Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Vintage #92 – NWO Wolfpack

http://youtu.be/IYwXUxgszF0

O mundo do wrestling, mas precisamente as historias ao redor do mesmo, precisam do “sal” para apimentar os combates, ou a preparação para os mesmos. Existem muitos meios para “condimentar” as rivalidades, mas existe um, que é usado há bastante tempo, com a denominação stable, ou seja, uma união de wrestlers para formarem um grupo forte e coeso, que normalmente tem o “cabeça”, ou melhor, o líder da mesma.

Nesta edição vamos identificar uma stable que talvez muitos de vocês não conhecem, pois foi uma das mais adoradas na WCW. A NWO Wolfpack de seu nome tinha como líder Kevin Nash e, foi uma porção renegada pela original NWO, liderada por Hollywood Hogan.

Tenho agendado fazer um artigo acerca da NWO e a sua origem, mas esse tema será para mais tarde, hoje sim, quero falar de um grupo de renegados, ou melhor, de insolentes que deixaram o seio de um grupo forte, “descalçando” de uma maneira profunda um grupo tão forte como a NWO.

Quando no seio de um grupo tão icónico como foi a NWO, temos wrestlers como Hogan, Savage, Hall e Nash, decerto que os egos vão colidir, e só podia começar com Savage e Hogan, pois a relação amor-odio entre eles foi sempre uma sombra, ou uma nuvem negra a pairar sobre a presença destes dois. A situação piorou quando Savage foi WCW Champion, deixando Hogan bastante possuído com esta vitória.

Confronto entre Savage e Hogan – http://youtu.be/PQjTnMgrqXQ

Nitro após o confronto entre Savage e Hogan – http://youtu.be/YidY1367-bE

Para piorar a situação, a confiança entre Nash e Hogan estava “por um fio” e os atritos foram bastante evidentes com declarações de desconforto de Nash pela situação de Savage. Hogan via Nash com interesse, querendo ter ao seu lado o gigante de 2 metros nas fileiras da NWO/Hollywood, pois a concorrência da WCW era feroz com Luger, Sting, Bret Hart e The Giant. Seria a utilização da palavra gigante que Hogan tentou “elogiar” Nash, para o convencer de que ele era uma mais-valia para o grupo.

As imagens da Wolfpack foram também uma jogada de mestre de merchandising.

Estas tentativas caíram “saco roto” com Nash a confrontar o líder com declarações bastantes fortes, afirmando que tinha muita gente no grupo que o apunhalava pelas costas se fosse possível, mas que ele, fá-lo-ia frente a frente.

Tudo descampou quando o seu parceiro Sixx foi dispensado da companhia por Bischoff, algo que abalou o Big-Sexy, mais uma “acha para a fogueira” na relação entre Hogan e Nash. Seria a partir deste momento que Nash se aliou a Savage, formando pela primeira vez uma união contra o líder da NWO.

Numa edição do Nitro de 20 de Abril de 1998 Nash faria a “machadada final” aplicando o Jacknife Powerbomb em Hogan, tirando todas as dúvidas aos fás. Nash estava fora da NWO Black and White.

Foi a partir deste momento que Nash começou a recrutar novos membros para uma nova NWO. O nome de batismo foi NWO – Red and Black, com o termo Wolfpack a ser muito utilizado para identificar este recentes renegados. Já com Savage e Nash, Konnan seguiu para unir-se ao grupo, deixando também ele a NWO Black and White. Foi pelas mãos de Nash que Konnan foi para a NWO, por isso naturalmente ele seguiu os passos do seus mestre para a nova equipa.

Konnan joins Wolfpack – http://youtu.be/plU8uxZMMw4

Wolfpack in the house!

Hall como era amigo de Nash foi também ele renegado por Hogan (Hall começava a vacilar com problemas com álcool, por isso esteve fora da Tv por algum tempo), e a reacção do publico presente nas arenas começou a ser bem peculiar. Havia sempre seguidores bem diferenciados nesta fase da WCW. Uns apoiavam a NWO/ Hollywood, outros os faces da WCW e, para espanto de muitos, acredito até dos oficiais daquela altura, a NWO/Wolfpack começou a ganhar bastantes apoiantes, chegando mesmo a ultrapassar as duas anteriores que referi.

Com o apoio a crescer, Big Sexy fez uma jogada de mestre para enfraquecer as duas rivais. Semana após semana, seja no Nitro, ou no show Thunder, tentou adicionar as fileiras do seu grupo os melhores wrestlers da companhia e, sem dúvida, que as baterias foram focadas para os melhores, sendo um deles, talvez o wrestler que personificou (antes de Sting regressar) a liderança da WCW. Lex Luger foi uma mais-valia para a Wolfpack. Curt Hennig, também trocou de equipa.

Com uma nova musica e envergando o mesmo logo da NWO mas com cores pretas e vermelhas, a Wolfpack seguia para a sua construção final.

Lex Luger segue para a Wolfpack – http://youtu.be/e-skn9NxCiM

Com o Total Package na sua equipa, Nash fez a “machada final” quando conseguiu convencer Sting. Sting personificava a WCW, chego mesmo afirmar, que o Icon foi uma das melhores criações, se não a melhor por parte da WCW. Com a chegada de Sting, a Equipa WCW enfraqueceu muito, e a Wolfpack deteve uma grande parte dos fás de Sting.

Tanto Hogan como Nash, estavam a tentar aumentar a qualidade dos seus grupos. Hogan tinha conseguido convencer The Giant, mas em comparação com Red and Black, tinha menos star quality. Por estas evidentes lacunas, Hogan virou-se para o seu maior rival, tentando convencer a unir-se a ele. O foco ficou virado para Sting, mas a resposta não foi a que Hogan esperava…

Sting segue para a Wolfpack – http://youtu.be/ao392Xhr2_8

O mestre do Scorpion Death Lock mudou as cores da sua pintura facial e ficou mais colado á sua personagem original dos inícios dos anos 90. Desligou-se da personagem sombria e foi um dos líderes no seio da Red and Black.

Sting mudou de atitude quando se juntou a Wolfpack.

Nem todos os wrestlers foram “comprados” pela duas factions. A equipa WCW estava muito enfraquecida e houve um wrestler que manteve-se como líder da companhia, apesar das investidas por parte de Nash. Diamond Dallas Page era o prémio cobiçado para acabar com a WCW, mas este, manteve fiel, liderando uma equipa remendada mas com bastante potencial. Mais tarde quem assumiu esse papel de líder foi Goldberg.

As extravagâncias eram tão grandes na WCW (uma das razões para a falência) que muitas vezes a Wolfpack entrava nos edifícios com grandes carros ou limousines. A rivalidade entre os dois grupos foi muito intensa, com grandes spots de violência e interacção nos bastidores.

Brawl entre Factions nos bastidores – http://youtu.be/0kz7AZgMmbk

A origem da Wolfpack foi bastante positiva, pois deu mais apetite aos fás, pois foi possível ver confrontos entre Nash e Hogan, entre outros membros das equipas rivais. O grande objectivo foi agendar combates entre a NWO Wolfpack, Hollywood/NWO e Equipa WCW. A construção foi estrondosa e alimentou durante semanas um show que foi crescendo de qualidade.

Apesar de tudo, o booking da WCW fez sempre algo de errado. A história assim o diz e, esta não fugiu a regra, pois as duas NWO uniram-se para formar uma mega NWO, aqui se perdeu a oportunidade de acabar com uma das factions, ou senão as duas, acabando uma história que foi construída com grande qualidade.

O final da Wolfpack, ou melhor, a união novamente a Hogan criou dos piores momentos já vistos no wrestling. A WCW depois disto perdeu toda a credibilidade e seguiu para caminhos tão vertiginosos que nada fez mudar a tendência dos fás, em ver a WWE

Decisão trágica de booking…

Finger poke of doom – http://youtu.be/WhS4ZDnRqJQ

Esta equipa da NWO Wolfpack abrilhantou por muitas semanas o serão do Monday Nitro, sendo uma das grandes atracções de segunda – feira.

Espero que tenham gostado. This is WCW Vintage!

Sobre o Autor

- Autor da rubrica Vintage e escritor de algumas edições do Onde Andas Tu?, e play by play do PSN. Nascido a 7 de Dezembro de 1981, pertenço a uma geração onde os videojogos estavam a começar a desbravar barreiras inacreditáveis, onde 16 bits era uma loucura.Aficionado fervoroso de Wrestling e do glorioso Benfica.Orgulhoso por fazer parte de uma equipa talentosa, como o Wrestling PT.Segue-me no twitter e Facebook - ansnicola@iol.pt e canal Youtube,Daylimotion e sapo videos!

