A WWE transmitiu esta terça-feira mais uma edição do NXT 2.0 na USA Network, a partir do renovado Capitol Wrestling Center em Orlando, Flórida, e desta vez foi o especial Halloween Havoc.

Resultados

– Toxic Attraction (Gigi Dolin & Jacy Jayne) venceram NXT Women’s Tag Team Champions Io Shirai & Zoey Stark e Indi Hartwell & Persia Pirotta (Scareway To Hell Ladder Match)
– Joe Gacy venceu Malik Blade
– NXT Cruiserweight Champion Roderick Strong venceu Odyssey Jones (Non-Title Match)
– Mandy Rose venceu NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez (Trick or Street Fight)
– Imperium (Fabian Aichner & Marcel Barthel) venceram NXT Tag Team Champions MSK (Nash Carter & Wes Lee) (Lumberjack Match)
– NXT Champion Tommaso Ciampa venceu Bron Breakker

Report

O NXT abriu com um video package apresentado por Chucky, onde nos foram apresentados todos os combates que irão acontecer neste especial Halloween Havoc.

– Toxic Attraction (Gigi Dolin & Jacy Jayne) venceram NXT Women’s Tag Team Champions Io Shirai & Zoey Stark e Indi Hartwell & Persia Pirotta (Scareway To Hell Ladder Match): Este Triple Threat Tag Team Ladder Match começou de forma caótica, com as três equipas a lutarem tanto dentro como fora do ringue e usando vários escadotes.

As seis lutadoras tentaram vencer desde cedo, mas neste tipo de combate isso nunca acontece e o que tivemos foram vários contra-ataques onde os escadotes foram armas nas mãos das seis, que decidiram ser bastante agressivas.

Já depois de Indi Hartwell ter atirado Io Shirai do topo de um escadote de cabeça contra outro escadote que estava fora do ringue, parecia que a dupla australiana ia ser campeã.

No entanto, Gigi Dolin atirou Indi Hartwell do escadote abaixo e tirou os títulos. As Toxic Attraction tornaram-se assim são as novas NXT Women’s Tag Team Champions!

A seguir tivemos Trick Williams e Carmelo Hayes a chegar à mansão assombrada de Dexter Lumis, sendo que tanto este como Johnny Gargano estavam a ver os dois lutadores a chegar. O duo liderado pelo NXT North American Champion lá entrou a medo na mansão, sendo que esta foi só a primeira parte da busca pelo título.

De seguida foi transmitido um video package a promover o regresso de Kay Lee Ray.

A seguir tivemos Grayson Waller vestido de vampiro a falar da festa do Halloween que está a acontecer no NXT, tendo sido interrompido por Joe Gacy, que acusou o Halloween de ser uma festa pouco inclusiva e algo que sexualiza as pessoas.

– Joe Gacy venceu Malik Blade: Joe Gacy dominou este combate desde cedo, sendo que tivemos Harland fora do ringue a querer atacar Malik Blade, mas Joe Gacy não deixou e o sinistro lutador acatou as ordens do fala-barato. No final, Joe Gacy acertou o seu Lariat para vencer este embate.

Nos bastidores tivemos a festa de Halloween de Grayson Waller, onde este interagiu com vários lutadores. Quando este estava a falar com duas raparigas, Cameron Grimes apareceu, mas as duas raparigas não gostaram e saíram de cena.

No ringue tivemos Malcolm Bivens a lançar um open challenge a qualquer lutador do NXT e que este podia escolher qualquer lutador da Diamond Mine. Odyssey Jones respondeu ao desafio e quis enfrentar Roderick Strong, mas o NXT Cruiserweight Championship não estaria em jogo.

– NXT Cruiserweight Champion Roderick Strong venceu Odyssey Jones (Non-Title Match): A força de Odyssey Jones foi um problema para o “Messiah of the Backbreaker” desde o primeiro segundo, mas a maior experiência e agressividade deste fez com que virasse o combate a seu favor.

Depois de um domínio de alguns minutos, Odyssey Jones voltou ao controlo do combate, mas os Creed Brothers distraíram o poderoso lutador e Roderick Strong com uma grande joelhada venceu este embate.

Nos bastidores, os Imperium (Marcel Barthel & Fabian Aichner) foram entrevistados e explicaram que a noite de hoje é sobre eles e que irão reconquistar os NXT Tag Team Championships.

Na segunda passagem pela festa de Halloween de Grayson Waller, tudo estava a correr bem, isto até Robert Stone meter-se com Xyon Quinn, que se fartou do manager e fê-lo atravessar a mesa que estava cheia de comida.

Antes do próximo combate começar, rodou-se a roda para saber qual seria a estipulação, sendo que ficou à escolha de Chucky, que decidiu que o NXT Women’s Championship Match seria um Trick or Street Fight.

– Mandy Rose venceu NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez (Trick or Street Fight): Raquel Gonzalez entrou melhor, mas Mandy Rose fora do ringue pegou num kendo stick e virou o combate a seu favor. A candidata principal dominou de forma bastante agressiva, mas a NXT Women’s Champion usou a sua força e também um kendo stick para dar alguma luta, mas a líder das Toxic Attraction continuou melhor, pelo menos até a campeã usar um extintor.

Dentro do ringue, Raquel Gonzalez colocou-se ao volante desta Street Fight, mas com o passar dos minutos o cansaço começou a ser visível nas duas lutadoras. Apesar de Raquel Gonzalez ter feito Mandy Rose atravessar uma mesa, de forma inesperada esta sobreviveu, o que frustrou a campeã.

No final, uma pessoa mascarada atacou Raquel Gonzalez com uma pá, o que abriu espaço para que Mandy Rose com uma grande joelhada vencesse o combate e conquistasse o NXT Women’s Championship!

Já depois da nova NXT Women’s Champion Mandy Rose ter saído de cena juntamente com as novas NXT Women’s Tag Team Champions Gigi Dolin & Jacy Jayne, tivemos Dakota Kai a revelar-se como a pessoa mascarada que arruinou o reinado de Raquel Gonzalez, retomando assim a rivalidade entre as duas.

De regresso à mansão assombrada de Dexter Lumis, Carmelo Hayes e Trick Williams continuaram de forma “corajosa” à procura dos rivais e do NXT North American Championship, sendo que encontraram Andre Chase, que foi convencido a ir à frente do grupo.

Depois de vários sustos, Carmelo Hayes e Trick Williams encontraram o NXT North American Championship, mas acabaram por fugir com medo de tudo o que existe dentro da mansão assombrada de Dexter Lumis.

Grayson Waller estava no ringue a falar do Halloween e foi interrompido por LA Knight, que deveria ter sido o host deste Halloween Havoc, mas os dois foram interrompidos pelo estreante Solo Sikoa, que destruiu Grayson Waller. LA Knight demonstrou ser muito mais inteligente e saiu de ringue, antes de sofrer o mesmo destino.

No balneário vimos uma pequena interação entre Chucky e Bron Breakker.

Antes do próximo combate tivemos mais uma vez a roda do Halloween Havoc a decidir qual a estipulação do mesmo e foi decidido que seria um Lumberjack Match.

– Imperium (Fabian Aichner & Marcel Barthel) venceram NXT Tag Team Champions MSK (Nash Carter & Wes Lee) (Lumberjack Match): Os Imperium começaram melhor, mas os campeões colocaram alguma velocidade e isso causou o caos quando atiraram os seus adversários para fora do ringue, com o duo de Fabian Aichner & Marcel Barthel a envolver-se em confusão com alguns dos lumberjacks.

Ainda assim os Imperium conseguiram isolar Nash Carter durante alguns minutos, mas este conseguiu fazer o tag a Wes Lee, que entrou com tudo. A partir daqui foi o caos completo, com os quatro a lutarem dentro do ringue e também fora deste, onde os lumberjacks decidiram também começar à pancada entre eles, sendo que foram todos levados para os bastidores.

As quase vitórias foram sendo cada vez mais frequentes, com as duas equipas para dar tudo para saírem do Halloween Havoc com os NXT Tag Team Championships. No final, os Imperium viraram o ímpeto a seu favor com vários golpes e com o seu finisher característico fizeram o pin a Wes Lee, e são assim tornaram-se novamente NXT Tag Team Champions!

A seguir tivemos um video package a promover o combate pelo NXT Championship entre o campeão Tommaso Ciampa e Bron Breakker.

– NXT Champion Tommaso Ciampa venceu Bron Breakker: Este embate mostrou que os dois lutadores tinham duas estratégias bem diferentes, Bron Breakker a querer usar a sua força, enquanto Tommaso Ciampa foi usando a sua experiência e técnica.

O combate foi bastante equilibrado, com ambos a serem bastante agressivos, com a maior capacidade cardiovascular de Tommaso Ciampa a parecer dar alguma vantagem ao campeão. Porém, a força do jovem lutador foi sempre um problema para o “Psycho Killer”.

As quase vitórias foram sendo cada vez mais frequentes e fora do ringue parecia que o NXT Champion tinha virado o combate a seu favor quando acertou um DDT no betão, tendo já dentro do ringue acertado o seu Fairytale Ending, mas Bron Breakker sobreviveu.

Isto tirou o “Psycho Killer” do sério, que usou a sua frustração para acertar várias joelhadas e mais um Fairytale Ending em Bron Breakker e assim reter o NXT Championship.


O que achaste deste NXT Halloween Havoc?

17 Comentários

  1. El Cuebro1 mês

    Temos novas campeãs amigos, gosto muito desse duo de Gigi e Jacy, acho que os títulos estão em boas mãos!

    • Tito Miguel1 mês

      O primeiro trio a ser campeã véi

    • El Cuebro1 mês

      Pois é, toda a stable, isso é realmente notável, elas tem tudo para dominar, mas vamos ver como será perante ao futuro, Dakota, Kay, Indi & Persia, etc!

  2. André Ferreir1 mês

    Aaaaa toxic gigi e jacy estou tão feliz essa meninas merecem muitooo

  3. Kevin1 mês

    O que aconteceu com a Kay Lee Ray?

    • El Cuebro1 mês

      Simplesmente não dá para entender, quem sabe ela possa vir a próxima contender ao título feminino, mas ela simplesmente sumiu do mapa!

  4. Victor Silva1 mês

    Um ótimo show até agora. Os Spots do Triple Threat Match foram insanos, destaque para a Shirai. Parabéns as Toxic Attraction pelas conquistas, feliz por elas! Essa Stable veio com tudo! Esse Joe Gacy tem muitas semelhanças com o Kevin Owens, aparência, timbre de voz, até os movimentos no ringue. Só não entendo a Gimmick dele, o que ele é? Um tipo de Coach? só por isso o Gacy é mais um que tem minha atenção nessa nova “safra” de Superstars. Por enquanto o NXT 2.0 tem sido muito bom e tem mantido um padrão adequado de show. A temática de Holloween Havoc deu um toque especial hoje

  5. André Ferreir1 mês

    O nome dela é MANDY ROSE

  6. nzo1 mês

    Quase todos os títulos mudaram menos o do tomaso ciampa , quem sabe em outro evento o bron breaker se torne nxt champion

  7. Kay Orton1 mês

    NXT sempre foi ótimo em contar histórias dentro e fora do ringue e AINDA permanece assim. Eu falei desde o primeiro NXT 2.0 que tudo era estranho e posso dizer uma coisa hoje, Ciampa Vs Bron Beakker é algo que precisava acontecer pois ambos são babyfaces, e nenhum deles precisa de uma heel turn.

    Eu particularmente acho a crowd desse NXT um grande saco de merda pra fazer algum parâmetro, mas foi interresante ver como em muitos momentos tudo estava 50% pra cada lado, a crowd se igualou em querer Bron campeão mas ao mesmo tempo querer uma imagem do antigo NXT como Ciampa representando, isso faz Ciampa permanecer respeitado como campeão e Bron Beakker consegue o carisma e apoio do público com o passar dos dias.

    Eu gostei demais dessa dinâmica e dessa rivalidade, uma ÓTIMA apresentação do Bron Breakker (se esquecermos o botch 🤣🤣) não me incomoda essa rivalidade continuar pq está sendo bom, tem muita história e sentimento dentro disso.

    • Dreamer1 mês

      Ironicamente, o “botch” adicionou muito. Vimos que o Ciampa ganhou pela experiência e tenacidade, ao mesmo tempo que a arma do Bron era simplesmente sua explosão. Aquele erro ajudou a cimentar a ideia de inexperiência e adicionou uma camada a mais de storytelling ao meu ver.

    • Kay Orton1 mês

      Pior que é verdade, os “botchs” já vem de família, então não poderia faltar KKKKKKKKKKKK e realmente, trazer o clima de experiência pro NXT e os novatos NXT 2.0 se atrapalhando, são histórias concretas, prontas e muito boas se bem feitas.
      Até os erros conseguem ser bem aproveitados se os criativos forem inteligentes, e isso é bom demais.

  8. Facebook Profile photo
    Rafael Pereira1 mês

    O Solo Sikoa é irmão Ou primo dos Usos?

  9. Para primeiro “show especial” deste NXT 2.0, devo dizer que curti de grande parte do que aconteceu. Destaco os combates pelo NXT Women’s Championship (com aquele final interessante em que Dakota Kai aparece para custar o título a Raquel Gonzalez) e NXT Tag Team Championships, a estreia de Solo Sikoa e os segmentos engraçados entre Carmelo Hayes & Trick Williams e o resto da malta na casa assombrada.

  10. Bruno Vieira1 mês

    Destes novos recrutas do NXT até agora tenho debaixo de olho:
    -Joe Gacy (não sei o que há nele, mas faz-me lembrar o Kevin Owens
    -Briggs and Brooks: uma equipa estilo lenhadores redneck que acho bastante interessante. Faz-me lembrar o Ted Murdoch e o Lance Cade
    -Xyon Quinn: futuro Aleister Black, mark my worda
    -Bron Breaker: parece óbvio
    -Toda a Diamond Mine
    -Persia Pirotta: há algo nela, não há dúvida, mas acho que precisa de mais um bocado de ring work

    O segmento da casa assombrada foi lindo!
    E podemos parar para pensar em como a Cara do Solo Sikoa é o focinho dos irmão mais velhos Jimmy e Jey? Tipo,parecem trigémeos

  11. Anónimo1 mês

    Bom NXT. Bons combates pelos títulos de Tag Team. Destaco também a estreia do Solo Sikoa o irmão dos Usos. Também achei divertido o segmento da casa assombrada.