Vou ser honesto, nunca pensei que um dia ia ver Kofi Kingston como WWE Champion. A verdade é que nunca fui um super fã de Kofi Kingston, apesar de perceber que é um lutador com talento.

Durante muitos anos da sua carreira, Kofi Kingston era somente um lutador atlético e com pouca ou nenhuma personagem, e que se valia dos spots no Royal Rumble ou nos Ladder Matches da WrestleMania ou Money In The Bank para se manter relevante. Kofi Kingston não era visto como sendo alguém que tivesse boas promos, nem como sendo um lutador excelente dentro do ringue, mas tinha o seu lugar na WWE, mas penso que nunca ninguém pensou que iria passar do mid-card.

Depois os New Day aconteceram e Kofi Kingston mudou. Melhorou dentro do ringue, transformou-se em alguém com carisma e acima de tudo, e como temos visto nas últimas semanas e como já tínhamos visto na sua história com Daniel Bryan, é alguém que realmente sabe fazer boas promos.

Algo que sempre achei interessante em Kofi Kingston é que muita gente sempre o viu como um incrível high-flyer, mas se formos a ver o que ele faz em comparação por exemplo a um Ricochet, são golpes e saltos que não são muito incríveis. É o seu carisma natural que faz com que, o quer que seja que Kofi Kingston faça, isso pareça muito mais espectacular do que realmente é. Não o vemos a fazer um 630, vemo-lo a fazer saltos “normais”, mas que o público adora. Tudo isso porque o lutador dos New Day consegue criar uma ligação incrível ao público.

Ainda assim, quero referir que se falamos em saltos de Kofi Kingston, aquela ideia de saltar de costas sem olhar para o seu adversário, isso sim é algo completamente louco.

Do restante move-set de Kofi Kingston não sou grande fã, nem do seu Foot Stomp, nem do SOS, mas a verdade é que o Trouble In Paradise deve ser um dos golpes finais mais reconhecidos da WWE e também um finisher bastante protegido dentro da empresa.

Como disse ao início, as suas promos foi algo que Kofi Kingston não era bom, mas com o tempo foi evoluindo, e muita dessa evolução foi por trabalhar lado a lado dos seus amigos Xavier Woods e Big E, pois ter de responder aos seus amigos naquelas piadas que os New Day gostam de fazer, fez com que ficasse mais à vontade com o microfone na mão, o que o ajudou para quando tem de fazer promos a sério. Agora Kofi Kingston é um lutador que tem boas capacidades ao microfone, como temos visto nesta sua rivalidade com o WWE Champion Bobby Lashley.

A verdade é que se Kofi Kingston começou simplesmente como um high-flyer e com pouco carisma ou personagem, com a idade foi-se transformando num lutador completo e que teve mesmo um reinado bastante decente como WWE Champion. Eu sou honesto, Kofi Kingston nunca foi alguém de quem eu seja um grande fã, mas a verdade é que é um lutador completo e que consegue sempre um bom apoio do público, e nas storylines certas é alguém que merece o destaque que tem tido. Se voltar a vê-lo como WWE Champion, não será algo que me chateie.

Para concluir, vejo Kofi Kingston como um lutador completo e com boas promos, mas está longe de ser um lutador que eu possa considerar um dos meus favoritos.


E tu, és fã de Kofi Kingston? Se não és fã dele, o que te desagrada no trabalho do ex-WWE Champion?

14 Comentários

  1. Eu o respeito, é um bom wrestler, mas nunca foi um dos meus preferidos.

  2. N sei prq mas desde q se estreou que gostei dele.. deixei d acompanhar a wwe a muito tempo e so em 2019 voltei a ligar ao wrestling devido a aew, e fui espreitar a wwe pa ver como estavam n me surprendi quando vi que estavam ainda pior q antes. Mas o kofi continua a chamar me atencao… e agora vejo alguns videos dos new day, e um ou outro, mas o q tenho gostado d ver mesmo e o riddle uma personagem diferente q e fora do comum, so a parte em q entra no ringue e manda os chinelos po publico e do melhor xD

  3. Eduardo4 semanas

    Bom artigo. Acompanho o trabalho do Kofi desde quando ele pisou na WWE, e sempre fui fã dele. Mas desde 2015 comessei a notar uma grande evolução no seu trabalho, ele conseguiu finalmente ter um personagem interessante, melhorou infinitamente sua qualidade com o microfone e conseguiu se tornar um lutador polivalente que consegue se adaptar bem a qualquer adversário. Acho que o que falta ver do Kofi é o seu lado mais sério, vê-lo como um heel “matreiro” é algo que me interessaria muito acompanhar, nota-se que ele consegue fazer otimas promos quando está agindo de forma séria e consegue passar emoção nos seus discursos, inclusive vislumbraria a possibilidade de vê-lo conquistando novamente o título mundial sem nenhum problema.

  4. Mateus4 semanas

    Eu sou fã demais de kofi kingston e o respeito demais

  5. Diogo4 semanas

    Eu acho fixe os high fhlyer

  6. El Cuebro4 semanas

    Eu gosto e respeito muito o Kofi, para mim o personagem dele cresceu demais com o New Day, mas antes já estava fazendo muita coisa boa, acho que o futuro ainda pode ser muito bom para ele!

  7. Hernane4 semanas

    Eu adoro o Kofi. Em termos de preferências pessoais só está abaixo do Roman Reigns.

  8. Vitor Oliveira3 semanas

    Oitava maravilha do mundo = Kofi Kingston

  9. Facebook Profile photo

    Não sou aquele fã, mas não desgosto e reconheço-lhe esforço, dedicação e evolução!

    • Hernane3 semanas

      Só faltou dizer: devoção e glória para a sua frase estar perfeita 😉😉

  10. angela rodrigues2 semanas

    É aquilo que eu falei no comentário da Asuka, porque é que tem que ter carisma? Eu gosto de talento. Para mim a wwe era boa na época em que Charlotte era campeã do raw e Brock também e Alexa campeã do smackdown. A pior wrestlemania foi aquela em que deram o título para o kofi, Becky e Seth. Ricochet é talentoso, para mim New Day são palhacinhos de circo, carismáticos e eu não gosto de carisma eu gosto de talento, luta.