WWE Raw (21/01/2019): The Boss ganha vantagem

há 1 mês Resultados 12

A WWE realizou esta segunda-feira mais uma edição do Monday Night Raw, a última antes do Royal Rumble deste domingo, o pay-per-view que dá início à “Road To WrestleMania”.

Como main-event deste Raw tivemos um Tag Team Match entre a equipa da Raw Women’s Champion Ronda Rousey & Natalya e a equipa da candidata principal Sasha Banks & Bayley. O combate foi ganho pela equipa de Sasha Banks & Bayley quando Sasha Banks fez Natalya desistir com o Bank Statement. Depois do combate, a campeã e a candidata principal ficaram cara a cara e tiveram de ser separadas por árbitros.

Ver combates marcados para o WWE Royal Rumble

Outro grande destaque vai para o segmento inicial do show, que começou com o WWE Universal Champion Brock Lesnar e o seu manager Paul Heyman no ringue, até que foram interrompidos por Vince McMahon, Braun Strowman e pelo candidato ao título Finn Bálor. Depois de uma troca de palavras, ficou marcado o primeiro combate da noite, entre Finn Bálor e Braun Strowman. O combate acabou em desqualificação quando Finn Bálor atacou Brock Lesnar, que estava a ver o combate da parte de fora do ringue, que acabou por retaliar com um F-5 no lutador irlandês!

No feminino, destacar mais um Moment of Bliss, onde Alexa Bliss declarou a sua entrada no Women’s Royal Rumble Match. A ex-campeã foi interrompida por Lacey Evans, que aproveitou para também anunciar a sua presença no combate de domingo.

Por fim, mencionar ainda: o combate entre o Intercontinental Champion Bobby Lashley e Apollo Crews; o combate entre dois favoritos à vitória do Men’s Royal Rumble Match, Seth Rollins e Drew McIntyre; um 6-Man Tag Team Match entre os Lucha House Party e a equipa de Jinder Mahal e os Singh Brothers; o embate entre Baron Corbin e Elias; a estreia em ringue dos Heavy Machinery; e um combate entre os Raw Tag Team Champions Bobby Roode & Chad Gable contra os Revival, que teve como árbitro Curt Hawkins e, depois de mais uma derrota dos Revival, estes atacaram Curt Hawkins, que foi salvo pelo seu amigo Zack Ryder.

Resultados

– Finn Bálor venceu Braun Strowman (por desqualificação)
– Intercontinental Champion Bobby Lashley venceu Apollo Crews
– Seth Rollins venceu Drew McIntyre
– The Lucha House Party venceram Jinder Mahal & The Singh Brothers
– Baron Corbin venceu Elias
– Heavy Machinery venceram The Ascension
– Raw Tag Team Champions Bobby Roode & Chad Gable venceram The Revival (árbitro: Curt Hawkins)
– The Boss ‘N’ Hug Connection (Sasha Banks & Bayley) venceram Raw Women’s Champion Ronda Rousey & Natalya


O que achaste do WWE Raw desta semana?

12 Comentários

  1. Igor há 1 mês

    Achei super legal o Zack Ryder salvando Curt Hawkins. Nostalgia pura ver esse dois juntos.

  2. Queria, ou melhor dizendo, ainda quero ver Seth Rollins vs Drew McIntyre pelo cinturão Universal no evento principal de alguma WrestleMania, esses dois são puro ouro!

  3. Duarte há 4 semanas

    Ainda bem que a Alexa vai voltar aos ringues e nao vai mais se limitar a realizar o tal “Moment of Bliss”,até por que foi um pior que o outro.

  4. BRUNOju. há 4 semanas

    Não esperava a vitória da #BossNHugConnection , mas, que boa surpresa! Rollins vs Drew foi um ótimo combate também.

  5. Vasco Reis há 4 semanas

    Estou mesmo a gostar desta história que estão a contar com o Bálor, o facto de ninguém acreditar que ele vai ganhar num clássico David vs Golias, é simples, mas funciona na perfeição e gostei do facto de ele ter conseguido por uns minutos lidar com o Lesnar e com o Strowman ao mesmo tempo. Estou com grandes expectativas para este combate.

    O combate entre o Seth e o Drew foi muito bom, como seria expectável e sinceramente não me importo que qualquer um destes ganhe a Rumble. Preferia o Rollins, mas se o McIntyre ganhar não seria mau de todo.

    O Corbin tem de se ausentar por uns tempos e voltar com outra gimmick, porque isto de “figura de autoridade” já não está a funcionar e nunca chegou bem a funcionar, mas pronto.

    Gostei do primeiro combate dos heavy machinery no RAW, era isto que devia ter sido a sua estreia, a dupla Lashley/Lio até está a funcionar agora e o Apollo até esteve bem no segmento com o Lashley, sempre mostrou alguma personalidade, mas podia ter ganho, para construir alguma credibilidade. E sobre o mais event não tenho muita coisa para dizer, apenas que estou curioso para ver como é que a Ronda e a Sasha combinam em ringue.

    P.S – O que é que raio se passa com o EC3, uma gimmick pré-histórica em que a fala não existe, não me parece a adequada.

  6. Wwe is rollins há 4 semanas

    Ja nao tem nexo nenhum o corbin estar com aquela roupa e a fazer figura de autoridade devia de se ausentar para regressar depois com a sua antiga personagem ou algo parecido .. o apollo melhorou um bocado mais no micro mas é sem duvida melhor na atuacao em ringie rollins e o drew roubaram o show todo sao os melhores que há hj em dia no wrestling mundial para mim os melhores do mundo..anda tudo a espera que um deles ganha a rumble e ainda sera o strowman xd o balor continua over continuo na minha gostava de o ver heel e sem aquele sorrisinho ..ja chateia a personagem de simpatico dele .. de resto foi um raw agradavel

  7. Júnior 007 há 4 semanas

    WWE está percebendo que a ronda Rousey está muito forçada , e não querem que aconteça com ela o que ouve com o Roman reigns no passado , por isso está fazendo ela sair por baixo em alguns segmentos , mais todos sabem que ela vai atropelar a Sasha Banks no Royal Rumble .

    • Anônimo há 4 semanas

      assim como ela também vai atropelar a Becky Lynch, na wrestlemania.

    • Anônimo há 4 semanas

      a única que tem currículo e star Power, para derrotar a Ronda Rousey, é a Charlotte, a Becky Lynch que vc tanto lambe, é só overrated.

  8. Maryse há 4 semanas

    Prefiro Drew

Comentar