Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Visão Brasileira #55 – Raw World Tour no Brasil

Nesta semana excepcionalmente teremos um segundo Visão Brasileira, mas a questão é muito digna de termos uma segunda coluna, tratarei neste artigo da minha cobertura na Raw World Tour ocorrida em São Paulo, nesta quinta-feira. Um evento histórico, e que fiquei muito honrado de representar a PTW e presenciar pela primeira vez no Brasil os astros da WWE.

Começarei o artigo, falando dos percalços e da grande correria para o evento. Primeiro eu saí de Fortaleza a 02 horas da manhã de quarta e não sabia que haviam ocorrido problemas com o pessoal da WWE para o voo para São Paulo e que eles acabaram vindo em dois grupos. Somando-se a isso a greve dos metroviários o que causou um congestionamento de 249 km, um desespero, a minha sorte que planejei a viagem com tempos bem espaçados.

Ao chegar ao hotel na quarta fiquei sabendo da notícia de que o show havia sido transferido para quinta, e que a maioria dos lutadores ainda não havia chegado. Mas pelo menos já estava com os ingressos na mão, pois encontramos o pessoal do Canal Esporte Interativo e os outros ganhadores da promoção, pessoal muito gente boa, fiz grandes amigos, como Vinicius Alves, Bruno Monteiro, Letícia Novaes, Suelen Melo, Danilo Melo e Rodrigo Bianchini.

Na quinta-feira, fui mais uma vez ao hotel, desta vez para acompanhar a coletiva de imprensa e representar a PTW, acabei chegando cedo, por volta de 14 horas, sendo que a coletiva estava marcada para as 16 horas. Quando estou entrando no hotel, com quem cruzo a porta, John Cena. Aí a emoção bateu forte e fui pedir para que ele batesse uma foto comigo, mas ele se negou, alegou que precisava se barbear, aceitei meio a contragosto, fiquei um pouco decepcionado com sua atitude, mas pelo menos tomamos café juntos. Aí esta a foto.

Só que neste mesmo momento, quando voltei com o café, percebi que haviam outros lutadores no hall do hotel, mas estava um pouco preocupado, pois depois da atitude de Cena, pensei que não teria sucesso, mas estava enganado. O primeiro que fui conversar foi Alex Riley, que foi muito simpático e tirou a foto com a maior naturalidade. Perguntei a ele se lutaria em São Paulo, uma vez que ele não estava previamente no card, ele confirmou que lutaria.

Na sequência falei com Curt Hawkins, que também tirou a foto sem maiores problemas, falei para ele que admirava muito desde quando ele fazia dupla com Zack Ryder e o desejei sorte no combate, mesmo ele ainda sendo heel.

Depois a quarta pessoa que se encontrava era Dolph Ziggler, aí pensei, ele nem vai querer que eu tire foto, vai fazer como o Cena e não vai autorizar. Me aproximei discretamente dele e pedi para tirar uma foto e poder conversar ele aceitou imediatamente, na maio educação. Fiquei muito feliz, conversei com ele e disse que achava ele um dos injustiçados da WWE, que ele merecia estar disputando o título e que estava torcendo por ele contra Cena. Ele sorriu e depois ficamos sentados lado a lado, ele mexendo em seu celular e eu ali surpreendido com tanta humildade.

Passaram-se alguns minutos e estes quatro lutadores deixaram o hotel para almoçarem, eis que surge no saguão um John Laurinaitis mancando, resultado do combate de domingo, me aproximei pedi para tirar uma foto e ele negou-se, mas mesmo assim consegui captar uma imagem dele. Tanto que mais adiante ele pediu para que os seguranças do hotel não permitissem mais que tirássemos fotografias, mas sinceramente eu apenas pedi para tirar uma foto com ele, pois não havia mais ninguém no saguão.

Depois tive uma grata surpresa, eis que surgem juntas, Naomi e Cameron, muito simpáticas, inclusive indiquei o caminho do restaurante do hotel para elas e perguntei quando que elas iam começar a combater e elas riram. Para mim elas poderiam ser lutadoras facilmente pois elas possuem um físico para combater.

Na sequência tirei fotos com Primo, Michael Mcgillicutty, e ao mesmo tempo surgiram Zack Ryder e Mason Ryan, que claro acabei não conseguindo fotografia junto a eles, pois estavam rapidamente de passagem. Instantes depois surgiram R-Truth e Kofi Kingston, dois lutadores muito simpáticos, conversaram na maior tranquilidade, comentei que estava muito feliz por eles serem os Tag Team Champions.

Depois surgiu a ordem de John Laurinaitis, de que se fosse evitadas as fotografias, nisso surge o WWE Champion CM Punk, eu vou a seu encontro e o chamo, Punk, Punk, ele apenas sorriu para mim, mas seguiu seu caminho, e eu pensei o Punk não vai falar conosco e nem tirar uma foto.

Vocês podem ter notado que alguns lutadores não foram vistos no saguão do hotel, como The Miz, Chris Jericho, Beth Phoenix, JTG, David Otunga e Brodus Clay, estes nenhum deles acabei encontrando, queria muito ter tirado fotografias com Jericho e The Miz, mas pelo menos de The Miz, já possuo o autógrafo no meu jogo do All Stars.

Porém as 16 horas é chegada a hora da coletiva de imprensa com os astros da WWE e eis que os superstars que participariam seriam o WWE Champion CM Punk, o Tag Team Champion Kofi Kingston e Kelly Kelly. Punk chegou super comunicativo pergunto se os fãs da WWE falavam inglês, nessa hora o nervosismo tomou conta e não saia mais nenhuma palavra em inglês, aí perguntamos se ele falava espanhol e o segurança da WWE disse que não. Foi muito legal, tiramos as fotos com eles, a que inclusive esta no site da WWE.

Me tornei ainda mais fã de CM Punk, pois ele é muito simpático, simples e conversou com todos e demonstrou ser uma pessoa de palavra, ao prometer a Letícia Novaes a sua camiseta do combate, invadimos literalmente o setor mais próximo do ringue e ele veio e entregou a camiseta em mãos para sua fã e eu claro aproveitei para tirar uma foto, peço desculpas por ela não estar muito boa, mas é a camiseta de CM Punk da Raw World Tour.

Mas a foto que valeu a viagem foi ao lado da Diva Kelly Kelly, pois ela estava lá no canto da coletiva, no celular, aí fiz sinal, perguntando se podia tirar uma foto ao seu lado, ela respondeu que sim e eu fui em sua direção, a produtora da WWE deu muitas risadas, por sinal o pessoal da WWE nos atendeu muitíssimo bem, assim como o pessoal do Esporte Interativo.

Após a coletiva, nos dirigimos para o Ginásio do Ibirapuera, onde os fãs da WWE estavam a espera do Show, sobre a estrutura, achei ela bastante simples, pois a entrada não possuía telão, apenas e entrada no ringue e algumas luzes no centro da arena, onde não tivemos nenhuma explosão em nenhuma das entradas, como no caso de Kingston e Jericho, como habitual.

Assim chegamos ao início do histórico evento no Brasil, mas o público podemos dizer que ficou abaixo do que eu esperava, mas quem sabe em futuras oportunidades a WWE lotará os ginásios no Brasil, assim espero. Tivemos o início do evento com a entrada de John Laurinaitis acompanhado de David Otunga, onde ele fez uma rápida promo.

O evento teve como primeiro combate, mais uma vitória de Brodus Clay, que aqui no Brasil, venceu JTG, sem muitas dificuldades e ao final como ele esta sempre fazendo, Clay, juntamente com Naomi e Cameron dançaram com crianças do público, para delírio da multidão.

Depois infelizmente a minha máquina fotográfica já estava a penar por carga, mas como a sequência de combates não era lá com grandes lutadores, fiquei mais tranquilo. Como segundo combate da noite, tivemos a vitória de David Otunga sobre Alex Riley, foi um combate bem equilibrado e o público estava a apoiar a Riley, mas ele saiu derrotado. Na terceira luta da noite, Michael McGuillicuty como face, me agradou muito, venceu Curt Hawkins, em um combate que levou mais tempo do que eu esperava.

Antes do quarto combate da noite, tivemos um dos melhores momentos do evento, quando The Miz entrou no ringue e realizou uma promo fantástica. Onde começou falando em inglês bem lentamente, para o público entender. Depois começou a falar em português, e chamar o público de trouxa e dizendo que ele era o cara, algo que levou o público ao delírio, grande promo.

Em seguida entrou seu adversário, Zack Ryder, O combate teve em seu início ambos os lutadores a tentar o apoio do público, que é claro torcia para Ryder. O combate seguiu até o seu final muito equilibrado e no fim após um rough ryder, Zack Ryder alcançou a vitória para delírio do público.

No combate pelo Tag Team Championship, inicialmente Epico e Primo fizeram uma promo onde falaram mal de São Paulo, depois tivemos as entradas em separado dos Tag Team Champions, R-Truth primeiro, onde o público o apoiou e cantou What’s Up. Depois Kingston, sem os fogos habituais, mas com o apoio da multidão.

Em um combate em que ambas as duplas estiveram perto da vitória e nos proporcionaram grandes momentos, ao final do combate, Epico aplica seu finisher e Primo e Epico se tornam os novos campeões, porém Kofi estava com o pé nas cordas. Veio um segundo árbitro e mandou recomeçar o combate. Na sequência do combate, Kofi e R-Truth venceram após um trouble in paradise e assim eles se mantiveram como campeões.

Até este momento eu estava a assistir o evento da arquibancada inferior, para os três últimos combates, resolvi “invadir” o setor mais próximo do ringue. O primeiro dos combates a acompanhar de mais perto foi a luta de divas entre Kelly Kelly e Beth Phoenix. Beth surgiu no card de última hora após o acidente de Rosa Mendes. Penso que assim o público ganhou em nível neste combates. Em uma luta muito boa, mesmo com o público a apoiar Kelly Kelly, deu a lógica e tivemos uma vitória de Beth após o Glam Slam.

No penúltimo combate da noite, tivemos a grande luta em que John Cena iria enfrentar Dolph Ziggler. A surpresa foi Mason Ryan a acompanhar Ziggler. Sobre o combate, Ziggler começou fugindo de Cena e sendo protegido por Mason Ryan, o publico começou a gritar Batista, que piada. Após o juiz ver que Ryan atacou Cena, ele expulsá-o. Cena acaba acertando o juiz e tenta alcançar a vitória em vão. Aí tivemos as entradas de John Laurinaitis e de David Otunga. Cena consegue tirar Otunga do ringue e Ziggler ao tentar atacar Cena atinge Laurinaitis. Ao final, Ziggler tenta um croosbody mas Cena consegue reverter e aplicar o Attitude Adjustment e assim alcançar a vitória para delírio do público.

Após chegamos ao tão aguardado main event. onde o WWE Champion CM Punk iria enfrentar Chris Jericho em uma No-Disqualification Match. Jericho fez uma pequena promo antes da entrada de Punk. Quando CM Punk entrou, o público fez a maior ovação da noite, e Punk é merecedor, pela excelente pessoa que ele é. Pegou a bandeira do brasil e ergueu-a,quando Chris Jericho acabou chutando a bandeira do Brasil. Isso no Brasil é crime, portanto Jericho havia se complicado.

Assim tivemos o inicio do combate, durante o mesmo, surge um segundo árbitro e lança um aviso a Jericho, que pega o microfone e fala que ele esta fazendo o papel dele que em nenhum momento quis magoar alguém e diz que respeita a nação brasileira e que o Brasil é um país lindo. Quando a luta recomeça Punk domina a maioria da luta, mas Jericho consegue aplicar o Walls of  Jericho e Punk consegue escapar. Ao final do combate, Jericho tenta atingir Punk com uma cadeira, mas não obtêm sucesso. Punk aproveita-se aplica o GTS e alcança a vitória e continua como campeão.

Assim chegamos ao final do evento no Brasil, tivemos uma grande Raw, com bons combates, com resultados previsíveis, porém com grandes momentos, como a promo de The Miz e as vitórias de Cena e Punk, o público que decepcionou um pouco esperava que o Ginásio do Ibirapuera estivesse mais cheio. Os pontos mais positivos foram de ver um evento ao vivo e claro de ter a oportunidade de conhecer os superstars da WWE. Fiquei decepcionado apenas com Cena, mas tive gratas surpresas, como a simplicidade de Ziggler, R-Truth, Kofi Kingston e de CM Punk que espero que permaneça como campeão por muito tempo.

Quero agradecer a todos que me auxiliaram nesta caminhada, pois ir assistir a WWE ao vivo e ter sua foto publicada no site da WWE é motivo de muito orgulho, pois posso ver que minha paixão pela WWE é reconhecida. Agradeço ao Esporte Interativo por ter me proporcionado a oportunidade de acompanhar o evento e conhecer os superstars, a PTW por ter a oportunidade de escrever sobre a minha grande paixão a WWE. Fiquei muito feliz, pois fiz novos amigos, todos apaixonados pela WWE assim como eu, e espero que este venha a ser o primeiro de muitos shows que venhas a ocorrer no Brasil.

Clica aqui para veres mais fotos tiradas pelo nosso colaborador Mario Magalhães.

Sobre o Autor

- Autor da Coluna Visão Brasileira e da pesquisa dos combates em listas elaboradas pela WWE. Um grande fã da WWE, desde os anos 90. Geógrafo de formação, um riograndino, que vive em Porto Alegre.

46 Comentários

  1. Deu para ver que te divertiste bastante e aproveitaste ao máximo esta oportunidade que tiveste. Muito Bom e ainda conseguiste meter a mau á Kelly como já te tinha dito, olha que muita gente gostava de estar no teu lugar xD

    Deu para ver que foi um bom show e depois de ler o que escreveste ainda fiquei com mais vontade que o show em Portugal chegue rapidamente.

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Espero que o Show aí em Portugal seja tão bom quanto o daqui, foi uma experiência espetacular.

      Sobre a Kelly Kelly, foi impulso total aquela mão, pois ela colocou a mão em minhas costas aí na mesma hora coloquei a mão na cintura, demais. xD

      • Também espero que o show em Portugal seja brutal e com certeza vai ser e para além de estamos pertos dos nossos ídolos podemos sempre estar também com o pessoal do PTW ;)

      • fabio da paz - há 5 anos

        sabe pq tiraram o do rio de janeiro??? vlw brother

  2. Salgado - há 5 anos

    Mário, sinceramente adorei ler isto. Transmitiste imensa emoção, nota-se que adoraste a experiência e ainda bem que assim foi. Divirtiste-te e arranjaste lá a tão desejada foto com a Kelly Kelly :)

    Espero que a WWE vá mais vezes ao Brasil e olha, tal como o Tiago disse, ainda estou mais desejosa que Novembro chegue depressa! :)

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Salgado, amei a experiência, foi fantástico poder estar perto de todos eles e ter a oportunidade de falar com os astros, pena que me inglês não é tão bom, ainda mais somado ao nervosismo, mas valeu muito.

      • Salgado - há 5 anos

        Deu para sentir isso através do texto Mário, e sinceramente fico mesmo feliz por terem tido essa oportunidade!

        Acredito! Deixa lá que só tivermos a mesma oportunidade, pelo menos o meu inglês também vai falhar muito graças ao nervosismo! :)

  3. TWWE - há 5 anos

    Nuca tinha lido inteiro a Visão Brasileira achei muito bom..
    Mario você poderia me dizer em que hotel eles ficaram?

  4. LuiziinhoNetoh_ - há 5 anos

    Simplesmente, AWESOME ..

  5. danielLP21 - há 5 anos

    Parece ter sido fantástico…
    Quem me dera ter tirado fotos com a Kelly Kelly…e com o CM Punk e Dolph Ziggler e por aí fora claro :p
    A atitude do John Cena foi compreensível…pelo menos pudeste tomar café com ele!

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Sobre a atitude do Cena, vou respeitar pois ele estava indo tomar café e eu o acompanhei, mas achei estranho pois todos os outros superstars foram muito solícitos.

      Os únicos que se negaram a tirar fotos foram, Cena, Laurinaitis e o Dean Malenko, que é das antigas, o reconheci, mas ele se negou a tirar fotos.

      Os mais simpáticos foram Dolph Ziggler, que tirou a foto, conversou e ficou sentado ao meu lado naturalmente, mexendo no celular, R-Truth e Kofi Kingston, a Cameron e a Naomi, que inclusive caminharam comigo pelo Hotel, onde até tirarm as fotos na escada rolante e principalmente CM Punk, que conversou com todos na coletiva na maior naturalidade e mostrou ser um campeão do povo ao prometer a camiseta e entregá-la em mão para uma fã.

  6. Vinicius - há 5 anos

    Muito boom o Poste mario
    Parabens mario você merece cara!

    Isso foi AWESOMEEEE

  7. Vinícius Nunes - há 5 anos

    Rapaz, parabéns por esse artigo, muito bom mesmo, e fiquei muito surpreso, positivamente, com a atitude do Dolph Ziegler, ele é muito simples, pela pessoa que é, além do lutador, merece esse push, o Miz foi sensacional, queria estar lá para ver essa promo sensacional, só fiquei triste por ele ter perdido, mas o melhor de tudo, a única coisa que me causou inveja mesmo ( me desculpe a sinceridade) foi a foto com a Kelly Kelly, meu Deus que sortudo você é, e foi mérito seu tbm porque foi buscar isso, parabéns mais uma vez pelo artigo e pela excelente cobertura do Raw no Brasil!!!

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Valeu Vinícius.

      Fiquei muito feliz, e o Ziggler é um cara sensacional. A promo do the Miz, foi fantástica.

      • Gian Br - há 5 anos

        Concordo, Mario!

        A promo do Miz foi feita com muita dedicação. Mostrou claramente que fez uma aula de portugues ao expressar palavras como: Cala-boca, otários e trouxas(Que amável da parte dele).

        E quanto ao Jericho, ao ser avisado pelo ato que fez, deixou o lado artistico(sim, chutar a bandeira foi atitude de Heel), e apresentou o lado profissional ao pedir desculpas.

  8. Matheus - há 5 anos

    Mario meus parabéns pelas fotos,eu gostaria de dizer que adorei o show da wwe no brasil,fiquei muito feliz por que a 3 anos eu amo wwe e amei o show.
    Você sabe se este ano terá show novamente aqui no Brasil ?
    Obrigado !

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Espero que tenhamos uma nova oportunidade, mas penso que este ano ainda será difícil, mas vamos aguardar pelas novidades.

  9. Joao Pedro - há 5 anos

    Parabéns Mário tu mereces gosto muito de ler os teus artigos.
    Dolph Ziggler merece mesmo ir para o ME é um grande lutador, tem muito talento e como pessoa também é muito simpático como se pode ler no teu artigo.
    PS: Também quero tirar fotos com a Kelly Kelly xD.

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      João tira mesmo fotos com ela. :D Ziggler é um cara legal, imagina voc~e tirar a foto com um ídolo e ele ficar depois sentado ao seu lado e conversando com você, normalmente. Foi demais.

  10. Frederico_WWE - há 5 anos

    Parabéns pelo artigo Mário dos melhores “Visões Brasileiras” de sempre a apresentar nos em detalhe a Raw World Tour no Brasil exelente!

  11. Dolph Ziggler - há 5 anos

    Parece ter sido uma excelente experiencia, so tenho inveja de teres falado com o Dolph Ziggler e ter tirado uma foto com a Kelly Kelly! ;)

    Espero que te tenhas divertido!

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Foi muito divertido e Ziggler é um cara sensacional e a foto com a Kelly Kelly, sem palavras :D

  12. Little Jimmy - há 5 anos

    Parabens Mario pelo artigo e pela experiencia.
    Eu tentei ir mais ficou complicado pois ir da Bahia pra São Paulo ir me dar custos demais.

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Little Jimmy

      Também se não houvesse ganho os ingressos, com certeza não teria ido. Mas foi muito especial o evento e conversar com os superstars.

  13. FábioVaz - há 5 anos

    Incrivel cara, tambem sou brasileiro e me sinto feliz pela oportunidade que você teve. Gostei de ver as fotos com os superstars. Parabens!

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Valeu Fábio,
      foi uma oportunidade muito especial e representei a todos do universo WWE, na cobertura do evento e ao acompanhar os superstars

  14. Parabéns Mário, nota-se a cara de felicidade em todas as fotos :P

    Grande abraço e continuação de bom trabalho!

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Não tinha como não estar feliz Salvador. Olha a minha foto no site da WWE, entre CM Punk e Kelly Kelly, sem palavras. :D

      E ainda fiquei super amigos do pessoal da produção da WWE, troquei contatos e eles ainda nos pediram para que eu ficasse após o show, para me darem a camisa da Raw e a garrafinha, que beleza.

  15. gustavo - há 5 anos

    Mario O wwe poderá vir para Porto Alegre?

  16. The_Great_White - há 5 anos

    Parabéns Mario,fico feliz que tenha se divertido,deve ter sido uma experiencia muito boa…

  17. Letícia Novaes - há 5 anos

    O que eu posso te dizer Mario… foi incrível…. Sem palavras…Momentos únicos o que nós vivemos….

  18. ULYSSES - há 5 anos

    Mario, PARABÉNS, imagino a realização, emoção e satisfação de acompanhar frente a frente no Brasil um evento da WWE, excelente cobertura do evento, que somente um super fã poderia transmitir a altura espero que eles retornem o que voce acha, voltam?, abraço.

    • Mario Magalhaes - há 5 anos

      Espero que voltem Ulysses, gostaria que a próxima vez fosse uma Smackdown World Tour e no Rio de Janeiro, uma vez que o show lá acabou sendo cancelado.

  19. Luiz Cena - há 5 anos

    Mario,vc estava hospedado nesse hotel?

  20. Master of Chaos - há 5 anos

    Nossa Mario. Daria tudo para estar em seu lugar, fiquei em outro hotel em São Paulo, muito boas as imagens, e dava para ver q vc está mais feliz em cada imagem. Uma pena que o Cena não tirou foto com vc, mas valeu a pena a viagem.

    Estava a pensar que te vi a correr para as primeiras filas, mas tu estavas com uma camisa preta de Undertaker, quem eu vi, estava com uma camisa preta, mas dava para ver escrito Best, achei então que fosse do CM Punk.

  21. Lucas Alves - há 5 anos

    teve venda dos produtos?

  22. Luis Felipe - há 4 anos

    Parabéns pela grande cobertura!No caso do John Cena acho que o motivo por ñ ter tirado a foto por causa de sua barba foi porque ele tem contrato com a gillete nos EUA e por isso ñ deve aparecer em publico desse jeito.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador