Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

The Bottom Line #3 – My Top15 Matches in SummerSlam

Summerslam, um evento que já tem cerca de 25 anos de existência. O derradeiro evento de Verão do Wrestling. Com cerca de 200 combates no seu historial (sem contar com os Dark Matches), quais serão os 15 melhores? Bem na edição de hoje do The Bottom Line, irei apresentar o meu Top 15 dos melhores combates da história do Summerslam. Quero afirmar que os combates que aparecerem no Top, são com base na minha opinião apenas, e que se discordarem da minha opinião, não existe problema. Pois bem, vamos ver quais são os combates que estão incluidos no meu Top.

15º – Mankind vs Hunter Hearst Helmsley (Triple H) – Steel Cage – Summerslam 1997

Para abrir este meu Top, tenho este opener do Summerslam 1997, e é na minha opinião o melhor opener da história do evento. Sem dúvida nenhuma, Mick Foley e Triple H tinham uma grande química dentro do ringue. Enquanto a rivalidade entre os dois em 2000 ajudou o Triple H a afirmar-se como Main Eventer, esta rivalidade em 1997 ajudou a afirmar o Hunter como uma das futuras caras da companhia. Nesta rivalidade em particular, que começou no King of the Ring 1997, o Hunter lutou contra as três “caras” do Foley (Mankind, Dude Love e Cactus Jack) e este combate de jaula é o melhor desta rivalidade, na minha opinião. Nada mais que qualidade!

http://dailymotion.com/video/x3ut0d

14º – Hart Foundation vs Demolition – 2 out of 3 Falls Match – Summerslam 1990

Este combate é excelente entre duas das melhores Tag Teams da história. A storyline deste combate é que os Hart Foundation queriam desafiar os Demolition pelos títulos de Tag Team de forma a que pudessem ser mais uma vez campeões de Tag Team após terem-se voltado a reunir. Os Demolition tinham nesta altura apresentado um novo membro na sua Tag Team (Crush) e estavam a ser acusados por serem cobardes por atacarem com 3 homens. No combate apenas 2 membros dos Demolition podiam estar presentes no combate o que aumentava a especulação de quais iam lutar no combate. Os Hart Foundation ganharam o combate, no melhor combate de Tag Team da história do evento, na minha opinião.

http://dailymotion.com/video/x1cu92

13º – Ultimate Warrior vs Randy Savage pelo Título da WWE – Summerslam 1992

O primeiro combate desta lista onde o título da WWE esteve em jogo. Este foi o suposto “rematch” do combate entre os dois da Wrestlemania 7. Randy Savage era o campeão e o Warrior era o candidato ao título. Os dois tiveram um tremendo combate, um pouco inferior ao da Wrestlemania, mas fantástico na mesma. Savage sempre teve uma grande química com o Warrior e este combate também não foi diferente. A interferência do Mr. Perfect e Ric Flair também ajudou, pois fez sentido em termos de storyline. Este combate não está um pouco mais alto na lista, pois terminou por contagem, mas é compreensível, já que a WWE não queria “magoar” asduas Superstars. Um combate que merece uma vista de olhos!

12º – Undertaker vs Edge – Hell in the Cell – Summerslam 2008

Este combate foi o culminar da melhor Storyline da Smackdown em 2008. Antes deste combate acontecer, ambos tinham-se enfrentado ao longo do ano pelo título Mundial em 4 PPVs diferentes. Este Hell in the Cell foi para dar um fim definitivo á storyline entre os dois e acabou por ser o Main Event do Summerslam. O combate foi fantástico e de notar que o Edge, em combates onde existe uma estipulação, mostra sempre um empenho diferente que aumenta a qualidade dos combates. O Undertaker sai por cima nesta feud com outra grande exibição num combate Hell in the Cell.

11º – CM Punk vs Jeff Hardy – TLC Match pelo Título Mundial – Summerslam 2009

Se o combate anterior era o culminar da melhor rivalidade da Smackdown do ano de 2008, este foi, de certa forma, o culminar da melhor rivalidade do ano de 2009 na WWE. O CM Punk era nesta altura um dos melhores heels da WWE, se não o melhor, enquanto que Jeff Hardy era um dos Top Babyfaces da companhia. Esta storyline tinha como base o conflito dos dois estilos de vida vividos pelas duas superstars: o Punk, que vive o estilo de vida Straight – Edge onde não fuma, não bebe e não consume drogas, e Jeff Hardy, que tinha uma séria de casos onde foi apanhado pela WWE no controlo anti-drogas. O título Mundial também estava em jogo. O Punk vence num tremendo combate, onde após o combate o Undertaker faz o seu regresso à WWE.

10º – Bret Hart vs Undertaker pelo Título da WWE – Summerslam 1997

O ano de 1997 é um dos meus anos preferidos da WWE. Isso muito se deve à stable “The Hart Foundation” que foi criada nesse ano. Bret Hart, líder desta stable e agora um heel, estava numa campanha contra os fãs americanos que lhe tinham virado as costas. Hart queria se tornar mais uma vez no campeão da WWE e desafiou o Undertaker (campeão em título) para um combate no Summerslam desse ano. Hart também adicionou que se não ganha-se o título, nunca mais voltaria a lutar em solo americano. O Shawn Michaels, que estava numa rivalidade com Bret, foi apontado como o arbitro especial do combate, mas com a estipulação de que se Michaels não fosse imparcial durante o combate, ele também nunca mais lutaria em solo americano. Bret Hart ganhou o combate e o título, após Michaels ter atingido Taker na cabeça com uma cadeira por acidente. Os Hart Foundation continuavam fortes, enquanto abriram-se as portas para uma rivalidade entre o HBK e o Deadman.

9º – Undertaker vs Steve Austin pelo Título da WWE – Summerslam 1998

Se eu gosto do ano de 1997 no que toca à WWE, eu gosto ainda mais do ano de 1998. Adoro este ano na WWE, pois adoro a rivalidade entre o Austin e Vince Mcmahon.  O novo capitulo desta rivalidade aconteceu no Summerslam de 1998, onde o Undertaker se tornou no candidato principal ao título. Vince tentou causar controvérsia ao tentar convencer Austin que o Taker e Kane estavam numa aliança, reduzindo as hipóteses de Stone Cold manter o título no evento. Porém até esta altura, nada tinha sido confirmado. Este combate foi fantástico, pois opôs as duas maiores estrelas da WWE na altura, onde ambos tinham uma grande química, e estavam a competir no Madison Square Garden, com um público espectacular. Autin manteve o título, mas ainda ficou no ar se Taker estava numa aliança com Kane ou não.

8º – Steve Austin vs Kurt Angle 2001 pelo Título da WWE – Summerslam 2001

Mais uma vez, o combate pelo título da WWE continua a aparecer na lista. No meio da terrível storyline da Invasão da WCW e da ECW, a rivalidade entre Kurt Angle e Steve Austin foi um alívio durante este ano. Austin tinha acabado de se juntar à Alliance e agora esta “stable” tinha o título da WWE nas suas mãos. Kurt Angle ofereceu-se para defrontar Austin e trazer de volta o título da WWE para a companhia de Vince Mcmahon. Assim sendo, o combate ficou marcado e foi quase perfeito. Digo que foi quase perfeito pois o combate acabou em desqualificação, pois se tivesse existido um vencedor limpo, talvez este combate tivesse entrado no Top 5. Foi um combate cheio de assim entre dois grandes atletas e merece ser visto por qualquer fã de wrestling.

7º – Combate Tables, Ladders and Chairs nº1 pelos Títulos de Tag Team – Summerslam 2000

O que acontece quando introduzimos os Hardy Boyz, os Duddley Boyz e Edge & Christian num combate onde é valido cadeiras, mesas e escadotes? Simplesmente algo de fabuloso. Este foi o primeiro combate TLC e foi graças a este combate que o legado deste combate cresceu. Apesar de ser um pouco inferior ao TLC da Wrestlemania 17, este foi um combate fabuloso entre três Tag Teams de topo da altura e três das melhores Tag Teams de sempre. Sem dúvida merece estar no Top 10 e merece ser visto e revisto a qualquer pessoa que não saiba o que é uma divisão de Tag Team bem estruturada. Edge & Christian ganharam o combate e mantiveram os títulos, mas o importante não era quem ganhava, mas sim a qualidade e inovação do combate.

6º – Shawn Michaels vs Razor Ramon – Ladder Match pelo Título IC– Summerslam 1995

Este combate foi o segundo embate entre os dois num combate escadote (o primeiro a acontecer na Wrestlemania 10). Este combate não teve assim grande build up, pois originalmente, Shawn Michaels era suposto defender o título contra Sycho Sid, mas poucas semanas antes do evento, a WWE mudou de ideias e decidiu marcar o segundo Ladder match entre os dois. O combate foi quase perfeito, um pouco atrás do combate anterior entre os dois. Razor Ramon é talvez o maior rival que o HBK teve no mid card antes de se tornar campeão principal e, este combate provou isso mesmo. Mais um combate fabuloso e de qualidade!

http://youtu.be/meARYZIsJuE

5º – Bret Hart vs Owen Hart – Steel Cage pelo Título da WWE – Summerslam 1994

Os combates que estão no meu Top 5 merecem todos a primeira posição, pois são todos 5 estrelas na minha opinião. Porém iria atribuir determinada posição consoante a minha preferência. Assim sendo, na posição nº5, está o combate entre os dois irmãos Hart, Bret e Owen. Apenas 5 meses após o combate entre os dois na Wrestlemania 10, os dois voltaram a defrontar-se, mas desta vez num combate de jaula pelo título da WWE. Eu simplesmente adoro a rivalidade entre estes dois e este combate foi excelente e ajudou a cimentar o legado desta feud. O que também adoro neste combate é que ambos estavam a tentar terminar o combate o mais rápido possível ao tentar fugir da jaula a qualquer oportunidade. O combate durou mais de meia hora e merece estar no Top 5 de melhores combates do Summerslam!

4º – The Rock vs Triple H – Ladder match pelo Título Intercontinental – Summerslam 1998

Eu adoro a rivalidade entre estes dois. Não importa se foi o ano de 1998, 1999 ou 2000, eu adoro quando o Triple H e o The Rock se defrontam dentro do ringue. Este foi provavelmente o melhor combate entre os dois. Este não foi só o culminar da feud entre os dois, mas sim o culminar da feud entre as stables de ambos os wrestlers. Triple H era o líder dos DX, enquanto que o The Rock era o líder da Nation of Domination, as duas stables de topo na altura na companhia. Assim sendo, ambos se defrontaram num combate escadote, onde o Rocky defendia o seu título Intercontinental contra Triple H. O combate é 5 estrelas e uma bela amostra do quanto importante era o título Intercontinental naquela altura. Não só está no Top 5 dos melhores combates da história do Summerslam, mas no Top 5 dos melhores Ladder Match.

3º – Mr. Perfect vs Bret Hart pelo Título Intercontinental – Summerslam 1991

Apenas tenho que dizer 2 palavras: que combate! Dois dos melhores wrestlers in-ring tiveram um excelente combate no dia 26 de Agosto de 1991. Mais uma vez o título Intercontinental a provar ser uma imagem de marca do historial do evento. Este combate podia ser nº1 em qualquer lista que eu nem faria objecções. Tal como no combate entre o Razor Ramon e o Shawn Michaels, este combate não tem uma storyline muito fora do normal. O que torna este combate tão espectacular é como o Mr.Perfect ajuda o Bret a ficar “over” ao perder o título para ele, ao mesmo tempo que executava um dos melhores combates técnicos de sempre. A frase promocional deste combate diz tudo: Excellence vs Execution.

2º Bret Hart vs The British Bulldog pelo Título Intercontinental – Summerslam 1992

Eu considero este combate melhor que o anterior pois em termos de storyline foi melhor. A feud tinha como base que Davey Smith era cunhado de Bret (tal como na vida) e que o combate que estava marcado entre os dois no Summerslam estava a dividir a família pois ninguém sabia qual dos dois apoiar durante o combate. Ambos tiveram um combate incrível em plena Inglaterra, onde todos estavam a apoiar o Bulldog. Quer seja no estilo técnico ou no estilo de mais impacto, este combate foi perfeito. O Bulldog venceu e com mérito, sendo que Bret fez um trabalho fantástico ao por “over” o Davey Boy.

1º Shawn Michaels vs Triple H – Unsanctioned Street Fight – Summerslam 2002

Esta é a minha escolha para melhor combate da história do Summerslam. Eu simplesmente adoro o facto do Shawn Michaels, após ter sofrido uma lesão nas costas em 1998, ter estado 4 anos afastado dos ringues, após todos terem- lhe dito que nunca mais ia poder voltar a lutar, ele ter conseguido desafiar as probabilidades e ter vencido e conseguido regressar. Este combate foi esse mesmo regresso ao ringues e nada mais, nada menos de que contra o seu amigo de longa data, Triple H. A storyline tinha como base o facto de que o HBK conseguiria ou não regressar aos ringues e ser o mesmo atleta que uma vez fora. Ele conseguiu provar que sim, e ao juntar-se a grande storyline, tínhamos a tremenda psicologia dentro do ringue entre estes dois superstars. Shawn conseguiu vencer o combate e provaria por mais 8 anos que ainda era o Showstopper.

E aqui está o meu Top 15 dos melhores combates de sempre da história do Summerslam. Espero que tenha gostado do artigo. Achas que a ordem dos combates está boa? Concordas com os combates presentes? Existe algo que tiravas? Se sim substituias por qual? O que pensas do Top 5 e do primeiro lugar? É essas perguntas que gostaria que respondessem de forma a prologar-mos esta conversa. Adeus e até para à semana!

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “The Bottom Line” e Ex- escritor do artigo "One on One". Acompanha Wrestling à 10 anos.

36 Comentários

  1. Dcastanho - há 3 anos

    Que boa maneira de passar um dia, vendo e lendo um otimo artigo
    obr. Rúben Rosa

  2. Miguel Silva - há 3 anos

    Excelente artigo Rúben. Como eu gosto de ler um bom top ;)

  3. Rubinho16@ - há 3 anos

    Muito bom artigo!
    Pensei que era muito pouco inteligente por parte do site colocar o OoO em stand-by para te dar uma crónica deste tipo, mas agora que vejo o produto final percebo que foi uma boa aposta e os teus artigos são muito bons!
    Penso que daqui por uns tempos a rúbrica “The Bottom Line” vai ser das melhores do site, e se o OoO continuar a existir, melhor ! ;)

    Gosto muito das tuas lutas, principalmente por muitas delas serem da Golden Era !
    Destaco a 15, 14, 13, 12, 7, 6, 5, 4, 3, 2, 1 ! (ok, basicamente destaco-as a quase todas xD)

    Excelente artigo !

  4. Mario Magalhaes - há 3 anos

    Grande lista, Rúbens, são combates espetaculares e gostei muito desta seleção, sabes que eu sou um grande apaixonado por este tipo de listas, e nada melhor que todos estes grandes embates da história do PPV SummerSlam.

  5. rui dbs - há 3 anos

    Grande artigo Ruben!
    Adoro estes tops sao muito bons e da para rever grandes combates!
    CONTINUA ASSIM!!

  6. famartinho - há 3 anos

    Excelente top! Destaco os combates pelo título intercontinental que, na década de 90, tinham uma grande importância.

  7. Rafael Silveira - há 3 anos

    Faltou um só
    John Cena vs. CM Punk – Undisputed WWE Championship – Triple H Árbitro Convidado

    • danielLP21 - há 3 anos

      Bem visto…

    • Rúben Rosa - há 3 anos

      Rafael esse combate está no meu Top 25, mas não no meu Top 15.

      Sempre achei esse combate um pouco Overated pois não foi tão bom como o do Money in the Bank e o facto de terem misturado o Triple H ainda enfraqueceu um pouco a storyline. O final controverso também não ajudou muito.

      É por isso que não está no meu top 15

  8. danielLP21 - há 3 anos

    Gostei bastante do artigo. Contudo, acho que devias rever o artigo antes de o dares por terminado, uma vez que tens vários erros e frases que não fazem sentido.

    Como é óbvio, não vi todos os combates da história do SummerSlam, por isso não estou em condições concordar ou não com o Top. Vou agora dar a minha opinião sobre quase todos os 15 combates presentes neste Top, sendo que as excepções são o 14º e o 15º lugares, visto que nunca vi estes combates.

    – Mankind vs HHH: tal commo tu, também considero o ano de 1997 fantástico para a história da WWF/E. O SummerSlam deste ano ajudou bastante a que o ano tenha sido tão bom, e o PPV começou com um bom combate entre estes dois. Não foi o melhor combate entre eles, nem sequer são dois wrestlers fantásticos tecnicamente, mas um combate com Mankind + estipulação só pode resultar num bom combate.

    – Edge vs The Undertaker: foi esta a história que consolidou o Edge como o meu wrestler favorito. O heem tinha tanto, mas TANTO “heat”, simplesmente genial. Eu não acho que a história tenha começado em 2008, mas sim em 2007, no Survivor Series, quando o Edge interferiu no Hell In A Cell entre o Batista e o Undertaker, fazendo o seu regresso à WWE. A partir daí, a SmackDown girou à volta de Edge e Undertaker, durante 9 meses ( com alguns intervalos). Amei tudo o que o Edge fez, e o Undertaker fez um trabalho soberbo ao fazer do Edge um dos melhores heel’s de sempre e elevá-lo ao estatuto de lenda. Duas ironias: a história começou com um regresso do Edge após lesão e durante um combate HIAC e no fim da história o Edge voltou a ir de férias após um… HIAC! O regresso dele no Survivor Series 2008 também foi fantástico, e começou aí aquela fase em que o Edge ganhava um título num PPV e perdia-o no PPV seguinte… Foi campeão no Survivor Series, perdeu o título no Armaggedon, ganhou no RR, perdeu no No Way Out, ganhou no No Way Out ( na mesma noite!), perdeu na WM, ganhou no Backlash, conseguiu defender no Judgment Day e voltou a perder no Extreme Rules… Porra WWE, o ano de 2009 foi vergonhoso, se eu estivesse nos EUA durante esse ano provavelmente também teria sido campeão da WWE ou campeão Mundial… E pronto, já me alonguei muito sobre o Edge, desculpem xD

    – CM Punk vs Jeff Hardy: das poucas coisas boas do ano de 2009. Não sei se foi a melhor história do ano ( tudo aquilo em que o Randy Orton tocou durante esse ano era ouro), mas foi das poucas coisas boas. Uma boa história, um bom combate e um grande regresso do Undertaker ( como sempre).

    – Bret Hart vs The Undertaker: mais uma vez, o ano de 1997 foi fantástico, sobretudo a segunda metade do ano. Depois do double-turn da WM, este SummerSlam deu outro “boom” à empresa. Ora bem, o “HBK” ajudou, sem querer, o Bret Hart a ser campeão, entrou em feud com o Undertaker, o Kane estreou-se no HIAC entre eles os dois no qual o vencedor se tornaria o candidato ao título do Bret Hart, ficando o ‘Taker em feud com o seu irmão e o “HBK” com o Hart, no Survivor Series, dando origem ao “Montreal Screwjob”… Ufa, que fôlego, acho que este fantástico “booking” não seria bem aceite nos dias de hoje xD

    – The Undertaker vs Stone Cold: muito bom. Esta altura foi bastante “entertaining” e caótica, ou não fosse este o ano de 1998… Mais tarde, acabou mesmo por descobrir-se que o Kane e o Undertaker estavam mesmo unidos, depois de um enterrar o irmão e o outro responder-lhe ao queimá-lo vivo… Enfim, famílias…

    – Stone Cold vs Kurt Angle: Ruben, posso perguntar porque é que a história da “Invasion” foi terrível? Eu não vivi a história na altura, mas por aquilo que já vi considera-o fantástica e é mesmo o melhor ano da história, para mim, claro. O combate foi bastante bom, mas 5 estrelas seria um exagero, mesmo que tivesse acabado “normalmente”…

    – The Hardy Boyz vs The Dudley Boyz vs Edge & Christian: primeiro combate TLC de sempre, e que combate! Como não tenho adjectivos para o descrever, fico-e por aqui em relação a este combate…

    – Shawn Michaels vs Razor Ramon: grande combate. Não vi muita coisa deste ano nem dos anteriores, mas este combate já vi e achei-o mesmo muito bom. 1995 foi “aquele” ano…

    – Bret Hart vs Owen Hart: meu Deus, tanto talento! Por acaso, gostei mais deste combate do que daquele que eles tiveram na WM 10.Continuo na minha: o Owen não ficava atrás do irmão em nada, e mais não digo…

    – The Rock vs Triple H: muito bom. Dois mid-carders que já cheiravam a main-event ( principalmente o Rocky Maivia xD), e este combate ajudou-os a dar mais um passo rumo a outro patamar.

    – Mr. Perfect vs Bret Hart: não conheço muito da história da WWE antes de 1996, mas este é daqueles combates que uma pessoa tem mesmo que ver…

    – Bret Hart vs British Bulldog: exactamente o mesmo que disse em cima. Não tenho muita noção das histórias pré-1996, mas há combates que, mesmo não conhecendo as histórias, sinto que tenho que ver. E este é um deles. Que combate monstruoso!

    – Triple H vs Shawn Michaels: que dizer? Não há palavras! Não sei se é o melhor combate de sempre neste PPV, mas a carga emocional presente era enorme. Este regresso só pode ter sido um dos melhores de sempre, e veio em boa hora, caso contrário eu não teria tido a oportunidade de ver o Shawn Michaels em acção. Foi uma honra e um privilégio acompanhar 7 anos da carreira dele e nunca o ter visto a arrastar-se.

    • danielLP21 - há 3 anos

      Ichhh, só agora é que reparei no tamanho do meu comentário… Sorry xD

      • Rúben Rosa - há 3 anos

        Bem Daniel Obrigado pela tua observação nesses combates todos ;)

        Bem estava bastante cansado depois de ter acabado o artigo que confesso que ao reve-lo possa não ter estado na melhor das hipotéses para detectar todos os erros que tinha cometido. Mas obrigado pela Dica.

        Em relação à Invasão, ela foi terrível pois não foi a rivalidade WCW vs WWE. Foi a rivalidade entre a WWE e o midcarder da WCW. Os nomes principais da WCW não participaram na storyline, já para não falar que a WCW nunca teve uma especie de vantagem em relação à WWE. Ias veros rosters de ambas as promoções e ias encontrar bastante diferenças de qualidade. Um Roster com Ric Flair, Sting, Scott Steiner, Jeff Jarret, Goldberg, Eric Bishoof, NWO, entre outros,iria tornar todo muito histórico. Para não falar que a adesão do Kurt Angle e do Steve Austin foi ridicula e pelo facto de no final do dia aquela storyline ter sido mais uma rivalidade entre os Mcmahons e não uma rivalidade entre companhias. Um exemplo de uma pessíma storyline nessa altura foi o facto do DDP ser o stalker da Sara, mulher do Undertaker.Então isso faz algum sentido? O DDP na altura estava casado com uma das Divas mais bonitas de sempre da história do Wrestling, Kimberly Paige. E ele ia logo atrás daquele cavalo que era a Sara?

        Isto é apenas um bocadinho do que correu mal naquela storyline. Talvez um dia faça um artigo sobre o mesmo xD

  9. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    OMG! escolheste o meu combate de eleição…Obrigado!

    Summer Slam de 91 – MR Perfect vs Bret Hart!

  10. Dolph Ziggler - há 3 anos

    O Brock/Rock do SS 2002 poderia estar na lista mas compreendo a ausência. Há tantos clássicos.

    • Rúben Rosa - há 3 anos

      Eu adoro esse combate como algumas pessoas já sabem, mas não é assim tão bom como esses 15. Se tivesse sido um Top 20 garanto que estaria presente. Posição 18º seria o lugar desse combate

  11. "The Game" - há 3 anos

    Lista muito boa,o combate do Punk e do Jeff foi muito bom, apesar de não gostar do Jeff tenho de admitir e a forma que o Undertaker regressa foi muito original xD, o primeiro lugar é mais do que merecido, a rivalidade do Shawn com o Hunter foi se calhar a melhor da história da WWE, o combate na SS foi brutal juntamente com a promo e este combate mostrou bem que o Shawn estava mais do que pronto para continuar a carreira mesmo depois daquela lesão gravíssima nas costas.

  12. "Second City Saint" - há 3 anos

    adorei o artigo! mas, na minha opinião, acho que o combate Hell In Cell entre o Taker e Edge poderia estar numa posição melhor, não para o top5, pois o top5 está excelente e não deve ser mudado! Mas talvez para o 9º lugar ou 8º.

  13. LuisMPBO - há 3 anos

    Bom artigo.
    Lógico que os rankings variam muito de pessoa para pessoa e os bons combates são tantos que nem todos podem marcar presença, por isto tudo não vou mencionar mais nenhum nem comentar a ordem. Até porque para isso iria ter de pensar no meu top, o que é uma grande aventura, há tanto por onde escolher.
    Grandes combates estes.

  14. FAlmeida_10 - há 3 anos

    Ruben, bom artigo!

    Não acompanhei muitos destes combates por isso não vou estar a analisar-los um a um, digo desde já que gostei bastante desta lista.

  15. Fran - há 3 anos

    Alguem sabe como falr no chat dos shows e PPV?

  16. Fran - há 3 anos

    podes esplicar melhor

  17. Fran - há 3 anos

    onde e para por o nome?

  18. BRRM - há 3 anos

    Gostei muito do artigo, são todos excelentes combates e o meu preferido também é Shawn Michaels vs Triple H pois o HBK é o meu wrestler preferido e depois de os médicos lhe dizerem que ele não podia voltar a lutar e 4 anos depois ele volta faz Unsanctioned matches, Elimination Chambers, 3 stages of hell, etc. É incrível e este combate também é incrível, não só em si, é também em storyline, estipulação e emoção.

  19. Carlos_Silva - há 3 anos

    O 13º combate ainda tinha eu 7 anos,foi fantástico.
    As minhas 2 superstars favoritas de sempre, foi incrível…grande artigo.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador