Vintage #32 – Quando somos fãs de um Mid-Carder

Hoje tinha planeado fazer um artigo acerca de uma personalidade mítica do wrestling profissional mas, senti que o que ia apresentar estava incompleto e, para semana irei publicar o artigo mais conclusivo e completo. Por isso fui ao baú dos meus artigos “suplentes” e tirei da cartola um “Kelvin”…raios! Para edição de hoje.

Nesta edição do Vintage, vou fazer uma pequena síntese, acerca de um superstar que nunca foi grande vedeta e, talvez alguns de vocês nem o conhecem.

Quando somos fás de um Mid-Card vivemos um bocado na “angústia”, se o nosso favorito ganha desta vez, ou simplesmente não leva uma tareia. Era isso que sentia, quando via lutadores como The Montie, o lutador da polícia montada canadiana. Falo em Mid-Card mas talvez roçava o Low-Card.

Lembro-me da primeira vez que vi Wrestling. O meu avô tenha ido buscar umas cassetes de VHS a um amigo que já não precisava delas e deu ao meu avô. Era tradição em nossa casa, pois eu vivia com os meus avós, vermos um filme no novo vídeo de 4 “cabeças”. Irmandade da Rosa era o filme, jamais esquecerei.

O Filme tinha acabado e por obra do destino a cassete continuou a “rolar” e foi aí que vi que o filme tinha sido gravado por cima desta paixão que chamamos Wrestling. Combate entre Tito Santana e Warlord,e desde então não parei de ver, tenho hoje 31 anos.

http://www.dailymotion.com/pt/relevance/search/tito+santana+vs+warlord/1#video=x3lyr9

A minha paixão pelo Wrestling aumentava quando ia a casa de um amigo, porque só ele é que tinha a Sky Sports, só lá que conseguia matar o “bichinho.

A RTP 1 (canal publico nacional) começou a transmitir a WWF e então foi a loucura, desde as figuras, revistas, bonecos, bem tive quase tudo e fiquei devastado quando o Wrestling acabou de ser transmitido na TV Publica…sabem porque? Demasiado violento!

Isto leva-nos ao título deste artigo, quando somos fás de um mid-card, ou seja de um lutador que talvez não chegue ao topo mas que de certa forma gostamos dele, alguma coisa nos tocou para ficarmos com ele na retina.

THE MOUNTIE

Jacques Rougeau de nome verdadeiro, era um wrestler natural de quebec, para os amantes das Indy como a ROH, ele treinou Kevin Steen, uma das principais figuras deste circuito.

Estreou-se na WWF no longuiquo ano de 1986, mas , não com a gimnick que a imagem apresenta.Estreou-se sim, com Raymond Rougeau, formando a dupla The Fabulous Rougeaus. Tiveram bastante impacto na divisão por equipas, derrotando duplas consagradas como os Hart Foundation. Mais tarde separaram-se depois de terem tido rivalidades contra os Buswhackers e Killer Bees.

Esta gimnick surgiu após Vince McMahon ter uma ideia para criar um vilão anti americano, assim surgiu The Mountie

Este lutador que já foi Intercontinental Champion vencendo Bret Hart, era um Heel perfeito com promos muito boas e com uma catch frase muito simples, mas que ficava no ouvido ”I´m The Montie” ou, “Do You Know Who I AM?” dizia ele, possuía algumas manobras boas, como o Pilledriver. Uma das coisas que gostava dele era a sua música de entrada.

Música de entrada: http://youtu.be/XjmLmONGwtY

O seu manager era o mítico The Mouth of the South Jimmy Hart. Jimmy teve parceria com outros superstars como os Nasty Boys, Money Inc, Earthquake e também Hulk Hogan.

A sua personagem era um vilão anti-Americano, possuía um “Shock stick”, um espécie de bastão que dava choques ao oponente, dando muitas vitórias ao vilão canadiano.

O seu reinado de campeão intercontinental foi só de dois dias pois viria a perder para Rowdy Roddy Pipper.

The Montie era um Heel perfeito, teve algumas rivalidades muito boas, como foi o caso com British Bulldog mas a melhor foi contra Big Boss Man que culminou no Jail House Match no Summer Slam de 91.

 Combates importantes na carreira:

The Mountie vs Tito Santana

The Mountie vs Bret “Hitman” Hart
http://www.dailymotion.com/pt/relevance/search/the+mountie+vs+british+bulldog/1#video=x21mls

The Mountie, Nasty Boys vs British Bulldog, Legion of Doom
http://www.dailymotion.com/pt/relevance/search/the+mountie+vs+british+bulldog/1#video=xnn0or

A preparação da rivalidade foi das melhores que a WWF produziu para lutadores do mid-card. Houve entrevistas nos talk shows da WWF e também ataques entre eles. Este combate ia decidir quem era a Lei na WWF.

O combate entre eles foi muito bom, Mountie perdeu e teve que passar uma noite na prisão de Nova Yorque.

Melhores momentos SummerSlam 91
http://youtu.be/0I-au–SHXY

Ele foi um assíduo participante do PPV Surviver Series mas, a sua ultima aparição como The Mountie foi muito arrupta. O seu ultimo combate aconteceu em 1992, perdendo com Bret Hart em 30 segundos!

Esteve alguns anos sem aparecer, reaparecendo como equipa em 1994 chamados Quebecers, e o seu nome passou a ser Jacques (seu nome verdadeiro) fazendo equipa com Pierre.

Quebecers rápido chegaram ao topo vencendo os títulos por equipas. Tinham como manager Jonhy Polo, sabem quem ele foi mais tarde? Raven…

Tornando se campeões por três ocasiões, foram a cabeça de cartaz nesta divisão, de salientar que nesta fase havia duplas como os Head Shirnkers e os Steiner Brothers.

Retirou-se dos ringes da WWF em 1994, reaparecendo nos ringues da WCW em 1996.Sinceramente não acompanhei esta fase, lembro-me sim foi em 2000 ele fez parte da Team Canada, liderada por Lance Storm.

Quebecers vs Owen Hart e Bret Hart (WWF Tag Team Title Match)

Eu que cresci a ver a Golden Era, adorava o MR Perfect, Bret Hart, Roddy Pipper, entre outros lutadores que foram estrelas e são nestes momentos Hall Of Fame.

The Montie ou Jacques nunca o será mais ira ter sempre um lugar no meu coração! Fico contente de saber que ainda é vivo e ainda faz algumas seções de autógrafos.

Deixo-vos com uma galeria de fotos:




Não sei se já tiveram algum lutador que simpatizavam, como eu, que nunca foi um Main Event se sim digam e comentem qual foi.

Até ao próximo Vintage! Tenham uma semana fantástica!

Sobre o Autor

- Autor da rubrica Vintage e escritor de algumas edições do Onde Andas Tu?, e play by play do PSN. Nascido a 7 de Dezembro de 1981, pertenço a uma geração onde os videojogos estavam a começar a desbravar barreiras inacreditáveis, onde 16 bits era uma loucura.Aficionado fervoroso de Wrestling e do glorioso Benfica.Orgulhoso por fazer parte de uma equipa talentosa, como o Wrestling PT.Segue-me no twitter e Facebook - ansnicola@iol.pt e canal Youtube,Daylimotion e sapo videos!

18 Comentários

  1. José Sousa - há 3 anos

    Fantástico André. Eu também me lembro disso como tu, mesmo tendo menos 4 anos que tu. Mas sim lembro-me do Mountie, excelente wrestler sim senhor.

    Se tive um midcarder do qual sou fã e não chegou ao ME? Sim o Owen Hart que para mim tinha o talento necessário para ter atingido esse patamar.

    Outro caso é do John Morrison do qual sou fã, e acho que se não tivesse tido tantas más influências(a Melina) poderia ter atingido os títulos Mundiais facilmente. O mesmo aplica-se ao “Chosen One” Drew McIntyre.

    • MR Perfection André Santos - há 3 anos

      Como tinha falado contigo no chat tinha este artigo já feito, foi só editar algumas coisa e tirar alguns links de combates, pois o Daily já apagou infelizmente.
      Morrison é sem duvida um caso de estudo, no inicio da sua carreira, quando ainda estava “verde”, já era ECW champion e mais tarde quando já estava no pico da sua carreira não apostaram nele…

  2. danilo'-' - há 3 anos

    Opá, gostei muito do artigo André.

  3. Foto de perfil de Facebook

    D'Leite - há 3 anos

    É o que eu digo, contigo é sempre a aprender xD Não conheço este wrestler, mas fiquei com uma visão clara de quem foi e do que conquistou e isso é de louvar pois os teus artigos têem sempre este lado didático que os torna mesmo interessantes!

    Apenas um pequeno apontamento: das duas uma, ou escreves Nova Iorque, ou New York, é que a expressão que usaste não foi propriamente a mais correcta :)

    Eu tal como o José acho que o Morrison tinha um grande caminho pela frente, mas infelizmente não “vingou” as expectativas que tinha posto nele. E sim, o Owen também é um exemplo perfeito de um lutador nessas condições!

    PS: Esqueci-me do Santino Marella claro! Ah, esquece, afinal não xD

    • MR Perfection André Santos - há 3 anos

      Tens razão , só posso escolher uma expressão, obrigado!
      Ainda bem que conseguiste perceber que houve este wrestler na historia da WWF. Foi fácil fazer uma artigo destes, quando se gosta de um lutador.

      • Foto de perfil de Facebook

        D'Leite - há 3 anos

        De nada!
        É sempre mais fácil escrever sobre algo ou alguém de que se gosta, como foi o caso :)

  4. Roberto Barros - há 3 anos

    Belo Artigo Andre, do personagem que você apresentou me lembro da grande tag team que ele formou considerado uma das melhores da história os Quebeces.

    Eu particularmente sou fã do William Regal, até hoje não acredito como ele não conseguiu chegar ao Main Event, fazia uma grande trabalho no Microfone e no ringue era um dos melhores.

    • MR Perfection André Santos - há 3 anos

      William Regal, grande wrestler com capacidades de
      “bad guy” que muitos sonhavam ter!

      Obrigado Roberto!

  5. ITS_ME_ITS_ME_ITS_DDT - há 3 anos

    Excelente artigo andré!
    Na tua opinião achas que o carlito poderia ter sido world champ ou wwe champ enquanto teve na wwe ?

    • MR Perfection André Santos - há 3 anos

      Sem duvida ter sido um “Top mid card”, fazendo aparições pela luta pelos grandes titulos, basta ver o trabalho que ele fez quando era I.C Champion

  6. AwesomeTheMiz - há 3 anos

    Muito bom artigo, André! Hoje não posso dizer muito, mas entre uns dez e cinco anos atrás eu era muito fãs dos mid-carders da WWE, que se tornaram main-eventers tempo depois, principalmente:

    – Jeff Hardy
    – The Miz
    – John Morrison

  7. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Jeff Hardy é sem duvida outro caso de estudo na WWE, para mim nunca teve um reinado longo, devido ao seu abuso de drogas, agora estando “limpo”, é a idade que faz com que talvez seja tarde para ser WWE champion se um dia seguir para a WWE.

  8. rui dbs - há 3 anos

    Os teus artigos são top!
    INCRÍVEL

  9. Rafael Silveira - há 3 anos

    Grande artigo André!
    Eu particularmente sou fã do Ron Simmons, também conhecido como Faarooq. Pena que ele nunca teve o destaque merecido na WWF/E, pois era um grande wrestler, que foi até WCW Champion.
    Não estou dizendo que o Ron não teve destaque, teve sim, mas na divisão de Tag Team (junto com o Bradshaw), eu quero dizer que ele nunca teve muito destaque lutando sozinho, pois era um grande wrestler.

    • MR Perfection André Santos - há 3 anos

      Sim Ron, na WCW teve um push na sua carreira, já na WWE apesar de ter liderado os Nation e ter ganho alguns titulos secundários, não teve o major title.
      Obrigado por comentares

  10. Rafael Silveira - há 3 anos

    Grande artigo André!
    Eu particularmente sou fã do Ron Simmons, também conhecido como Faarooq. Pena que ele nunca teve o destaque merecido na WWF/E, pois era um grande wrestler, que foi até WCW Champion.
    Não estou dizendo que o Ron não teve destaque, teve sim, mas na divisão de Tag Team (junto com o Bradshaw), eu quero dizer que ele nunca teve muito destaque lutando sozinho, mas era um grande wrestler.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador