Top Ten #58 – Festival de Sellers

Sejam todos bem-vindos ao Top Ten desta semana, espero que esteja tudo bem rijo para acompanhar as manobras que estes tipos fazem com o corpo, porque alguns do que aqui estão são a doer.

Não houve muito a dar-me ideias esta semana directamente para uma edição nova do Top Ten – e há, com certeza, quem diga que tivemos um Raw cheiinho de chouriço e um regimento de despedimentos não dá assim para muito – mas pego num assunto de algo que pode ser abordado sempre: sellers. Neste casos até, oversellers. Seja com reacções ou piruetas ou com o simples exagero que se torna marca própria… Gostamos de ver um lutador a vender bem a dor e o impacto causado pelo ataque do adversário. E, logo de rajada, lembramo-nos de vários e talvez nem estejam todos aqui nestes dez, o resto cabe a vocês.

Nem de propósito, um lutador que mostra talento nisto – assim como no resto da sua performance em ringue – é Seth Rollins, indivíduo que se encontra num momento bastante alto da sua carreira. Mas vejamos a turma toda:

10 – Bobby Roode

http://youtu.be/FQbjjCgvj0Q

Actualmente a tirar umas férias como fruto de uma suspensão que, possivelmente, lhe valerá um regresso como Face… Bobby Roode tem vindo a ser um indivíduo destacável no plantel, tanto pela sua personagem e seu tremendo desenvolvimento como competidor a solo, assim como pelos seus skills em ringue. Um tipo atlético e que demonstra isso num sector em particular: a vender. Quer seja aos saltos, com piruetas, a pinchar do chão ou com o seu mais belo tributo a Ric Flair, – spoiler! – Roode é um indivíduo divertido de se ver em ringue, seja a dar ou a levar. E a malta cá aguarda o seu regresso enquanto os PPVs têm main events estranhos e constrangedores…

9 – El Generico/Sami Zayn

http://youtu.be/443Oq6YBr5I

OLÉ OLÉ OLÉ OLÉ! Seria de esperar que um indivíduo tão atlético e tão hiperactivo como El Generico não fosse apenas mais um a vender de forma regular como os outros. Se é tão enérgico a dar porrada, também tem que o ser a levar e El Generico não deixava nada a desejar no que toca ao espectáculo visual de um oversell… Muitas vezes pegando nessa sua arte para fazer uma brincadeira pegada. Assim que foi para a “Liga Grande” e se remodelou como Sami Zayn… Não deixou esse seu talento para trás. Não deixou nenhum e ainda actualmente o vemos a vender de corpo e alma e quase a fazer-nos pinchar e saltar como ele. Este é o homem que até os próprios kick-outs vende!

8 – William Regal

http://youtu.be/c6_s6HgetOY

Este é de uma categoria relativamente diferente. Apesar de ser bastante competente nessa sua área, não é assim tão costume vermos Regal a saltar e a contorcer-se como se tivesse sofrido algum choque eléctrico. Mas ao dar-lhe porrada ou a prendê-lo em alguma manobra técnica, nas quais ele é tão bom… Vejam o sofrimento que ele transmite e digam lá se não sentem a dor dele e se quase não vos dá vontade de berrar a mais ele. No topo, se o top se debruçasse mais sobre os berros desalmados que se soltam em agonia… Porque não há pai para Regal nisso e até mesmo nos seus mais recentes combates no NXT deixou isso bem à vista. Uma subcategoria de um “seller”: … um “yeller”.

7 – Seth Rollins

Aqui está o indivíduo que abriu a porta para o tema desta semana. Um senhor que gosta de fazer certas e variadas coisas como trair os seus companheiros e vender que nem um lorde. Incapaz de aceitar uma manobra como menos espalhafatosa, não são poucas as vezes que vemos Seth Rollins a rodopiar e a contorcer-se no chão como se tivesse sido lançado de algum canhão. Num mero Suicide Dive, quem recebe tem o dever de travar a queda do adversário e ajudá-lo a aterrar em segurança, deixando-se cair para sofrer o impacto. Rollins não acha suficiente e por cima disso tem que arremessar todo o corpo contra a barreira. Porque Rollins. Outro hábito seu que pode ser mau é a sua má tendência a bumpar de cabeça, mas isso já vem de um “problema” anterior, de seu nome Ring of Honor. Que o pergunte ao seu amigo e antigo mentor, Jimmy Jacobs, cujo novo grupo, os “Decade” representam há quantos anos ele anda a beijar superfícies com a testa…

6 – The Rock

http://youtu.be/QU8DDJRwjkI

The Great One. Electrizante, classificam-no os fãs e o próprio. Nada onde se possa discordar, o indivíduo é electrizante, não haja dúvida. Muitas vezes a vender manobras é que tende a ser um pouco… Electrizado. Para tirar as dúvidas basta verificar alguns dos seus melhores episódios, seja a vender um Stone Cold Stunner como um número de ginástica acrobática em plena competição Olímpica ou a forma como recebe um Gore da mesma forma que uma pobre vítima recebe um camião – mais a parte teatral. Um entertainer nato, seja ao microfone ou através da arte do sell, The Rock dá espectáculo de qualquer maneira. E mantém-se como uma das coisas que ainda tinha em forma nesta sua recente passagem infame – recordem o GTS que selou a Heel Turn de CM Punk e digam lá se não parece que estavam a ver algum filme de acção seu em que sofre um fim trágico e leva um tiro?

5 – Rob Van Dam

Todos os programas de wrestling costumam ter um aviso – ou quase todos, agora parecem já não ligar tanto a isso – para não tentarem o que vêem em casa. No caso de Rob Van Dam deviam ter um aviso permanente para não tentarem MESMO o que vêem em casa. E não me refiro só ao seu estilo em ringue que requer tanta estima pelo próprio corpo como pelo do adversário – RVD trata o seu corpo tão bem como o Paul Heyman trata o dinheiro – porque o tema não é esse. Há mais maluquice na performance em ringue de RVD, e são as suas vendas de manobras. E ele faz questão de selar os seus bumps com um doloroso ponto de exclamação nos piores: os bumps de cabeça. Seja um RKO ou um Twist of Fate, RVD faz questão de virar todo o corpo… Sobre o pescoço. Um gajo anda com dores durante uma semana só de o ver. E claro temos o famoso Piledriver em que RVD simplesmente… Levanta do chão e pincha com A PORRA DA CABEÇA como se fosse uma daquelas bolinhas pinchonas que a minha mãe me costumava tirar das máquinas quando eu era catraio… A sério, não tentem mesmo isto em casa… Porque o gajo se calhar já está tão pedrado que nem sente…

4 – Dolph Ziggler

http://youtu.be/UqzTI0NEiqc
http://youtu.be/9mgFrpeiAU0

Há um nome que sobe à mente sempre quando se fala deste tema. Porque logo a seguir aos fantásticos e estonteantes sells do Great Khali, temos o Dolph Ziggler. O homem que parece esquecer-se que tem ossos e salta no ringue como se fosse um boneco de testes de acidente. Já enérgico de si, Ziggler não é capaz de vender as manobras que sofre pela sossegada e tem que fazer um espectáculo ginasta para o bom fã que já o admira pelo seu skill ofensivo. As piadas recorrentes pela internet já o dizem – Ziggler acaba por ser O seller desta era actual, seguindo as boas passadas de nomes apresentados no pódio. Agora jobbando tanto como ele tem feito, tem realmente muito para vender, infelizmente… Agora notem lá na arte que o rapaz faz – ele até faz um Side Effect parecer fixe nos dias recentes!

3 – Ric Flair

http://youtu.be/XTvX8fIWXm4

Senhor que já foi aqui mencionado, devido às devidas homenagens prestadas por um outro jovem que abriu esta contagem. Ric Flair nem é daqueles que cai na categoria de um vulgar overseller, nem se limita a levantar voo para provar que a manobra é forte. Até nem faz muito disso. Se for preciso ficar a chapinhar no chão como um peixe, também o faz, mas a sua praia é outra. Flair tem a sua própria marca… Gosta de deixar passar tempo… Ele leva, pára, olha para o céu, vê as horas, pensa nas ex-mulheres todas… E então depois é que cai. Mítico. E ainda há aquelas vezes em que nem quer ficar parado e ainda tem que dar uns bons e longos passos antes da lendária queda. Dá para ele ir ao backstage, comer um lanchinho, divorciar-se outra vez e meter-se em mais quatro dívidas, antes de voltar e cair. Exageros à parte, é a sua marca e vemos muitos lutadores a reproduzir este hilariante gesto, e é frequente ouvirmos a plateia a reagir com o natural “WOOOO!” Não é um oversell qualquer, é um Flairsell – ou chamem-lhe “flop” porque já é assim conhecido.

2 – Mr. Perfect

http://youtu.be/9BN0WVIQDBU

Não vamos descer pela estrada do debate dos pioneiros e mais essa conversa toda, porque podia cair facilmente neste ponto de conversa: Mr. Perfect inventou os oversells. Esticado? É possível, mas tem que se atribuir muito desta arte a Curt Hennig. Até Dolph Ziggler que herda muito dele, já a começar pela imagem, também vê este factor a ser espelhado. E o seu filho, Curtis Axel também já vai praticando nesse campo, mesmo que não seja em tudo – da mesma forma que todos caem na corda a lutar com o Rey Mysterio e todos têm a brilhante ideia de tentar um soco estabalhoado ao John Cena, após o segundo tackle… Todos se lembram de pontapear Axel nas pernas ao pé das cordas para o fazer virar. Mas Mr. Perfect era outro nível, o selling era uma arte para ele, e às vezes até querias batalhar com a gravidade apenas para vender um soco. E registe-se: Mr. Perfect inventou o Frog Splash ao vender um Atomic Drop. Fica aqui dito e registado…

1 – Shawn Michaels

http://youtu.be/gf4LsjwAWho

E quem mais? O único que achei digno de colocar à frente de Perfect. O gajo que gostava de fazer de conta que era uma árvore e plantar-se de cabeça. O tipo mais hyped a levar porrada, a causar a maior das invejas ao pobre insípido Mojo Rawley. Shawn Michaels era um desastre como pessoa, mas era impecável em ringue, o que podia fazer com que se detestasse mais ainda. E era excelência a dar e a levar. Pode pesquisar-se por qualquer combate seu – apesar dos 90s serem a altura do “abuso” dele – que o vemos a saltar e às piruetas como se algum bicho o estivesse a morder nalguma área interdita. Mas a medalha de ouro vai para o seu brilhante trolling a Hulk Hogan em pleno main event do SummerSlam 2005: frustrado por ter que colocar Hogan over de forma simples e crua, HBK decide vender cada simples hit ou manobra de Hogan como se fossem executadas por um super-herói. Entram as gargalhadas. Dos combates mais entretidos de se assistir e com o seller-mor a roubar o show… Vale sempre a pena ser recordado.

Dez posições preenchidas, logo é tempo de fechar isto e deixar que sejam vocês a continuá-lo. Cabe a vocês discutir a bela arte do selling e a importância que tem num combate, assim como alguns sellers favoritos que aqui constem ou que não tenham cabido aqui. É tudo vosso e acho que isto até dá assunto para conversa. Espero que tenham gostado e espero que gostem de qual quer que seja o tema que vos traga na próxima semana, se cá puder estar. Assim espero. Até lá fiquem bem, aproveitem o calor que já anda aí em força e boa sorte para Portugal – e para o Brasil, que são muitos os nossos leitores desse lado do Atlântico – no Mundial.

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Top Ten”.

10 Comentários

  1. JoãoRkNO ® - há 2 anos

    Sempre com temas inovadores , excelente trabalho .

  2. John_3:16 - há 2 anos

    De facto ja e ri bastante com o rock, especialmente a levar stunner, ziggler a levar brogue kick, rollins as vezes tbm faz coisas engraçadas e o hbk a vezes tbm se passava.

  3. MicaelDuarte - há 2 anos

    Excelente trabalho, Chris.

    O “sell” do HBK ao “big boot” do Hulk Hogan… Que rei! xD

  4. Tunes9 - há 2 anos

    Excelente artigo, muito interessante e sempre a inovar, Parabéns! Chris JRM. :-)

    Bom top, realmente o Seth Rollins é um excelente “seller”, mas HBK, The Rock e RVD são dos melhores que já vi, o Ziggler também é muito bom (actualmente), o próprio HHH deve estar no Top20, também é um “seller” muito bom, basta ver nos últimos tempos, como ele “vendeu” o KO Punch / Weapon of Mass Destruction (WMD) e o finisher do DBryan, o Running single leg high knee (a joelhada), entre outros lutadores que são “sellers” muito bons.

    Bom trabalho. :-)

  5. Hildo - há 2 anos

    Excelente trabalho, Realmente não tem ninguém melhor que o HBK nisso. RVD também é outro excelente ”Seller” basta ver como ele vende aquele RKO do Orton, na sua ultima luta na WWE em 2007.

  6. Tiago Ambrose - há 2 anos

    Excelente artigo, Chris.
    Gostei do teu top ten desta semana sobre ”sellers”, está radical!!!
    O Shawn Micheals e o The Rock são mesmo excelentes ”sellers”, o RVD também é outro fenômeno, e o Rick Flair como ”seller” é uma anedota tremenda.

    Bom trabalho e continua assim.

    • filipe - há 2 anos

      daniel bryan deveria estar na lista… tb vende mtissimo bem… nao é por azar que tem sempre bons combates com todos…
      Seth rollins é melhor que ziggler a vender… o cena vende mto bem é os ddt que sofre… Lesnar pelo tamanho k tem tb vende bem (ver contra cm punk por exemplo)

      agora é fazer a lista dos piores a vender golpes, tipo ryback

  7. danielLP21 - há 2 anos

    Artigo fantástico. O Shawn Michaels… enfim xD O Hulk Hogan devia estar todo lixado com ele ahahah.

    O Dolph Ziggle é fantástico nesta “arte”. Nunca tinha visto aquela sequência naquele “house-show”… Muito bom!

    “RVD trata o seu corpo tão bem como o Paul Heyman trata o dinheiro”; “Porque o gajo se calhar já está tão pedrado que nem sente…”; ” Porque logo a seguir aos fantásticos e estonteantes sells do Great Khali, temos o Dolph Ziggler.”; “Dá para ele ir ao backstage, comer um lanchinho, divorciar-se outra vez e meter-se em mais quatro dívidas, antes de voltar e cair.” LOOOOOOOOL

  8. danielLP21 - há 2 anos

    Já agora, julgo que faltou aqui o Shane McMahon.

  9. Vitor Costa - há 2 anos

    Não sei como consegue trazer temas tão inovadores, no caso de não ter mais ideias gostaria de sugerir que fizesse um Top Ten com ex campeãos mundiais que agoram são jobbers, ex: Miz, Khali, Ziggler etc.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador