Existem 2 vagas na Equipa do Wrestling PT para publicar notícias. Candidata-te!

Wrestling For All #30 – As futuras Knockouts?

Primeiro pedir desculpa pelas duas semanas que fiquei sem postar artigos nesse espaço, tive férias do meu trabalho e viajei para outra cidade sendo mais difícil o acesso a internet nesse local.

Nas últimas semanas, tem surgido vários boatos de alguns nomes do circuito independente feminino fazendo Tyrouts na TNA, algumas pessoas me perguntaram quem são é se seriam bons reforços para a Knockout Division, que vem precisando urgentemente de nomes credíveis para reforçar a mesma.

Vou apresentar os 4 nomes que participaram de dark Matchs ou até que vem sendo sondado pela companhia.

CANDICE LERAE

Essa boa lutadora Canadense parece ter abertos os olhos da TNA, já teve duas Dark Match em menos de 1 mês, para mim isso quer dizer que a TNA pode ter visto algo interessante em Candice, atualmente a mesma luta mais frequentemente na Pro Wrestling Guerrilha, CZW, e na AWS (Alternative Wrestling Show), onde foi campeã da divisão feminina duas vezes, tendo uma feud com Christine Von Eerie.

Como tradição dos wrestler Canadenses, ela tem boa técnica em cima do ringue,no micro também não é ruim , mas acho que pode ser aprimorado nesse aspecto, no circuito independente já fez personagens faces e heels e se deu bem nos dois tipo, ela e muito elogiada pela dedicação ao Wrestling, lembro de uma luta hardcore que a mesma teve com  Hudson Envy na AWS há alguns meses atrás, no qual saiu sangrando muito.

De modo geral acho que seria uma boa adição ao roster, claro que tem outras melhores, inclusive que irei citar nesse artigo, mas Candice é uma boa lutadora e acredito que se for para a TNA, ela com certeza vestiria a camisa da empresa, atualmente ela tem 28 anos e compete no Wrestling desde de 2002.

Candice LeRae vs ODB:

SANTANA GARRETT

Dos nomes citados nesse artigo ela é a minha wrestler preferida, já falei delas diversas vezes, alguns conheceram a mesma na luta que teve contra Brooke no One Night Only: Knockouts Knockdown, em que ela mostrou toda sua habilidade e soube levar toda a luta, o finisher dela o Shine Star Press é um dos mais originais que já vi no wrestling.

Além dessa luta no ONO, ela teve uma Dark Match na OVW contra Taeler Hendrix, a WWE também estar de olho nela, a mesma lutou contra Charlote em um episódio da NXT, e fez um bom trabalho também, Santana parece estar determinada a participar das Big League, não sei se a TNA disputará ela, alguns boatos dizem que a WWE já teria oferecido um contrato de desenvolvimento para Santana.

No circuito independente ela é conhecida por fazer um personagem face, mas nas luta que fez na TNA e WWE teve um papel de personagem heel, e mostrou que também pode muito bem “interpretar” bem esse tipo de personagem, particularmente preferia a TNA pelo alto nível apresentado pela divisão feminina, mas se fosse para a NXT também não seria ruim.

Santana começou no wrestling em 2009 e tem somente 25 anos, nesse período no circuito independente já conquistou cerca de 9 títulos, e sua popularidade vem crescendo junto aos fãs de Wrestling, ela luta nas principais companhias de wrestling feminino (Shimmer, Shine, WSU, entre outras), acredito que daqui há alguns meses a mesma já esteja em uma das majors, era uma boa oportunidade para a TNA pegar uma wrestler pronta para o roster principal.

Santana Garrett vs La Rosa Negra:

VEDA SCOTT

Outro nome comentado nos últimos dias foi Veda Scott, a mesma teve uma dark match antes do Bound of Glory contra a Canadense Candice, a mesma atualmente trabalha na ROH, no papel de entrevistadora, apesar de já ter 29 anos, só começou sua carreira no wrestler em 2011, e mostrou que nunca é tarde para começar.

Logo em seu primeiro ano como wrestler, surpreendeu a todos e ganhou Rookie of The Year da Pro Wrestling Illustrated (PWI), essa é uma categoria geral, não somente de mulheres, e é um premio bastante conceituado, nomes Steve Austin, Rick Steamboat, Goldber, Kurt Angle, entre outros já ganharam o mesmo.

Veda é uma das Wrestler mais ativas do circuito independente, a mesma faz em média 6 lutas por mês, contando só companhias de shows regulares, sem contar eventos especiais, e seu trabalho na ROH, em ringue ela é bastante competente, no microfone melhor ainda, faz uma ótima personagem heel, mas também já a vi fazendo personagens face, é uma wrestler que estar indo em um ótimo caminho e com certeza vai evoluir.

Eu particularmente gostaria de ver a mesma na TNA, poderia começar como Manager parecido como aconteceu com Brooke e depois ir para o ringue, apesar de ter capacidade técnica de ser wrestler, vamos ver se a TNA tem interesse de desenvolver ela.

Veda Scott vs Niya: http://youtu.be/4Zs0UZvDuuQ

MARTI BELLE

O quarto nome também fez dark matchs na OVW, das citadas nesse texto é a mais nova, ela acabou de completar 25 anos,  sua estreia no wrestler profissional aconteceu em 2009, mas fez seu nome no circuito independente na WSU (Women Superstar Uncesored), companhia especializada em wrestler feminino que já abordei em outro artigo.

Marti vem mostrando ter talento na WSU conseguiu conquistar o título de Tag Team logo em seu primeiro ano como profissional junto de Tina San Antonio, elas defenderiam o título durante todo o ano de 2011, os perdendo em 2012, com isso Tina e Belle começaram a se desentender, as duas fariam as pazes em ringue, mas quando Marti deu as costa a Tina, a mesma a atacou, completando seu heel turn, as duas tiveram essa feud durante alguns meses de 2012.

Em Junho de 2012, ela disputaria o Spirit Championship (título de Midcard da WSU), que já estava na posse de Jessicka Havok, há algum tempo, e durante o Uncensored Rumble V ela conseguiu vencer surpreendendo a todos, já que Jessicka é uma das wrestlers mais respeitada no circuito, mas depois descobrimos o motivo de tal acontecimento, Jessicka disputaria o título principal da empresa, mas a luta que as duas tiveram foi muito boa e chamou a atenção, dos que ainda duvidavam do talento de Marti.

Dos nomes citados, essa seria a única que em minha opinião devia passar um tempo na OVW treinando, ela é uma boa wrestler, mas tem que melhorar sua habilidade no microfone, no circuito independente sempre fez personagens face.

Marti Belle vs Jessicka Havok: http://youtu.be/HXgP2pdeZ9I

Lembrando que o objetivo do artigo era mostrar quem eram os nomes testados pela TNA, não são indicações, são somente Wrestler que fizeram dark Matchs nos últimos tempos, espero que a TNA se movimente para contratar algum dos nomes que já testou, porque a divisão estar precisando com urgência, mesmo mantendo a qualidade das lutas, o roster tem somente 5 wrestlers e precisa urgentemente de reforço. Próxima semana volto com mais um artigo spobre wrestling feminino,  fiquem a vontade para propor novos artigos.

Perguntas

1 – Qual wrestler você gostaria que fosse parte da Knockout Division da TNA?

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Wrestling For All”.

6 Comentários

  1. Hades - há 3 anos

    Cristine Von Eerie seria perfeita pra TNA, ela já chegou a fazer algumas lutas por lá, foi manager da Ink Inc. A Mia Yin também já fez algumas try-outs por lá, seria um ótimo nome.

    • Roberto Barros - há 3 anos

      Hades você apontou 2 nomes que eu adoraria ver na TNA, eu falei dessa porque foram as ultimas comentadas, Mia Yim participou do ONO, e fez Tyrouts há alguns anos atrás, já christine como você disse foi manager e lutou algumas vezes, as duas são extremamente talentosas e teriam grande futuro.

  2. don_ricardo_corlone - há 3 anos

    A Shanna dava jeito.

    • Roberto Barros - há 3 anos

      Com certeza, e como disse não foram nomes da minha escolha, foram os nomes que a TNA testou nas últimas semanas.

  3. danielLP21 - há 3 anos

    Shanna e Santana Garrett.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador