a família esteja unida nesta primeira fase da história porque passa uma imagem de força desta nova Corporação. Força que é garantida por uma marioneta ( Brad Maddox), e por um campeão da WWE como Randy Orton, e uma guarda de honra do poder composta pelos Shield.

SHIELD

Os Shield surgem nesta força como um grupo de mercenários que protegem o campeão e o poder, mas não o fazem por submissão mas sim por interesses. Ou seja, eles procuram com esta rivalidade garantir protecção por parte do poder da WWE, protecção que permita que façam a justiça que o poder considere ser a adequada para os objectivos delineados por parte de Triple H. E assim, ao darem protecção ao poder os Shield esperam garantir mais tempo de reinado como campeões de Tag e dos Estados Unidos.

Sendo que isso só poderá ser benéfico para eles, porque assim eles voltam a ter o destaque que estavam a perder e garante-lhes mais heat porque farão parte de uma aliança que será bastante apupada pelos fãs da WWE. Ou seja, se tudo for bem feito esta presença dos Shield não beneficiará somente Orton e os McMahons, mas igualmente para os Shield que deste modo poderão ter finalmente atenção como campeões. E esse dado só por si permite que tanto os Shield como os seus títulos sejam mais valorizados e aumentem a sua credibilidade. E graças a esta história o futuro dos Shield na WWE deve estar garantido, após algumas semanas de rumores que davam conta de algumas dúvidas sobre a aposta da WWE nos Shield.

WWE CHAMPION: RANDY ORTON

Por fim, passemos ao campeão da WWE Randy Orton o homem que num espaço de um mês mudou o seu estatuto dentro da empresa de forma brutal. Não que ele não fosse um main-eventer, mas era um main-eventer adormecido enquanto face, e por isso a vitória no combate Money in the Bank veio trazer algo que muitos consideravam impossível: o regresso de Orton ao topo e com gimmick heel incluída. E esse cenário foi confirmado no passado Domingo no Summerslam, quando fez o cash-in com ajuda de Triple H fazendo ambos os heel turn nesse momento.

E apesar do pop que esse momento teve no Summerslam, o resto da semana correu exactamente como devia ter corrido e graças a esta aliança, o Orton está com o heat que ele precisava para que esta história resultar. Claro que podem dizer que o Del Rio também só aguentou uma semana, mas não podemos comparar Del Rio ao Orton e ao Triple H porque os últimos são incomensuravelmente superiores como heels. E por isso não me acredito que eles passem a ser apoiados durante esta rivalidade porque é impossível o WWE Universe ficar indiferente a esta história, e colocar-se contra Daniel Bryan nesta altura.

Assim o Orton no meio desta história será aquilo que ele faz de melhor, ou seja ser o heel nojento que joga sujo para manter o seu reinado. Para isso recorrerá a todos os esquemas possíveis, quer seja sozinho, ou com a ajuda dos Shield e da Familia McMahon, e isso fará dele aquele heel fantástico que foi no passado, e que voltará a ser durante este reinado e esta história. E digo isto porque esta história tem tudo para ser mais um marco na carreira de Orton, pois ela tem tudo para ser especial e para revelar tudo o que ele e Triple H nos podem oferecer como heels.

QUAL SERÁ O FUTURO DA RIVALIDADE?

Aliás, o futuro da rivalidade deve passar por combates entre Orton e Bryan pelo menos até ao Survivor Series ou Rumble , onde Bryan poderá finalmente sair como vencedor desta história. Até lá, espero de tudo desde estratégias para o impedir de lutar pelo título da WWE, até defesas do título sujas por parte de Orton, aliás tenho muitas dúvidas que Orton tenha sequer uma defesa limpa durante este reinado e esta storyline. O mais provável é que defenda sempre com ajuda dos McMahons e sobretudo dos Shield, o que fará com que o heat em torno desta aliança aumente ao longo dos meses.

Outro aspecto que deverá acontecer é como já referi, um desafio entre Team Bryan e Corporation no Survivor Series, em principio com o titulo em jogo, mas não me surpreendia que somente nesse combate o título não estivesse em jogo literalmente, mas possivelmente uma oportunidade para poder voltar a lutar por esse título. E tal como referi, não vejo o Punk na equipa de Bryan porque acho que a história com Heyman dura até ao Survivor Series, e isso deve-o afastar desta história para os próximos meses.

Mas se de um lado vamos ter uma stable com muito heat, do outro lado Bryan deverá ver a sua popularidade aumentar nos próximos meses e isso vai acabar por jogar a favor dele, e da sua afirmação como main-eventer na WWE. E o resultado final será certamente Daniel Bryan como campeão da WWE, só não sei ainda quando se tornará campeão, porque não tenho dúvidas que ele voltará mesmo a segurar esse título novamente.

E isso depende dos objectivos da WWE para esta história e do tempo que quererá dar ao reinado do Randy Orton.  Porque será totalmente diferente caso a WWE pretenda dar um reinado mais curto ao Orton, ou se lhe der um reinado até á Wrestlemania, e esse aspecto influenciará o final desta história.

Mas vejamos, se o reinado for mais curto ele durará até ao TLC ou ao Rumble onde o Daniel Bryan poderia vencer o Orton pelo título, e deixaria o Bryan como campeão até á Mania onde defrontaria CM Punk( como possível vencedor do Rumble). No entanto, este cenário teria um senão na minha opinião que era o facto do reinado de Bryan acabar por ser fraco e durar no máximo dois meses. Eu percebo que o Punk merece o seu momento de main-event na Mania, mas será que tem que ser á custa do Bryan quando ele merece um reinado mais digno do que um par de meses.

E para o resultado final ser um combate Punk e Bryan pelo título da WWE na Mania, preferia que o Punk conquistasse o título ao Orton para depois perder o título contra o Bryan na Wrestlemania. Isso daria mais uma derrota ao Punk na Mania, talvez mas ao menos o Bryan poderia vencer o Rumble e sair recompensado pelo excelente trabalho que tem desempenhado, e que continuará a fazê-lo durante esta rivalidade e que merece uma recompensa digna.

Outra forma de concluir a história seria o Orton chegar á Wrestlemania como campeão, e ai defrontar Bryan e CM Punk pelo título num Triple Threat. Claro que esse cenário é o mais improvável a esta distância, mas também nesta altura qualquer suposição é isso mesmo suposição. Não existe nenhum cenário final certo para esta história, e por certo que voltaremos a esta rivalidade neste espaço nos próximos meses e ai já podemos traçar um perfil mais racional e realista para o final desta feud.

Assim despeço-me esta semana, prometendo regressar para a semana para abordar um tema especial que descobrirão apenas na próxima semana, mas que por certo que despertará a vossa curiosidade. Até lá tenham um óptimo fim-de-semana, e marcamos encontro na próxima semana no mesmo dia e no mesmo local aqui no Wrestling.PT.

Momentos da Semana

Perguntas da Semana

Qual a tua opinião sobre cada um dos intervenientes desta guerra?

Como gostarias que esta feud se desenvolvesse e concluísse?

Concordas com os momentos da Semana?

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Smoke and Mirrors”.

53 Comentários

  1. Miguel Silva - há 3 anos

    José, bom artigo, disseste tudo!
    Só não concordo parcialmente quando falas da Mania. Para mim, era um sonho ver Punk vs Bryan na Mania, principalmente se fosse no Main-Event. Mas não vejo a WWE a fazer essa aposta para encerrar o evento. Sinceramente, não consigo ver isso a acontecer. É a Mania 30, supostamente o maior evento de todos, aquilo vai estar cheio de lendas. Os Lesnars, os Takers, os Rocks (?) e a WWE ia dar o main-event ao Punk e ao Bryan? A ideia agrada-me bastante mas não consigo ver isso a acontecer.
    Por outro lado, o Punk merece o Main-event da Mania e acho que não passa desta, mas não vejo isso a acontcer com o Bryan (infelizmente). Eu acho que para o Punk chegar ao main-event terá que ser com uma lenda qualquer que o “arraste” (o problema é que ele já lutou com todas) A menos que alguém regresse tipo o SCSA – não que eu queira ver isto porque acho qu ele já não está em idade para lutar e provavelmente o combate já não iria ser fantástico, mas aí há uns tempos surgiram os rumores sobre isso – não imagino o Punk no main-event. Não estou a dizer que é impossível ele lutar com o Bryan, apenas digo que isso seria uma surpresa (bastante agradável) para mim.
    Posto isto, para mim será assim:
    Bryan vs Orton no NOC – a Corporation interfere e na Raw seguinte (visto que eles é que têm o poder) dizem que o Bryan não terá nova oportunidade. Depois surgem outros contenders mas a Corporation nunca os deixa vencer o título. Mais tarde, vemos o Vince a mudar de lado e então começa a contatar pessoas para irritar o HHH. Por aí em diante, até à Mania em que o Vince toma uma decisão e põe o Bryan como n1 contender ao títuo Começam a surgir promos a relembrar o SummerSlam e vai-se fazendo o build up. Nessa altura, o HHH encontra-se sozinho com a Stepanhie pois os Shield começaram a ter divergencias entre eles e passaram a odiar-se e por isso já não tinham o foco necessário para ajudar o Hunter. Isto tudo dava um Punk vs Orton, HHH vs alguéma representar o Vince e Ambrose vs Rollins vs Reigns na Mania.
    A outra opção é o Bryan vs Punk na Mania, com o lugar de main-event ou não. Apesar de eu já ter dito que não via a ser main-event, também fiz questão de frisar que não acho que seja impossível, pelo que com a construção certa talvez conseguissem pô-lo a fechar a Mania.

    Excelente artigo, José!

    • José Sousa - há 3 anos

      Eu não digo que não quero Punk vs Bryan na Mania, digo que não quero o Punk a conquistar o titulo ao Bryan na Mania o que é diferente.O Bryan precisa mais de um reinado forte do que o Punk. Não digo que fosse o Main-event, mas seria uma das cartas mais fortes.

      Depois sinceramente não acredito que esta Mania tenho tantas lendas como estás a pensar. Vai ser o Triple H, Taker, e Lesnar. Ou seja esta Mania vai ser de transição para a nova geração tenho essa sensação, se não para que apostar tanto nela durante um ano. Para deitar tudo ao lixo em 3 meses, sinceramente não me acredito.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Isso eu também não queria que acontecesse porque o Bryan precisa mais do que o Punk. Mas consegues ver o Punk a tirar o título ao Orton na Rumble? Acho um pouco complicado visto que esta história com o Heyman parece estar longe de acabar. Acho que antes de terminar ainda vem um novo Paul Heyman Guy para ele se entreter mais um bocadito…

        Eu espero que tenhas razão mas o Rock…hum apesar destes rumores todos…não consigo vê-lo a falhar a Mania mas espero sinceramente que estejas certo.

      • José Sousa - há 3 anos

        Até posso estar sozinho neste pensamento, mas vou defender esta perspectiva até a WWE me dar provas do contrário. Mas como até agora não deu, eu mantenho a próxima WM é de passagem de testemunho. Tipo achas que o Bryan vai ser um Nobody na Mania? parece-me impossível.

        O Punk tirava no TLC. Até lá livra-se dos PH Guys acho eu. eu não o coloquei como aliado do Bryan por causa disso Miguel, porque ele até ao Survivor Series não se livra do Heyman. Já agora também achas que vai ser o Graves o novo Guy que vai safar o Axel no NOC não achas?

      • Miguel Silva - há 3 anos

        É claro que não vai ser um nobody nem pode depois deste trabalho todo. Um tipo que vence o Cena limpo está marcado para a vida toda. Nunca será um nobody…

        Claro acho que isso está um pouco óbvio porque o Axel não pode perder o título para o Punk e o Punk não pode perder limpo. Visto que o Axel não está com credibilidade para fazer nada sozinho, vai precisar de uma ajudinha…a minha dúvida é quem mas o Graves era a melhor escolha.

      • José Sousa - há 3 anos

        Sim eu também acho, o Bryan agora vai ser main-event fixo da WWE mesmo sem o titulo, vai ter sempre feuds importantes. O homem também merece este estatuto temos que ser honestos.

        Sim eu estou dividido entre o Graves e o KO. Nem sei quem preferia, talvez o Graves porque tem mais margem de progressão. Outro nome possível é o Leo Kruger, só sei que quem quer que seja vai ter logo um début de peso.

        O meu medo é que vai ter que perder contra o Punk, e isso para uma fase inicinal não é bom, mas isso emenda-se com vitorias contra outros. Se for o Graves só tenho isto a dizer isto: Stay Down.

      • Miguel Silva - há 3 anos

        Eu quero que seja o Graves pois acho que é o que combina melhor com o Heyman. Sobre o KO eu preferia que ele estreasse de uma forma diferente, sozinho…porque ele não precisa do Heyman para nada.
        O Kruger não sei…acho que o Graves é a melhor escolha mas seja quem for acho que tem que ser um dos 3 embora eu aposte mais nos dois primeiros.

      • José Sousa - há 3 anos

        Sim são os 3 heels do NXT com maior potencial, mas eu vejo o Ohno e o Kruger sozinhos. Aliás o Kruger é claramente sozinho e a ir atrás de gajos como o Clay já que ele é um caçador de monstros.

        O Graves eu gosto muito do gajo como wrestler admito. É muito bom tecnicamente, e tem promos razoáveis, aliás muito melhores que o próprio Curtis Axel.

  2. Tibraco - há 3 anos

    Excelente artigo José. Gostei da tua análise e a que eu faço é, em traços gerais, semelhante à tua. A ideia de HHH trair Vince foi-me “dada” quando li um comentário do Daniel, até lá não tinha pensado nisso, e parece-me ser o mais lógico até porque o Vince não vai aceitar ter um papel secundário no meio desta história.

    Não concordo no ponto dos The Shield. À primeira vista considerei positivo a sua inclusão na Aliança/Stable/OQueQuiserem, mas pensando bem acho que vão prejudicar as histórias pelos títulos que possuem. Ambrorse não tem uma rivalidade “a sério” desde Kane e isso não é benéfico para o seu reinado. Reigns e Rollins terão, em principio, uma rivalidade com Show e Henry, portanto neste caso essa situação deverá estar salvaguardada por 1 ou PPV’s.

    O futuro. Para mim o Bryan devia conquistar o título até ao final do ano. Não digo que seja a opção mais racional mas, como fã, quero muito que isso aconteça. Pode ser que ele saía da rota do Título e tenha uma rivalidade apenas com HHH, o que também não seria nada mau para a sua credibilidade. Nesse caso o Punk seria o rival do Orton, lá para o SS, tornava-se campeão no TLC, Bryan vencia o Rumble e depois faziam o ME da WM. Enfim, já me entusiasmei xD Temos que esperar mais uns meses para ver o que acontece mas esta situação origina muita especulação e é ótima para os debates.

    • José Sousa - há 3 anos

      Sim e como eu disse, eu optei por este tipo de análise nesta altura porque pareceu-me a mais credível. A história ainda não tem assim tanto para contar, tudo que estamos a fazer é uma analise do pouco que aconteceu e antever.

      Sobre os Shield ainda é cedo, mas eu acredito mesmo que pode resultar a favor deles, mesmo no caso do Ambrose. Como dizes ele não tem uma rivalidade a serio desde do Kane e concordo, porém acho que pode ter uma feud com um dos aliados de Bryan( o Ziggler) e isso vai jogar a favor do Ambrose. E
      digo o Ziggler porque a WWE não o vai deixar sem feud e o titulo de WHC está para o RVD.

      Para mim um dos dois cenários acontece, eu preferia que fosse o Punk a vencer o titulo ao Orton e depois o Bryan recuperar o titulo na Wrestlemania. A emoção seria muito maior, e ele merece essa recompensa. Pensa assim, se ele reconquistar no TLC só vai ser campeão até á Mania, ou seja mesmo assim vai ser um reinado que não o recompensa, e apesar de tudo o Bryan precisa mais de um reinado forte do que o Punk.

      Ah claro que o Vince não vai ficar com um papel secundario, lá para o Survivor Series o Triple H turna nele. Vai ser mesmo Cena vs Triple H na Wrestlemania, o que será positivo porque retira hipóteses do Cena regressar para vencer o Rumble, mas mesmo assim eu não o coloco como candidato.

      • Tibraco - há 3 anos

        Cena vs HHH parece-me BEM possível mesmo a esta distância. Será estranho ver o Cena a defender o Vince mas ele faz sempre questão de referir o seu amor à WWE e o Vince “é” a WWE, por isso até faz algum sentido. Ah, e o Cena não vence o Rumble xD Seria um insulto aos fãs.

        Na questão Punk/Bryan não concordo. O Bryan precisa mais do reinado, é certo, mas o Punk merece MESMO uma vitória no ME da ‘Mania. Bem, mas é uma Win-Win situation visto que qualquer dos cenários me agrada! Adorava mesmo que esse combate acontecesse e fosse o main event. Era o corolário perfeito para esta história.

        Ziggler vs Ambrose? …….. Bah, não gosto. Acho que o Ziggler merecia estar a lutar pelos Títulos principais mas pelos vistos vou ter que me encher de paciência. Mas sim, tens razão, ainda é cedo para tirar grandes conclusões sobre o papel dos The Shield. Até podem perder os títulos no NOC e dedicarem-se a 100% à nova aliança. Não descartaria essa hipótese.

      • José Sousa - há 3 anos

        Eu também que o Ziggler merece mais. Mas estou disposto a esperar pelo reinado do Sandow para que seja o Ziggler a tirar-lhe o titulo.

  3. diogogr22 - há 3 anos

    Muito bom mais uma vez José.

    Em relação á rivalidade “Bryan vs Power” não me admirava nada que chegasse á WM 29 com Orton sempre a reter o titulo com jogadas sujas, envolvendo os The Shield e os Mcmahon. Para o SS, falas-te de um 5 vs 5 com o WWE Championship em jogo, e ver o Punk na Team Bryan não me parece completamente descartável, até porque a Feud Punk vs Heyman/Axel deverá acabar muito em breve, porque o Curtis Axel precisa de um combate com o titulo em jogo no NOC, a não ser que o Punk se torne contender e depois perca de forma suja, e ai sim a rivalidade iria continuar por mais tempo. Voltando ao combate do SS na minha opinião só faz sentido com o titulo em jogo, até porque não vejo o principal titulo da companhia fora de um PPV, ainda por cima numa rivalidade destas. Para a Wrestlemania 30 quem sabe um Punk vs Bryan vs Orton e ai o Bryan ganhar, ja imaginaste o que era o Bryan fechar a WM com o Titulo? Mas quando o Cena voltar não sabemos o que irá acontecer… Em relação aos momentos da semana da WWE, penso que falta ali pelo menos um, aquele abraço do Orton á Stephanie, mas é normal foi uma semana muito agitada e haviam vários momentos que podias indicar.

    • José Sousa - há 3 anos

      Era bonito é verdade. Não digo terminar mas que pode estar a lutar pelo titulo nessa altura não tenho duvidas algumas. O Cena vai lutar contra o Triple H, os cartuchos dele pelo titulo da WWE encerraram até á Mania, isso também tenho a certeza.

      A feud Punk e Heyman dura até ao Survivor Series tenho quase a certeza. Ainda vais ter um novo Paul Heyman Guy a meter-se ao barulho.

  4. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Mais uma boa edição José!

    Falaste tudo o que podia-se falar até agora, não acrescento nada.

    Acredito num combate entre Punk vs Bryan mas com uma vitoria a sorrir para Punk, não estou a ver Punk perder outra vez na Wrestlemania.

    Qual a tua opinião sobre cada um dos intervenientes desta guerra?

    Os Shield ganharam mais um patamar, Bryan (tal como dizes)está um MAIN EVENTER, e já não sai mais desse estatuto, e Orton acordou!

    Como gostarias que esta feud se desenvolvesse e concluísse?

    Claro com um reinado de Bryan, para culminar no combate na Mania contra Punk, mas vai ser uma luta desleal até ao S.S e quem sabe até mais um PPV.

    Concordas com os momentos da Semana?
    Acrescento… “That ass” :)

    • José Sousa - há 3 anos

      Eu sei os dois precisam, apenas eu preferia que fosse o Bryan a prioridade mas percebo que o Punk precisa dessa vitoria na Mania. E se for assim ao menos que seja um grande combate isso vai não tenho dúvidas.

  5. QueirosS - há 3 anos

    Bom artigo!

    Vou falar apenas de como eu queria que esta feud acabasse… Todos sabemos que o Bryan merecesse ganhar num dos main-events da WM (que eu acho que o combate pelo WWE title vai ser mesmo o último combate da Mania, caso o Cena x Taker não aconteça), e toda a gente também sabe que o Punk também merece. Mas os dois não podem vencer. Mas os dois podem estar no combate… Mas e o Orton? Ele é que vai conduzir esta rivalidade e depois não ia estar no combate? O cenário mais adequado era ter os três no combate, e ter assim uma vez mais um Triple Threat match no main-event de uma WrestleMania.

    E como chegar até este Triple Threat?
    O que eu queria era, o Orton a vencer sujo, no NOC. No Battleground, o Orton tinha outro adversário, pois a família McMahon não ia querer o Bryan a competir pelo WWE title outra vez. O adversário que iria enfrentar Orton, podia ser o Miz, Ziggler, RVD, Mark Henry, Big Show ou até Rey Mysterio, não interessa muito quem, pois qualquer um iria perder.
    No Hell in a Cell PPV, queria Bryan x Orton outra vez, num Hell in a Cell match obviamente. O Orton iria vencer, de maneira suja, provavelmente com ajuda dos Shield, que iriam arranjar maneira de entrar na jaula.
    NO Survivor Series, queria muito um 5 vs 5 match, entre Bryan e Orton, os participantes na equipa do Orton seriam óbvios (Shield, Orton e HHH) do lado do Bryan, era interessante ver o Ziggler, o Miz, o Big Show, o Mark Henry, os Usos … O vencedor seria a equipa do Orton, desta vez de forma limpa o que iria fazer com que o Bryan saísse da rota do título.
    No TLC PPV, teríamos Orton x Rey Mysterio ou RVD, para credibilizar o Orton por ganhar contra um high flyer num ladder match, ou TLC match. No Royal Rumble, poderia ser o mesmo adversário que foi no PPV anterior, o Orton saía vencedor mais uma vez.

    No mesmo PPV, o CM Punk vencia o Royal Rumble match.

    Para o Elimination Chamber PPV, era marcado um EC match pelo WWE title, os participantes seriam escolhidos através de 5 combates de qualificação(os participantes não interessam muito), e os combates aconteciam normalmente, sempre com o Bryan longe do título, até que na última Raw antes do PPV, anunciavam que um dos participantes da Chamber se tinha lesionado, e iria acontecer uma Battle Royal, para determinar quem iria ocupar o lugar do lesionado, e era aí que a família McMahon iria cometer o seu primeiro erro, ao esquecer-se de proibir o Bryan de participar. O Bryan não só participava como ganhava. E no PPV acabava mesmo por vencer o título ao Orton.

    Na WM, teríamos assim o campeão (Bryan), o ex-campeão (Orton) e o vencedor da Royal Rumble (Punk). O vencedor seria o Punk!

    Sonhar não custa ;)

    • José Sousa - há 3 anos

      Olha que eu tenho uma ideia muito parecida para este feud, infelizmente para ti acabava era com o Bryan como novo campeão da WWE. Mas eu também acho que no próximo PPV depois da NOC que o Bryan vai ser afastado da luta pelo titulo. Pode ser o Miz ou o Rey o contender o objectivo e o resultado final era o mesmo.

      • QueirosS - há 3 anos

        Eu para ser sincero, escolhi o Punk para vencer o combate na WM, apenas porque acho que é ele que merece mais, porque se esta feud fosse mesmo assim, nem iria importar muito quem vencia, um pouco à imagem do Lesnar x Punk no SummerSlam, a feud foi tão boa, e o combate foi absolutamente épico que nem me importei que o Lesnar tivesse ganho.

      • José Sousa - há 3 anos

        Nem eu, entre os dois eu gosto dos dois. Ah para o titulo Mundial como seria para ai o quarto mais importante ou mesmo o 5º por mim podia ser Damien Sandow vs Dolph Ziggler, com a vitória a ir para quem vocês sabem.

      • QueirosS - há 3 anos

        Por mim seria Barret x Ziggler pelo WHC.
        O cash-in do Sandow seria para breve, para ele chegar a ter um reinado decente, ou então para depois da Mania, mas preferia a primeira opção.

      • José Sousa - há 3 anos

        Sim desde que seja para o Ziggler sair da Mania como campeão Mundial é o que me interessa.

    • LuisMPBO - há 3 anos

      Consigo perfeitamente ver todo esse cenário a ocorrer. Parece me bastante bem, concordo com tudo, menos com uma coisa: o Bryan voltar a ser campeão, apenas para perder o título na sua primeira defesa. Para tudo acontecer dessa maneira, acho que o Bryan teria de ganhar na Wrestlemania, em vez do Punk. Se fosse para o Punk ganhar, então que arranjassem outra maneira de envolver o Bryan no combate da Wrestlemania, sem ele ter de tirar o título ao Orton no EC, mantendo se este como campeão até lá. O reinado do Bryan ficaria então para depois, mas sinceramente não queria isso, preferia que ele tivesse prioridade sobre o Punk. Afinal de contas, o Punk sempre tem a WM 31 para ganhar no main event (ou outra mais à frente), e não tem urgência nenhuma em ser campeão, já o Bryan está a consolidar se como main eventer, e esta storyline está construída de forma perfeita para ele sair dela como campeão, mais over que nunca.
      De resto, ainda que algumas coisas sejam maleáveis e por isso talvez eu as alterasse ligeiramente, por mim, poderia acontecer exatamente assim.
      Mas, obviamente, há muitas outras possibilidades que também seriam ótimas.

      • QueirosS - há 3 anos

        Como já disse ao José Sousa, tanto me faz ver o Punk ou o Bryan a vencer, apenas coloquei o Punk porque acho que merece mais que o Bryan.
        Mas tens razão no que disseste a feud está a ser construída para o Bryan vencer na Mania não para o Punk, e este último vai ter de certeza outras oportunidades para vencer no main-event da WM.

  6. danielLP21 - há 3 anos

    Bom artigo José.

    Esta história ainda é demasiado recente para se estarem a formar possibilidades de como vai acabar. O Daniel Bryan, não tenho dúvidas, vai acabar por recuperar o Título da WWE.

    Eu não ficaria chocado se o Bryan recuperasse o título no Night of Champions ou no PPV seguinte, perdendo-o de novo mais à frente, de forma a que o título fosse uma espécie de acessório nesta história. Lado negativo? Reinados demasiado curtos. Lado positivo? Caos, polémica e incerteza. No entanto, excluo, para já, esta possibilidade, e o Orton deverá ter um reinado suficientemente longo.

    Em relação ao Daniel Bryan, vejo, de momento, algumas possibilidades: recuperar o título no Survivor Series, no TLC ou no Royal Rumble e perdê-lo na WrestleMania. Como? Bem, vou tentar explicar algumas das minhas ideias fantasiosas.

    Partamos do princípio que o Bryan recupera o título no Royal Rumble. Nessa noite, poderíamos ter o regresso de John Cena, que lutaria pelo Título da WWE na WrestleMania, contra o Daniel Bryan ( através de uma vitória no Elimination Chamber para determinar o 1# contender e não por uma vitória no Royal Rumble Match!). Sem esquecer que durante este tempo todo o Bryan iria estar envolvido na história com a família McMahon, poderiam haver indícios, nas semanas anteriores à WrestleMania ( depois do Elimination Chamber), de uma suposta aproximação do Daniel Bryan à família, uma vez que seria impensável o adversário do Bryan na WrestleMania juntar-se à família.

    Chega o dia da WrestleMania. Combate espectacular, os dois babyfaces esgotados. Perto do final do combate, um dos maiores “clichês” do Wrestling, com o árbitro, de alguma forma, a ficar inconsciente. Árbitro no chão, dois lutadores no chão. E chegam as interferências. Num dos maiores “OMG Moments” ( ou maior) da História do Wrestling, Triple H ( ou Vince McMahon, seja quem for o heel, o que não interessa agora para o caso) dá uma cadeira a John Cena, que a usa em Daniel Bryan e ganha o Título da WWE, fazendo o heel-turn mais épico da história da WWE. Desta forma, estava feita a “passagem de testemunho”, ainda que não fosse através do método mais habitual. Se esta minha ideia foi influenciada pelo main-event da WrestleMania X-Seven? Sim, foi. Se é provável? Não, de todo, até porque o Randy Orton deverá estar, quase certamente, na disputa pelo Título da WWE na próxima WrestleMania.

    Outra hipótese é termos um Triple Threat entre John Cena, Daniel Bryan e Randy Orton, com o desfecho a ser o mesmo do parágrafo anterior. O problema seria o futuro, uma vez que o Orton podia sentir-se traído pelos seus superiores e teria que fazer um face-turn, o que não seria nada agradável…

    Vamos a mais uma possibilidade: Randy Orton mantém o título até ao Royal Rumble e perde-o para Daniel Bryan ou CM Punk, com o vencedor do RR Match a ser Daniel Bryan e CM Punk, e estes dois a lutarem na WrestleMania, num típico babyface vs babyface. No final do combate, independentemente do vencedor, abraçavam-se “à Eddie Guerrero e Chris Benoit”, uma vez que seriam dois “indy guys” a chegar ao topo dos topos. No outro ME da noite, John Cena ( entretanto regressado) enfrentaria Randy Orton para supostamente “salvar” a WWE das garras dos vilões. Nas semanas anteriores, Orton e o “boss heel” podiam começar a ter algumas divergências, com o culminar desses problemas a chegarem na WrestleMania, onde Orton seria traído e Cena fazia o seu heel-turn. Como é óbvio, isto só seria possível se as Lendas não tivessem a “spotlight” na RTWM e na própria WrestleMania. Vai sonhando Daniel, vai sonhando…

    Seja como for, parece-me praticamente certo que esta história vai incluir, entre ouros, os 4 “major names” da WWE actualmente: Randy Orton, Daniel Bryan, CM Punk e John Cena.

    Só peço um Daniel Bryan vs CM Punk e/ou um heel-turn do John Cena ( principalmente esta segunda opção) na WrestleMania XXX. Por favor WWE, dêem aí um jeitinho…

    • José Sousa - há 3 anos

      Sim e por certo que esta história vai-me obrigar e também á Salgado a fazer mais que um artigo sobre ela. Mesmo que exista alguma rotação de nomes, isto vai durar até á Wrestlemania, uma historia com este impacto não termina num TLC, temos que ser racionais. O mais provável é que se conclua na Wrestlemania.

      Sinceramente eu li que ontem disseste que o Bryan não luta pelo titulo no Battleground. Eu também acho isso, isto tem muito de Stone Cold vs Corporation, e Poder vai escolher outro qualquer para depois do Night of Champions.

      O que eu gostava era de ver o Bryan a sair com o titulo na Wrestlemania, mas o cenário mais provável é que seja o CM Punk a sair com esse titulo do grande evento. Mas eu não consigo ver o Bryan vs Punk sozinhos, o Orton vai estar metido nisto tenho quase a certeza.

      O Cena eu acho que vai lutar contra o Triple H a representar o Vince McMahon na Wrestlemania. Olha eu também sonho que esta Mania não vai ser dominada pelas lendas, ou seja vais tê-las mas se for Triple H, e Lesnar vs Taker já não seria mau de todo. E nomes como o Ziggler, Bryan, Shield podiam ter o destaque que merecem. Também se estão a dar destaque a á nova geração agora que não estraguem tudo lá.

      Já agora eu sonho com Sandow vs Ziggler pelo titulo Mundial na Wrestlemania.

      • danielLP21 - há 3 anos

        Repara numa coisa: esta história envolve dois aspectos: a nova “stable” e o Título da WWE. Na WM, será que o Bryan vai lutar pelo título ou na guerra contra a família McMahon? Ou será que o título vai continuar “misturado” com esta história? Repara que um Cena vs HHH faz com que o Bryan não esteja nesta história da família. Isso faz sentido? Lá está, ainda é muito cedo para prever cenários…

      • José Sousa - há 3 anos

        Sim e esta é daquelas histórias com várias portas. E quase todas elas com cenários interessantes, e cada porta aberta vamos perceber melhor o que pode acontecer na WM. Depois do Survivor Series vai ser mais percéptivel o cenário, pelo estou oonvencido disso.

    • QueirosS - há 3 anos

      Para o heel-turn do John Cena, eu tive uma ideia, e passava por colocar o Cena contra o Undertaker.
      E durante o combate, chegava uma altura, em que o Undertaker livra-se de um AA, mas continuaria no chão, sem se mexer, enquanto o árbitro olhava para o Taker e tentava ver o que se passava, o Cena, que estava atrás do árbitro, atacava o árbitro, depois ia buscar uma cadeira, atacando assim repetidamente o deadman. O Cena levantava o árbitro, depois o Taker, e metia-o por cima dos ombros pronto a fazer o AA, quando se ouvia o impacto inicial da música do Kane, tudo ficava vermelho, o Cena deixava o Taker cair, este último que ia aproveitar a distração do Cena, para lhe aplicar o Tombstone Piledriver. Vencia o combate, e no fim dava um abraço ao Kane, reformando-se assim da WWE.

      Seria lindo !

      • danielLP21 - há 3 anos

        A parte do abraço seria mesmo épica, sem dúvidas! O problema é que eu acho que o Cena, quando fizer o heel-turn, tem que ficar por cima. A “spotlight” vai ter que ficar nele, como ficou com o Hulk Hogan.

      • QueirosS - há 3 anos

        Esse é mesmo o único problema neste desfecho.
        Mas também não queria que o Cena voltasse a ganhar o título da WWE numa WM, mas se for para fazer o heel-turn tem mesmo que voltar a ganha-lo.

      • MR Perfection André Santos - há 3 anos

        Este ano promete…

    • Diogo_67 - há 3 anos

      Eu gostava de ver o Bryan a ganhar o titulo no Hell in a Cell acho que o Orton não precisa de um reinado longo. Orton vs Bryan num Hell in a Cell com o Bryan a ganhar era épico. E também adorava ver Bryan vs CM Punk (face vs face) e Cena vs Orton independentemente se há ou não heel turn do Cena.

  7. Miguel Carlos - há 3 anos

    Como sempre, não me desiludiste José. Estava à espera que fizesses o rescaldo do SummerSlam, mas este tema não desiludiu.

    Qual a tua opinião sobre cada um dos intervenientes desta guerra? – Primeiro que tudo, acho que devias ter acrescentado Wade Barrett como interveniente. Depois, não tenho nada a acrescentar sobre cada um dos intervenientes. Não tenho ideias prologadas do papel deles, e agora fiquei com as tuas ideias em mente.

    Como gostarias que esta feud se desenvolvesse e concluísse? – Como disse, não tenho ideias prologadas sobre a fued, mas acho que esta fued vai acabar com Orton vs. Bryan na WM e vai ter um Team Bryan vs Team Orton no SS. Não acho que a história vá envolver Punk, pelo menos para já, e muito menos um heel-turn de John Cena, mas não proíbo o Daniel de sonhar.

    Concordas com os momentos da Semana?
    Estou divido entre a revelação do Ray/Hot Brooke e a eliminação de Devon, mas estou mais inclinado para o primeiro.

    Talvez o tema da próxima semana seja sobre o top500 da PWI, mas espero que nos surpreendas com um grande tema que não envolva as histórias atuais xD

    • José Sousa - há 3 anos

      Os temas das próximas duas semanas estão definidos e não vou falar desse top. Eu só fiz uma primeira análise mais á frente por certo que irei voltar a este tema. Eu não sei se o Barrett entra na Stable ou não. É tudo ainda prematuro para desenvolver muito mais sobre este tema.

  8. Mario Magalhaes - há 3 anos

    Excelente artigo José.

    Apresentaste muito bem cada um dos personagens e os possíveis desfechos para esta que será a rivalidade do ano.

    Minhas ideias sobre esta feud, são parecidas com as tuas, também acho que Orton defenderá este cinturão a todo custo e será sempre ajudado pela Nova Corporation e Shield. Acho que deverão ainda estar a ajudar Orton nomes como Wade Barrett e quem sabe até mesmo Ryback.

    Para o Survivor Series também acredito em Team Bryan vs Team Corporation, e os aliados de Bryan para mim serão Ziggler, Show, Henry e quem sabe Rey Mysterio ou Rob Van Dam.

    A minha grande dúvida para o Royal Rumble são os retornos de Sheamus e Cena, pois não sei o que a WWE irá reservar a estes dois homens, pois acho que só eles seriam a ameaças aos dois grandes favoritos a vitória, CM Punk e Daniel Bryan.

    Mas meu cenário seria Orton vs Bryan na Wrestlemania 30, com Shawn Michaels entrando com Bryan e ele conquistando o cinturão no PPV. Seria espetacular, para Punk eu faria a desforra contra Lesnar, até para vencer e recuperar-se da derrota do SummerSlam.

    • José Sousa - há 3 anos

      Oh qe lindo que seria. Mesmo que seja Punk vs Bryan com ou sem Orton já será um combate fantástico. A WWE conseguiu-nos cativar e só espero mesmo que não estrague tudo com a chegada de lendas tipo Rock ou Goldberg que vem so ocupar espaço no card da WM.

  9. GJD - há 3 anos

    Qual a tua opinião sobre cada um dos intervenientes desta guerra?
    Concordo com o que você mencionou mas adicionaria 2 membros Barrett do lado heel , e Christian ou Miz do lado face.
    Como gostarias que esta feud se desenvolvesse e concluísse?
    Gostaria que no Noc , tivessemos Ambrose vs Ziggler pelo Usa, onde Barrett interferiria e Ambrose reteria, Big Show e Henry vs Shield , Shield reteria com interferência causada pela Sthepanie ou pelo Ambrose, No main event teria uma Braw entre todos nisso Orton usaria alguma arma para pinar o Bryan ou Vince faria alguma trapaça com o referee , No Battleground Daniel Bryan já teria montado seu time e chamaria seus dois mentores que ficaram revoltados com a atitude de Vince e familia e eles são Hbk e Regal, Nisso Ambrose reteria contra Christian ou Miz, Shield perderia para Show e Henry e no Main event temos outra braw onde Daniel Bryan consegue vencer o wwe title com auxilio de Rey Mysterio, mas no Hell in cell temos a adição de um novo elemento a corporation alguém surpresa , que dá a vitória a Orton e no Survivor Series temos Orton , Shield e Barrett vs Daniel Bryan , Show , Henry e Ziggler. win all titles , e também teriamos HHH vs Rey Mysterio e new member do corporation do Hell in cell vs Christian (ou Miz). É praticamente impossível criar uma parâmetro agora mas gostaria que o reinado do Orton fosse dividido em 2, um curto e outro até o Royal Rumble , onde Bryan venceria e seria o fim do corporation , e na Mania Bryan vs Cm Punk

    Concordas com os momentos da Semana? No da Tna acho que seria a demissão do Devon

  10. Dolph Ziggler - há 3 anos

    Antes de começar, parabéns pelo artigo, José. Está muito bem escrito!

    Quanto a esta história do Bryan vs Corporation, penso que tem tudo para resultar. Claramente que o objectivo aqui é elevar o Bryan ao topo e depois de meses e meses a lutar contra a empresa, conseguir chegar ao seu tão merecido momento e vencer o título da WWE. Se isto tudo vai resultar ou não, depende deles.

    A promo do Triple H no RAW foi excelente e muito eficaz. Explicou muito bem o porquê de ter feito aquilo que fez ao Bryan e ainda disse que iria enterrar o passado para o bem do futuro da empresa. Claro que é estranho ver o Orton a abraçar a Stephanie quando há 3/4 anos atrás andava a mandar-lhe RKO’s ou cumprimentar o McMahon quando ainda há pouco tempo andava aos biqueiros á cabeça dele, mas penso que a explicação do Triple H foi muito boa e lógica. É verdade, a stable está cheia de heat, o Bryan está incrivelmente over e as coisas parecem ir não direção correcta. Ah, espero também que num futuro próximo dêm tempo ao Orton para fazer uma promo. Quero ver aquelas promos cheias de arrogância de novo. E convinha também que começasse a vestir um fato pois ele é o Corporate champion e precisa de se apresentar como deve ser. Penso que assim seria muito bom: http://i205.photobucket.com/albums/bb151/blue_eyes4u90/Randy%20Orton/m_2f2fb06dc612fa64fa50c8abae6ba420.jpg

    Quanto ao desenvolvimento da feud, é dificil de prever. Não estou a ver eles a fazerem tantos combates entre o Bryan e o Orton pelo título, mas se não for isso, o título fica de fora do PPV, certo?. Portanto, podemos ter:

    Orton/Bryan – NOC
    Orton/Bryan – battleground (ou podem aproveitar o nome do PPV e fazerem war games)
    Orton/Bryan – HIAC
    Team Bryan vs. Corporation – SS

    E depois no TLC o que é que acontece? Outro Bryan/Orton? Eu acho que o Bryan vencer o título na Wrestlemania seria um grande momento, mas tenho a ideia que vai fazer mais cedo. Não sei se TLC seria uma boa ideia, mas o Rumble é um PPV grande para se fazer isso. O Bryan iria depois defender o título no EC onde se conseguiria safar. Depois na WM, poderia haver Bryan/HHH pelo título onde caso o HHH não vencesse, não só o Bryan defendia o título com sucesso, como a Corporation acabava.

    Pode não fazer muito sentido, mas estou expectável quanto a esta feud. Só espero que não repitam muitas vezes o combate Orton/Bryan pois a história pode começar a tornar-se chata e repetitiva.

    Quanto ao traditional match no SS, gostaria de ver: Bryan, Ziggler, Henry, Show e Mysterio vs Orton, HHH e The Shield. Seria um ME brutal.

    • José Sousa - há 3 anos

      E escrevi tudo na Sexta(tipo tinha uma ideia para abordar o tema mas não gostei, e recomecei tudo na sexta, daí ter este formato). Mas gostei das tuas ideias só acho que é muito provável que a WWE coloque o Bryan fora da rota do titulo no Hell in the Cell, só para irritar um pouco o povo.

      • Dolph Ziggler - há 3 anos

        Pois mas convém alguém lutar pelo título no Hell in a Cell. E se não for o Bryan, quem é?

      • José Sousa - há 3 anos

        O Cristo do costume já sabes: Dolph Ziggler. Vais ter só duas semanas de diferença, não é preciso inventar muitas storylines. Por isso fazer um 3 Bryan vs orton em um mês e meio pode ser arriscado, dai achar que ai vamos ter um nome diferente só para criar mais injustiça. Se não for o Ziggler, pode ser o Mark Henry ou mesmo o Rey Mysterio, é para o Orton defender e é.

  11. Coisa - há 3 anos

    E lá tão todos a falar do Punk outra vez, que não tem nada a ver com isto! Que raiva, o Orton só agora voltou à ribalta e tem agora o cargo de ser a cara de WWE, e já querem que o homem perca o seu reinado para o Bryan em Hell in a Cell e tal, pronto, por culpa do Punk, que não tem nada a haver com esta feud, lá vai o Orton Heel ficar estagnado de novo 2 anos!

    Orton x Bryan na Mania é mais que merecido! O Punk não tem como entrar na Feud, não faz sentido nenhum!

  12. LuisMPBO - há 3 anos

    José, artigo muito bom.
    Quanto ao desenvolvimento da feud acho que, com tantas possibilidades, não é possível estabelecer se uma ideia que se possa afirmar como sendo a melhor, mas pode dar se sugestões. É isso que vou fazer. Vou dizer, não aquilo que acho que acontecerá, mas uma hipótese que me parece bem.

    Para o Night Of Champions penso que, não só está óbvio qual o combate que irá ocorrer pelo WWE Championship, como é a melhor opção, por isso nada a debater aqui. Que a feud continue a ser bem desenvolvida e tenhamos Bryan vs Orton pelo título no PPV. Após 20 minutos (ou algo assim) de um grande combate, os Shield interferiam e atacavam o Bryan, causando a vitória deste por DQ e a retenção do título por parte do Orton.

    Após o NOC, o Bryan reclamaria por causa da forma injusta como o seu combate acabou e a Corporation (vou lhe chamar assim, ainda que não lhe tenha sido atribuído o nome) conceder lhe ia mais um combate, no Battleground. No PPV, após mais um grande combate entre Bryan e Orton, o Bryan acabaria por conseguir a vitória por pinfall e sagrar se ia campeão. Depois de cerca de um minuto de festa, o Triple H aparecia e declarava que devido a uma irregularidade (eles que fossem buscar uma regra qualquer, mas tinha de parecer insignificante e descabido) o resultado do combate seria anulado e o combate recomeçaria. Imediatamente, a campainha soa, o Orton apanha o Bryan ainda distraído com o que tinha ouvido, aplica o RKO e vence. O Bryan não chega a ficar registado como campeão, sendo o reinado do Orton contínuo.

    Depois disto, o Bryan voltava a pedir mais uma oportunidade pelo título, que seria, desta vez, negada pela corporation. O Bryan dizia então que, se não podia lutar pelo título, desafiava Triple H para um combate, uma vez que queria a sua vingança (se o Triple H não acabou a sua carreira, estou a assumir que está disponível para fazer mais um ou dois combates). Um torneio seria realizado para determinar o candidato principal ao WWE Championship, e CM Punk venceria. No Hell In A Cell teriamos então dois grandes main events, ambos disputados dentro da jaula: CM Punk vs Randy Orton e Daniel Bryan vs Triple H. No Bryan vs HHH, o primeiro dos dois a ocorrer, Bryan venceria limpo, por pinfall. Depois, no último combate da noite (Punk vs Orton), no momento em que parecia que Punk estava prestes a ganhar, aparecem os Shield e o Triple H, entram na Hell In A Cell e atacam o Punk. Enquanto isto acontece, aparece o Bryan, que farto dos ataques da corporation, dirige se ao ringue e tenta ajudar o Punk. Instala se o caos e, no meio disto, o Bryan, sem querer, acerta no Punk e deixa o caído. O Orton aproveita então para vencer o combate.

    O Punk começa a alegar que, se não fosse por causa da ajuda do Bryan, ajuda essa da qual ele não precisava e que acabou por prejudica lo, ele teria ganho o combate, com ou sem interferência da corporation. Inicia se então uma mini feud entre Punk e Bryan, mas sempre face vs face, nada de heel turns. Sendo que o PPV que se segue é o Survivor Series, o Bryan desafia a Corporation para o combate de eliminação tradicional. Apesar dos seus conflitos com Bryan, Punk decide aliar se à sua equipa para destruir a Corporation e, juntamente com Dolph Ziggler, Big Show e Mark Henry, enfrentam Randy Orton, Triple H e The Shield no PPV. A Corporation diz que, como os títulos individuais não devem ser defendidos em combates de equipas, o WWE Championship não estará em jogo (conveniente), o que acaba com uma disputa entre Punk e Bryan para decidir quem seria o candidato nesse combate. No PPV, Team Bryan vence limpo, com Bryan e Punk a serem os sobreviventes.

    Na Raw seguinte, Punk vs Bryan para decidir o numbre one contender no TLC. Empate nesse combate. É decidido então que haverá um TLC Triple Threat Match no PPV pelo título. No TLC, sem interferência de ninguém, Orton vence o combate, subindo o escadote “sorrateiramente” enquanto Bryan e Punk então “entretidos” um com o outro. Isto evita que estes dois saiam muito descredibilizados, até porque nenhum “sofreu” a derrota, e ao mesmo tempo dá ao Orton o crédito de uma vitória limpa.

    Depois, o John Cena regressa e envolve se imediatamente em feud com este, tirando o do cenário do título. Sheamus também regressa, em grande, começa a ganhar muito momentum, e desafia o Orton para um combate no Royal Rumble. No PPV, Orton vence Sheamus limpo e Bryan vence a Royal Rumble.

    Depois disto, em mais um ato típico da Corporation, Triple H diz que Bryan terá de lutar novamente com ele, e se não o vencer perde a sua oportunidade ganha na Royal Rumble. No Elimination Chamber, Orton defende o título com sucesso (e limpo) num combate (como não podia deixar de ser) Elimination Chamber, sendo o sexto a entrar. Vence Sheamus, Dolph Ziggler, CM Punk, John Cena e Rob Van Dam, que já se tinham “estragado” todos antes da entrada do WWE Champion. Daniel Bryan vence Triple H limpo, por submissão.

    Na Wrestlemania, para concluir a feud em que estavam envolvidos, Punk e Cena lutavam um com o outro, e dava se FINALMENTE o heel turn do Cena. Pelo WWE Championship teríamos Daniel Bryan vs Randy Orton com a estipulação de que se a Corporation interferisse o Orton perderia o título. Bryan vence Orton limpo por submissão.

    A partir daí, o Bryan teria um reinado espetacular e consolidar se ia como main eventer.

    Desculpa José, estiquei me muito, não resisti xD.

    • LuisMPBO - há 3 anos

      * Imediatamente em feud com o Punk (disse “com este” sem ter mencionado o nome dele antes LOL).

    • José Sousa - há 3 anos

      Não tem mal, e eu gostei das tuas ideias. Lá está esta é daquelas historias que tem muitas possibilidade interessantes, e só lá para o Survivor series é que irá perceber verdadeiramente como pode acabar esta história.

    • Rubinho16@ - há 3 anos

      Oficialmente, os teus bookings, os do José e os do Dolph são os melhores do site! xD

  13. Diogo7 - há 3 anos

    Excelente artigo José.

    Ainda é muito cedo para dizer como esta storyline vai termirnar, mas não tenho dúvidas que depois desta acabar, vamos ter um novo Main Eventer estabelecido, Daniel Bryan. Acho que ele vai acabar por reconquistar o WWE Championship.

    Eu gostava que o Daniel Bryan vencesse o Título no Royal Rumble e o Punk vencesse o Rumble match. No Elimination Chamber, o Daniel Bryan vencia a sua desforra contra o Orton. Na WrestleMania, eu queria um Daniel Bryan vs CM Punk pelo Título mas eu acho isso pouco provável que aconteça. O mais certo é o Orton ter um reinado até à WrestleMania e defender o Título contra o Bryan, o vencedor da Royal Rumble.

    É muito díficil prever como isto vai acabar mas esta storyline vai deixa-nos colados ao ecrã durante uns bons meses. Já não estava tão entusiasmado com a WWE desde 2008.

    • José Sousa - há 3 anos

      Sim é muito cedo, tanto que eu disse que é bem provável que volte a este historia mais á frente. Ela vai demorar alguns meses até lá é disfrutar e esperar que tudo corra bem.

      O melhor disto tudo é que trouxe de volta o Orton de topo, e vai tornar o Bryan num main-eventer.

  14. FAlmeida_10 - há 3 anos

    Excelente artigo Jose. Tenho andado com pouco tempo esta semana por isso com muitpena minha estou comentar este artigo tarde, e nao vou fazer um comentario a dar todas as minhas ideias. Queria so falar num ponto que achei curioso que tu tocaste…

    Aquela parte em que tu falas do heat que o Del Rio tinha e o comparas com o Orton… Tal como tu, eu acho que isso NUNCA vai acontecer ao Orton. Ele difere muito do tipo de heel que o Del Rio foi. O Del Rio tem um problema, e desinteressante de ver. Naquela altura ele recebia um heat brutal, e estava completamente desnorteado porque nao sabia como tinha aquele heat, nao se manteve a altura, logo perdeu completamente o interesse, interesse esse que ele raramente teve. O Orton nao, ele sempre esteve habituado a ter um heat brutal, desde os tempos dos Evolution ate na feud que teve com o Kingston…

  15. Leonardo Trevisane - há 3 anos

    Bom, esta feud parece que vai ser uma das melhores dos ultimos tempos, e gostaria de Punk x Bryan pelo WWE e punk finalmente realizar seu sonho, sair com WWE Champion no Main event de uma Wrestlemania, e gostaria de Orton x Triple H(orton representante de Vince pelo poder da WWE), Cena x Taker(Cena heel turn).

    Uma coisa podemos ter certeza, a WWE ta voltando a ter feud’s brutais, acho que isto que eles tão fazendo é o desfecho da PG ERA, pois pra mim dps da WM XXX teremos uma nova Era, com Triple H no topo acho eu, e com algum tipo de evolução, o Vince a deixar a WWE pro Triple H é magnifico, afinal ele é o homem que merece cuidar.

    Não sei muito fala sobre a feud sobre o WHC, mas espero que seja boa, agora fico feliz pois finalmente Orton voltou ao topo na hora certa, e tipo, Cena se lesionou foi ruim pois não podemos desejar mal a ngm.Mas acabou ajudando ele e a WWE a construir novas historias

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador