Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Visão Brasileira #127 – Aumentando as expectativas!

Pessoal neste último domingo, tivemos a estreia do PPV Battleground, que agradou a alguns e desagradou a outros, mas após o desastroso PPV Night of Champions, não tinha como a WWE realizar um segundo mal PPV. Eu confesso que estou satisfeito com o evento, mesmo não concordando com algumas decisões, mas vamos as opiniões do Battleground e desta semana.

No Kickoff tivemos o combate dos dois abandonados no card da WWE, Dolph Ziggler e Damien Sandow. tivemos um bom combate para a abertura da noite e após o Zig Zag, Ziggler conquistou a vitória e a serie de derrotas de Sandow continua, será que Ziggler terá uma oportunidade a mala do Mr. Money In The Bank, ou retoma sua rivalidade contra Dean Ambrose?

Na Raw eles tiveram mais u combate e quando todos esperávamos que Sandow pudesse vencer para quem sabe vermos a continuidade da rivalidade, tivemos uma nova vitória de Ziggler, que assim pode ser que tenha acabado sua sina de derrotas. No caso de Sandow a maré de derrotas continua e seu cash-in se tornou uma grande incógnita e todos estamos com dúvida de quando este poderá ocorrer. Ainda mais com o futuro cenário pelo World Heavyweight Championship.

Na abertura do PPV tivemos a Hardcore Match entre o World Heavyweight Champion Alberto Del Rio vs Rob van Dam. Aqui confesso que achava que este combate deveria ter estado mais ao meio do PPV, mas quando vi ele na abertura, temi por uma vitória de Alberto Del Rio e ela se confirmou. Pois tinha esperanças que teríamos um novo campeão devido a estipulação do combate.

Tivemos um bom combate, pois não podemos esperar um combate extremo nesta Era PG, e ao final com a utilização de uma cadeira, Del Rio aplicou o Cross Arm Breaker, fazendo com que Van Dam desistisse. Desta forma Del Rio continua seu reinado que não esta a empolgar e Van Dam sai da WWE temporariamente, sem nenhuma vitória em PPV.

Na Raw Del Rio teve como adversário por decisão da General Manager do Smackdown Vickie Guerrero, Ricardo Rodriguez, que venceu o campeão após o anúncio bombástico de que Del Rio defenderá seu cinturão contra John Cena no PPV Hell in a Cell. Del Rio depois atacou brutalmente Ricardo, que desta forma deverá ficar afastado por semanas, assim como Rob Van Dam.

Estou curioso para ver se teremos realmente este combate e aguardo com grande expectativa o retorno de Cena, não que esteja sentido sua ausência, mas quem sabe pode alavancar o reinado de Del Rio, ou tornar-se o novo World Heavyweight Champion e ser o futuro alvo do Mr. Money in The Bank Damien Sandow. A grande noticia é Cena retornar e não estar envolvido na rivalidade pelo WWE Championship.

Depois tivemos um combate que não estava previamente marcado entre Real Americans vs Santino Marella e Great Khali, que serviu mais apenas para passar o tempo do PPV e para demonstrar a grande força de Antônio Cesaro. Após um grande Cesaro Swing, os Real Americans conquistaram a vitória.

A rivalidade continuou na Raw e novamente os Real Americans voltaram a vencer, co a mesma manobra de Cesaro sobre Khali. Depois ainda tivemos Cesaro a aplicar o Cesaro Swing em Hornswoggle, que foi interrompido por Santino que aplicou o Cobra em Cesaro. Esta rivalidade deve continuar por mais algumas semanas, até mesmo para ocupar os Real Americans.

Pelo Intercontinental Championship, tivemos o campeão Curtis Axel a enfrentar R-Truth. tivemos um combate razoável, com Axel a vencer e manter o cinturão. Aqui como Truth é o superstar do pôster do PPV Hell In a Cell, acredito que caso eles venham a combater novamente com o cinturão em jogo, acho que teremos o fim do reinado do Axel, que não deixará saudades.

Na Raw, vimos que Truth uniu forças com CM Punk, na Tag Team Match que derrotaram Axel e Ryback, gostaria que este combate de duplas pudesse ocorrer no PPV, na temática de Hell in a Cell, mas infelizmente teremos um Punk vs Ryback II no Hell in a Cell. Para Truth espero que ele vença o cinturão de Axel e torne-se um Intercontinental Champion, nem que seja ao menos de transição.

A Divas Champion AJ enfrentou Brie Bella, em um combate que até me surpreendeu pois foi a primeira vez que vi Brie Bella realizar um combate decente. Ainda mais que AJ venceu após ajuda de Tamina, para fazer o roll-up para vencer. Confesso que fico feliz que AJ continue seu reinado e que o Total Divas não tenha influenciado para que tivéssemos uma nova Divas Champion.

A novidade na Raw foram as estreias de Eve Marie e Jojo, aliás apenas a primeira combateu e não demonstrou nada de mais e a segunda sequer entrou no ringue. Teremos que esperar por mais tempo de ringue para termos uma boa avaliação destas duas.

Espero que a lesão da Divas Champion AJ não seja grave, e que no Hell in a Cell ela tenha um grande desafio, vença e continue seu reinado, que não possui concorrentes a sua altura.

No combate em que eu tinhas as maiores expectativas do PPV, pois envolvia a chance da Rhodes Family retornar a WWE, em um combate de Tag Team contra The Shield, que estava invicta em PPVs. Aqui estava ansioso por um grande combate e com final sensacional e não fui decepcionado pela WWE.

Em um grande combate, com direito a grandes momentos, de ambas equipes, e até com a participação de Dusty Rhodes, que atacou a cintadas o United States Dean Ambrose, que tentou impedir a vitória da Rhodes Family, tivemos até o Bionic Elbow, de Dusty em Ambrose, e felizmente o resultado que esperava ocorreu.

Após, Cody aplicar um Cross Rhodes sobre Rollins, eles conquistaram a vitória, que foi muito exaltada pelo público. Desta forma Goldust e Cody Rhodes, assim como Dusty Rhodes, estão de volta a WWE. Confesso que o final do combate me emocionou muito, acho que desde o End of Era de Undertaker vs Triple H da Wrestlemania 28, não via um combate com tamanha carga de emoção. Daqueles que você vê todos a celebrar a vitória e exaltar a qualidade do combate e que bom que The Shield soube valorizar sua derrota.

Na Raw, Rhodes e Goldust, juntaram-se a Daniel Bryan, para enfrentar The Shield novamente. Eles venceram o combate por DQ, após Dean Ambrose atacar Bryan com uma cadeira, mas depois Triple mandou reiniciar o combate, mudando-o para uma No DQ, após isso The Shield venceu após Randy Orton atacar Daniel Bryan e Seth Rollins fez o pin.

A rivalidade Goldust e Rhodes vs The Shield deverá continuar e deve, mas a questão é será que eles serão alçados a disputar os WWE Tag Team Championship, mas os contenders são os Usos, o que a WWE decidirá sobre isso. Para o United States Dean Ambrose, quem será seu futuro desafiante, Ziggler receberá uma nova chance ou teremos quem sabe Rhodes e ser seu desafiante.

No combate entre Bray Wyatt vs Kofi Kingston, tivemos um bom combate, pois Kingston mesmo sendo um eterno mid-carder, consegue nos proporcionar alguns bons momentos de combate e após Kiss of Sister Abigail, Bray Wyatt alcançou a vitória e assim ele continua se firmando e derrotando os faces da WWE.

A nova rivalidade de Wyatt será The Miz, que foi interrompido durante seu segmento do Miz TV, não sei se Miz será facilmente destruído por Wyatt já nas próximas semanas ou se esta rivalidade perdura até o PPV Hell in a Cell. Mas será que teremos o retorno de Kane antes do PPV, somente na noite do evento ou só mais adiante. Confesso que gostaria muito de ver Wyatt vs Kane em uma Hell in a Cell.

No penúltimo combate do PPV, tivemos Ryback a enfrentar CM Punk, aqui minhas expectativas estavam baixas, pois sempre fui contrário a este combate e a escolha de Ryback como novo Paul Heyman Guy e temia por uma vitória de Ryback.

É impressionante como Ryback recebe tantos pushs, mesmo não tendo qualidades para aproveitar as oportunidades, em um combate razoável, conforme já esperava, tivemos felizmente Punk a vencer, após interrupção de Paul Heyman, que o tentou atingir com a kendo stick, mas com a desatenção do árbitro, CM Punk aplicou um Low Blow em Ryback e conquistou a vitória, vencendo assim seu segundo combate em PPVs em 2013.

Com a vitória desta forma Punk, continua a rivalidade com Heyman, só que como já disse esta rivalidade começou a 1000 com Punk vs Lesnar, desacelerou com Punk vs Heyman e Axel e parou em Ryback, que não acrescentou nada a rivalidade e apenas serviu para Punk voltar ao caminho das vitórias, que espero que se tornem constantes.

As únicas coisas que cativam ainda esta rivalidade ainda são as promos de Heyman e de Punk, pois os combates tiveram uma queda de nível degradante e para o Hell In a Cell infelizmente vamos ter que aturar Ryback vs Punk II em uma Hell in a Cell, assim como no ano passado e agora só falta a WWE colocar o Maddox de árbitro do combate, esta luta não acrescenta em nada ao panorama da rivalidade, que só diminui de ímpeto e só esta sobrevivendo graças aos segmentos de Heyman e Punk.Esta rivalidade só se salvaria se tivéssemos um retorno inesperado de Brock Lesnar, algo que infelizmente não ocorrerá.

Antes do main event, no combate pelo WWE Championship, tivemos uma queda de luz no ginásio em que ocorria o evento, que nos deixou a todos que acompanhávamos o PPV pela Internet desesperados, pois todas as transmissões em todos os sites do mundo ficaram fora do ar bem durante a promo. Mas felizmente tivemos tudo restabelecido e não havíamos perdido nem um minuto sequer de combate. A falta de energia havia sido no local do evento.

No combate pelo WWE Championship que encontrava-se vago, tivemos Daniel Bryan e Randy Orton, a nos proporcionar um bom combate, mas confesso que já os vi em combate melhores. Ao final do combate, parecia que teríamos Bryan a vencer, mas aí a já esperada interferência surgiu, e desta vez não foi The Shield.

Por ordem de Stephanie McMahon, Big Show apareceu e atacou o árbitro do combate, que assim não pode dar a vitória a Daniel Bryan, Bryan chegou a discutir com Show e foi atacado o que proporcionava a vitória a Randy Orton. Confesso que neste momento havia odiado a entrada de Show.

Após o General Manager da Brad Maddox, trouxe o árbitro Scott Armstrong, o mesmo que havia feito a contagem rápida para Bryan no PPV Night of Champions, mas Big Show também o atacou, antes da contagem. Depois Orton começou a discutir com Show e também foi atacado, assim após quatro ataque de Big Show e com este a celebrar tivemos o encerramento do PPV e assim continuamos sem um WWE Champion.

Muitos não gostaram da forma que se encerrou o PPV, mas confesso que gostei do ataque de Show a ambos os supertars e confesso que estava na expectativa de que ou ele viesse a ser adicionado a rivalidade, para quem sabe termos uma Triple Threat no Hell In a Cell, ou então que Show enfrente Triple H.

Na Raw, conforme já esperava Show confirmou que atacou por ordens de Stephanie e ela o demitiu após este ofender Triple H eo chamar de filho da p… Gostei do segmento e já estava a nos chatear a ver um Show a chorar o tempo todo. Assim tudo se desenhava para um confronto Show vs The Game.

Ao final da Raw, finalmente vimos Big Show atacar Triple H, mas o que ficou um pouco sem explicação, foi vermos Triple H, simplesmente fugir de Show e esconder-se atrás da Shield. Um superstar da envergadura de Triple H, não deve ter aquele tipo de atitude, mas acho que isto será o inicio da rivalidade que espero que seja resolvida em uma Hell in a Cell Match.

Sobre os candidatos ao WWE Championship, primeiro vimos Daniel Bryan a atacar Randy Orton após este derrotar Kofi Kingston, na Raw e só foi contido pelos árbitros e depois seguiu Orton até os bastidores. Orton vingou-se ao atacar Bryan no main event da Raw, durante o combate de Bryan e Rhodes Family vs The Shield. Eles tem tudo para nos proporcionar um terceiro combate em PPVs, desta vez em uma Hell in a Cell ainda mais com a grande novidade que foi adicionada.

Adorei a escolha de Shawn Michaels, como o árbitro, para o combate entre Daniel Bryan e Randy Orton pelo WWE Championship, foi espetacular, pois os outros nomes Booker T e Bob Backlund, nada tinham a ver com esta rivalidade e HBK vem para colocar ainda mais dúvida sobre qual será o resultado do combate no PPV Hell in a Cell.

Pois HBK, tem um histórico de rivalidade com Orton e foi treinador de Bryan. Mas também tem a questão da sua amizade com Triple H, assim qual será a decisão de Michaels, apoiar seu ex-pupilo ou seu grande amigo e ver o que é bom para os negócios.

Assim fiquei com minhas expectativas bastante elevadas pois a estipulação do combate e a presença de HBK, farão com que tenhamos um main event espetacular, pois teremos um festival de Sweet Chin Music, podem esperar. Tomara que em Orton e em quem mais vier a interferir no combate.

Em linhas gerais pode não ter sido o PPV dos sonhos de todos nós, com os resultados que não esperávamos, mas acho que ele dentro do possível foi um bom PPV de transição para o PPV Hell in a Cell, este sim espero que eleve novamente o nível dos PPVs. Não faço parte do coro de pessoas que reclamou da forma que terminou o PPV, achei melhor isto do que vermos Show a ajudar, seja Bryan ou Orton, que aí sim faria parte das pessoas que não concordaria com uma interferência em prol de um dos lutadores. O grande momento da noite para mim foi a vitória da Rhodes Family, que foi uma grande emoção.

Abraços a todos e até o próximo Visão brasileira.

Sobre o Autor

- Autor da Coluna Visão Brasileira e da pesquisa dos combates em listas elaboradas pela WWE. Um grande fã da WWE, desde os anos 90. Geógrafo de formação, um riograndino, que vive em Porto Alegre.

9 Comentários

  1. fã numero 1 - há 3 anos

    e mais nada :D

  2. José Sousa - há 3 anos

    Concordo contigo, isto foi o lançamento para o Hell in the Cell. Uma coisa que me agradou muito na Raw é que além de já termos 3 combates marcados, já conseguimos ver mais combates para o PPV. E isso é sempre positivo Mário, porque permite evitar o numero de fillers e combates á última hora que tivemos nos últimos dois ppvs.

    Tal como dizes a escolha de HBK é entre o pupilo e o amigo(representado por Orton). E nas próximas Raw´s vamos assistir a pressões dos dois lados ao HBK. E não é certo que ajude o Bryan, também achávamos que o Triple H ia ajudar o Bryan e foi o que foi.

    • Mario Magalhaes - há 3 anos

      José também acho que a Raw, já foi colocada no momento certo de já definir os combates para o HIAC, e temos que ter a decisão final e um novo WWE Champion, pois três PPVs sem resultado aí já será demais.

      Sobre HBK, aí que vai ser a grande dúvida do PPV, a quem ele irá ajudar? Ou irá manter-se neutro? Eu por mim ele atacava aos dois e a quem mais tentar interferir no combate.

  3. Fran - há 3 anos

    Bom artigo Mário.
    Concordo contigo em tudo

  4. 434 Days - há 3 anos

    Acho que uma boa solução para o problema dos usos seria colocá-los num triple threat match pelos titulos juntamente com os rhodes e os Shield no Hell In A Cell.

    Em relação ao provável main event entre daniel bryan e randy orton, mal posso esperar, pois irá envolver o meu wrestler preferido de todos os tempos, The One And Only Heartbreak Kid Shawn Michaels. Mais uma vez o meu apoio vai para o DB. YES YES YES

    • Mario Magalhaes - há 3 anos

      Sobre Usos, eles tem que ter sua oportunidade aos cinturões, e esta tua ideia seria interessante.

      Também torço muito para que Bryan vença e ver HBK mais uma vez em ringue, mesmo como árbitro será sensacional.

  5. MR Perfection André Santos - há 3 anos

    Boa analise Mário, já tinha lido e vim comentar agora.

    Apesar de ser um aperitivo para o Hell in a Cell eu sinceramente detestei este PPV…já tinha comentado noutros artigos de analise.

    Espero que o hell in a Cell seja bem melhor!

    • Mario Magalhaes - há 3 anos

      Obrigado André.

      Olha eu tive uma umpressão tão má do PPV, pois não tinha como ficar mais decepcionado do que fiquei no Night of Champions. E o combate da Rhodes Family vs The Shield, devido a carga emocional que envolvia, e só de Punk voltar a vencer, também me deixou mais satisfeito este PPV.

      Sobre o main event, confesso que não gostei quando Big Show entrou para interferir, mas quando ele atacou aos dois, confesso que gostei, pois assim não temos nenhum dos superstars sendo beneficiado a tornar-se o novo WWE Champion

      O Hell in a Cell tem tudo para ser melhor.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador