Wrestling For All #4 – Reforços Para Um Grande Time (2)

Continuando a lista da semana passada irei recomendar mais cinco nomes para a divisão feminina da TNA, que como já havia comentado tem grande wrestlers, mas com poucos nomes, de modo que muitas vezes o numero de contender e muito pequeno, por exemplo Madison Rayne ficou grávida agora só possuem 2 heels na companhia (Tara e Gail Kim).

No final do artigo eu justificarei o porquê de não ter citado nome de ex-WWE como Beth Phoenix e Michelle Mccool que acrescentariam a divisão feminina da TNA.

ALPHA FEMALE

O primeiro nome que indicarei vem da Europa e trabalha na mesma companhia que Shanna, estou falando da Alemã Marie Kristen Gabert também mais conhecido como Alpha Female,  ela começou no wrestler por volta de 2001 sendo treinado pelo ex-wwe e TNA Joe Legend, sua estreia aconteceu no mesmo ano contra Jazzy B e desde então vem lutando por todo o circuito independente da Europa.

Em 2010 ela se tornaria campeã em algumas federações europeias como EWE Champion na Espanha e o TPW Champion na turquia, chamando a atenção da maior companhia de Wrestler feminino da Europa o Pro-Wrestling EVE que a contraria  para fazer parte do roster, Alpha Female que chegou dominante na companhia ganhando 10 das 11 lutas em que participou. Ainda em 2010 ela chamou a atenção de algumas companhia de wrestlers Japonesas quando Pro-Wrestling EVE teve uma “rivalidade” com a Ice Ribbon, onde lutou contra a lutadora Japonesa Hikaru Shida.

Ainda em 2010 Alpha Female chegou a participar de um Tyrout pela TNA, seguiu competindo na Pro Wrestling EVE, até que em 2012 conseguiu ganhar o Pro-Wrestling: EVE Championship, conseguindo reter-lo por alguns meses até perder para Niki Storm. Em 2013 Alpha Female se tornou a campeã da federação Japonesa Stardom, se tornando a World of Stardom Championship, acabando com o reinado de Nanae Takahashi que já durava 602 dias, a Alemã se tornou a primeira Europeia a ganhar o titulo maior em uma federação Japonesa.

A lutadora Alemã acrescentaria na TNA como uma Heel dominadora, ela possui todos os atributos para isso, seria perfeito para um rivalidade Davi vs Golias, estilo que aconteceu com Gail Kim e Kharma, de acordo com D’lo Brown e uma das mais pedidas pelos fãs para assinar com a TNA. Na minha opinião preferia ela do que a ultima ganhadora do Gut Check Lei’d Tapa, alem de todos esses atributos a TNA já e a maior audiência de Wrestler na Alemanha seria interessante ter uma lutadora do país no roster.

Pro-Wrestling:EVE: Carmel Jacob vs Kay Lee Ray vs Em Jay vs Alpha Female:

THE CANADIAN NINJAS

Como na primeira parte irei indicar outra vez irei uma equipe de Tag team, a The Canadian NINJAs (National International Nation of Jalapeño Awesomeness) formado por Nicole Mathews e Portia Perez, o nome claramente pela duas serem canadenses, e terem algumas características de uma Tag High Fly, principalmente Portia Perez.

A equipe foi formada na Shimmer quando Portia Perez precisava de uma parceira para formar uma Tag, em Nicole Mathews havia enviado uma fita demo para companhia, a administração da Shimmer uniu o útil ao agradável e juntou as duas, pouco sabia que estaria formando uma tag que ficaria conhecido em todo circuito independente Americano.

As duas estrearam sem grande impacto, mas com o tempo foram adquirindo uma boa química tendo sua primeira oportunidade o titulo de Tags da companhia em 2008 perdendo para Ashley Lane e Nevaeh, após isso em 2009 a equipe canadense teve outra oportunidade e dessa vez ganharam o titulo mantendo um reinado por 692 dias, sendo o maior reinado da história da Shimmer, elas só foram perder o titulo contra a Seven Star Sisters formado pelas wrestlers Japonesas (Hiroyo Matsumoto e Misaki Ohata).

Após a derrota as duas ficaram um tempo lutando individualmente, mas a pedidos voltaram a disputar o titulo de tag os ganhando novamente da The Queens of Winning formado por Courtney Rush e Sara Del Rey, se tornando a única tag a ter 2 reinados com o titulo, até o momento elas são as atuais Shimmer Tag Team Champions.

Eu acredito que essa equipe acrescentaria caso a TNA deseje manter os títulos de Tags feminino, as duas fazem um grande trabalho com personagens Heels e também tem ótima química.

Canadian Ninjas Tribute: http://youtu.be/CQXPK5pVgVE

MISAKI OHATA

Quando se fala em Wrestler Feminino os especialistas apontam para o Japão por ser um país de onde saiu grandes nomes como Manami Toyota entre tantos outros nomes que marcaram a qualidade no Wrestler Feminino mundial, então nessa lista não poderia faltar uma indicação vindo da terra do sol nascente.

O nome que irei indicar é o de Misaki Ohata, ela iniciou no wrestler em Janeiro de 2006 quando foi treinar no dojo de promoção JDStar sobre a tutela de Mariko Yoshida, em outubro do mesmo ano fez uma demonstração de suas habilidades para Yoshida, o proprietário do dojo e o booker do dojo se graduando naquela mês, sua estreia no wrestling Professional aconteceu um mês depois enfrentando Hiroyo Matsumoto, como normalmente acontece no Wrestling Japonês, para que em 2007 conseguisse sua primeira vitória em cima de Kaori Ohki.

Depois que JDStar faliu Misaki foi para companhia Ibuki, nessa promoção começou a parceria de Misaki Ohata com Matsumoto formando a Tag Seven Star Sisters, durante 2007 e 2008 ela faria aparições em companhias independentes japonesas como Ice Ribbon e JPW (Japanese Women Pro-Wrestling ) entre outras. Em maio de 2009 derrotaria Dash Chisako se tornando o 1° contender a JWP Junior  e Princess of Pro-Wrestling Championships, ganhando os titulos quando enfrentou Matsumoto, perdendo titulo alguns meses depois.

Em 2009 lutando pela pro-Wrestling Wave ganhou o titulo de Tags junto com Moeka Haruhi, os perdendo somente 6 meses depois. Em 2011 houve uma grande mudança no personagem de Misaki, ela sempre tinha trabalhado como babyface, e seu primeiro Heel turn foi para formar a Stable Black Dahlia junto de Bambi, Hiren e Yumi Ohka, a stable iria disputar varios titulos mas a table acabaria no mesmo ano. Em 2012 Misaki junto com Fujimoto ganharam o titulo de Tag que até o momento e mantido por elas.

Em 2010 Misaki Ohata teria sua primeira experiencia nos Estados Unidos assinando com a SHIMMER, em sua estreia Misaki derrotaria Haze Daizee, nos eventos seguintes somaria 2 derrotas para Cheeleder Melissa e Sara del Rey, o ano foi se passando e Misaki acumulava derrotas e  vitorias, até que teve a oportunidade de disputar o titulo de Tags quando se uniu a Hiroyo Matsumoto e terminar o reinado de mais de 2 anos das Ninjas Canadenses,  tendo o reinado com 3 defesas de cinturãos os perdendo para Daizee Haze e Tomoka Nakagawa  desde de então Misaki não retornou a companhia.

Apesar dos feitos Misaki Ohata só possui 24 anos e é uma wrestler bastante tecnica, que acrescentaria ao roster da TNA tanto como Tag Team, como individualmente, ela faz muito bem o papel de Babyface e tem a vantagem de saber falar bem a lingua Inglesa e também ter experiencia no estilo do Wrestler americano.

Misaki Ohata vs Pinky Mayuka:

JESSICKA HAVOK

Se você pensa como seria uma wrestler feminino no Aces & 8, o nome ideal seria o de Jessicka Havok. Jessica Cricks sempre foi fã de Wrestling, especialmente de Stone Cold Steve Austin, nisso decidiu treinar na modalidade na escola MCW, onde de vez em quando faz aparições, após isso lutou em algumas companhias independentes como Mega Championship Wrestling e Cleveland All-Pro Wrestling.

Em 2009 sua carreira mudaria quando assinaria contrato com WSU (Women Superstars Uncensored), ela rapidamente causou impacto dentro da companhia conquistando o WSU Tag Team Championship junto com Hailey Hatred em agosto do mesmo ano, depois de um bom reinado como campeão de tag, em 2011 Jessica venceria o titulo de WSU Spirit, que pode ser considerado o titulo de midcard da WSU, com esse titulo ela se tornou maior campeã da empresa mantendo ele por cerca de 266 dias.

Somente em 2012 que Jessica alcançaria o ápice de sua carreira quando tiraria o WSU Champion de Mercedez Martines que já era campeã a 3 anos, logo após perderia o titulo de modo controverso para Martinez, conseguindo recuperar 6 semanas depois em uma Casket Match, se tornando WSU Champion pela 2° vez, Jessica também criou a stable Heel da companhia junto com Sassy Stephie e Allysin Kay de nome The Midwest Militia.

Jessica Havok ainda tem 27 anos e seria como já disse a Knockout ideal para integrar o Aces & 8, tem uma aparência de personagem heel e possui personalidade, ela se dar muito bem em lutas hardcore,sendo que de acordo com a revista Pro Wrestling Illustrated (PWI) ela foi uma das cinco melhores Wrestlers de 2012.

Além disso ela sempre investe no look para as lutas, com visuais bastante diferente do comum, chamando bastante a atenção.

Jessicka Havok vs. Marti Belle: http://youtu.be/HXgP2pdeZ9I

REBY SKY

Sempre me falaram nunca julgue um livro pela capa, e esse e um caso, essa talvez seja a minha indicação mais polemica de todas, estou falando de Reby Sky, sim a atual mulher de Matt Hardy, apesar de bastante polemica, em ringue ela até que não faz feio. Reby ficou ligado ao wrestling devido ao trabalho que fez na época que era Giant Girls comentando sobre wrestler uma de suas paixões, em 2010 foi convidada pela MTV para ser um repórter de bastidores no programa Lucha Libre USA: Masked Warriors um programa que narra ascensão da Lucha Libre nos Estados Unidos, rapidamente Reby fez a transição para o ringue é na sua primeira luta venceu, após isso começou a lutar em federações independentes de todo o país, seja lutando sozinha ou acompanhando o seu namorado Matt Hardy.

Treinando junto com nomes como Austin Aries, Dean Ambrose e os irmãos Hardys foi melhorando sua habilidade gradualmente, para que no inicio de 2011 ela assinasse com a companhia de Wrestling Shine,  e esse era o momento para ela provar que não era somente mais um rostinho bonito, e ela conseguiu fazendo uma grande rivalidade contra Jessicka Havok, gerando lutas de bons níveis, envolvendo inclusive Matt Hardy a rivalidade teve fim Ontem (23/03) no 8° evento da Shine em uma Carrer vs Respect com uma vitoria de Reby em uma grande luta de mais de 20 minutos com duas grandes Wrestlers, de começo também tinha um pouco de “preconceito” com Reby achando que seria mais uma wrestler estilo Diva, mas ela vem me surpreendendo positivamente, se esforçando para melhorar cada vez mais, interessante que você ver a diferença de uma luta dela alguns meses atrás e hoje em dia é um avanço considerável.

Eu acredito que Reby poderia ser uma ótima personagem Face para TNA, ela no começo traria uma boa repercussão para a companhia por ser bastante conhecida nos Estados Unidos, tem um bom carisma e em ringue ela não faz feio, acrescentaria ao roster de modo proveitoso tanto para propaganda e divulgação como para história, ela também não faz feio no micro.

Feud de Reby Sky vs. Jessicka Havok: http://youtu.be/xCvfZFd24E0

Quaisquer umas dessas indicações acrescentariam ao roster da TNA, sendo que todas têm seus aspectos positivos e negativos, sobre o porquê de não ter botado nenhuma ex-wwe, foi porque com esse boato de retorno de algumas “Divas” pretendo fazer algum artigo sobre o assunto no pós-mania que e quando acontecem os retornos, na próxima semana já começarei a preparação para os artigos sobre a Wrestlermania e será sobre uma personagem que fez história na divisão feminina da WWE, já devem imaginar de quem eu devo falar no próximo artigo não e?

O que vocês acharam das minhas indicações para a divisão feminina da TNA?

Quais outros nomes vocês gostariam de ver no roster feminino?

Sobre o Autor

- Escritor do artigo “Wrestling For All”.

Comentar

Login com Facebook

Editar avatar »

Notificações por email:

Wrestling.PT © 2006-2016 / Política de Privacidade / Disclaimer / Sobre Nós / Contactos / RSS Feed / Desenvolvido por Luís Salvador