Tap Out #16 – Bons Combates

Bem vindos à edição 16 do Tap Out, ainda em rescaldo do Payback e de algumas surpresas, irei abordar essa semana um pouco sobre os combates num geral, e o que faz um combate ser bom ou ruim, espero que gostem.

Bom, em todos os shows semanas e mensais, sejam eles da TNA ou WWE, PPVs ou shows comuns, temos varias criticas e elogios sobre os mesmos. Aqui mesmo no UW e WPT, se olharmos os comentários dos shows, vemos vários comentaristas dando suas opiniões, qualificando as lutas como excelentes, boas, razoáveis, ruins e etc. Porem pensemos um pouco, o que torna um combate digno de um “excelente”, e o que torna um combate criticado como “ruim”? Oras, temos situações diferentes e o modo de qualificar tais combates tambem devem ser diferentes.

MID CARD:  O Mid Card é talvez o card mais complexo e variado de uma empresa, no caso da WWE, temos lutadores pertencentes ao Mid Card que possuem inúmeras personagens e qualidades diferentes. Alguns são extremamente carismáticos e competentes, enquanto alguns não cativam o publico com carisma mas tem de compensar in ring.

Ora os combates do mid card, ao meu ver, tem de ser julgados em meio termo, numa mistura de carisma com qualidade in ring. Visto que muitos mid carders não tem um carisma adequado, os mesmos podem tornar um combate excelente mostrando muito in ring.

Um exemplo é Antonio Cesaro VS Kofi Kingston, estes dois tiveram combates que foram muito elogiados quanto à Mid Card. Se analisarmos bem, nenhum dos dois possui um carisma relevante, Kofi tem um certo apoio, mas sua gimmick está um pouco gasta, enquanto Cesaro tem pouco carisma e tem Zeb Colter ao seu lado agora. Oras o que fez os combates destes dois serem bons foi o que apresentaram in ring. Cesaro é dono de um talento técnico enorme in ring, e Kofi tambem é muito habilidoso e vende bem os golpes de seu oponente, neste caso o que se é mostrado in ring consegue mascarar a falta de carisma e torna o combate bem aceito dentre os fãs.

Outro caso no Mid Card é quando os lutadores possuem grande carisma, como The Miz VS Wade Barrett. Neste caso o combate tem mais chances de ser bom, visto que o carisma ajuda muito os lutadores, porem se eles decepcionarem in ring, o combate se torna regular ou ate mesmo mal aceito por parte dos fãs. Por isso na hora de julgar um combate tem de se levar em conta o carisma dos lutadores, pois isso é relevante para o resultado do combate e a qualidade do mesmo.

DIVAS: Já quanto à divisão feminina, os quesitos de reação são outros.

Vejamos AJ Lee VS Kaitlyn, o que fez com que este combate fosse o melhor de muito tempo dentre a Divas Division?

Primeiro ponto: Tempo, um grande defeito dentre os combates femininos da WWE é a falta de tempo dado à eles,  quando o tempo é curto não há muito à se mostrar, no caso destas duas no Payback, o tempo foi bom e isso fez com que elas pudessem mostrar e desenvolver o combate.

Segundo ponto: Carisma, AJ Lee é a mais completa no que toca à carisma dentre as Divas, ela consegue mexer com o publico, e sua historia com Kaitlyn foi uma das únicas que fez o povo querer ver uma match de Divas, quando as Divas tem carisma e mexem com o publico, as reações são notórias e o combate se torna mais empolgante.

Terceiro ponto: Qualidade in ring e finalização, um dos grandes defeitos de Divas Matches são a forma em que terminam: Roll Ups. No caso de AJ e Kaitlyn o combate terminou com o Black Widow, uma manobra interessante de submissão que deixa as pessoas interessadas em ver se a oponente iria dar o tap out. Quando o combate termina com um finisher ou um golpe bom, as reações são mais positivas ate mesmo para as Divas e isso foi um ponto positivo neste combate.

Concluindo isto, para qualificar um combate de Divas, temos de aceitar que o tempo delas é curto, e que elas possuem menos liberdade do que os superstars, isso é relevante para apoiarmos um combate bom nessa divisão. Um outro exemplo foi o ultimo BETH PHOENIX VS NATALYA, o combate foi curto mas no pouco tempo, as duas conseguiram prender a atenção dos que viam e é isso que difere Divas que proporcionam combates bons, de Divas que não fazem diferença alguma.

MAIN EVENT: Os main eventers são com certeza os mais cobrados e com toda razão. Um combate para ser o main event de um show ou PPV, tem de ser se não o melhor, um dos melhores da noite. Um lutador para ser Main Eventer tem de ter o carisma grande e uma qualidade boa in ring, por isso a forma de julgarmos um combate de main event tem de ser com mais firmeza. Outro ponto a ser levado é a quanto ao combate ser previsível. Não é bom vermos combates de main event onde sempre os faces ganham, por isso as surpresas do combate conta muito para que nós gostemos do que estamos vendo.

Por esse motivo gosto de quando o main event envolve a The Shield. Combates tag team ou six-man tag team são muita das vezes dignos de surpresa. Os spots são bons e o combate não se torna previsível e isso que me faz gostar destes 3. Quando o lutador tem uma qualidade mediana in ring, seu carisma tem de ser soberbo, isso de certa forma consegue completar o que ele mostra in ring e deixa os fãs felizes com o que viram.

Falando do Cena, ele esta quase sempre nos main events dos shows seja em combate ou promo, e no caso dele o carisma é um fator grande. Cena nem sempre empolga in ring mas seus fãs, muita das vezes carregam o combate com sua grande ovação e isso é bom para um main event. O combate mais ovacionado, tanto positiva como negativamente, são os mais empolgantes e Cena consegue fazer isso, esse pode ser um dos motivos que o mantém como Main Eventer.

Enfim, gostaria que deixassem exemplos de combates que vocês consideraram como bons ou excelentes dentre estas 3 classes, os espero na próxima semana com o Tap Out.

Sobre o Autor

14 Comentários

  1. Rubinho16@ - há 3 anos

    Mais um bom artigo!
    Referente ao mid-card, vou mencionar um combate que gostei bastante (e porque não me apetece puxar pela cabeça), mas um combate antigo: Kane vs Drew McIntyre – Elimination Chamber 2010

    No main-event vou referir um combate que ainda está “fresco” nas nossas cabeças: The Shield vs Team Hell No – TLC 2012

    • FábioVaz - há 3 anos

      Fico feliz que tenha gostado.

      Drew tem uma qualidade muito boa, só é mal aproveitado.

      Grande combate da Hell No com The Shield

  2. Franck - há 3 anos

    Um dos ultimos mid-card que gostei foi o TeamHell No VS Ziggler e Big E Na Wrestlemania , tambem gostei do MITB Wm 24 se isso for considerado mid card . Quanto a Main Events os meus preferidos sao o TLC Wm 17 (nao sei se e considerado um dos main events da wm 17) Kurt Angle VS Undertaker No Way Out 06 , Cena VS Edge Unforgiven 06 , Randy Orton Vs HHH No Mercy 07 , Batista VS Undertaker WM 23 , Elimination Chamber RAw NWO 08 , Christian Vs Orton MITB 2011 e Undertaker VS Triple H Wm 28. Quanto a Divas os meus preferidos sao Trish Stratus Vs Mickie James wm 22 , trish vs lita unforgiven 06 e Layla VSMichelle Mccool extreme rules 2011

  3. FábioVaz - há 3 anos

    Grandes combates que citaste

    • Franck - há 3 anos

      Tambem gostavade citar um combate esquecido que vi ontem , puro wrestling que e Chris Benoit VS Finlay Judgement Day 06

      • FábioVaz - há 3 anos

        Chris Jericho proporciona combates muito bons

  4. LuisMPBO - há 3 anos

    Nao esta mal, nao sei se e bem assim, mas nao esta mal. Mas ha tantos fatores que podem contribuir para fazer um bom ou mau combate.
    So uma coisa que eu acho um bocado estranha nos teus artigos, tu dizes o tema que vais abordar (geralmente temas muito generalistas) e depois começas a dar exemplos e a comentar esses exemplos e vais, afunilando, afunilando, afunilando. Eu chego ao fim com a sensaçao que li um artigo sobre o Cesaro, a Kaitlyn, os Shield, etc. Repara: so falaste da WWE; so falaste da era atual; so falaste de combates a envolver meia duzia de lutadores; so falaste de meia duzia de combates a envolver essa meia duzia de lutadores. O melhor neste tipo de artigos, para mim, era analisar o tema no geral e pelo meio se calhar fazer algumas referencias, mas nunca passar a tratar as referencias como se fossem o artigo em si. A introduçao esta boa, mas depois o artigo nao tem nada a ver.
    Agora noutra nota, acho que nao ha aspetos diferentes para fazer um bom combate consoante as divisoes, apenas se espera mais de umas e menos de outras

    Nao leves nada disto a mal, porque nao e essa a intençao, alias, pelo contrario. Se eu nao quisesse mesmo saber, nao tinha perdido este tempo todo a fazer este comentario. Eu proprio nao me importo nada que alguem me critique (claro que sao situaçoes diferentes, porque eu nem sequer tenho um artigo). Tambem nao esta mal de todo, apenas quis apontar estes aspetos, alias, esta bem melhor que alguns que fizeste anteriormente.
    E nao leves isto demasiado a serio, porque a opiniao de UMA pessoa no meio de tantas nao conta tanto assim. E de qualquer maneira eu admiro sempre quem se da ao trabalho de fazer um artigo e apresentar todas as semanas, independentemente do resto

    • LuisMPBO - há 3 anos

      Na enumeraçao, a terceira coisa era: so falaste de meia duzia de lutadores
      Repeti duas vezes o mesmo

    • FábioVaz - há 3 anos

      haha Hey LuisMPBO, gostei em imenso do seu comentario, mas lhe digo que meus artigos visam à isto mesmo. Muitos dos artigos abordam eras passadas e combates passados, e eu me foco mais no que vemos nos tempos de agora. Sim, só falo sobre a WWE pois nao acompanho TNA entao nao teria o porque eu falar sobre esta companhia se eu sequer sei o que se passa por lá.

      Quando escrevo o artigo eu tenho o titulo como inicio para uma aplitude, isso vc vai ver em varias ediçoes deste artigo, isso abre pra mim um leque de coisas a se falar que talvez fuja um bocado daquilo que foi o começo.

      Agradeço por ter lido e comentado e nao se preocupe, nao levei nada disso a mal, criticas fazem parte e sao na maioria das vezes aceitas, e é comum alguns gostarem e outros nao, é apenas o meu ponto de vista sobre as coisas.

      Mais uma vez, agradecido.

      • LuisMPBO - há 3 anos

        Claro, e so mesmo pela ideia que me da. Nem me passa pela cabeça alterar o estilo do artigo de alguem, estou apenas a expor os meus pensamentos, e sei que compreendes. Afinal de contas e para isso que estamos ca.

      • LuisMPBO - há 3 anos

        E nao estou a dizer que o artigo devia falar de outras companhias ou epocas, estou a dizer que como o titulo e tao abrangente o conteudo supostamente seria tambem. Mas entendi o que me disseste!

      • FábioVaz - há 3 anos

        Tambem entendi o que quis dizer, e mais uma vez agradeço pelos comentarios :)

  5. AwesomeTheMiz - há 3 anos

    Realmente a gimnick de Kofi está gasta, e eu não sei o porquê de Antonio Cesaro vim sendo tratado desta forma no ringue, ninguém sabe o que ele fez para ser “penalizado” com várias derrotas consecutivas. Cesaro parecia um “jobber mais valorizado”.

    The Miz e Wade Barrett são dois superstars com muita qualidade, que já deveriam estar no Main-event, o porquê de não estarem? Não sei, Miz poderia voltar e Barrett poderia ingressar, seriam duas boas ideias.

    O combate entre Kaitlyn e AJ Lee foi muito bom de se ver, visto que fazia muito tempo que não víamos um combate bom entre as Divas. O resultado do Payback era mais que previsível, mas o combate foi muito bom e deve ocorrer mais combates assim na divisão.

    Em relação aos The Shield só espero que não acabem com os superstars que eram do Nexus, esquecidos no low-card, digo isto principalmente para Justin Gabriel. Entretanto, acredito que os três serão os futuros main-eventers da companhia, assim como algumas outras estrelas do NXT atual.

    COMBATES
    – Mid-carder: Chris Jericho vs. Dolph Ziggler (SummerSlam 2012)
    – Divas: Natalya e Beth Phoenix vs. LayCool (Tables Match – WWE TLC 2010)
    – Main-event: John Cena vs. CM Punk (Night of Champions 2012)

    O primeiro foi um combate de mid-card, o primeiro combate do Show do PPV.

    • FábioVaz - há 3 anos

      Jericho vs Ziggler foi simplesmente AWESOME.

      Tables Match de Divas foi épico, mostraram que tem capacidade pra isto.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador