Faz login e reduz a publicidade

WWE NXT (25/07/2018): Tommaso Ciampa conquista o NXT Championship

há 10 meses Resultados 14

A WWE transmitiu esta Quarta-feira mais uma edição do NXT, já de olhos postos no NXT TakeOver: Brooklyn 4.

Como principal destaque e main-event da noite tivemos um combate pelo NXT Championship em que Tommaso Ciampa venceu Aleister Black e conquistou o título, com alguma ajuda de Johnny Gargano à mistura.

Outro destaque foi a assinatura de contrato entre a NXT Women’s Champion Shayna Baszler e a Nº 1 Contender Kairi Sane, para oficializar o combate entre as duas lutadoras no NXT TakeOver: Brooklyn 4.

Por fim, mencionar também: a vitória do NXT North American Champion Adam Cole sobre Sean Maluta; e a vitória de Lacey Evans contra Tenilla Price.

Resultados

– NXT North American Champion Adam Cole venceu Sean Maluta (Non-Title Match)
– Lacey Evans venceu Tenilla Price
– Tommaso Ciampa venceu NXT Champion Aleister Black

O que achaste do WWE NXT desta semana?

14 Comentários

  1. Jonathas há 10 meses

    Não entendo a programação de gravação do NXT. Tem coisas que eles gravam e passam depois de semanas e tem coisas que gravam que passam uma semana depois, como essa luta pelo título.

    • Eles em 1 ou 2 dias gravam os episódios de 1 mês inteiro. Depois editam as imagens e ordenam os combates de forma a que faça sentido na transmissão.

  2. Alexandre Mendes Costa Silva há 10 meses

    Ciampa um dos maiores Hell’s que o NXT já teve, sensacional.

  3. Kauê Silva há 10 meses

    Um bom episódio do NXT novamente, começando com Adam Cole vencendo fácil o Maluta e se gabando como sempre, mas o Ricochet veio fazer o desafio pelo North American Title e o campeão fugiu e digamos sujou sua barra, espero que o Ricochet tire esse título dele porque a situação está parecida com a do Lesnar, mas eu respeito o Adam Cole e não respeito o Lesnar.
    Na divisão feminina Lacey Evans venceu muito bem, como já vem sendo há algumas semanas e olha poderia ter uma chance acima hein. Também muito bom ver a Bianca Belair por lá, espero que ela se recupere bem de sua lesão e a assinatura de contrato entre Shayna e Kairi, como sempre cheia de emoção e situações, vai ser uma luta dura pelo título.
    E sobre a luta pelo NXT Title, uma pena o Aleister ter perdido, ele vinha sendo um ótimo campeão, mas o maior heel de todos os tempos do NXT, Tommaso Ciampa venceu até que bem, mas contou com uma ajuda indireta do Gargano hein, não pensei que o Johnny pudesse ter um lado meio sujo, mas espero que o Aleister Black volte com tudo pra reconquistar o título no TakeOver Brooklyn!!

    • João há 10 meses

      Deixei de ler desde o momento em que escreveste que não respeitas o atleta mais titulado da história dos desportos de luta de todo o mundo.

      • Bem respondido, mas sabemos que o lesnar neste momento superou o numero de haters que o reigns tem

      • Kauê Silva há 10 meses

        Eu realmente exagerei quando disse isso, me perdoe, mas não me conformo com um campeão do calibre dele que não defende seu título regularmente.

  4. Anónimo há 10 meses

    Boa Ciampa !!!

  5. Rollins4everfan há 10 meses

    o ciampa e o adam cole têm que subir ao main roster que qualidade !

  6. Tobias há 10 meses

    Ciampa é muito foda, que heel de qualidade, odiado demais, faz excelentes combates e na raça, apelando pra tudo se tornou campeão. Ele como não tem theme song, vê-lo comemorando sob vaias é abissal,.

  7. Lutaça entre o Black e o Ciampa, só não foi melhor pra mim por ter tomado o spoiler aqui no site, mas enfim. Por mais que seja verdade que o Aleister merecia bem mais tempo de reinado, o fato é o Ciampa e o Gargano logo subirão pro MR e não dar o título à esses seria um baita pecado, infelizmente o reinado do Black teve que ser sacrificado. Outro fator que gostei foi por não ter acontecido num Takeover, fazia muito tempo que o título não mudava de mãos assim, foi muito imprevisível e extremamente bem construído Imaginei que o campeão perderia depois de uma interferência do Gargano, vamos ver como vai desenrolar essa história.

Comentar