WWE Monday Night Raw (18/09/2017)

A WWE transmitiu esta Segunda-feira mais uma edição do Monday Night Raw, a última antes do No Mercy que se realiza já no próximo Domingo.

O main-event deste Raw tivemos um Six-Pack Challenge em que estava em jogo a oportunidade de enfrentar The Miz pelo Intercontinental Championship, no No Mercy. O combate acabou por ser ganho por Jason Jordan, que tem tido conflitos com The Miz há algumas semanas, inclusive no início deste show. O Raw terminou com The Miz a aplicar um Skull Crushing Finale no novo candidato principal ao título.

Ver combates marcados para o WWE No Mercy

Outro destaque deste Raw vai para um ataque de Braun Strowman a Enzo Amore. Sem Brock Lesnar no Raw, o “Monster Among Men” teve que encontrar outro passatempo… e achou que seria boa ideia destruir o candidato principal ao WWE Cruiserweight Championship. No final do segmento, Neville apareceu para lhe aplicar um Red Arrow.

Por fim, destacar também: mais umas palavras enviadas por Roman Reigns a John Cena, que esteve ausente do Raw; o confronto verbal entre The Miz e o General Manager Kurt Angle; o regresso de Bayley e sua inclusão no combate pelo Raw Women’s Championship do No Mercy; um Triple Threat Tag Team Match onde Cesaro & Sheamus levaram a melhor sobre Dean Ambrose & Seth Rollins e Luke Gallows & Karl Anderson; e ainda um combate onde Goldust lutou como Dustin Rhodes, sem pintura na cara.

Resultados

– Nia Jax venceu Raw Women’s Champion Alexa Bliss
– Cesaro & Sheamus venceram Raw Tag Team Champions Dean Ambrose & Seth Rollins e Luke Gallows & Karl Anderson (Triple Threat Tag Team Match)
– Apollo Crews venceu Curt Hawkins
– Bray Wyatt venceu Dustin Rhodes
– WWE Cruiserweight Champion Neville venceu Gran Metalik
– Jason Jordan ganhou um Six-Pack Challenge (Intercontinental Championship Nº 1 Contender’s Match)

Report

A edição desta semana do Monday Night Raw começa com o General Manager Kurt Angle no ringue, a promover os dois combates mais importantes do No Mercy, que irá acontecer este Domingo, mas depressa foi interrompido pelo Intercontinental Champion The Miz. Depois de uma troca de palavras mais acesas, em especial por The Miz não ter combate no No Mercy e por dizer que irá ser melhor pai que Kurt Angle, Jason Jordan apareceu. Depois de sabermos que no main event iríamos ter um Six Pack Challenge para definir o Nº 1 Contender ao Intercontinental Championship, o segmento acabou com Jason Jordan a atacar The Miz e a Miztourage.

O primeiro combate da noite foi entre a Raw Women’s Champion Alexa Bliss e Nia Jax. Num combate que estava a ser maioritariamente dominado por Nia Jax, a campeã percebeu que não tinha outra hipótese se não fugir, mas Sasha Banks apareceu. Isto mudou o caminho de Alexa Bliss, que acabou simplesmente por ir contra Nia Jax. Já no ringue e com um Samoan Drop, Nia Jax finalizou o combate. Assim que o combate acabou, Sasha Banks tentou atacar Nia Jax, mas esta depressa ficou por cima da situação, até ao momento do regresso surpresa de Bayley. O que nos levou a uma aliança inesperada, entre as melhores amigas Bayley e Sasha Banks, juntando-se a Alexa Bliss, para atacarem em conjunto Nia Jax. Aliança que não durou muito, pois assim que tiraram Nia Jax do caminho, Sasha Banks atacou Alexa Bliss, deixando assim um aviso para o No Mercy.

Em seguida tivemos os candidatos principais aos Raw Tag Team Championships no ringue, onde insultaram os atuais campeões, que depressa vieram ao ringue para mais uma troca de insultos com os candidatos. Seguiu-se a equipa de Gallows & Anderson, o que nos levou a uma brawl entre as três equipas e ao segundo combate da noite: um Tag Team Triple Threat Match.

Sheamus & Cesaro tiveram maior controlo, ainda assim, quando Seth Rollins finalmente conseguiu meter Dean Ambrose em ringue, a vitória parecia que ia sorrir aos Raw Tag Team Champions, mas Sheamus conseguiu de maneira sorrateira tirar Dean Ambrose do ringue depois de um Dirty Deeds em Karl Anderson, e fazer assim o pin para garantir a vitória para a sua equipa.

Logo depois tivemos Curt Hawkins no ringue, esperando que fosse o dia em que a sua streak de derrotas acabasse, mas não foi. O combate foi contra Apollo Crews, com o lutador da Titus Brand a sair vencedor depois de uma Spinning Out Powerbomb.

Em seguida tivemos Roman Reigns no ringue para falar de John Cena e do combate entre eles no No Mercy. Em mais uma promo onde Roman Reigns fez questão de expor John Cena, usando imagens de 2012 quando este atacava The Rock por nunca estar presente, o que levou o “Big Dog” a dizer novamente que John Cena não passa de um hipócrita, pois agora é ele que nem sempre está na WWE.

O combate que tivemos em seguida foi um combate entre Dustin Rhodes – e não Goldust – contra Bray Wyatt. Um combate que Dustin Rhodes dominou em boa parte, mas no fim Bray Wyatt, com um Sister Abigail, conseguiu vencer. Já depois do combate tivemos Finn Bálor no titantron, a dizer que se o “Demon” foi uma criação dele, pelo que, não será no fim de contas, Finn Bálor mais perigoso que o próprio “Demon”?

Foi transmitida uma entrevista pré-gravada de Braun Strowman e Brock Lesnar, numa altura em que estamos a menos de uma semana do combate entre os dois no No Mercy.

Logo depois tivemos Enzo Amore a fazer uma promo na entrada para o ringue, mas foi atacado por Braun Strowman, que depois fez questão de o arrastar para o ringue para lhe aplicar um Chokeslam. Já depois, Neville veio a correr ao ringue para aplicar um Red Arrow ao seu adversário do No Mercy.

Isto levou-nos ao combate seguinte, um combate da divisão Cruiserweight entre o WWE Cruiserweight Champion Neville e Gran Metalik. Um combate curto que o WWE Cruiserweight Champion Neville não teve grandes problemas para vencer.

Por fim tivemos o main-event da noite, um Six Pack Challenge entre Elias, Curtis Axel, Bo Dallas, Jason Jordan, Matt Hardy e Jeff Hardy para definir o novo Nº 1 Contender ao Intercontinental Championship de Miz. Num combate caótico, Jeff Hardy quase ganhou, mas The Miz quebrou o pin, mostrando não ter respeito pelo veterano lutador. O fim chega quando Jason Jordan apanha Curtis Axel na sua versão do Angle Slam-Neckbreaker, para a vitória no combate e assim garantir que no No Mercy será Jason Jordan vs Intercontinental Champion The Miz. Já no final do combate, a Miztourage e The Miz atacaram Jason Jordan, deixando-lhe um aviso para o Pay-Per-View.

O que achaste desta edição do WWE Monday Night Raw?

Episódio Completo

Para alguns países, entre os quais Portugal, o episódio completo está disponível através do YouTube:

Sobre o Autor

- Fundador e administrador do Wrestling.PT. Acompanho a modalidade desde 2005 e treino no Wrestling Portugal desde 2008, no qual sou o actual Campeão Nacional.

21 Comentários

  1. Já sabia que o Jordan iria lutar contra o Miz pelo IC title. Espero é que perca

    • Anónimo - há 1 mês

      o the miz não nasceu grudado no intercontinental Champion. uma hora ou outra ele vai ter que perder

      • Leleco - há 1 mês

        Sim, ele não vai ficar pra sempre com o título. E se for pra perder que perca pra outra pessoa que não seja o Jason. O cara é talentoso, mais não tem um pingo de carismas e aplica muito suplex.

    • Anónimo - há 1 mês

      Sempre a Ser pinada no meio do ringue a Alexa. Acho que deveriam proteger mais a campeã

      • Caro anónimo. Não se diz “Pinada”, isso querias tu fazer com ela, mas sim, sofreu o pin.
        E nesse aspecto concordo. A WWE deveria resguardar mais a campeã, por exemplo, a Alexa poderia ter iniciado uma luta com a Sasha fora do ringue e aí o combate terminaria. Ou então em vez de darem por terminado bem que poderia passar para um triple threat match

  2. Lucas Maranzati - há 1 mês

    É sério que vamos ter que aguentar o Jordan outra vez? Affs…

    • FredRVD - há 1 mês

      outra vez?

      • Lucas Maranzati - há 1 mês

        Sim. Neste caso me refiro a seguinte posição: o Jordan está tendo um destaque muito rápido. Em três semanas lutou contra o Finn, o Cena e o Roman. Não sou tolo de dizer que o rapaz não tem talento, mas não vejo este como o momento de dar um título ao jovem. O Miz está excelente! Seria interessante alguém mais de topo para tirar o título dele, sem contar ainda que o Jordan não parece estar em lua de mel com o público… É apenas uma visão que tenho. Até pensei que a rivalidade com o Miz já tinha se findado…

      • BRUNOju. - há 1 mês

        E quem disse que o Jordan vai tirar o título do Miz???

      • FredRVD - há 1 mês

        Estão a construir o gajo porque vêm nele potencial para chegar ao topo do card, acho muito bem o que estão a fazer com ele, teve 3 bons combates com nomes de topo, e apesar de ter perdido os 3, saiu desses 3 combates com cada vez melhor imagem.
        E não vejo problema nenhum se ele ganhar o Titulo Intercontinental, porque os títulos de mid card também servem para ver se esse wrestler está preparado para um push maior ou não, para evitar haver casos como o do Jinder Mahal, que é o pior WWE Champion que eu já vi.

      • Kick_Ass - há 1 mês

        O Mahal está a ter um belo reinado tendo já inclusive vencido bons nomes desde que chegou ao Smackdown…. sem falar que está a ter um reinado bem melhor do que o do seu antecessor.

        E pior WWE Champion ? Não parece…. o Dean Ambrose foi um mau WWE Champion por exemplo, sem lembrar de alguns campeões de titulos de topo como o Khali…. isso sim era um péssimo exemplo para campeão de topo. Agora o Maha nem por isso,l está a fazer um bom trabalho e merece credito por isso, calou a boca a muita gente e sinceramente espero que mesmo que perca o título não desistam dele.

      • FredRVD - há 1 mês

        O Khali nunca foi WWE Champion.
        E o reinado do Jinder está a ser horrivel, as storylines dele são SEMPRE as piores, ele não sabe fazer promos, e nunca teve um combate de jeito.

      • Kick_Ass - há 1 mês

        Eu não disse que o Khali tinha sido WWE Champion, disse que era um exemplo de um lutador que ganhou um titulo de topo e que era péssimo…

        Quanto ao Mahal discordo…. As storylines estão um pouco gastas como a que teve com o Orton envolvendo o pai do Orton mas se reparares bem na WWE as storylines estão sempre a ser “recicladas”, o que não faz delas más propriamente mas sim tiram o interesse em si, no caso do Mahal estão a construí-lo como um oportunista o que não considero má ideia.
        As promos não considero más, porque apesar da gimmick anti-americano estar muito gasta na WWE ele consegue ter algum heat o que se vires bem é muito bom visto à banalização da gimmick nos últimos anos.
        Quanto aos combates desde que é campeão ainda não o vi a dar um mau combate…. é razoável no ringue e cumpre bem o seu papel tanto em ringue como campeão.

        Não entendo o heat ao Mahal, pelo menos neste momento, pois ao inicio tudo bem entendo o motivo pois o salto que deu no card foi grande…. mas na minha perspectiva estão a criar novas caras no main event o que acho excelente! …. Prefiro ver caras novas a terem a sua oportunidade do que passar o ano a ver rivalidades do Cena com o Orton pelo titulo principal ou outro main eventer consagrado.

      • FredRVD - há 1 mês

        Os combates não foram maus? Boa piada.
        Vê as promos dele das últimas semanas, e diz lá se são boas.
        Eu também quero caras novas no main event, mas quero gajos com talento, e não um poço de esteróides.

      • Kick_Ass - há 1 mês

        É a minha opinião…. acho-o razoável em ringue e não não vi um combate dele que considera-se mau.

        Quanto aos esteróides é óbvio que usa mas na WWE tens vários lutadores que usam, de uma maneira ou outra faz parte da industria….
        Quanto as promos concordo em parte com o que disseste, não que considero que seja péssimo em promos, mas os segmentos das 2ª ultimas semanas foram maus…. simplesmente maus, nem sequer se enquadram com a gimmick em si.

        Claro que à lutadores mais talentosos que o Mahal no Smackdown, tens Zayn…Ziggler…Tye….Corbin…. por exemplo que são lutadores que talvez merecessem mais uma chance pelo título do que o Mahal, mas a WWE decidiu apostar nele e para mim não se tem saído nada mal com o título…. eu considero que seja uma aposta ganha por parte da WWE.

  3. Retribution - há 1 mês

    A Historia de o Kurt ser o ”pai” do Jordan estragou o potencial todo ao miudo, não so porque é cringe af, e todos sabem que é fake, como foi uma das historias mais mal construidas de sempre.

  4. Retribution - há 1 mês

    A Historia de o Kurt ser o ”pai” do Jordan estragou o potencial todo ao miudo, não so porque é cringe af, e todos sabem que é fake, como foi uma das historias mais mal construidas de sempre.

  5. Anónimo - há 1 mês

    o Jason Jordan parece que vai ser o segundo Brock Lesnar. só aplica suplex

  6. Legit Boss - há 1 mês

    Alexa Bliss vs. Nia Jax: Combate bastante curto devido à ruptura comercial. [5,5/10]

    Rollins & Ambrose vs. Cesaro & Sheamus vs. Anderson & Gallows: Combate bom e divertido em geral. [7/10]

    Apollo Crews vs. Curt Hawkins: Outra perda para Hawkins. [1/10]

    Bray Wyatt vs. Dustin Rhodes: Meh [4/10]

    Neville vs. Gran Metalik: Mesmo tendo sido bastante curto, foi divertido e os dois trabalharam muito bem. [6,5]

    Jason Jordan vs. Matt Hardy vs. Jeff Hardy vs. Elias vs. Bo Dallas vs. Curtis Axel: Se a WWE queria deixar Jordan impressionante, desculpe, mas não funcionou nem um pouco. Fraco. [6,5/10]

  7. Pedro - há 1 mês

    Esse regresso da Bayley foi demais, não percebo como ninguém está falando…

  8. Um RAW centrado no Intercontinental Championship. Foi um bom episódio.

Comentar

Editar avatar »