Normalmente, estes artigos em que eu dou a minha opinião sobre um lutador são muito básicos. Escolho um lutador, digo o que gosto e não gosto dele, o porquê e está feito. Só que hoje o artigo vai ser um pouco diferente.

Em vez de vir aqui aprofundar as minhas opiniões, irei dar-vos a minha opinião sincera sobre o que poderá CM Punk trazer à AEW, porque ao contrário de Daniel Bryan, o “Second City Saint” é agora uma incógnita.

Primeiro, dizer que acho que CM Punk é um lutador com uma capacidade incrível ao microfone, mas dentro do ringue, apesar de não achar que algum dia tenha sido um dos melhores do mundo, acho-o bom, como provou em vários excelentes combates contra grandes adversários que teve ao longo da sua carreira.

Já sobre Daniel Bryan, temo-lo visto a lutar até ao passado mês de Maio. Ou seja, sabemos que o “American Dragon” continua a ser um dos melhores em ringue e sabemos que, quer seja babyface ou heel, este continua a ser fenomenal.

Mas e sobre CM Punk? CM Punk está afastado do Wrestling desde 2014, e de então para cá, o ex-campeão mundial falhou redondamente na UFC e depois tem-se concentrado a fazer filmes de terror. Ou seja, a sua chegada à All Elite Wrestling é uma grande incógnita.

Exceptuando o momento inicial, onde sabemos que vai provavelmente receber o maior pop da história da empresa, tudo o que acontecer a seguir a isso será uma incerteza. Será que CM Punk ainda consegue fazer promos com a qualidade que fazia? Eu acredito perfeitamente que sim e penso que o seu trabalho ao microfone continuar intacto é quase a única certeza que podemos ter sobre este regresso.

Mas e em ringue? Apesar de não ser velho, CM Punk também já não é nenhum puto de 20 anos. Agora com 42 anos, será que tem a mesma frescura física que tinha há 10 anos quando estava no seu auge? Por outro lado, o facto de não lutar há 7 anos faz com que o seu corpo possa ter descansado o suficiente e que esteja até melhor fisicamente do que esteve no passado.

E dentro do ringue, será que CM Punk irá conseguir entregar combates de qualidade contra os mais variados lutadores que a AEW tem? É que não nos podemos esquecer, o roster da AEW é extremamente diferenciado. Tanto temos um brawler como Jon Moxley, um “gigante” como Lance Archer, um veterano como Christian Cage, um lutador super técnico e explosivo como Kenny Omega, como temos high flyers como Darby Allin.

Será que CM Punk consegue acompanhar estes mais diversos estilos? Honestamente, não sei. Acredito que com lutadores que lutem a um ritmo mais pausado, CM Punk continue a ter bons combates, mas a verdade é que 7 anos depois do seu último combate, é impossível saber a verdade.

Agora a verdade também é que CM Punk e Daniel Bryan, se realmente se vier a confirmar estas aquisições, serão excelentes adições ao roster da AEW, ficando depois nas mãos de Tony Khan como manter o ímpeto destas contratações o máximo de tempo possível.

Ainda sobre CM Punk, e não falando do facto óbvio que é o público da AEW estar desejoso de o ver e este vai ter reacções incríveis por parte dos fãs, eu acredito que este conseguirá manter o seu nível ao microfone e diferenciar-se, mas também acredito que em ringue estará frente a frente com lutadores como Jon Moxley, Christian Cage, “Hangman” Page, Cody Rhodes e continuará a participar em grandes combates ou que poderá ser uma pequena desilusão.

Por fim, quero deixar aqui um parágrafo à parte para o que acho que poderá ser o melhor rival de CM Punk na AEW: MJF. As batalhas no microfone vão valer por toda esta rivalidade e cá está, MJF é mais um lutador que encaixa na perfeição no estilo de lutador com que CM Punk ainda poderá ter grandes combates, pelo que esta é a rivalidade que mais quero ver do “Second City Saint” na AEW.


E tu, achas que CM Punk irá ter sucesso na AEW ou este regresso poderá desiludir os fãs?

13 Comentários

  1. Facebook Profile photo

    É uma incógnita. Tudo depende de como esteja o seu in-ring work. Mas independentemente disso, o pop que receberá será imenso, talvez até maior que o pop do regresso do Edge ou pelo menos ao mesmo nível, e mesmo que não dê certo dentro do ringue ou a pensar um futuro a longo prazo, ele é muito bom comentador como tem mostrado na CFFC, então não seria mau ver ele como futuro comentador.

  2. Sw2 meses

    Eu quero CM Punk vs MJF vs Eddie Kingston. Acho que as promos iriam ser de levar um gajo à loucura

  3. Facebook Profile photo

    É tão estranho não ter saído noticia nenhuma sobre ele voltar a treinar é difícil imaginar ele lutando bem sem ritmo

  4. Luan2 meses

    O problema e o tanto de dinheiro que aew vai dar em um cara só que tá tanto tempo afastado aos ringues e já tá numa idade avançada e na minha opinião não acho que ele vai ficar aparecendo o tempo todo nós shows ele deve ser parecido com Brock vai aparecer uma vez ou outra mais vamos ver como vai ser e sem contar o tantos de nomes que vão está encostados por conta do pop do Cm punk

    • L26MC2 meses

      Os mesmos que criticam quem ganha muito e aparece pouco, são os primeiros a pedir um regresso dos mesmos quando os shows semanais estão uma desgraça.

      Preocupem-se a assistir, porque o dinheiro não sai do vosso bolso.

  5. L26MC2 meses

    Boa leitura Bernardo, uma análise muito boa.

    Eu não considero que seja tão importante o Punk ter a qualidade que tinha à uns anos atrás, na WWE. O wrestling têm perdido muita qualidade na base de entreter os fãs com boas histórias, segmentos, promos… a qualidade de combate até aqueles lutadores menos importantes, entregam isso aos fãs e depois também tens lutadores que conseguem carregar o combate todo e até faz parecer que ambos tiveram uma ótima prestação.
    O que acredito que não será o caso do Punk, voltando ou não mais limitado, deverá com certeza entregar bons combates.

    O Punk é dos poucos lutadores no mundo, que podem sozinhos alavancar uma empresa e pôr a mesma a facturar como nunca, mas claro que a empresa também têm que ajudar com qualidade. Não acho que um regresso dele ao wrestling pode ser uma desilusão, até porque o pessoal está mais ansioso em ver um regresso pela reação do público, do que propriamente que caminho vai tomar a carreira. O mesmo pode lutar, ir para a mesa de comentadores, ajudar na parte criativa, etc, nesse sentido será sempre bom ter um Punk do que não ter.

    Diria que de caras vejo ele rapidamente como campeão mundial e a ter grandes rivalidades, com ótimos segmentos, ainda por mais quando se têm tanta liberdade para se falar de tudo, ou quase tudo.

    Ps. Se de futuro trouxesse a Aj Lee, consigo nem que fosse para part timer, era ouro.
    Para terminar, espero que isto não seja tudo rumores, porque será só a maior desilusão e gozo 😂 pelo menos ganham um artigo de futuro.

  6. Wrestling Wars2 meses

    Estou convertido há AEW. WWE pode fechar a porta

    • TheFlyingTuga2 meses

      A WWE também tem algumas boas histórias e excelentes lutadores. O maior problema na minha sincera opinião é que estiveram tantos anos sem uma concorrência grande que começaram a fazer as coisas como queriam e ninguém criticava. Agora há uma outra empresa que serve de comparação e pode haver espaço á crítica. No entanto, não desejo que nenhuma empresa feche as portas. Aliás, gostava de ver a WWE aliar-se á malta da forbidden door e aí sim ia ser a loucura. Tipo liga dos campeões. Mas isso é o desejo maluco de um fã de wrestling

    • desejar que uma empresa que nos entreteu anos e continua a entreter feche as portas é rídiculo, independentemente do quando gostes da aew, tal como eu

  7. Leonardo Greczysczyn2 meses

    Edge ficou anos fora e não passou vexame nos ringues.

  8. Facebook Profile photo

    Edge ficou anos e anos fora do wrestling e não voltou mal. Acredito que o Punk ainda pode agregar.

  9. Tenho um feeling que irá ser este ano!