A AEW transmitiu esta terça-feira, gratuitamente e através do seu canal de YouTube, mais um episódio do Dark, um programa semanal que transmite combates que não têm lugar no Dynamite.

Como main event tivemos um Singles Match no qual Lee Moriarty levou a melhor sobre Joey Janela, ganhando assim mais algum ímpeto para o seu futuro na All Elite Wrestling.

Resultados

– Anthony Ogogo venceu Marcus Kross
– Penelope Ford venceu Angelica Risk
– QT Marshall venceu Toa Liona
2point0 (Jeff Parker & Matt Lee) venceram Kidd Bandit & Ish
– Lance Archer venceu Jordan Costa
– Marina Shafir venceu Reka Tehaka
– The Factory (Nick Comoroto & Aaron Solo) venceram Cam Stewart & Dante Casanova
– Tony Nese venceu Zack Clayton
– Kiera Hogan venceu Mazzerati
– Dark Order (Alan “5” Angels & Preston “10” Vance) venceram Ariya Daivari & Invictus Khash
– Dante Martin & Matt Sydal venceram Bear Country (Bear Boulder & Bear Bronson)
– Lee Moriarty venceu Joey Janela


O que achaste desta edição do AEW Dark?

2 Comentários

  1. El Cuebro5 meses

    É interessante ver o Janela perder assim, isso poderia indicar uma possível saída dele, além de dar ímpeto ao Lee?! No mais interessante ver todos os membros da Factory vencendo, 2.0 também, assim como uma nova vitória da Marina Shafir, Kiera Hogan vencendo bem, assim como o Nese, Daivari perdeu mais uma em dupla, achei estranho, só não gostei muito dos Bears perdendo, eles tem acumulado muitas derrotas!

  2. Gostei:
    – Lance Archer vs Jordan Costa. Uma boa squash para Archer a caminho do seu combate com Hangman Page.
    – Tony Nese vs Zack Clayton. Um bom combate entre ambos. Energético e bem desfrutável.
    – Dark Order vs Daivari & Khash. Um bom tag match entre estas 2 tag teams. Foi divertido de se ver.
    – Martin & Sydal vs Bear Country. Mais uma boa tag match. Foi divertido ver as 2 dinâmicas entre as 2 equipas a combinar bem.
    – Joey Janela vs Lee Moriarty. Um bom main event aqui. Os 2 combinaram bem e a vitória de Lee Moriarty vai-lhe trazer grandes benefícios no futuro imediato.

    Não Gostei:
    – Anthony Ogogo vs Marcus Kross. O habitual nos combates de Ogogo, puro domínio. Pouco a dizer aqui.
    – Penelope Ford vs Angelica Risk. Apesar do combate não ser grande coisa, as 2 deram bons sinais aqui.
    – QT Marshall vs Toa Liona. Este combate até teve uma quantidade decente de tempo e não me importei de ver. Não foi nada de especial, mas também não foi nada mau.
    – 2.0 vs Ish & Bandit. Daqueles tag matches que gostava que tivesse tido mais 2 minutos, nada mau para o que fizeram em 3 minutos.
    – Entrevista a Fuego Del Sol. Uma promo bem simples, nada demais.
    – Reka Tehaka vs Marina Shafir. Pouco a dizer, domínio de Shafir num combate medíocre.
    – The Factory vs Stewart & Casanova. Não foi muito mau para o pouco tempo, bons sinais por parte de ambas as tags.
    – Kiera Hogan vs Mazzerati. Um bocadinho mais tempo teria beneficiado este combate, que até foi algo decente.
    – Segmento entre a Dark Order e The Factory. A Factory tentou recrutar os 2 membros da Dark Order, vá-se lá saber porque… um segmento bem medíocre.
    – Após o main event, Moriarty faz uma promo bem simples. Pouco a dizer.

    Overall: 6/10. Este episódio teve alguns bons combates e alguns menos bons, mas no geral foi um bom show. Destaco as várias tag matches e o main event.