Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Top Ten #117 – Quando os fãs se aproximam demais

Sejam bem-vindos a um novo Top Ten que vos trago com o vosso consentimento. Não pretendo invadir nada ao contrário de alguns fãs mais intrometidos. No passado Monday Night Raw, um estranho indivíduo parece ter realizado o seu sonho de entrar com o Seth Rollins. Já pode contar a aventura aos amigos. Não chegou a fazer nada de mal, já se tentou pior. Mas não se podia ficar por assistir ao espectáculo!

São várias as vezes em que algum espectador, bêbado ou simplesmente muito entusiasmado e corajoso e até genuinamente chateado em algumas das vezes, não se contenta com assistir ao espectáculo e decide fazer parte dele. Acha que o dinheiro que pagou pelo bilhete também cobre isso. E até há alguma vez ou outra em que realmente dão um show extra aos restantes fãs. Já aconteceu imensas vezes mas aqui ficam dez casos de fãs mais bravos que acham piada a saltar a barreira para assistir de mais perto.

10 – Algo contra a Linda!

https://youtu.be/KG1X_dyK_8o

Um segmento que deveria ficar marcado pela impactante e rara presença da “primeira-dama” da WWE, acabou ficando marcado por outra coisa totalmente diferente. Com a sua chegada, Triple H e Stephanie McMahon ficam na rampa, pasmados, a vender todo o dramatismo do segmento e daquela aparição. Mas o pasmo teve que ficar em “stand by” quando Triple H teve que sair de personagem e derrubar um fã que já estava na rampa antes de a segurança o conseguir apanhar. Com isso já resolvido, Triple H voltou à sua posição anterior e retomou o choque que tinha rompido. Linda McMahon ainda demorou um bom bocado a atinar e a resolver-se a falar. A intenção do indivíduo ainda é desconhecida mas gosto da ideia proposta por um célebre comentário no vídeo que diz que era um viajante no tempo a tentar impedi-la de concorrer às eleições do senado. Se é esse o caso, maldito sejas Triple H!

9 – Só um gajo muito feliz (e bêbado)

https://youtu.be/PTLr465lCJ0

Este nem quis causar estragos. Em 2008, no Monday Night Raw, durante um combate entre John Cena e Jeff Hardy, um fã que tanto podia ter de entusiasmado como de desorientado, sobe ao fã para… Celebrar que estava ali? Não se voltou para nenhum dos competidores, não mostrou qualquer tipo de rancor com ninguém ou más intenções. Mais depressa fez lembrar o Bo Dallas, ao erguer os braços e correr numa “victory lap” de imensa alegria por estar a pisar um ringue da WWE onde estavam também Cena e Hardy. Mas não, nem isso pode e a segurança tratou de o retirar dali. Cena e Hardy precisaram de algum tempo para se recompor, permitindo à plateia markar para o caricato momento e até trocar umas risadas pelo sucedido. Ninguém se magoou e o gajo tem uma história para contar, continuam todos felizes.

8 – O novo parceiro de Seth Rollins

Já sabemos que ele anda à rasca com esta brincadeira de andar a ter dois combates por noite e nunca contra adversários fracos. É o seu plano para o Night of Champions, foi a preparação que lhe deram no Raw. Logo até se perceba que ele queira alguma ajuda para se aguentar. Mas não acho que qualquer coisa sirva. Assim parecia, quando a seu lado surge um estranho miúdo aparentemente saído da mais bizarra etapa da década de 90 e caminha brevemente ao lado de Rollins. Mas não, não era um desesperado reforço, o olhar confuso do WWE e USA Champion mostram que ele não contava com aquele estranho indivíduo ou então ficou a achar que o Joey Mercury ou o Jamie Noble mudaram muito durante o seu hiato. John Cena alertou aquela presença, Rollins manteve a postura mas não escondeu a perplexidade e o gajo lá foi retirado e devolvido para a datada banda de Nu Metal de que tinha saído. Ficou um momento caricato num Raw onde se roubaram e destruíram estátuas de Jesus Cristo.

7 – Novos talentos Britânicos

https://youtu.be/BZN-05g3XuY

Que as plateias Britânicas costumam ser boas, isso já sabemos. O que não é muito normal é que elas tentem também ser boas no ringue. Tentem, vá, o que saiu daqui foi algo de estranho. Nas gravações de um Smackdown em terras da Sua Majestade, uma crew Londrina teve a ideia de roubar o espectáculo aos integrantes de um main event constituído por John Cena, Daniel Bryan, Cesaro e Tyson Kidd. O grupo sobe ao ringue e desata a fazer o seu próprio combate, entre eles, que até chega a culminar num estranho Rock Bottom. Pronto, não é nenhum Shawn Michaels vs Undertaker mas vénia para o que fizeram? Nem por isso? Os competidores em ringue acabaram por apenas achar piada e riram-se enquanto aqueles talentos amadores em try out eram retirados pela segurança. Na minha opinião, um Heel do combate perdeu a oportunidade de pegar num microfone e dizer ao Cena que eles lutavam melhor do que ele. Tinha reacção de certeza!

6 – Mini-Batista

https://youtu.be/EeTMkRKqmkw

Discute-se a autenticidade deste fã. Muitos defendem que seja plantado e é possível. O timing foi bom mas também é possível conseguir-se isso. De qualquer das formas, foi bom para animar a malta. Num antigo episódio do Monday Night Raw, Batista preparava-se para competição e aquecia, na sua paz, no backstage. Isto até lhe aparecer um miúdo hiperactivo à frente e, voltado para a câmara, desatar a imitar os gestos de Batista da mesma forma que nós o fazíamos no recreio da escola. Só que com muita mais exaltação e, aparentemente, cafeína no corpo. O moço acabou por fugir após o seu momento de fama mas o que não voltou foi a postura de Batista que, como um ser humano, não resistiu e desatou a rir com o sucedido. Quem aguentava? Ele é lá algum guarda Inglês?

5 – Alguém se mete com o Macho Man?

https://youtu.be/yz5c83YR59I

Não era essa a fama dele no backstage por acaso, em muitas ocasiões. Mas a personagem em TV de Randy Savage era, maioritariamente, a de um tipo dócil e amigável. Que todos gostavam de ter como amigo. Até virar Heel, aí saía-lhe um lado mais psicótico. Na WCW chegou mesmo a ter uma run como Heel em que o pacote “badass” estava completo e ia até ao seu visual. E passava pelas suas atitude maléficas. Num momento em que enchia Kevin Nash de maquilhagem – faz algum sentido em contexto – um fã salta ao ringue e vai direitinho a Savage. A segurança já estava a tratar do assunto. Mas Savage não é menino de se esconder atrás de outras forças. Ainda espetou dois selos bem assentes ali ao intruso que ele deve ter ficado a ver Gobbledy Gookers a dançar-lhe à volta da cabeça. Não se metam com o “Macho Man” muito menos para interromper algum tutorial de maquilhagem seu! – quiçá aquele fã achava aquela pintura horrível ou defendia que Nash é muito mais bonito ao natural e não precisa desses arranjos supérfluos…

4 – Raven e postura

https://youtu.be/xzvM1qsGXt4

Este é outro que não estou a ver alguém a ter um par lá embaixo para ir à beira dele e tentar alguma coisa. É um gajo muito bom a intimidar. Ainda por cima manda um QI acima do normal, tanto nos pode dar um baile intelectual como uma carga de porrada, se não forem os dois. Mas ainda assim houve algum corajoso. “Corajoso” como quem diz, foi por trás e a correr logo, não fosse ele ainda apanhá-lo e crucificá-lo como se ele fosse o Sandman e o Kurt Angle estivesse por perto para ficar ofendido. Durante uma boa promo, como era costume, de Raven, enquanto este “relaxava” deitado contra as cordas, um esperto corre e puxa-o pelo cabelo para fora do ringue. Lá força tinha que chegasse. E podia tê-lo magoado a sério. Naquele momento, muitos devem ter aguentado a respiração à espera da loucura que um gajo como o Raven podia fazer. Em vez disso, recompõe-se rapidamente e prossegue com o que estava a dizer como se nada tivesse acontecido. Haja classe…

3 – Nem o quadrícepe lhe atinges!

https://youtu.be/MuErl4Hjy-c

Bons tempos da nWo. Não, não me refiro a encarnações superiores em que até a vossa avó fazia parte da nWo sem vocês saberem, claro que me refiro à sua formação inicial, aquela que realmente fez história. Todo o segmento da Heel Turn de Hulk Hogan é icónico por todos os aspectos que nele se deram e um desses aspectos é a reacção do público que até lixo atirou para o ringue. Algo que se tornou frequente nas recepções aos nWo. Mas para alguns, atirar-lhes alguma coisa não era suficiente. Ainda para mais, se calhar nem tinham boa pontaria e mais lhes valia ir lá à beira. Podia ser que conseguisse mandar um banano ao Kevin Nash. Que ele nasceu ontem e é um indivíduo frágil que não se sabe defender. Correram mal as coisas e o fã levou uma muito meiga e amigável sova. E até foi porque assim que já estava no chão e até Scott Hall se juntava à festa, já os Hall of Famers se tinham aproveitado e tinham incorporado o ataque no segmento e já só o atacavam com “wrestling stomps”. Veteranos vão sabendo o que fazer na hora certa…

2 – Há burros e burros

https://youtu.be/NOhKVCDqrME

Também há casos em que uma galheta do wrestler ao “fã” é merecida e só ficamos com pena de não podermos dar uma nós também. Daqueles casos em que não é só um fã a querer dois segundos de atenção pela brincadeira inofensiva e que só quer aparecer. É mesmo daquele que quer causar problemas e colocar alguém em risco. A vítima aqui foi Eddie Guerrero que competia num combate Ladder com Rob Van Dam – destacado frequentemente como um dos melhores combates a decorrer em pleno Monday Night Raw. O combate já é perigoso por si só sem precisar de acções de uns certos espertos. Mas enquanto Eddie Guerrero subia a escada – já se encontrava praticamente no topo – um grunho decide empurrar a escada e derrubar Eddie. Felizmente Eddie, como o excelente atleta que era, aterrou de pé, mas podia ter arranjado problemas sérios com uma queda aparatosa. Quem tratou do assunto? A vítima, Eddie, que espetou um belo de um selo naquela cabeça-de-alho chocho. E é de aplaudir, duvido que alguém tivese alguma oposição à sua atitude. Comportamentos vergonhosos para qualquer fã de wrestling…

1 – Ninguém se meta com este árbitro!

https://youtu.be/LX3hnt3rFdY

Não é daqueles temas em que dê para se retirar um número 1 com facilidade. Afinal não existe nenhum que seja “aquele” momento de um fã a invadir, nem é daquelas coisas em que se possa achar que uma certa invasão é melhor que a outra. Mas não tive grande dúvidas ao escolher o primeiro classificado. Este é demasiado hilariante e é uma derradeira prova de mau julgamento de aparência. Era a WCW em 1997 e no ringue competiam Psychosis e Dean Malenko num combate que deliciaria fãs de wrestling mais técnico. O árbitro encarregado de manter a ordem era o falecido Mark Curtis, que não seria o tipo com constituição física para intimidar alguém com o seu 1.68m e todos os seus 66kg. Ao olhar para ele, fica aquele receio de que o abençoado homem salte com os impactos no chão do ringue ou que saia a voar quando alguém faz um movimento mais brusco que cause vento. Deve ter sido uma moral muito alta alimentada por esses factores que levou um fã a tentar entrar em ringue para se juntar à acção. Qual não foi a sua surpresa e a de todos os que markavam na arena, quando é esse árbitro franganote a ser o héroi e a prender o invasor num espectacular chokehold frontal que rapidamente o imobilizou e permitiu aos seguranças retirá-lo. Mais over com os fãs que muitos wrestlers e até os comentadores ficaram a discutir o sucedido, justificavelmente divertidos. Paz à sua alma, um homem duro é isto.

A nota importante e curiosa: Mark Curtis, na verdade, apesar de não competir, tinha treinos completos em vários tipos de wrestling técnico e até aéreo. Não torna as coisas menos hilariantes, até pelo contrário. Agora fiem-se lá nos aspectos das pessoas…

E com estes dez casos de fãs que só queriam um pouco de fama mesmo que ninguém se lembre das caras deles mas sim das figuras de ursos que muitas vezes faziam, concluo esta edição do Top Ten. Sublinho que me quis focar em casos de TV, com aquele caso Britânico a servir de excepção dada a sua peculiaridade, daí não incluir o recente caso de Dean Ambrose que, ao que se alega, ia sendo apunhalado por algum gajo que ou é muito estúpido ou muito fã da Renee Young – e muito estúpido. E é claro que existem muitos mais casos destes e espero que tenham as vossas memórias vivas para os poderem recordar e acrescentar à lista. É tudo vosso e planeio estar cá na próxima semana com um novo tema. Entro pelas vossas casas dentro até me darem um sopapo só para apresentar o meu próximo Top Ten. Até lá quero-vos bem comportados e longes de asneiras destas. Um bom ano lectivo para quem já voltou à actividade escolar!

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Top Ten”.

4 Comentários

  1. BRRM - há 1 ano

    Excelente Top Ten! Ri-me tanto com o que escreveste no número 5 xD

  2. Reigns one versus all - há 1 ano

    Ótimo Top Ten

  3. you cant see me - há 1 ano

    Ótimo top ten.

  4. Vitor Oliveira - há 1 ano

    Excelente ediçao, muito bom

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador