Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Contacta-nos!

Top Ten #13 – Sanidade mental para quê?

Bem-vindos ao Top Ten desta semana que, esperemos que não vos faça enlouquecer, mesmo que seja à volta disso. Loucura é algo que se tem vindo a usar muito pelo wrestling. A WWE não tem medo de incluir umas gimmicks como a de R-Truth até há pouco tempo ou a da sensível AJ. Pelo meio ainda temos o Daniel Bryan possesso, Dean Ambrose parece ter um parafuso meio solto e há uns bons anitos que Randy Orton anda a ouvir vozes. E isto só agora porque voltando ao passado… De qualquer das formas, estes doidos são só para a personagem e à beira de alguns não passam de meninos. Neste Top Ten compilam-se alguns lutadores que já deixaram bem claro que, fora do ringue, não batem lá muito bem da cabeça. Seja por questões de senilidade, por intoxicação ou por actos questionáveis… Este Top Ten fala de um assunto curto e grosso: tolos varridos.

10 – Zandig

Sinceramente, muita malta que já passou pela CZW podia constar aqui. E é óbvio que não conto com pseudo-wrestlers de quintal, apesar de haver momentos em que a ponte entre a CZW e o backyard wrestling é um pouco pequena e estreita. No entanto, não achei que havia ninguém melhor para personificar uma falta de sanidade mental que uma das principais caras da companhia: Zandig. Já pela promo apresentada no vídeo podemos ver que há ali algo naquele cérebro que ficou com o desenvolvimento a meio. Mas para tirar as dúvidas é ver alguns dos seus combates, os seus bumps e outros episódios que tal como vê-lo pendurado por ganchos espetados nas costas. Já para não lembrar que a ele lhe é atribuído o crédito de fundar a CZW. Companhia mais associada à loucura… E deve-se a um homem…

9 – Sabu

http://youtu.be/FsFDSlSohC4

“Homicida, Suicida, Genocida” Um caso de alguém cuja personagem não se afastava muito da pessoa. Afinal de contas… Para levar os bumps que ele leva não se pode ser assim muito fino. Sim, também atribuo pontos à coragem e resistência mas a sua insegurança em ringue – mas vá lá que coloca-se mais em perigo a ele que aos outros – mostra que não é propriamente dos que pensam muito. Ou então pensa muito rápido, quando sela feridas com super-cola. Recomendado por todos os médicos, como bem sabemos…

8 – Haku

http://youtu.be/L-Nod6RiTLg

Grande lutador mas possivelmente com a fama e imagem mais interessante de sempre: um homem bastante amigável, calmo, muito amoroso e homem bastante dedicado à sua família. Que também era dos mais rijos e intimidadores. Mas se ele era assim tão amigável, está seguro, certo? Talvez… Desde que não se metam com ele… Tonga Fifita, conhecido como Haku, já tem fama de recorrer a métodos pouco ortodoxos para atacar aqueles que se metem com ele. Deixar um gajo KO só com um soco ou um estalo, tudo bem. Quando já correm histórias de arrancar narizes à dentada ou dar pancada até cair olhos – supostamente o que aconteceu com Jimmy Jack Funk – ou simplesmente dar cabo de dezenas de marmanjos num bar, vai polícia, vai tudo… Sozinho. “Toughest man I’ve ever met” já dizia o Bobby Heenan…

Nota: Não há vídeo que possa documentar a sua loucura, fica um simples e rápido combate com alguém que devem conhecer.

Curiosidade: Já sabiam que Camacho era filho deste senhor?

7 – Abdullah the Butcher

http://youtu.be/NO5W2dOZdbc

Mais um que é o típico homem que gostávamos que as nossas mães conhecessem para uma conversa durante o chá. Também associado ao wrestling hardcore ultraviolento, o Hall of Famer tornou-se notável precisamente pelas loucuras que fazia em ringue e outras “stunts” que chocavam o público – corria a história do arrancar de cabeça a uma galinha viva à dentada. Com esses episódios verdadeiros ou não, Abdullah andava sempre com um garfo e normalmente não era para pegar em amostras grátis de supermercados. Junta-se a tudo as suas horríveis cicatrizes – que já correu o rumor de que foram cirurgicamente implantadas, mas tal já foi desmentido – na testa, que ele usa para chocar e enojar as pessoas quando segura moedas e outros objectos dentro das covas. E também não sei se conta para loucura mas a quantidade de hepatite que ele já espalhou nos seus combates sangrentos também tem que contar para alguma coisa…

6 – Hulk Hogan

Um exemplo de alguém que foi a idade que foi dando cabo dele, ou deixando-o ainda pior. Juntando o abuso de esteróides e outras drogas e temos Hogan a gravar um vídeo seu na sanita a obrar e a orgulhar-se do seu “produto”. Entre vídeos de WC como esse, retweets sobre “balls deep” na Brooke – podem relembrar esse episódio aqui – ou achando que ainda pode combater – isso tem que se incluir – há muita coisa que nos deixa a questionar por onde anda a sanidade mental do “Immortal”. Duvido que assistir à monstruosa sextape com uma mulher muito mais nova e que ele veio a tentar processar mesmo que fosse comprovado que fosse o próprio a espalhá-la esclareça alguma coisa… Só deve deixar mais questões…

5 – Ultimate Warrior

http://youtu.be/rXNvusFPsBQ

Este está muito bem. Que poderá haver de errado com o homem que muda legalmente de nome para “Warrior” e ameaça outros lutadores de porrada no parque de estacionamento, já depois de velho? – outro episódio para recordar aqui. Absolutamente nada, basta uma serena conversa com ele em que ele te berra uma data de disparates indecifráveis para perceber que o homem está perfeito. E arranja-lhe uma corda, que ele abana-a até que lhe rebentem as veias. Mas por acaso, este nem foi propriamente a idade que deu cabo dele… Já desde que era jovem que se percebia que ele não tinha um ou dois parafusos soltos… Ele tinha as porcas todas vazias!

4 – New Jack

http://youtu.be/K4tCzJqqr90

Uma jóia dum moço. Conhecido também pelo seu estilo de luta violento e pelos seus bumps. A sua criação de rua e a quantidade de pancadas que levou na cabeça não o podiam permitir que fosse muito amigável. Se as suas tentativas de homicídio em ringue com bumps perigosos com o intuito de se vingar são questionáveis e pode-se achar que seja só conversa dele para ganhar heat e ser notado, o episódio numa independente em que ele saca duma navalha e apunhala o adversário como se o estivesse a assaltar no mais escuro dos becos… Não sei bem que razão poderá haver aí. Mais recentemente fez-se notar desejando a morte a Jerry Lawler pela altura do seu ataque cardíaco, com promessas de lhe urinar na campa. Um doce, apetece adoptá-lo…

3 – Ric Flair

http://youtu.be/FCxWUKMJfEI

Este é outro que tal. É ver qualquer coisa com ele e esperar uns cinco minutos. Deve ser suficiente para vermos Ric Flair a ser Ric Flair. É à escolha do freguês: promos descontroladas em tom de voz, os célebres “flops”, a eterna feud com casacos, sapatos a voar, altercações físicas com ex-mulheres, vida de rico a gastar o que não tem, etc. Como podem ver, misturei personagem com vida real porque a linha que separa o homem do interior e do exterior do ringue é muito ténue, se é que existe. No caso de dúvidas, consultar o vídeo…

2 – Scott Steiner

http://youtu.be/CkzjX_GA8Qg

Uma grande feud que marca a carreira deste senhor. Escusam de estar a pensar em lutadores que Steiner já tenha enfrentado, esse grande rival é mesmo a língua Inglesa. Steiner é daqueles que tem que ser dos nossos favoritos ao microfone e não pelas grandes promos à maneira de um CM Punk, por exemplo, mas sim porque é divertimento garantido e deixa-nos a pensar quais serão os disparates que ele apresentará desta vez. Algo falta ali naquele cérebro, já todos sabemos, mas como podem comprovar no vídeo… Ele é um ás em Matemática! Derradeira prova da loucura de Steiner fora do ringue – para além do seu Twitter – pode-se notar no mesmo vídeo, na entrevista a Petey Williams…

1 – Iron Shiek

http://youtu.be/mRRHvw0s1Yc

Quem mais?! Um dos grandes Heels do seu tempo, conseguiu muita mais popularidade na era da Internet do que alguma vez teria no seu tempo. E porquê? Porque as suas entrevistas shoot são mais divertidas que muitos segmentos de wrestling em TV. Normalmente bêbado que nem um cacho, com bastante cocaína também no organismo que ele não esconde consumir e já de si mesmo… Em geral podemos concluir que ele é mesmo tolinho varridinho. Sempre a criticar os seus colegas “piece o’shit, no good, motherfucker“, sem qualquer problema em singularizar ódios de forma directa – FACK THE TED DIBIASE! – e com muitos poucos elogios para dar – “Tito Santana, he’s a Mexican, better than nothing…” – Iron Shiek é divertimento garantido. Fino da cabeça é que ele não é, mas é precisamente por isso que gostamos dele…

Foi este o louco Top Ten que vos trouxe esta semana e espero que a vossa sanidade mental se tenha mantido intacta e que nada destes dez cavalheiros vos tenha contagiado. Estão à vontade para comentar sobre o assunto e para me lembrar de mais algum caso que conheçam que saibam que tenha ali um acidente rodoviário no lugar do cérebro. Como eu não sou tão doido como eles, devo conseguir estar cá na próxima semana para mais um Top Ten. Até lá fiquem bem e portem-se bem para não ficar como estes senhores.

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Top Ten”.

4 Comentários

  1. RuiFerreira222 - há 3 anos

    New Jack é um lixo de pessoa e um lixo de wrestling! Ele não tenta chamar atenção, seja a desejar mortes ou a tentar matar pessoas em ringues, ele sofre realmente de sanidade mental…

    Outro bom Top Ten. :D Volto a dizer, este é o meu artigo favorito do Universo! :)

  2. Duarte_WWE - há 3 anos

    Os botches do sabu são de cagar a rir, mau demais mesmo, e num combate dele com o RVD era um ladder match e o RVD fez um cover, mais uma razão para não gostar dele!

  3. WWEdge - há 3 anos

    Deve ser difícil trabalhar com alguém como o Sabu :D

  4. Frederico_WWE - há 3 anos

    Não sei porque é que tens poucos comentários… arrisco me a dizer que a fazeres isto és um génio! Muito bom mesmo o Top Ten é para mim sem dúvida um dos melhores artigos do site em si.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador