TNA iMPACT Wrestling (21/02/2012)

A  Wembley Arena recebeu o último e fantástico iMPACT Wrestling da Tour que viajou pelo Reino Unido! O grande destaque vai para o 4-way match pelo titulo das KO entre Tara, Velvet Sky, Gail Kim e Tessmacher. No main-event tivemos os Aces and 8s num handicap match (forçado) contra Sting e Bully Ray. Rob Van Dam defendeu o titulo da X Division, Rockstar Spud estreou-se nos ringues da TNA e tivemos um surpreendente four-men tag-team match. Por fim, ficámos ainda a saber quem vai defrontar Jeff Hardy no Lockdown pelo titulo mundial.

Resultados

Hulk Hogan informou que, apesar de não ter lutado a semana passada por lesão, Bully Ray era o escolhido para defrontar Jeff Hardy pelo titulo mundial no Lockdown. Parece que ter um sogro General Manager tem as suas vantagens…

– Rockstar Spud venceu Robbie E
– Joseph Parks, James Storm, Hernandez e Chavo venceram Christopher Daniels, Kazarian, Bobby Roode e Austin Aries
– X Division Champion Rob Van Dam venceu Kenny King
– Samoa Joe venceu Garret Bischoff (Desqualificação)
– Velvet Sky venceu Knockout’s Champion Tara, Gail Kim e Miss Tessmacher
– Doc, Devon e Mr. Anderson venceram Sting e Bully Ray

Xplosion

– Samoa Joe venceu Christopher Daniels

Vídeos

Dailymotion

NowVideo
http://nowvideo.eu/video/ow9lkv6fwbkjl

Mais Links e Download Directo

Xplosion

Dailymotion

NowVideo
http://nowvideo.eu/video/5c2h5wgu8jufp

Mais Links e Download Directo

Sobre o Autor

- Colaborador do Wrestling.PT para os conteúdos da Total Nonstop Action!

23 Comentários

  1. danielLP21 - há 4 anos

    Rockstar Spud vs Robbie E- Pouco interessante. Fico à espera para ver melhor o que o vencedor do British Boot Camp vale no futuro, sem ser na sua terra natal.

    Chavo Guerrero, Hernandez, Joseph Park & James Storm vs Bad Influence, Bobby Roode & Austin Aries- Bom combate, sobretudo devido à equipa heel. Espero que
    esta situação do “Cowboy” tenha acontecido apenas em Londres. Caso contrário…

    Kenny King vs RVD- Esperava uma mudança de título… Confesso que fiquei desiludido com o resultado. É este o maior erro da TNA na actualidade.

    Samoa Joe vs Garrett Bischoff- Previsível… Kurt Angle vs Wes Brisco dentro de uma jaula no Lockdown? Veremos se o Brisco está pronto…

    Velvet Sky vs Gail Kim vs Miss Tessmacher vs Tara- Nova campeã! Já era previsível que a Velvet gnhasse o título, só acho que a Tara não devia ter sido eliminada tão cedo.

    Agora analiso o main-event em conjunto com o segmento inicial. Só digo isto: o Bully Ray está nos Aces and Eights, e talvez seja mesmo o líder.
    Ou então a TNA está enganar-me mesmo bem!

    Um bom iMPACT a finalizar a “tour” no Reino Unido, apesar de não ter sido tão bom como o da semana passada ( era difícil…). Resultado final desta tour no Reino Unido, a meu ver: dois bons iMPACT’s ( 2º e 4º9 e dois excelentes iMPACT’s ( 1º e 3º).

  2. Ribeiro46 - há 4 anos

    Foi um IMPACT razoavel mas a meu ver foi o pior dos 4 que foram feitos em Inglaterra.

    Rockstar Spud vs Robbie E – Este Rockstar Spud ou é um grande seller ou magoou-se bem durante o combate.
    Até quando estava na ofensiva continuava a mostrar dores nas costas.
    Quanto ao combate em si, não foi assim nada de especial.
    Valeu pela continuação do face turn do Robbie T.

    Chavo Guerrero, Hernandez, Joseph Park & James Storm vs Bad Influence, Bobby Roode & Austin Aries – Não foi um mau combate em termos técnicos.
    No entanto, valeu sobretudo pela equipa heel e pelas suas ações e linguagem corporal.

    Kenny King vs RVD – Para mim, nenhum destes lutadores acrescenta grande coisa á X-Division. A TNA devia tentar contratar mais lutadores para a X Division. É para mim a grande lacuna da TNA.

    Samoa Joe vs Gareth Bischoff – Combate curto que acabou em DQ.
    O que me chamou á atenção foi a lentidão do Kurt Angle.
    Faz lembrar o Kevin Nash.
    Já os 2 membros dos Aces and Eights estavam atrás da barreira e o Kurt Angle ainda vinha a descer a rampa.

    Velvet Sky vs Gail Kim vs Miss Tessmacher vs Tara – Foi o combate mais interessante do programa e que acabou com uma nova campeã.
    Só foi pena a Tara ter sido eliminada em primeiro lugar.
    Será que a TNA quer tirar a Tara da rota do título e apostar numa feud Velvet vs Gail?

    DOC, Devon e Anderson vs Bully Ray e Sting – Não percebo o porque de termos os Aces and Eights a sairem tão desvalorizados.
    Era suposto ser um combate Tag Team 3 vs 3.
    Atacaram o Hogan.
    Tornou-se um combate Handicap.
    Porque é que os Aces and Eights precisaram de uma distração para ganhar um combate Handicap?
    Enfim passaram de ser o terror da TNA para serem sacos de pancada.

    PS: O Bully Ray começa a aborrecer-me.
    Tornaram-no o fã nº1 do Hogan.
    É ve-lo todas as semanas em segmentos de 10 minutos como hoje a elogiar o Hogan e a dizer que o respeita.
    A não ser que a TNA esteja a planear um heel turn para o Bully Ray é uma estupidez o que estão a fazer com ele.

  3. pmrulez - há 4 anos

    o bully ray vai virar heel quase de certeza

  4. kazarn - há 4 anos

    Finalmente uma vitória para os Aces & 8’s. Já estava a enjoar ver os gajos a levarem com derrotas semana após semana. Já andam a ficar mais irrelevantes que sei lá o quê.

    • Pedro Ribeiro - há 4 anos

      Muitas vezes a relevância não tem apenas haver com as vitórias e derrotas, por exemplo os “The Sheild” têm tido vitórias surpreendentes e extraordinárias, mas são repetitivos, o que os torna desinteressantes e consequentemente menos relevantes ;)

      • Jorge Rebelo - há 4 anos

        Excelente imagem :)

      • Pedro Ribeiro - há 4 anos

        Obrigado, também curto a tua ;)

      • Frederico_WWE - há 4 anos

        Os Aces há meses que são campeões no que a irrelevância diz respeito… nem aquilo que o Tazz fez nem aquilo que o Garett e o Wes Brisco fizeram serviu para impulsionar esta stable… enfim.

      • Frederico_WWE - há 4 anos

        The Shield repetitivos, desinteressantes e menos relevantes que os Aces & Eights? Li bem?

      • Pedro Ribeiro - há 4 anos

        Sim Frederico, lês-te bem, eu considero os Sheild mais repetitivos, desinteressantes e menos relevantes que os Aces.
        Desde a sua estreia a única coisa que os Sheild fizeram foi ataques, ataques e mais ataques, tornando-os repetitivos, desinteressantes e irrelevantes.
        Agora porque ganharam um combate de enormes proporções já são “os maiores”…

      • danielLP21 - há 4 anos

        Desculpa, podes ser fã dos Aces and Eights, mas dizer que os Shield são irrelevantes é um atentado.

        “Agora porque ganharam um combate de enormes proporções já são ‘os maiores’…”

        Primeiro, não ganharam um combate de grandes proporções, mas sim 3. Até agora tiveram 3 combates, e ganharam todos, com os adversários a serem Top Babyfaces e Lendas do Wrestling.

        Segundo, eles não são os “maiores”, mas para lá caminham, se tudo correr dentro da normalidade.

        Sim, os Aces já venceram lendas ( Sting, Kurt Angle…), mas até aqui a construção deles não está a ser melhor que a dos Shield, por culpa da TNA. Já tiveram imensas oportunidades para darem grandes vitórias e grandes momentos ao Aces, mas desperdiçam sempre as oportunidades. Espero que eles vençam no Lockdown, caso contrário, e com muita pena minha, bye bye Aces & Eights…

      • FranciscoAP - há 4 anos

        O que o Pedro quer dizer é que os Aces têm uma história, relativamente a não sabermos ainda quem está por trás dele e termos indo descobrindo aos poucos os elementos. A verdade é que a TNA não tornou essa história tão boa quanto podia ser. Os Shield são uma stable completamente diferente. Claro que ainda está-se por saber quem está por trás deles mas isso não é tão importante para a gimmick da stable como é no caso dos Aces. Os Shield dão grandes momentos de wrestling e servem para dar um push simultâneo a três das grandes estrelas da WWE no futuro. Não têm tanta história por trás como os Aces, por isso imagino que seja nesse sentido que o Pedro diz que não são tanto interessantes. Mas o disparate está em comparar as duas stables, são tipos diferentes de stables. Na minha opinião, os Shield estão bem mais próximos daquilo que se pede do tipo de stable que têm, que os Aces.

      • danielLP21 - há 4 anos

        Francisco, não se sabe quem está por trás dos Shield? Então não era o Paul Heyman…?

        Já agora, peço desculpa por estar a falar disto num espaço da TNA…

      • Vince It Factor - há 4 anos

        Na minha opinião entendo os dois lados, os The Shield é o melhor que a WWE tem feito, mas não varia nada dentro daquilo mesmo e a história deles no show e tudo mais não tem nada haver com os Aces.

        Agora em momentos ? Sim os The Shield têm feito o impensável ao vencer as maiores caras da empresa, mas não poderia ser de outra forma visto que são o futuro da WWE. Mas se variam muito ? Não, portanto concordo com ambos os lados. Não acho uma melhor que a outra, acho que os The Shield têm dado o melhor que se tem visto na WWE, mas não têm a relevância dos Aces, nem são mais variados nas acções.

  5. Jorge Rebelo - há 4 anos

    Algumas breves ideias. Claramente este Impact ressentiu-se do facto de fazer parte de uma tour. A TNA tentou mostrar ao público inglês todos os seus talentos e algumas histórias ficaram a perder com isso. Contudo, continua a impressionar a qualidade dos combates. A ideia que fico é que para quem gosta mais da acção dentro do ringue sai claramente satisfeito, mas quem está a tentar acompanhar as histórias que estão a ser contadas sai deste show com a ideia que nada se alterou.

    Não foi a melhor estreia para o Rockstar Spud. Apesar de ter mostrado alguns detalhes de grande qualidade, acabou por ter o seu combate ofuscado pelo frente-a-frente entre os Robbies. Espero que o Spud volte rapidamente aos combates.

    O combate das KO foi muito bom (algo a que a TNA já nos habitou), mas a Sky teve uma noite particularmente feliz, provavelmente fazendo um dos seus melhores combates na TNA. Foi muito inteligente a forma como a TNA fez a Tara perder cedo, de forma a manter o público interessado ao saber que iria haver uma mudança de titulo.

    O Joe fez um trabalho tremendo ao carregar o combate contra o Bischoff (que está claramente a mais neste roster). Muito mais interessante será perceber como se vai sair o Brisco no Lockdown. Será um verdadeiro teste à sua capacidade de se impôr na TNA, depois de toda esta história com os Aces.

    Por falar em Aces, finalmente uma vitória. Vamos ver se é para durar (até porque se não for, não vejo sentido na continuidade do grupo). Cada vez mais a TNA alinha o Bully Ray para ser desvendado como lider.

    Devo confessar que a história dos Aces está claramente a enfraquecer a qualidade do Impact wrestling e isso é mais preocupante quanto se percebe que essa é a principal história neste momento. O Lockdown vai ser decisivo para os Aces e para a TNA.

    No geral, a TNA sai reforçada do Reino Unido. Consegue 4 shows positivos, perante um público entusiasta e confirma-se a ideia da Dixie Carter que a TNA consegue ser competitiva se tiver exposição.

    • FranciscoAP - há 4 anos

      Concordo com a tua análise Jorge. Se olharmos para o Spud como um rookie, esteve muito bem. E lá no fundo é isso que ele é. Parece-me ser um excelente seller que ao mesmo tempo tem uma técnica muito apurada como se viu nos golpes que aplicou, todos com uma qualidade acima da média. Deve ir agora para a X-Divison, isto porque o Kenny King deve ter ficado afastado de vez do título (só tem sentido que assim seja). Reparaste que mudou a theme song? Que parvoíce, a Livin on a Prayer era muito mais épica e assentava na perfeição na personagem. Enfim, um pormenor

      De facto isso da Tara ter sido eliminada tão cedo nós no chat concordámos que era algo exagerado e foi um pin pouco convincente, eu pelo menos tinha 98% de certeza que a Tara ia fazer kick-out. Mas acabou por tornar o combate muito mais interessante de facto. Surpreendeu-me não ver a Mickie James no combate, acho que se ela podia combater não teve muito sentido

      A história dos Aces de facto já cansa um pouco. Acho que têm de tentar dar mais acção e dinâmica à história antes de revelar o Bully, perdão, o líder porque se não… O problema desta história, na minha opinião, foi que desde muito cedo a TNA pôs os Aces a sair por baixo e principalmente levou a confrontos equilibrados entre o roster da TNA e os Aces desde o início da história quando estes deviam partir metade do roster ao meio e irem-se embora para que de facto o público pudesse sentir alguma frustração e quisesse que eles levassem de vez uma lição. Mas isto é o ABC do wrestling não percebo porque a TNA fugiu a isto…

      • Jorge Rebelo - há 4 anos

        Francisco não reparei que o Spud mudou a theme song dele, obrigado pela dica! Penso que isso se deve à pouca vontade que a TNA tem para pagar os royalties de uma música composta por uma banda ou artista com alguma reputação. Penso que todos os lutadores da TNA usam themes compostas dentro da própria organização (salvo rarissimas exepções – Hogan é uma delas.

        Em relação aos Aces tenho esperança que os últimos shows antes do Lockdown tragam vitórias a este grupo.

      • FranciscoAP - há 4 anos

        Pois, tens razão! Essa história das theme songs é sempre mais complicada do que parece… É pena porque soam todas ao mesmo às tantas.

  6. Vince It Factor - há 4 anos

    Foi um Impact agradável, bastante bom na minha opinião, o 3º melhor em Inglaterra, a alguma distância do melhor que foi na semana passada.

    Uma promo inicial bastante boa uma vez que envolvia o Hogan e o público come na mão desta lenda, sendo que a envolvência à promo a torna sempre muito boa. Grande pop para o Bully e está por demais evidente que será ele um membro dos Aces, líder não digo, mas membro está evidente, só algo muito surpreendente o levará a contrário.

    – Rockstar Spud venceu Robbie E
    O Spud a mostrar-se neste combate, apresentou um óptimo seeling às manobras e uma boa técnina, promete este jovem inglês. Irá acrescentar algo à X-Division sem dúvida.
    Quanto ao Robbie T, começa a ganhar destaque e o face-turn está cada vez mais consumado.

    – Joseph Parks, James Storm, Hernandez e Chavo venceram Christopher Daniels, Kazarian, Bobby Roode e Austin Aries
    Bom combate de tag, sem muita história. O James Storm em principio deverá alinhar pela team TNA no lockdown ou então não sei, está totalmente perdido. O Parks está a cair na graça do público. Os mexicanos, boring. O ponto alto foi sem dúvida os campeões a abandonarem o ringue e a deixarem lá os Bad Influence. Uma feud entre os campeões e os Bad Influence seria AWESOME !

    – X Division Champion Rob Van Dam venceu Kenny King
    RVD a regressar à sua qualidade de combate normal (secante) depois da semana passada ter feito um “milagre”. Não vejo a hora de ele perder o título e o Kenny King deverá ter ficado arredado, com muita pena minha pois qualquer um seria melhor que o RVD atualmente.

    – Samoa Joe venceu Garret Bischoff (Desqualificação)
    Foi o combate possível, como já disseram acima, com o Joe a carregar o combate. Era natural este desfecho, para dar ênfase à feud. Será que o Brisco estará pronto para enfrentar o campeão olímpico na jaula ? Veremos no Lockdown, mas mal visto creio que não sairá pois é impossível com o Angle no ringue.

    – Velvet Sky venceu Knockout’s Champion Tara, Gail Kim e Miss Tessmacher
    Este foi para mim o combate da noite ! Espetacular mesmo.
    Eu pessoalmente gostei do facto de a Tara ter saído logo, pois só tornou o combate mais emocionante pois saberíamos que iria haver nova campeã !
    A Velvet Sky apresentou uma excelente performance, das melhores e está claramente evoluida, pelo que espero um excelente reinado para esta KO original.
    E já agora, que bela KO como campeã…

    – Doc, Devon e Mr. Anderson venceram Sting e Bully Ray
    Até que enfim ! Uma vitória para os A&8, ainda assim em handicap, mas não importa muito, o que importa foi terem vencido e dizimado o Hogan, ou seja sairam por cima no segmento final, com um bom impacto, como já não se via à algum tempo. Bom combate.

    Para terminar, volto a sublinhar a presença quase certa do Bully nos Aces e também o facto de a TNA neste show não ter errado ao deixar os Aces sairem por baixo, ainda assim seriam preciso mais uns shows com estes a sairem por cima do roster, com SUPERIORIDADE EVIDENTE, se é que me entendem, para voltar a apimentar esta feud como em outros tempos. Mas não ficou mal de todo, há que dizer.

    Excelente mês da TNA no UK e agora que venham os shows ao vivo nos USA !
    Parabéns à TNA.

  7. DanielBR - há 4 anos

    Impact foi bom,gostei muito do combate das Knockout’s(já havia lido os spoilers em relaçao a este combate ,mas mesmo assim foi muito bom),pelo jeito vai ter uma feud entre bad influence e AA e roode pelo tag champ,gostei muit dos aces terem vencido o combate ,e agora é quase q certo q o ray seja um membro dos aces(espero eu),agora só espero q a crowd americana seja tao boa assim como a do reino unido nos proximos impact’s!!

  8. DanielBR - há 4 anos

    É impressao minha ou mais alguém tambem percebeu q aquele membro dos aces,que tava mascarado tem a altura e o tamanho parecido com o do matt hardy..nos ultimos segundos do show da para reparar mais exatamente aos 1:25:55 ,do video do NowVideo.

    • Jorge Rebelo - há 4 anos

      Nem fales nisso que a TNA pode ter ideias…

    • Jorge Rebelo - há 4 anos

      Daniel eu penso que estás enganado…Eu fui rever o show e o único mascarado é o VP dos Aces que geralmente é interpretado pelo D’lo Brown (e até penso que é mesmo ele que vai ser revelado como membro do grupo) ou pelo Abyss (mas isto numa fase mais perto da estreia dos Aces). Seja como for, o Matt Hardy tem problemas de excesso de peso, mas ainda não está perto da estatura destes 2.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador