Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Top Ten #59 – Humor de Sanita

Sejam bem-vindos ao Top Ten desta semana e aviso já, de uma vez: se forem adultos e não tiverem parado de crescer aos 8 anos, podem fechar já o artigo que não vos culpo. Pois esta é a altura ideal para vos trazer, muito possivelmente, o Top Ten mais nojento de todas as edições existentes até agora. Desde já… De nada, não têm de quê.

No passado Monday Night Raw, fomos brindados com um belíssimo segmento com classe que viu Vickie Guerrero ser coberta de um frenético vómito de uma envenenada Stephanie McMahon. Quem diria que o Roman Reigns era tão brincalhão. Segmentos destes fazem-nos levar a mão à testa e, por vezes à boca, para evitar que alguma coisa saia. Mas como eu digo muitas vezes quando trago um tema baseado num acontecimento recente… Não é novo. O que não falta é humor de sanita, com todo o tipo de referências ao dito vómito, gases, ou pior. Tudo o que o bom miúdo de 8 anos aprova. Portanto, peguem lá num lanche e divirtam-se com uma das listagens mais agradáveis e convidativas de toda a história em que escrevo este espaço!

10 – Os Slammy Awards antiguinhos…

http://youtu.be/CrbNXI7eiJY

Actualmente, conhecemos os Slammys como prémios anuais atribuídos no Raw. Mas estes prémios já têm muitos aninhos e antigamente a coisa era mais aperaltada ainda e faziam uma gala só para eles, com direito a uma performance musical inesquecível de Vince McMahon, entre muitos outros tesourinhos. De vez em quando também tinham assim umas saídas daquelas. Na segunda transmissão de sempre dos Slammy Awards – mas que eles jocosamente anunciavam como a 37ª – decidem apresentar o prémio para “Best Personal Hygiene”. Pronto, já devem saber o que esperar daí e não é propriamente os lutadores mais aperaltados, especialmente na década de 80. Depois de uma breve apresentação dos nomeados, culmina em King Kong Bundy que leva o título deste Top Ten à literal… Apresentando-se na sanita, com direito ao chavascal infantilóide que se associa a um WC. Até nem era do mais comum que havia nos 80, mas isto já há desde sempre. Só fico com pena que não tenha ganho ele…
Nota: Se quiserem tirar algum do vosso tempo para verem o resto da gala, através de todas as 6 partes disponíveis no YouTube, façam-no que vale a pena. Nem que seja só pela performance do Vince…

9 – Saber respeitar a dignidade de uma senhora…

http://youtu.be/e3VO6pgrlwI

E aqui a senhora em questão é Natalya. Se não se lembram é porque fizeram muito bem em esquecê-lo, mas o momento mais baixo da sua carreira ainda é relativamente recente e colocou-a na posição mais embaraçosa em que se podia colocar uma Diva – e isso é dizer muito. Como recompensa da sua qualidade em ringue e capacidade de dar alguns dos melhores combates femininos… É-lhe atribuída uma gimmick flatulenta, com direito a parvos segmentos de backstage sem propósito. Felizmente recuperou desta experiência mal-cheirosa e agora até vai andando pelas mós-de-cima ocasionalmente. Prefiro-a mil vezes como uma Total Diva que não sabe pintar e tem um casamento conturbado com Tyson Kidd a… Isto…

8 – Uma prendinha para a Stephanie

http://youtu.be/fIauMCrAG8k

Dos tempos antigos em que a menina do papá não tinha medo de ir ao ringue e pegar-se à bulha com umas quantas Divas que quisesse. O problema é que, lá porque era menina do papá, não estava protegida de uns belos ataques. Uns mais violentos, outros mais… Digam vocês. Em plena feud com Trish Stratus, assim que a Hall of Famer a apanha desprevenida no backstage, numa zona com cavalos – não vi o episódio, logo não conheço o contexto para eles estarem ali, esclareçam-me se o souberem – decide dar-lhe uma sova e humilhando-a com um presente… Espetando-lhe a cara ali num “presente” também de um cavalo. Com direito a banho e tudo. Pensavam que naquela altura podiam assistir sempre aos segmentos de Divas com ideias malandras? Pensem outra vez…

7 – O processo digestivo de Titus O’Neil

http://youtu.be/WNrqFrN3ja8

Para o top de segmentos embaraçosos do ano passado. Aliás, corrijam-me se estou errado, mas acho que já fiz aqui uma listagem com um tema semelhante e esta relíquia lá constou. O pior uso que já deram ao swing de Cesaro. Consequência de uma competição de comer com o Great Khali – gajo que não queremos ver a competir, nem no ringue… ou muito menos nisso – Titus sobe ao ringue com Cesaro para andar à roda e mexer bem ali aquela refeição que já não tinha caído bem. Nos seguintes minutos somos brindados com um dos piores segmentos recentes no Smackdown, com Titus a distribuir vómito por tudo que era canto e por todos os que estavam nos respectivos cantos. A pior parte disso tudo foi a censura cartoonesca a proteger-nos da vista repugnante do vómito, mas que nada fez para nos proteger da burrice de todo o segmento. Ou talvez não fosse isso o pior. O pior foi mesmo alguém ter escrito isto e achado que era boa ideia. “Humor”, deviam dizer eles…

6 – Um clube de prestígio

http://youtu.be/0YVUSrNylZI

Este já não se baseia tanto naquele tradicional humor da retrete, perfeito para miúdos de oito anos, que adoram sons e outras coisas que o corpo humano produz nas suas horas menos belas. Isto é outra categoria. É a categoria de um homem adulto, já além da meia idade, um patrão bilionário… A obter prazer em ter os seus empregados a beijar-lhe as nádegas, naquilo que será um culminar de dignidade e auto-respeito para os envolvidos. Jim Ross e William Regal, tipos que não sabem nadinha sobre serem humilhados em ecrã, já fazem parte deste clube de alto calibre. Mas já outros nomes como o de Shawn Michaels fazem parte. Podem não ouvir uma sinfonia de flatulência, nem ver refeições a voltar pelo cano por onde caíram… Mas vêem ali o traseiro de um velho exposto ao mundo e à espera de uma lábia que o cumprimente. Facílimo de digerir.

5 – O Roman Reigns é um brincalhão…

http://youtu.be/dgTjS9RBDy8

O segmento recente que deu a ideia a este Top Ten. Até diria que estava “fresco”, mas nem quero utilizar essa palavra num contexto onde integre o tal acontecimento que muita gente amou, neste Monday Night Raw. Roman Reigns decide fazer uma daquelas trapalhadas que Faces andam a fazer à malta do poder há anos, para os arrumar e conseguir inserir-se na battle royal de qualificação para o Money in the Bank. Triple H conseguiu safar-se porque, nem por nada deste mundo, que ele se ia submeter à humilhação. A Stephanie é que “beneficiou” do protagonismo. Fora da vista de ecrã, pinta Vickie Guerrero de vómito, com uma projecção impressionante, digna de competição. Pena que não se tenha visto o resto, deve ter sido o mais bonito, sexy e atraente da Stephanie McMahon, e nós sem poder ver. O melhor disto tudo? Pouco antes, Roman Reigns tinha feito questão de lembrar a Vickie que ela é uma Guerrero. Exacto… Agora tentemos digerir isso… E há-de correr tão bem como a digestão da Stephanie…

4 – Um banho aos Spirit Squad

Também não é um acontecimento exclusivo e já têm uma certa tradição de cobrir malta de… uma matéria pouco aconselhável. O Ziggler que o diga. Esteve ele num há pouco tempo, esteve ele neste. Na rivalidade entre os DX e os McMahons – em que estes contavam com a ajuda dos Spirit Squad – era um trás-para-a-frente de partidas, com os DX normalmente a sair por cima, dada a sua experiência na matéria. Uma das menos agradáveis e cheirosas, lá decidem expressar a opinião que muitos tinham sobre os Spirit Squad, cobrindo-os a eles e aos McMahons da tal matéria que estou a evitar tratar por seus devidos nomes, ao longo de todo este parágrafo. Não aponto muito a este fechar de segmento, mas noto esta curiosidade: todo o segmento que o antecedeu ainda se mantém como um dos meus segmentos favoritos de sempre…

3 – O Eddie Guerrero também era brincalhão…

O que safa é que o Eddie é daqueles tipos que era capaz de pôr piada em tudo. O jeito para a comédia já lhe corria nas veias e ele era capaz de colocar piada até nos sketches de rua do Nilton. Daí que até conseguisse reinar num segmento dos mais infantilóides e até embaraçosos. Num momento que vê Big Show à rasca num árduo combate com o seu próprio intestino – e adivinhem de quem era a culpa – Eddie Guerrero piora o seu crime, retirando-lhe o papel higiénico. E durante todo esse tempo, somos brindados com uma sinfonia flatulenta que é para nos fazer crêr que vem de um organismo como o de Big Show. Claro que este tipo de segmento infantil só vem de agora…

2 – O eterno respeito por Jim Ross

Com um título desses, já sabem o que esperar. Mais um desafio à integridade de Jim Ross, enquanto este é humilhado até ao mais baixo ponto, em plena TV, em frente a milhões de espectadores. Acabava ele de ser despedido por Linda McMahon, a pagar por Stone Cold ter andado a fazer asneiras, como forma de o retirar do ar para o dispensar para uma séria cirurgia ao cólon. Ficar por aí? Claro que Vince não faria isso! Sejamos prendados com um segmento cómico, a desafiar as regras do bom gosto, com uma falsa cirurgia ao cólon de JR, executada por Vince, com direito a piadas e trocadilhos, humor negro e muitos sons corporais a servir de cereja no topo do bolo. E JR aguentava, regressava sempre que lhe pediam… E proporcionava mais comentários lendários, isso é que ninguém lhe tira!…

1 – O dia mais feliz da vida de Mae Young

http://www.ebaumsworld.com/video/watch/80638795/

Vá, com um tema que possa lembrar palavras e expressões como “nojeira”, “gosto duvidoso”, “8 anos”, “desafios ao olho humano” entre outros… Alguém esperava que isto não fosse inserido? Até podem achar que um parto não se classifica como humor de sanita, mas quando é feito com Mae Young, nestas circunstâncias e nestas condições, é. Quando recorrem ao raio dos sons de gases que eles tanto adoram, é. Quando envolvem o “Sexual Chocolate” Mark Henry como resposta à pergunta “Quem será o pai da criança?”, é. Quando o filho é uma mão viscosa… Nem sei o que é. Segmento histórico pelas piores razões. Mas o quanto eu me ri e markei quando o “filho” apareceu já crescido no RAW 1000…

Bem… Se ainda têm as vossas refeições no vosso organismo… Temo que não tenha feito o meu trabalho suficientemente bem. Se já foram, então recorro à citação de um amigo nosso que anda na mó-de-baixo actualmente: “You’re welcome!”. De qualquer das formas, espero que tenham gostado do tema – gostado como quem diz – e que ainda se sintam à vontade de comentar estes segmentos maravilhosos e inteligentes. E acrescentem mais algum, se ainda tiverem estômago. Eu lá farei por cá estar de novo na próxima semana, se não tiver nenhuma bebida servida pelo Roman Reigns ou pela Vickie Guerrero. Cumprimentos a todos, fiquem bem, desculpem qualquer coisinha que possa ter causado com este tema e continuação de um bom Mundial, como ainda for possível…

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Top Ten”.

5 Comentários

  1. danielLP21 - há 2 anos

    O Vince McMahon é um grande filho da p***.

  2. John_3:16 - há 2 anos

    Ta engraçadeee lol

  3. Rodrigo Neves - há 2 anos

    Os Grandes Segmentos da WWE.

  4. Rui Miguel - há 2 anos

    Gostei de ver a trish a dar na stephanie ahah
    Ao ver o William a juntar-se ao ‘kiss my ass club’ deparei-me com este video, para rir é muito bom xD:
    https://www.youtube.com/watch?v=7Rb6_RagsS0
    Epa aquela do JR meu deus ahah

  5. PedroSWWE - há 2 anos

    Belo artigo!
    Gosto desse termo “Humor de Sanita”, pois é aquele humor que envolve coisas nojentas!

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador