WWE NXT UK (26/12/2018): NXT UK Women’s Championship em jogo

há 4 semanas Resultados 1

A WWE transmitiu esta quarta-feira na WWE Network mais uma edição do seu novo programa semanal, o NXT UK. Este novo programa tem como foco lutadores do Reino Unido ou que lutem na Europa e conta com a participação da portuguesa “Killer” Kelly.

A edição desta semana teve novamente a transmissão de dois episódios.

O main-event do 1º episódio foi um combate entre Joe Coffey e Ligero. Já o main-event do 2º episódio foi um combate pelo NXT UK Women’s Championship entre a campeã Rhea Ripley e Deonna Purrazzo.

No entanto, o grande destaque neste duplo episódio vai para o anúncio por parte do General Manager do NXT UK Johnny Saint, que no dia 12 de Janeiro iremos ter o primeiro NXT UK TakeOver, que será em Blackpool. Ficando também marcado um combate entre Rhea Ripley e Toni Storm.

Ver combates marcados para o WWE NXT UK TakeOver: Blackpool

Os outros combates da noite foram: um combate entre Jordan Devlin e Kenny Williams; um entre Eddie Dennis e Dan Maloney que acabou em desqualificação; um Tag Team Match que resultou numa vitória rápida de Saxon Huxley & Tyson T-Bonee; um outro combate de Tag Team entre a equipa de Zack Gibson & James Drake e a equipa de Mike Hitchman & Jay Melrose; vimos Eddie Denis a atacar Dave Mastiff antes do seu combate; e por fim vimos o combate entre Marcel Barthel e Mark Andrews.

Resultados

1º Episódio

– Jordan Devlin venceu Kenny Williams
– Eddie Denis venceu Dan Maloney (por desqualificação)
– Saxon Huxley & Tyson T-Bone venceram Tucker & James Starz
– Joe Coffey venceu Ligero

2º Episódio

– Zack Gibson & James Drake venceram “Wildboar” Mike Hitchman & “Primate” Jay Melrose
– Marcel Barthel venceu Mark Andrews
– NXT UK Women’s Champion Rhea Ripley venceu Deonna Purrazzo


O que achaste da edição desta semana do WWE NXT UK?

1 Comentário

  1. wesley há 4 semanas

    Não entendo por que diabos eles sempre vem com essa ideia de merda de mudar a música da Rhea. A primeira era tão boa, depois mudaram para uma boazinha (que surpreendentemente tinha uma palavrão), agora uma que não é ruim, mas não tão boa quanto as anteriores.

Comentar