WWE Monday Night Raw (22/05/2017)

A WWE realizou esta Segunda-feira mais uma edição do Monday Night Raw, a penúltima antes do Extreme Rules. Como main-event deste Raw tivemos um Tag Team Match entre 4 dos lutadores envolvidos no Fatal 5-Way do PPV: Roman Reigns e Seth Rollins vs Bray Wyatt e Samoa Joe.

Quanto a Finn Bálor, que ficou de fora deste Tag Team Match, foi confrontado por Paul Heyman e enfrentou o seu antigo companheiro Karl Anderson. Quererá isto dizer alguma coisa?

Outro destaque deste Raw vai para a estreia em ringue de Elias Samson, que venceu o Intercontinental Champion Dean Ambrose por Desqualificação depois de The Miz ter interferido e o atacado, apenas para provocar a derrota do Campeão.

Clica aqui para veres todos os combates já marcados para o WWE Extreme Rules.

Resultados

– Roman Reigns venceu Bray Wyatt (Desqualificação)
– Akira Tozara venceu Ariya Daivari
– Elias Samson venceu Intercontinental Champion Dean Ambrose (Non-Title Match – Desqualificação)
– Finn Bálor venceu Karl Anderson
– Sasha Banks venceu Alicia Fox
Kalisto venceu Apollo Crews
– Raw Tag Team Champion Matt Hardy venceu Sheamus
– Austin Aries venceu Tony Nese
– Raw Women’s Champion Alexa Bliss venceu Mickie James
– Bray Wyatt e Samoa Joe venceram Roman Reigns e Seth Rollins

Report

O Monday Night Raw começou com uma promo de Bray Wyatt, que foi interrompida por Roman Reigns. Antes que começassem à pancada um com o outro, chegou o General Manager Kurt Angle, que disse que já que queriam, que viesse um árbitro que o Raw ia começar com um Roman Reigns vs Bray Wyatt.

O combate em si foi curto, mas intenso. Chegou ao fim quando Samoa Joe apareceu e atacou Roman Reigns, tendo dado assim a vitória ao mesmo por Desqualificação. Isto não ficou por aqui, pois Samoa Joe atacou também Bray Wyatt, como paga do que aconteceu na semana passada. Entretanto, Seth Rollins apareceu e atacou Samoa Joe, conseguindo metê-lo fora do ringue. Quando Bray Wyatt parecia que ia atacar Seth Rollins pelas costas, Roman Reigns, com um Superman Punch “salvou” o seu antigo parceiro dos The Shield. Já no backstage, tivemos o General Manager Kurt Angle a marcar o combate principal da noite: um Tag Team Match entre Roman Reigns & Seth Rollins e Samoa Joe & Bray Wyatt.

O combate que aconteceu em seguida foi o primeiro combate de Cruiserweight da noite, entre Akira Tozawa e Ariya Daivari. O combate foi rápido e a vitória foi para Akira Tozawa, ganhando ímpeto para o Street Fight que terá no WWE 205 Live contra Brian Kendrick.

A seguir tivemos o primeiro combate de Elias Samson no Raw e logo contra o Campeão Intercontinental Dean Ambrose. Elias Samson fez uma prestação forte, apesar de ser logo contra Dean Ambrose, e acabou por ganhar por Desqualificação devido a um ataque de The Miz, que veio provocar a derrota do “Lunatic Fringe”. Quando parecia que Dean Ambrose ia atrás de The Miz para o fazer pagar pelo combate perdido, Elias Samson aplicou-lhe um swinging neckbreaker, tendo assim ajudado, ainda que não deliberadamente, The Miz a fugir.

Logo depois, quando parecia que íamos ter Finn Bálor contra Karl Anderson, tivemos que adiar esse combate por uns minutos. Paul Heyman apareceu e veio falar de todos os possíveis candidatos ao WWE Universal Championship, fazendo questão de explicar que todos os outros possíveis candidatos, nas mãos de Brock Lesnar, serão vítimas. Pelo contrário, Paul Heyman acredita que Finn Bálor não será uma vítima e, por isso, para Paul Heyman, Finn Bálor vs Brock Lesnar seria o confronto mais intrigante.

Agora sim, tivemos o combate entre Finn Bálor e Karl Anderson. Este ainda dominou uma boa parte, mas não teve muitas hipóteses quando Finn Bálor “meteu uma mudança acima”. Depois de um slingblade e um dropkick contra o canto, fez o Coup de Grâce para a vitória e assim aumentou o ímpeto para o Extreme Rules.

Em seguida tivemos mais um combate entre Sasha Banks e Alicia Fox, que Sasha Banks ganhou. Assim que acabou o combate, Noam Dar meteu-se cara a cara com Sasha Banks, que respondeu-lhe com um estalo. Esta acabou depois por ser atacada por Alicia Fox. Parece que a rivalidade entre as duas ainda não acabou.

O combate seguinte foi Kalisto vs Apollo Crews, que aconteceu no seguimento de Kalisto ter perguntado se foi Apollo Crews que atacou Enzo Amore no backstage. Apollo negou, mas Titus O’Neill lá organizou um combate entre os dois lutadores. O combate acabou por não correr muito bem para Apollo Crews, pois passou a maior parte do tempo distraído com Titus O’Neill. Kalisto aproveitou para aplicar uma Salida del Sol para a vitória.

A seguir tivemos Matt Hardy vs Sheamus, em que o vencedor deste combate poderia escolher a estipulação para o combate entre as duas equipas no Extreme Rules. Matt Hardy, num combate onde tanto Jeff Hardy como Cesaro tentaram ajudar os seus parceiros, garantiu a vitória quando Sheamus se distraiu ao dar um pontapé nas costas de Jeff Hardy. Matt Hardy aplicou o Twist of Fate para garantir a vitória e a possibilidade de escolher a estipulação do Raw Tag Team Championship Match no Extreme Rules… Será um Steel Cage Match!

A seguir tivemos mais acção Cruiserweight, entre o candidato principal Austin Aries e Tony Nese. Agora que se sabe que no Extreme Rules o combate pelo Cruiserweight Championship será num Submission Match, Austin Aries não perdeu tempo a meter Neville de sobreaviso. Aries ganhou este combate com o seu Last Chancery, mas Neville mostrou que não se deixa intimidar. O Campeão foi até ao ringue e aplicou o Rings of Saturn em Tony Nese, monstrando a Austin Aries que se este consegue, ele, Neville também consegue e melhor.

A seguir tivemos a Raw Women’s Champion Alexa Bliss em acção num combate contra Mickie James. Esta teve o controlo do combate, mas uma pequena distração foi o suficiente para Alexa Bliss aplicar um DDT para a vitória. O pior para Mickie estava ainda a começar, pois Alexa Bliss foi buscar um Kendo Stick e atacou-a. Entretanto, a candidata principal Bayley apareceu e trouxe um Kendo Stick para igualar as contas. Alexa Bliss não quis ficar no ringue à espera e fugiu.

Por fim, tivemos o combate principal da noite: Roman Reigns e Seth Rollins vs Samoa Joe e Bray Wyatt. O combate foi duro e intenso, como seria esperado. Curiosamente, a equipa que melhor trabalhou foi Bray Wyatt e Samoa Joe e isso foi mostrado no final com o resultado. Depois de uma confusão fora do ringue, onde Bray Wyatt aplicou um Sister Abigail em Roman Reigns, Samoa Joe apanhou Seth Rollins na Coquina Clutch e garantiu a vitória.

Já depois do combate, no escritório do General Manager Kurt Angle, Finn Bálor disse que não queria ficar fora da brincadeira e o GM marcou para a semana 2 combates: Finn Bálor vs Samoa Joe vs Bray Wyatt e Seth Rollins vs Roman Reigns.

O que achaste desta edição do WWE Monday Night Raw?

Sobre o Autor

- Fundador e administrador do Wrestling.PT. Acompanho a modalidade desde 2005 e treino no Wrestling Portugal desde 2008, no qual sou o actual Campeão Nacional.

14 Comentários

  1. Zézinho - há 5 meses

    Galera para mim o Raw de ontem foi um grande spoiler… á WWE tem a cereja no bolo para torna o Raw poderoso depois do segment de ontem, e ao meu ver tudo se encaminha a isto.
    O Finn Bálor vai vencer no ER não só la como também vai derrotar o Brock Lesnar com uma traição do Paul Heyman.
    Veja bem a WWE não vai deixar o Lesnar campsão até a Wrestlemania nessa de participar em um show e outro, ele pode reconquistar o título depois, mas antes disso ele perde.
    Aquelas palavras do Heyman como “Você é o melhor” O melhor não deveria ser o Lesnar ao ponto de vista dele? Ou ele se esqueceu que o Lesnar é também um Wrestler?!
    Aquele aperto de mão… Já vimos o heyman trair o Lesnar antes e nessa altura o Lesnar era o campeão da WWE e perdeu o título para o Big Shoe com a traição do Heyman.
    Outro fato importante! O Bálor começando a se envolver com o The Club, o The Club entrando ainda com o Heyman no ringue, para mim o Gallows & Anderson tentam interferir a favor do Bálor e o Lesnar acaba com os dois e quando menos esperamos ocorre a traição do Heyman.
    Imagine tem tudo para ser a maior stable, já foram e podem voltar a ser Finn o líder acompanhado pelo porta voz o Heyman, e também Gallows & Anderson.

    • Fella - há 5 meses

      Concordo porém acho difícil a WWE fazer isso em um ppv que está estreando, no extreme rules nada me tira da cabeça que o balor vence com a ajuda do the club, creio que a rivalidade entre Wyatt e Finn tenha sido adiada e provavelmente tenhamos um turn do balor, creio que com a iminente união do the club poderemos ter a volta dos Shields e poderíamos ter uma rivalidade para o SummerSlam Shield vs club e infelizmente será Brock Lesnar vs Braun Strowman, mais depois do Mahal ganhar o título eu não duvido de mais nada!

      • Anónimo - há 5 meses

        infelizmente porque? pensei que era o que a maioria das pessoas queriam vê.brock lesnar vs braun strowman

    • Fella - há 5 meses

      Sim anônimo eu até quero, porém todos já sabemos que Lesnar vencerá mais que é interessante é sim, é pq eu preferia ver Finn balor vs Lesnar como fantasiamos aki kkkkk

    • wesley - há 5 meses

      Não acho que tenha sido um spoiler da vitória do Balor, acho que só foi para deixar o Balor credível para enfrentar o Lesna e assim quando o Lesnar vencer, irá parecer que foi uma grande vitória contra um oponente forte, não contra um cruiserweight que o Balor é na realidade.

  2. Boss - há 5 meses

    Será que essa luta entre Sasha e Fox irá resultar em um combate no Extreme Rules? Espero que sim, pois é sempre bom ver minha BO$$ em um pay-per-view.
    Alexa realmente tem tido um bom booking desde que ganhou o título do RAW, mas não quero que o reinado dure muito, afinal, Sasha precisa ter uma feud com Bayley.

    • Gangrel_Rules - há 5 meses

      Vai sim no Mick off talvez, porem já enjoa, rivalidade a pressão e já tiveram combates a mais para haver.mais um no PPV, como digo, rivalidade para encher chouriços

      • Boss - há 5 meses

        É bem provável que o combate nem vá para o Extreme Rules – que não deve ter nada de especial – porque a WWE deve ter outros planos para o kickoff.

  3. Gold - há 5 meses

    Parece que o goldust vai ter um pequeno push e merecido!

  4. Paulo Graça - há 5 meses

    Espero que o Dean Ambrose apareça, The Shield!

  5. Y2Jean - há 5 meses

    Elias samson venceu ambrose, ele não teria direito a um combate pelo título? No caso ficaria um combate triplo.
    Já pensou se o ambrose pede para ser o arbitro do combate entre reings e rollins? Ai vem o miz e leva um triple Powerbomb

  6. BRRM - há 5 meses

    Bom Raw. O ME foi bastante bom, a promo do Bray no início foi muito interessante, a estreia do Samson agradou-me e Matt vs Sheamus também foi um combate de qualidade. De um lado mais negativo, estes combates entre a Sasha e a Fox já enjoam, não entendi o porquê de os Hardys terem escolhido um Steel Cage match nem a reação do Cesaro & Sheamus a esta escolha (já que, na teoria, este tipo de combate favorece mais os europeus devido ao seu estilo mais agressivo) e também não gostei do segmento entre o Bálor e o Heyman (não pelo segmento em si mas porque, a meu ver, não faz sentido, a duas semanas de se decidir o nº1 contender, fazer esta promo).

  7. Litos - há 5 meses

    Se no Extreme Rules acontecer no combate Miz vs Ambrose o que aconteceu este Raw não me queixo

Comentar

Editar avatar »