33 Comentários

  1. Sergio Fantastico - há 2 anos

    O ”Finger poke of doom” teria sido uma excelente atitude de heel se fosse feito semanas mais tarde no PPV, mas quiseram fazer cedo de mais e não foi o ato em si que começou a desmorromar a WCW e sim o fato do brilhante do Bischoff ter dado spoiler da WWF e fez as pessoas mudarem de canal, as pessoas só querem ficar colocando a culpa no Nash enquanto se sabe que a culpa foi toda do genio do Bischoff

    • MR Perfection André Santos - há 2 anos

      Sim, o anuncio que Mankind iria ser campeão foi um dos motivos. Mas o momento de Nash vs Hogan, onde todo o publico estava ao rubro e viu aquela burrice só para formar uma Mega NWO…para depois o Hogan “cagar” de alto para aquilo, pois preferiu arriscar ir para a politica…de nada serviu pois não conseguiu um lugar ao “sol”.

      • Sergio Fantastico - há 2 anos

        Como eu disse o segmento foi feito no momento errado, se tivessem paciencia tudo dava certo.

    • Don_Ricardo_Corleone - há 2 anos

      Um wrestler cede o titulo mundial só para formar uma aliança. É do mais absurdo que podem inventar. Mas a culpa não é do Nash nem do Hogan mas de quem escreveu aquela porcaria.

      • Sergio Fantastico - há 2 anos

        Você fala como se fosse qualquer aliança, de uma tag team qualquer que vai a ringue para jobbar nos estamos falando da NWO que são lideradas pelos grandiosos KEVIN NASH e hogan.

      • Dude - há 2 anos

        O Objectivo da nWo Wolfpac Elite era arruinar a WCW de novo. Depois do Ric Flair ter derrotado o Bischoff pelo controlo da empresa, uma semana antes disto.

        Com isto, os dois lideres da nWo (Hollywood Hogan e Kevin Nash) decidiram por as duas diferenças de lado e juntarem as duas facções da nWo para derrotar a WCW e conseguirem ser novamente a maior “empresa” do wrestling.

  2. Dude - há 2 anos

    “Apesar de tudo, o booking da WCW fez sempre algo de errado. A história assim o diz e, esta não fugiu a regra, pois as duas NWO uniram-se para formar uma mega NWO, aqui se perdeu a oportunidade de acabar com uma das factions, ou senão as duas, acabando uma história que foi construída com grande qualidade.

    O final da Wolfpack, ou melhor, a união novamente a Hogan criou dos piores momentos já vistos no wrestling. A WCW depois disto perdeu toda a credibilidade e seguiu para caminhos tão vertiginosos que nada fez mudar a tendência dos fás, em ver a WWE…

    Decisão trágica de booking…

    Finger poke of doom – http://youtu.be/WhS4ZDnRqJQ

    LOL Smarks que não entendem nada sobre o business dizem coisas destas.

    “O ”Finger poke of doom” teria sido uma excelente atitude de heel se fosse feito semanas mais tarde no PPV”

    Esta também é engraçada. Dar um “pseudo-combate” em televisão não é um problema, MAS obrigar as pessoas a pagar um PPV para verem no Main Event o FPOD e que isso sim era uma boa decisão, é sem dúvida uma afirmação hilariante também.

    • Mr petfection - há 2 anos

      E a tua opinião é?

      • José Sousa - há 2 anos

        Exacto. E ai entramos noutro mito do Wrestling que é tudo o que seja surpresa ou swerve é bom. O que nem sempre é verdade, por vezes prefiro uma história bem contada mesmo que já saiba como acaba, do que invenções só para surpreender.

    • Sergio Fantastico - há 2 anos

      Você que não entende nada sobre business, naquela epoca a internet não era como e hoje e o kayfabe era bem forte se tivesse tive algumas semanas de rivalidade a mais entre ambos para depois se enfrentarem no PPV seria perfeito as pessoas ficariam enfurecidas com a NWO por terem pago o PPV e acontecer o que aconteceu e iria torcer para os faces os vencerem aumentando ainda mais as audiências do Nitro e fazendo a empresa lucrar mais.
      Se tem algum smark aqui esse alguem e voce que não percebe nada do negocio.

      • Dude - há 2 anos

        No final dos anos 90, o Kayfabe não era assim “tão bem forte” como tu dizes. Aliás, começou a ser quebrado na WCW nomeadamente pelos Outsiders.

        E fazer o FPOD em PPV não tinha lógica nenhuma. Em TV foi muito melhor e correram menores riscos, fora aqueles que já tinham ao fazerem um angle deste tipo.

      • MR Perfection André Santos - há 2 anos

        Também acho que o nosso amigo “Dude” está errado mas vou respeitar a opinião dele.

      • José Sousa - há 2 anos

        O André tem razão. Desculpa mas tem, imagina que tens uma rivalidade: tipo o Bryan e Triple H o ano passado, por esse prisma a WWE não esperarava pela Wrestlemania porque tinha mais a ganhar em oferecer o momento do Bryan “grátis” do que fazer as pessoas verem esse momento num momento especial.

      • MR Perfection André Santos - há 2 anos

        Exactamente José. O que estava em jogo era algo de memorável, vendido em PPV e com um combate decente!

        Até aceito ter sido no Nitro…pronto, mas imaginávamos que quando Goldberg venceu Hogan acontecia alguma mixórdia qualquer, típica da NWO, pois os combates nunca acabavam limpos (algo que aconteceu, pois o DDP e o Malone vieram ajudar) e não tinham dado o titulo ao Goldberg…ui ui era bonito!

      • Dude - há 2 anos

        Sim obrigar fãs a pagarem para ver um “pseudo-combate”, sem dúvida excelente. A WWF fazia “marquee matches” todas as semanas no Raw, isso era um problema? Não, era excelente e deu uma aura ainda maior à Monday Night War.

        Oh André, era óbvio que o Goldberg ia tirar o título ao Hogan. Ele era tão popular como o Steve Austin, isto é estavam ao nível do Hogan em termos de draw power.

  3. Mr perfection - há 2 anos

    Já agora conheces a história da WCW e das coisas absurdas que fizeram? Gostava de perceber o que tu achas…

    • Dude - há 2 anos

      Gostava de te ver a apresentar números para justificares esta afirmação:

      “Apesar de tudo, o booking da WCW fez sempre algo de errado. A história assim o diz e, esta não fugiu a regra, pois as duas NWO uniram-se para formar uma mega NWO, aqui se perdeu a oportunidade de acabar com uma das factions, ou senão as duas, acabando uma história que foi construída com grande qualidade.

      O final da Wolfpack, ou melhor, a união novamente a Hogan criou dos piores momentos já vistos no wrestling. A WCW depois disto perdeu toda a credibilidade e seguiu para caminhos tão vertiginosos que nada fez mudar a tendência dos fás, em ver a WWE…”

      Depois eu respondo-te.

      • MR Perfection André Santos - há 2 anos

        Meu caro queres falar de grandes rivalidades construídas e depois o combate eram dois “rapazes” a lutar em camiões em andamento, ou outro, como um combate que tinha tudo para ser dos melhores da WCW e depois “cozeram” o Abdulah the bucher, e por ai fora…

        Em relação à NWO muita coisa foi mal feita. Lembras-te quando o Hagan ganhou o WCW title e depois aparece o seu grande amigo Booty Man ( Brutus beefcake) a dar-lhe um bolo de aniversário e dps o Hogan agrediu-o…na semana a seguir o gajo gostou da coça e ficou membro dos NWO…LOOLL e por ai fora .

        O final da wolfpack, nem preciso de responder, pois desde então as audiências da WCW foram sempre a subirrrrrrrr

        Já agora, sem querer ser muito chato, eu vivi estes momentos. não vi pelo youtube…

        Mas podes responder agora…

      • MR Perfection André Santos - há 2 anos

        Também podes ler esta edição e dares a tua opinião: http://wrestling.pt/vintage-63-the-last-show/

    • Dude - há 2 anos

      Conheço. Não coisas demasiado old school, por não gosto dessa altura.

      Portanto podemos começar:

      – Janeiro de 99 foi o segundo mês com melhores ratings da HISTÓRIA do Nitro, ficando apenas atrás de Agosto de 98;

      – O Super Brawl 99 (Flair vs. Hogan) teve a terceira maior buyrate de sempre da WCW, ficando apenas atrás do Starrcade 97 (Sting vs. Hogan) e Bash at the Beach 98 (Malone/DDP vs. Hogan/Rodman) e com uma buyrate igual ao Starrcade 98 (Nash vs. Goldberg);

      – O Thunder depois do FPOD teve o segundo maior rating de sempre;

      – A edição de 8 de Fevereiro de 99 do Nitro teve o segundo maior rating do programa, apesar de não ter competição do Raw;

      – A primeira queda verdadeira queda que o Nitro teve foi em Maio de 99, nomeadamente quando o angle da nWo caiu devido a lesões;

      – A reunião da nWo deu ao Goldberg, SEIS TOP HEELS, para trabalhar até chegar ao Hogan de novo (um 2º Hogan vs. Goldberg teria uma buyrate do outro mundo e fosse no Georgia Dome, tinha casa cheia). Isto tudo tendo em conta que o Goldberg estava a ficar stale no final de 98 e era apupado com frequência.

      Se isto não chegar para mostrar que o FPOD não afastou espectadores da WCW, mas sim deixou a promoção ainda mais “red hot” diz que eu arranjo mais uns números.

      O Booty Man só se juntou à nWo (Hollywood) em 98 – em 96, bem que tentou juntar-se mas levou sempre no focinho – com o nome “The Disciple” e era badass, tinha um excelente look e cabia bem na nWo.

      A tua opinião é influenciada pela propaganda da WWE e da IWC, uma delas modifica a história em seu beneficio e a outra normalmente fala sem ter número/factos para provar aquilo que diz.

      • MR Perfection André Santos - há 2 anos

        Mais uma vez não posso concordar.

        Esses números que apresentas , e acredito neles, não mostram nada!

        Eu quando falo da WCW falo de conhecimento como fá, se vamos para números , estamos a falar de outra coisa.Estatísticas podem ser factos, mas quantos fás ficaram sem ver a WCW para mudarem de canal para ver a rival…olha eu fui um deles.

        Nem tudo foi mal feito, senão não via é claro. Desde a NWO no japão, goldberg, Raven, os luchadores, mas quando sempre sempre em algum aspecto eles falhavam.Como falham agora, mas lá era gritante muitas vezes.

        PS: O discipline era tão bom…tinha um finisher porreiro= you jnow who!

  4. Sorlei Rui Oltramari - há 2 anos

    Excelente artigo, André!

    A nWO foi uma das melhores ideias que já se teve ideia na história do pro-wrestling. Isso, aliado ao heel turn de Hogan, fez com que a WCW pudesse competir de igual para igual com a WWF. Mas essa história se estendeu demais e a WCW não conseguiu se reinventar, trazer coisas novas ao seu telespectador. Tudo isso, aliado a “excelentes” ideias do mestre Vince Russo e sua equipe, como colocar David Arquette campeão mundial determinaram o destino da empresa.

    Enfim, não creio que o FPOD ou o spoiler sobre os resultados da WWF tenham sido os responsáveis únicos pelo final da WCW. Foi a estagnação total da companhia e os cães grandes querendo meter-se no spotlight a todo custo.

    • MR Perfection André Santos - há 2 anos

      Excelente comentário e justificaste de uma maneira perfeita. Aceito perfeitamente a tua opinião!

  5. Malco Canedo - há 2 anos

    Excelente artigo.
    Bom, a guerra entre as nWo’s poida ter sido o fim desta storyline, mas decidiram estender ainda mais, depois veio o FPOD (que eu associo mais ao spoiler do que ao ato em si no ringue) e as idéias do Vince Russo, guerras de egos e falta de investimento no pessoal mais jovem, enfim, foi aí que a WCW começou a morrer.
    A música da nWo Wolfpack era bem legal, não se pode negar.

    • MR Perfection André Santos - há 2 anos

      Obrigado pelo comentário.

      Vince Russo mesmo no fim da WCW enterrou de uma tal maneira a companhia…mas o gajo sempre pensou que estava a fazer tudo muito bem…

  6. José Sousa - há 2 anos

    Bom artigo. Tanto split dos NWO para mim foi nocivo, era a mesma coisa que termos os Lunatic Shield, os Shield do Rollins,e ainda do Reigns depois do final da stable. Não faz sentido, mas o Russo sempre teve este apelo para as stables e que tudo se resolve com Stables e swerves.

    • MR Perfection André Santos - há 2 anos

      Mesmo José!

    • Dude - há 2 anos

      O Vince Russo só se juntou à WCW em Outubro de 99 wtf

      Ele teve uma versão da nWo quando era head booker da WCW, nWo 2000 (Bret Hart, Outsiders, Scott Steiner, Jeff Jarrett e mais uns quantos macacos). Não teve absolutamente nada a haver com tudo o resto da nWo.

      • MR Perfection André Santos - há 2 anos

        Leste bem o que o Jose´disse? Apesar de não ser o Russo a construir as stables quando lá esteve foi o pão nosso de cada dia, mas vai lá pesquisar para contrariar :D

      • Dude - há 2 anos

        O Russo só fez porcaria na WCW. Mas também não havia muito que se pudesse fazer já.

      • José Sousa - há 2 anos

        E mesmo na TNA, ou seja o Russo e outros writers mesmo actuais pensam que tudo se resolve com um swerve ou com uma Stable.

  7. Vitor Oliveira - há 2 anos

    Cara foi muito massa essa edição, parabéns. Não sabia que a NWO tinha se divido em duas e que essa rivalidade tenha sido tao grande

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador