WWE transmitiu esta terça-feira mais uma edição do NXT na USA Network, a partir do Capitol Wrestling Center em Orlando, Flórida, a última antes do Great American Bash de dia 6 de Julho.

Resultados

– Io Shirai & Zoey Stark venceram Ember Moon & Shotzi Blackheart e NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez & Dakota Kai (NXT Women’s Tag Team Championships Nº1 Contender’s Triple Threat Match)
– Roderick Strong venceu Asher Hale
– Cameron Grimes venceu Ari Sterling
– Tian Sha (Xia Li & Boa) venceram Mercedes Martinez & Jake Atlas (Mixed Tag Team Match) (por decisão do árbitro)
– Isaiah “Swerve” Scott venceu NXT North American Champion Bronson Reed

Report

– Io Shirai & Zoey Stark venceram Ember Moon & Shotzi Blackheart e NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez & Dakota Kai (NXT Women’s Tag Team Championships Nº1 Contender’s Triple Threat Match): O caos esteve instalado desde o primeiro segundo, sendo que com as três equipas fizeram questão de não ligar muito às regras e o árbitro acabou por “deixar jogar”, em especial quando as lutadoras decidiram que estava na hora de voar para fora do ringue.

Ainda assim, a força da NXT Women’s Champion Raquel Gonzalez ia sendo um problema, mas uma lutadora ter o ímpeto durante muito tempo num combate deste género é quase impossível. Com o passar dos minutos, o cansaço foi começando a aparecer e com isso as quase vitórias foram surgindo por parte das três equipas.

No final, depois de uma grande confusão, Io Shirai acertou o seu Moonsault em Dakota Kai e assim a “Genius of The Sky” e Zoey Stark venceram este combate, tornando-se as as candidatas principais aos NXT Women’s Tag Team Championships de Candice LeRae & Indi Hartwell.

Quando o NXT Champion Karrion Kross estava a chegar ao Capitol Wrestling Center foi atacado por Johnny Gargano, mas os dois foram rapidamente separados pelos seguranças do NXT.

A seguir foi anunciado que daqui a duas semanas começará o novo NXT Breakout Tournament.

Nos bastidores tivemos o NXT North American Champion Bronson Reed, que estava a ser entrevistado e foi interrompido pelos Hit Row. Depois de uma troca acesa de palavras, ficou marcado um combate entre o campeão e Isaiah “Swerve” Scott pelo título.

Já no ringue, o NXT Champion Karrion Kross fez logo questão de desafiar Johnny Gargano a aparecer e tentar atacá-lo novamente. Johnny Gargano começou então a dirigir-se ao ringue e a dizer que Karrion Kross estava em sua casa.

Do nada, Austin Theory atacou o NXT Champion pelas costas e tivemos então uma grande brawl a três que teve de ser parada pelos seguranças de Samoa Joe. Ainda assim, quem se saiu a rir foi Johnny Gargano, que acertou um Superkick no campeão enquanto este estava a ser agarrado por vários seguranças.

A seguir tivemos mais uma vez imagens da bateria a carregar e esta já está nos 61%.

– Roderick Strong venceu Asher Hale: Roderick Strong entrou de forma bastante agressiva neste combate, usando a sua técnica e os seus strikes poderosos para dominar sem problema. Asher Hale ainda tentou dar luta, mas o “Messiah of the Backbreaker” com uma submissão fez o seu adversário desistir.

Assim que o combate terminou, Malcolm Bivens pegou no microfone e explicou que isto era só o princípio do domínio da Diamond Mine.

– Cameron Grimes venceu Ari Sterling: Ari Sterling conseguiu surpreender durante os primeiros minutos e dominou Cameron Grimes, mas este usou a sua agilidade e virou o combate do nada, tendo acertado o seu Cave-in e assim venceu este combate.

Quando o combate dominou, tivemos o Million Dollar Champion LA Knight a aparecer, mas este pouco ou nada pôde falar, pois Cameron Grimes fez logo questão de desafiar o campeão para um combate no NXT Great American Bash. LA Knight à primeira rejeitou o desafio, mas depois aceitou com uma condição: se Cameron Grimes perder, este torna-se o seu mordomo.

Nos bastidores, Io Shirai & Zoey Stark iam ser entrevistadas, mas as NXT Women’s Tag Team Champions Candice LeRae & Indi Hartwell foram provocar as suas rivais, que prometeram que iriam se tornar as novas campeãs.

De regresso ao ringue, Kyle O’Reilly apareceu e explicou que para si o que interessa é lutar contra outros lutadores e ver qual deles é o melhor, mas que a sua rivalidade com Adam Cole é somente para provar que pode ser NXT Champion e então chamou o seu rival. Quando Adam Cole já se dirigia ao ringue, Samoa Joe apareceu com a sua equipa de seguranças, para que não acontecesse mais nenhuma brawl entre eles.

Os dois começaram a trocar insultos, sendo que Adam Cole afirmou que ele é responsável pelo sucesso da carreira de Kyle O’Reilly e que todos, inclusive a mulher de Kyle O’Reilly, sabem que ele é a estrela do NXT. Este ficou irritadíssimo com estas afirmações e o ambiente começou a aquecer, por mais que Samoa Joe pedisse calma.

No final, Adam Cole tentou atacar Kyle O’Reilly à traição, mas este conseguiu aplicar uma Knee Bar enquanto Samoa Joe ficava a ver, tendo deixado o ex-NXT Champion sofrer um pouco antes de chamar os seus seguranças.

A seguir tivemos mais uma vez imagens da bateria a carregar e esta já está nos 71%.

– Tian Sha (Xia Li & Boa) venceram Mercedes Martinez & Jake Atlas (Mixed Tag Team Match) (por decisão do árbitro): Este combate começou de forma bastante agressiva, mas com nenhuma das equipas a conseguir ter o ímpeto a seu favor, pelo menos até Boa usar a sua força e começar a controlar Jake Atlas. Quando este conseguiu fazer o tag a Mercedes Martinez, esta virou o combate do avesso, sendo que a veterana e Jake Atlas até fizeram algumas golpes em equipa.

Mercedes Martinez estava no controlo do combate quando Mei Ying a distraiu, e isso abriu espaço para que Xia Li com o seu pontapé vencesse o combate.

A seguir tivemos o cara a cara entre os NXT Tag Team Champion MSK (Nash Carter & Wes Lee) e a dupla de Tommaso Ciampa & Timothy Thatcher, com os candidatos principais a fizerem questão de explicar que estão motivados e que os campeões são os menos favoritos do combate do NXT Great American Bash.

Os MSK não gostaram das palavras e explicaram que as pessoas têm de começar a respeitá-los, pois eles é que são os campeões. Nash Carter deu então um estalo a Tommaso Ciampa, mas este ficou super calmo, enquanto Timothy Thatcher já estava preparado para lutar, mas o “Psycho Killer” não deixou.

O segmento terminou com Tommaso Ciampa a falar ao ouvido de Nash Carter, para este na próxima semana trazer o seu orgulho e os títulos com ele, pois ele vai tirar-lhes os dois, tendo terminado esta interacção com um beijo no cara.

No escritório de William Regal, este estava a ser entrevistado mas foi interrompido por Sarray, que de forma educada pediu um combate contra Toni Storm.

Nas imagens seguintes, vimos a bateria já nos 81%.

No parque de estacionamento do Capitol Wrestling Center, o NXT Champion Karrion Kross estava de saída, mas foi atacado novamente por Austin Theory e Johnny Gargano, e até parecia que o líder dos The Way ia levar a melhor, mas o campeão aguentou esta ofensiva e aplicou o seu Krossjacket. Quando o NXT Champion entrou no carro e acelerou para atropelar Johnny Gargano, o líder dos The Way foi salvo por Samoa Joe.

– Isaiah “Swerve” Scott venceu NXT North American Champion Bronson Reed: A força de Bronson Reed fez com que este controlasse os primeiros minutos deste main event sem grandes problemas, sendo que o líder dos Hit Row fora do ringue lá conseguiu virar o ímpeto a seu favor.

Depois de um domínio de alguns minutos, o “Colossal” voltou a virar o combate a seu favor, mas o que acabámos por ter foi um final extremamente equilibrado e com várias false finishes por parte dos dois lutadores.

No final, Bronson Reed parecia que ia vencer, mas os Hit Row causaram uma distracção que foi mais que suficiente para que quando o “Colossal” fosse entrar em ringue, Isaiah “Swerve” Scott, primeiro com um grande pontapé e depois com um 450 Splash, vencesse o combate e conquistasse o NXT North American Championship.


O que achaste do WWE NXT desta semana?

20 Comentários

  1. Kay Orton1 mês

    NXT ✅
    nunca cai de nível !!!!
    sempre tem um ritmo, uma história, é muito gostoso de assistir.
    RAW ✅

    Desculpe Bronson vc é um dos meus favoritos, infelizmente hoje vc teve o que já estava predestinando…..

    Swerve is NEEEEW NA Champion
    if you didn’t know, NOW YOU KNOW

    HitRow Records Dominance 🎤💸💿

  2. Abc1 mês

    Escobar merecia mais que o scott

    • Tambem acho, mas o scott ja merecia ter un tifulo… por isso nao é descabido, o bronson esta mais que visto em breve estará no main roster

  3. Marcus1 mês

    Bronson Reed deve ir para o main roster segundo as noticias.

  4. Marcus1 mês

    Difícil um face tem um reinado longo no NXT.

  5. filipe1 mês

    Cade o Dexter Lumisssss? porra já fez mais de 2 semanas sem o Dexter Lumis .nos Shows

  6. Facebook Profile photo

    Bronson sem titulo é sinal de main roster

  7. Mais um ótimo show. O NXT continua a apresentar muita qualidade (estas últimas 3 semanas foram particularmente bem conseguidas). Deste episódio destaco o opener divertido, o seguimento da rivalidade entre Cameron Grimes e LA Knight, o segmento entre Adam Cole e Kyle O’Reilly e o main event com uma mudança de campeão algo surpreendente.
    Agora, aquele final do combate de tag team misto é que correu mal: Mercedes Martinez ficou visivelmente KO e não só tiveram de terminar o combate sem haver pin prévio como também não voltaram a mostrar a veterana depois do pontapé de Xia Li. Fora esse acidente, diria que o resto do programa cumpriu o propósito de dar mais interesse ao Great American Bash.

  8. Gostei:
    – Raquel González & Dakota Kai vs Io Shirai & Zoey Stark vs Ember Moon & Shotzi Blackheart. Um ótimo combate para iniciar o NXT. Todas as mulheres envolvidas tiveram uma oportunidade de mostrar o seu melhor. A sequência com os dives para fora do ring foi boa, bem como a sequência de finishers que terminou o combate. Io e Zoey tornaram-se as #1 Contenders após um belo moonsault (como sempre) de Io Shirai.
    – O NXT Champion, Karrion Kross aparece para fazer uma promo. Ele quer Johnny Gargano, devido ao confronto que estes 2 tinham tido antes do show. Gargano aparece e diz que tem mais talento e inteligência que Kross, e após isto, Austin Theory ataca Karrion Kross por trás. Um ataque de 2-1 que rapidamente Karrion Kross conseguiu revirar. Kross estava prestes a lesionar gravemente Johnny Gargano até Samoa Joe e segurança impedirem. Um ótimo segmento para avançar esta feud.
    – O líder dos Diamond Mine, Roderick Strong enfrenta Asher Hale. Strong praticou um estilo muito mais técnico aqui. O combate foi dominado por Roderick Strong, que venceu com um Butterfly Lock. Malcolm Bivens fez uma pequena promo após o combate.
    – Nova squash, desta vez Cameron Grimes vs Ari Sterling. O Ari Sterling ainda pode mostrar o que vale neste combate, mas Cameron Grimes conseguiu a vitória rapidamente. Nada de mau, mas o combate teria sido beneficiado com mais algum tempo.
    – Após o combate, LA Knight chega e os 2 entram numa guerra de palavras. Grimes quer um combate pelo Million Dollar Championship na próxima semana. Knight aceita, sob uma condição: Se Grimes perder, este tem que se tornar o seu empregado. Grimes aceita. Destaco que o Knight a chamar o público de incels meteu-me a rir que nem um doido.
    – Promo entre Adam Cole e Kyle O’Reilly. Este segmento foi absolutamente brutal. Samoa Joe interrompeu logo no início para garantir que não havia porrada. Cole fez uma promo brutal, disse que O’Reilly era um zero sem ele e mencionou a mulher de O’Reilly. Bem, essa menção bastou para começar a luta entre ambos. O’Reilly prendeu Cole num Heel Hook. E com Cole a berrar a Samoa Joe para fazer com que Kyle parasse, Joe ficou a ver. Só quando O’Reilly começou a largá-lo, Joe enviou a segurança para o ring. Um segmento que recomendo a verem!
    – MSK e Ciampa & Thatcher tiveram um face-to-face. Ciampa & Thatcher estão ansiosos para ganhar os NXT Tag Titles. MSK agiram como os heels e Carter dá uma chapada em Ciampa. Thatcher quer reagir mas Ciampa impede o duplo homicídio de acontecer. O Psycho Killer informa-os que hoje eles safaram-se, mas na próxima semana, Ciampa & Thatcher vão ficar com o orgulho e os títulos de MSK, antes de beijar Carter na bochecha. O segmento termina com MSK a segurarem os títulos bem alto. Este segmento deixou-me com um bom hype para o combate.
    – Karrion Kross e Scarlett estavam prestes a ir-se embora até Austin Theory tentar atacar Kross. Theory leva com a porta do carro mas Johnny ataca Kross pelas costas e ataca-o com essa mesma porta. Mas os efeitos são reduzidos, pois Kross levanta-se imediatamente e aplica um Kross Jacket em Gargano. Kross ainda atacou Theory mais uma vez antes de ir embora. Samoa Joe ajuda Johnny Gargano a levantar-se. Mais um bom segmento para progredir esta feud.
    – O líder dos Hit Row Records, Isaiah Scott desafia Bronson Reed pelo NXT North American Championship no main event. O combate foi ótimo, com Scott a focar-se na perna de Bronson Reed. Scott tentou de tudo mas Reed não ia abaixo. Os membros do Hit Row tentaram atacar Reed, com Top Dolla a atirar-se comicamente pelo vidro e Adonis a segui-lo. Mas esta distração bastou para Reed sofrer um 450 Splash e, numa surpresa total, Isaiah Scott é o novo NXT North American Champion.

    Não Gostei:
    – Mercedes Martínez & Jake Atlas vs Tian Sha (Xia Li & Boa). O combate foi decente, com Tian Sha a ganharam após referee stoppage. Mercedes foi distraída por Mei Ying, isto deu uma oportunidade a Xia que acertou com um Black Mass a-la Aleister Black. Xia avançou para o pin e Mercedes teve os ombros levantados o tempo inteiro, com claras dificuldades de dar kick-out. Não sei se o final foi legítimo ou o planeado. Espero que esteja tudo bem com Mercedes.

    Overall: 7/10. Em termos de combates, acho que a qualidade piorou comparativamente à semana passada. Os segmentos foram realmente o melhor deste episódio, com os The Way a terem o grande destaque. Acredito que tinha sido bom uma pequena promo para conhecermos melhor os membros dos Diamond Mine.

    • Soares, estive a ver alguns destes teus comentários/resumos dos shows, e apesar de ter algumas semelhanças com os Ups & Downs do WhatCulture, acho que lhe falta um pouco mais de opinião e menos de descrição do que aconteceu. Faço-me entender?

      Ainda assim, se quiseres, usa este formulário para submeteres este teu conteúdo no nosso site: https://wrestling.pt/comunidade/novo-post/

      Estamos a desenvolver uma zona para a Comunidade, dando a possibilidade de qualquer pessoa escrever conteúdos (notícias, artigos, etc) no site, e podes ser o primeiro a fazê-lo. 😉

    • Uma boa rubrica seria falar de lutadores do passado que nos deixaram boas ou más memorias, falar um pouco da sua vida como wrestler e dar a conhecer a mais pessoal principalmente os mais novos…

      Por exemplo, o Gangrel foi alguem diferenciado na atittude era, mas a malta mais nova se o conhecer é devido a ele estar jogavel no wwe 13 ou assim, nao sabem nada dele

    • Facebook Profile photo

      Concordo com o Luís acho que falta ainda um pouco de opinião. E já agora Salvador, seria algo brutal ter uma zona para a Comunidade, às vezes de tantos artigos e listas que vejo, dá vontade de fazer as minhas xD.

    • Obrigado pela resposta, Luís. Também estive a rever alguns dos comentários e realmente a parte da opinião fica a desejar. Vou tentar incorporar mais alguma opinião. Eu acho que vou continuar aqui pela caixa dos comentários, mas essa ideia de escrever conteúdo para o site vai ficar em mente. Talvez um dia, quem saiba.

  9. Mais uma semana sem Lumis??? Alguem .e pode explicar o que se passa

    • filipe1 mês

      Eu Também queria saber por quê não faz sentido ele ficar 2 semanas sem aparece.

  10. El Cuebro1 mês

    Eu notei ali como seguranças na hora da encarada do Adam e do Kyle o Cal Bloom, Bronson Rechsteiner e os irmãos Kasper?

  11. Anónimo1 mês

    Mais um bom NXT. Bom segmento entre Adam Cole e Kyle O’Reilly, e bom main event.

  12. Mais um bom NXT.
    Destaco:
    – segmento entre o Adam Cole e o Kyle O’Reilly, com boas promos e depois o Joe a sair à patrão
    – main event de boa qualidade
    – segmentos do Kross e Gargano