A AEW transmitiu esta quarta-feira mais uma edição do Dynamite no canal TBS, especial de segunda semana do Fyter Fest, a partir da Gas South Arena em Duluth, Geórgia.

Resultados

– Brody King venceu Darby Allin
– Blackpool Combat Club (Interim AEW World Champion Jon Moxley & ROH Pure Champion Wheeler Yuta) venceram Best Friends (Chuck Taylor & Trent Beretta)
– Christian Cage & Luchasaurus venceram Varsity Blonds (Brian Pillman Jr. & Griff Garrison)
– FTW Champion Ricky Starks venceu Cole Karter
– TBS Champion Jade Cargill & Kiera Hogan venceram Athena & Willow Nightingale
– Chris Jericho venceu Eddie Kingston (Barbed Wire Everywhere Death Match)

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Brody King venceu Darby Allin: Darby Allin tentou entrar com grande velocidade, mas Brody King usou o seu tamanho e força e foi destruindo o ex-TNT Champion, tanto dentro como fora do ringue.

O lutador da House of Black foi demolindo o seu rival, mas Darby Allin foi-se mantendo na luta e com o seu cinto, conseguiu prender os pés do seu adversário e finalmente conseguiu ter alguma ofensiva e foi usando a sua velocidade e até as suas submissões para tentar equilibrar este opener.

No final, Brody King tentou vencer por contagem quando aplicou o Rear Naked Choke, mas Darby Allin conseguiu entrar em ringue, mas o combate terminou logo a seguir, quando o poderoso lutador da House of Black acertou a sua Gonzo Bomb.

Já depois do combate terminar, Brody King continuou o ataque, tendo Sting vindo ao ringue e quando este se preparava para acertar o Sting Death Drop, as luzes apagaram-se e quando se reacenderam tivemos um cara a cara entre o “Icon” e Malakai Black. Este cuspiu então na cara de Sting que foi também apanhado no Rear Naked Choke de Brody King.

O segmento terminou quando Miro apareceu e ficou na rampa a olhar para a House of Black.

Nos bastidores, Cole Karter ia ser entrevistado mas foi interrompido pelo FTW Champion Ricky Starks que afirmou que este irá perder e ele irá mostrar porque é campeão há tanto tempo. Cole Karter explicou que o futuro do campeão é exatamente igual ao seu passado e ele será o novo FTW Champion.

– Blackpool Combat Club (Interim AEW World Champion Jon Moxley & ROH Pure Champion Wheeler Yuta) venceram Best Friends (Chuck Taylor & Trent Beretta): O combate começou de forma técnica, mas a tensão e agressividade foi aumentando quando os Best Friends foram levando a melhor sobre Wheeler Yuta que decidiu aumentar a agressividade, mas a dupla de Chuck Taylor & Trent Beretta tanto dentro como fora do ringue foram dominando o jovem lutador, algo que foi deixando Jon Moxley irritado.

O ROH Pure Champion foi aguentando a ofensiva dos seus antigos companheiros, e quando fez o tag ao Interim AEW World Champion entrou de forma agressiva e quase venceu o combate sozinho.

Nos minutos seguintes, o caos foi aumentando e com isso as quase vitórias foram-se sucedendo e no final parecia que os Best Friends até iam vencer, Wheeler Yuta com um pin rápido apanhou Chuck Taylor e venceu este embate.

A seguir tivemos uma video package a promover o combate pelo ROH World Championship que acontecerá no Death Before Dishonor entre o campeão Jonathan Gresham e Claudio Castagnoli.

De regresso ao ringue tivemos Tony Schiavone a entrevistar os novos AEW World Tag Team Champions Keith Lee & Swerve Strickland e os dois mostraram-se bastantes felizes com a vitória tendo agradecido aos fãs pela ajuda.

Quando se preparavam para ir brindar, “Smart” Mark Sterling e Tony Nese interromperam-nos e tentaram fazer com que o rapper Kevin Gates assinasse a petição para tirar Swerve Strickland do plantel. O segmento terminou com o cantor a dar um soco a Tony Nese e com Swerve Strickland a atirar o bolo de celebração à cara de “Smart” Mark Sterling.

Nos bastidores, John Silver & Alex Reynolds estavam a tentar dar prendas a The Butcher & The Blade, mas estes atacaram-nos de forma agressiva, tendo o ataque terminado quando “Hangman” Adam Page veio em auxílio dos seus amigos.

– Christian Cage & Luchasaurus venceram Varsity Blonds (Brian Pillman Jr. & Griff Garrison): Luchasaurus não deu hipóteses os Varsity Blonds e no final Christian Cage entrou em ringue para conquistar a vitória.

Depois do combate terminar, tivemos o regresso de Jungle Boy que veio munido de uma cadeira, sendo que quando estava perto do ringue, Luchasaurus em vez de o atacar, juntou-se ao seu parceiro de sempre e Christian Cage teve de fugir.

Nos bastidores, os Gunn Club explicaram porque recusaram o desafio dos Acclaimed, mas Austin Gunn desafiou Max Caster para uma Rap Battle no próximo Rampage.

– FTW Champion Ricky Starks venceu Cole Karter: De forma algo inesperada, Cole Karter foi dominando os momentos iniciais deste embate, mas o FTW Champion conseguiu virar o ímpeto a seu favor e dominou durante vários minutos.

Porém, Cole Karter conseguiu voltar a ter alguma ofensiva e até quase venceu, mas no final, falhou um 450 Splash da terceira corda, o que abriu espaço para Ricky Starks acertar um Spear e reter o seu título.

Assim que o combate terminou, Ricky Starks lançou mais um desafio aberto, e foi Danhausen que respondeu a este desafio. O “Absolute” explicou então que o combate não ia ser hoje, mas afirmou que irá enfrentar Danhausen no próximo Dynamite.

Nos bastidores, Kris Statlander, Athena e Willow Nightingale mostraram-se confiantes que estas duas últimas hoje irão vencer, tendo também falado do futuro das três lutadoras.

No ringue tivemos os IWGP, AAA & ROH World Tag Team Champions FTR a serem entrevistados, e estes explicaram que o combate no ROH Supercard of Honor foi o combate mais importante do ano para eles, isto até o Death Before Dishonor. Dax Harwood em seguida, contou a história de como a sua filha teve um problema cardíaco aos 5 anos, mas lutou para agora aos 8 anos estar recuperada e que no próximo Sábado ele irá lutar com a mesma garra da sua filha e que os FTR irão reter os seus títulos.

No backstage, Jay Lethal e Sonjay Dutt estavam a ser entrevistados, mas Christopher Daniels interrompeu-os e explicou que se Jay Lethal quer lutar, ele estará em ringue no Rampage.

Ainda antes do combate começar, Stokely Hathaway decidiu insultar Kris Statlander, enquanto a TBS Champion Jade Cargill prometeu que irá continuar a mostrar o porquê de ser a campeã.

– TBS Champion Jade Cargill & Kiera Hogan venceram Athena & Willow Nightingale: Athena & Willow Nightingale entraram com tudo e dominaram durante os minutos iniciais deste embate, porém Jade Cargill & Kiera Hogan conseguiram isolar a “Fallen Goddess” e dominaram durante algum tempo.

No entanto, Athena foi aguentando a ofensiva das suas adversárias e quando fez o tag a Willow Nightingale, esta virou o combate do avesso e quase deu a vitória à sua equipa. Os minutos seguintes viram as duas equipas quase vencer por várias vezes, sendo que Athena ficou fora de ação fora do ringue por conta de Jade Cargill, que dentro do ringue acertou o seu Jaded em Willow Nightingale e deu a vitória à sua equipa.

Nos bastidores, a AEW Women’s World Champion Thunder Rosa & Toni Storm foram entrevistadas e foi anunciado que a campeã irá defender o seu título contra Miyu Yamashita no próximo Dynamite, sendo que foram interrompidas por Dr. Britt Baker DMD e Jamie Hayter que anunciaram que irão lutar no Rampage.

– Chris Jericho venceu Eddie Kingston (Barbed Wire Everywhere Death Match): Eddie Kingston atacou Chris Jericho assim que entrou em ringue e fez o “Painmaker” começar a sangrar logo nos primeiros segundos deste main event, sendo que o “Mad King” foi punindo o seu rival tanto dentro como fora do ringue.

Chris Jericho só conseguiu virar o ímpeto a seu favor, quando acertou uma Hurricanrana da terceira corda que viu Eddie Kingston cair numa tábua cheia de arame farpado, sendo que então usou várias armas para dominar o seu rival.

Já com os dois lutadores a sangrar, Eddie Kingston virou este combate do avesso quando acertou um Superplex do apron para cima de uma mesa cheia de arame farpado.

Sendo que o caos aumentou quando Tay Conti decidiu atacar Ruby Soho, sendo que Anna Jay juntou-se à sua melhor amiga e as duas soltaram a Jericho Appreciation Society, mas como seria de esperar o Blackpool Combat Club veio ao ringue para ajudar Eddie Kingston.

Nos minutos finais, parecia que Eddie Kingston ia ganhar quando aplicou o Stretch Plum com arame farpado, mas Sammy Guevara apareceu e ajudou Chris Jericho a dominar o “Mad King”, tendo o “Painmaker” vencido com o Judas Effect.

Mesmo depois do combate terminar, os dois continuaram com vontade de lutar, sendo que Eddie Kingston atirou Chris Jericho contra uma rede de arame farpado, naquele que foi o último momento deste Dynamite.


O que achaste deste AEW Dynamite Fyter Fest?

47 Comentários

  1. Facebook Profile photo

    AEW! AEW! AEW!

  2. Wilow3 semanas

    Darby Allin já merece lutar por algum cinturão?

  3. coiso3 semanas

    Péssimo main event, em tudo.
    E contrata-me uma direction crew de jeito, Khan! Foram os piores da noite.

  4. botch tenebroso no fim, Tay não conseguiu abrir a jaula hahaha

  5. Joao3 semanas

    Até foi um bom show até ao main event.
    Aspectos a melhorar: a divisão feminina nunca teve um bom booking, é sempre 1 combate antes do ME e segmentos aleatórios com o resto das mulheres.
    Acho que já chega desta rivalidade, combate simples com um final péssimo e mau booking, se o Sammy e a Tay fazem parte do grupo e não estavam na jaula ficou logo previsível, e claro que os 2 cometeram com cada botch, não percebo tanto destaque a estes 2 lutadores medianos… deve ser por ele ser amigo do Chris Jericho que também não sei se o melhor para a AEW seria a sua saída.

  6. Facebook Profile photo

    Nem era para comentar hoje mas vi o video do main event no twitter e nao resisti 😂 eu ja nem falo do botch (ou de um dos muitos), eu parti me a rir foi com o facto de os npcs que estavam dentro da jaula serem tao “fortes” que conseguiam passar pelo meio das barras 😂. Tambem vi que o wheler yuta deu kick out a 2 pile-drivers, fantastico. Isto nem inventado, o desrespeito e tanto que as pessoas ja acham isto normal. E para quem critica tanto o “enterrar” talentos, as rematches e a aposta em velhos, o jericho devia ser o prato do dia…

    • Surf3 semanas

      Da msm forma que choras quando o assunto é WWE Simao, parece ser normal a AEW falhar nos “big matches”

    • Pro wrestling not sports entertainment3 semanas

      És incrível, nunca te vi fazêr um comentário positivo a AEW, pra ti os show foi so isso neh?

    • Facebook Profile photo

      Nem sequer vi o show, nao perco tempo em algo que ja sei que nao vou gostar (ao contrario da maioria do pessoal daqui). Se tivesse visto tudo certamente ainda teria visto mais estupidezes e botches que curiosamente ninguem fala, ninguem critica, e isso e que me enerva. Pintam isto como um paraiso quando na realidade e um indy show com um orcamento milionario, e é uma pena porque ha ali pessoal com imenso potencial mas ou esta a ser desaproveitado ou esta a ser orientado na direção errada.

    • Pro wrestling not sports entertainment3 semanas

      Como é que dizes isso senao vês? Eu falo mal da WWE porque me fartei daquilo, cortei de vez companhia que vive do nome que tem, que até pode ter muito boa realização mas tinha shows patéticos sem ponta que se lhe pegue em histórias, agora não vou pos posts dos shows da wwe mandar postas de pescada porque não vejo nada, cortei com show para putos de 10 anos! Tirando o desafio do Ricky, todos os combates têm história por trás, se calhar uma ou outra má decisão, mas isso posso discutir com que vê AEW regularmente, não com haters!

    • Pro wrestling not sports entertainment3 semanas

      Já agora já te topei a muito. vens pra aqui comentar porque sabes que tens reacção, e ficas todo contente. mas depois dests discussão não te volto a responder em nada sobre a AEW, vens só para meter nojo

    • Facebook Profile photo

      E fazes tu muito bem em nao ver. Tirando um ou outro lutador do qual gosto, tambem raramente meto la os olhos. Tambem via os segmentos do mjf, mas o booker of the year decidiu tira lo de televisao durante mais de 1 mes sem haver sequer uma mençao do nome dele, e o wardlow agora mal consegue vencer o laranjas pelo que tambem conseguiu perder a sua aura. Isso das postas de pescadas e muito bonito, mas vais me dizer que aquele main event nao foi uma vergonha? Um gajo como o yuta dar kickout a 2 pile-drivers numa luta a meio dum show semanal nao e um desrespeito para com o desporto? Que historia tinha esse combate de duplas, e porque e que esta o campeao mundial numa luta random de tag a meio do show e nao a abrir o show ou no main event? Claro que tenho reaçao porque infelizmente parece sou dos poucos aqui que tem olhos na cara e consegue questionar o que ta a ver. E nao venham com a treta da wwe, porque se visse ia fazer a mesma coisa, agora quem le os comentarios neste site sobre a aew parece que aquilo e a melhor cena de sempre, quando nao e, dai eu comentar.

    • Tu ouves muito o jim cornette… para ti qualquer coisa é desrespeitar o wrestling o que está totalmente errado, haja paciência e o mjf foi retirado de TV porque faz parte da história… não é como o summer of punk que depois de ganhar o título lá ta o gajo em tv passado duas semanas, seria ridículo, o objetivo na história e o público pensar que isto é real, que em parte até é… é preciso um curso para compreender??

      O wrestling muda e o wrestling é para todos, desde o marko stunt, sonny kiss, joey janela até ao wardlow, lance archer, bobby lashley desta vida, se houver uma exata definição e visão do que é wrestling por favor digam-me, para ver se compreendo…

      Eu não gosto da wwe atualmente porque não passa de uma versão má de um episódio do wcw monday nitro em 2000, tão simples como isso, onde estão as histórias de owen vs bret que demoram 1 ano a contar (long term storytelling para vocês, histórias como o undertaker vs kane… não existem… na aew posso dizer que já ouve algo parecido… e ainda há

    • Facebook Profile photo

      Imagina que estas a ver uma serie, o antagonista principal ameaça o protagonista e depois disso desaparece durante 1/2 temporadas, nunca mais se ouve falar dele, passado um tempo volta do nada. E isto que estao a fazer com o mjf, ja passou mais de 1 mes e ja ninguem quer saber, porque nunca mais se falou nisso. E se quisessem fazer mesmo com que isto fosse “real”, se o mjf quer tanto ser despedido a ultima coisa que ele vai fazer e ficar em casa sentado a espera, o que ele devia estar a fazer era a invadir os shows e causar o caos, para haver um motivo de o despedirem… mas eu bem sei que e preciso um curso para entender este booking genial de deixar o ativo mais valioso de fora dos programas durante meses. Quanto ao resto, imagina so dizeres aos teus amigos para verem wrestling e a primeira pessoa que lhes aparece e um marko stunt ou os outros jobbers da vida que pelos vistos merecem destaque. Sabes qual seria a reacao deles? Rir-se da tua cara por veres isto. E depois desligavam, que e o que as pessoas tem feito a medida que os marks entram cada vez mais no ring e os que realmente parecem estrelas sao cada vez menos. Opah nao sei que wcw em 2000 viste, mas se ha coisa que este main event fez lembrar foi essa mesma wcw, ate deu vergonha alheia.

    • Ryu3 semanas

      Ha algum problema em concordar com a opinião do Jim Cornette?
      Tudo o que o David disse é verdade, a AEW é uma indy com um budget enorme, e sinceramente nunca saírão do mesmo sitio, porque não procuram fazer outra coisa do que uma indy faria.
      Falam muito da WWE ter um produto horrivel(e tem), no entanto a AEW não foge muito a isso. O que diferencia a opinião dos fãs é que vêm moves fora do comum e combates super violentos, mas que ao fim do dia pouco ou nada acrescentam ao combate ou ao produto em si.

      E não ha problema nenhum em gostar disso, só que isso não é wrestling…

    • Facebook Profile photo
    • rigaboss3 semanas

      percebo o que dizes e não falo nos botchs, mas um gajo levar 2 piledrives e sobreviver aos 2, das 2 uma: ou o gajo vira super homem e a partir de agora para lhe ganharem vai ser preciso partirem-lhe as 2 pernas e mesmo assim não sei se dá, porque agora ele perder com algo mais simples, “mata” o gajo que fez 2 pildrivers, porque o finisher passa a ser banal

    • Fez lembrar a wcw de 2000 este main event só podes estar a gozar, este main event seguramente não era o objectivo ter um combate de 5 estrelas, serviu um propósito, aposto que falas que este main event se pareceu com a wcw por causa das run ins..na wcw vias em todos os combates e swerves só porque sim….

      Eu já disse aqui o cornette vê wrestling em 2022 através dos anos 80, isso não resulta, o importante e que estes personagens mais “ousados” como o cassidy e o danhausen tão over e isso e facto, lá por tu não gostares não quer dizer que maior parte das pessoas não gostem…

      O problema da aew e que tem um pouco de tudo e pessoas como tu vão criticar várias partes do show como as cenas mais de comédia mas se reparares a aew consegue ter o drama e o “wrestling mais a sério” que tinha a mid-south wrestling um high spots match ainda mais atlético estilo midnight vs rock n’roll… são só alguns exemplos

    • Ryu3 semanas

      O problema é que essas personagens como o Cassidy e o Danhausen não são credíveis para estarem em certas posições, como por exemplo a que o Cassidy esteve na semana passada. Aquilo que eu acho que torna o Wrestling interessante é o facto de parecer real. Ao estar a ver o Wardlow, que é um gajo gigante, a ter um combate super competitivo com o Orange Cassidy, parece tudo menos real.

      Tal como disse a cima, não há problema nenhum em gostar deste tipo de entretenimento, no entanto tudo isso foge aquilo que o Wrestling é suposto representar.

  7. Facebook Profile photo

    Palavra deste main event de Jericho x Kingston, circo dos horrores com sangue, amizades sendo refeitas, falhas da jaula, micos pra todos os lados, Sammy vingando Kingston no final pra ver qual é a moral a AEW tem com o Eddie😂😂😂😂😂😂.

    • coiso3 semanas

      Ehehe, circo de horrores foi pouco. Pensei que estava a ver o monday night raw sem PG. Falhou tudo: wrestlers, história, câmaras, direcção de realização, etc.. Demasiado mau, nunca vi semelhante em seis meses de AEW.

  8. Joao3 semanas

    Foi bom até ao main event.
    Não consigo encaixar com esta divisão feminina e o booking que têm, sempre um combate antes do main event e segmentos que para mim não fazem diferença.
    O main event era o esperado pelo tipo de estipulação mas com um fim horroso, então o Sammy e a Tay como membros da equipa não deveriam estar na jaula? Vi logo o que ia acontecer, e sempre que estes andam metidos, há botches, não acrescentam em nada no programa, não percebo o Tony Khan em não perceber que esta dupla não acrescenta em nada e ele que anda sempre pela internet a ler tudo, mas como são amigos do Jericho lá andam sempre nas histórias principais, é o que é parece uma brincadeira.
    Espero que tenha sido o fim desta rivalidade que deveria ter terminado no combate da jaula mas aposto 100 euros que ainda vão continuar lol
    O Jericho cada vez está pior em termos de andar metido em tudo para ter destaque, se saísse da empresa já não perdiam nada também, nem sei se a saída do Cody teve a ver com algumas decisões de booking porque esta empresa cada vez parece que está pior, espero melhorias e que optem por caminhos simples sem inventarem.

    • Joao3 semanas

      Só para terminar com a divisão feminina. Eles tem lá 3 ou 4 lutadoras japonesas que ha meses que não aparecem na tv ou a Abadon/Diamante que só lutam no dark. É este tipo de situações que não percebo, andam a pagar a lutadoras que não contam pelo booking que têm.
      E a Marina Shafir acho que nem está contratada e é paga por aparições mas é simplesmente péssima e tem muito destaque. Também não sei qual é a dificuldade de dizer “lamento mas não acrescentas nada” nem sei como teve tantos anos na WWE e luta daquela maneira, não percebo a aposta da AEW nela.

    • Joao3 semanas

      Ainda digo mais, o TK que deixe de ser um yes man.
      A divisão feminina é horrível, tem 4 ou 5 japonesas que nunca aparecem, fora que tem umas como a Abadon ou Diamante que só lutam no dark.
      100 e tal lutadores quando só precisavam de uns 50-70.
      Pior é ver que este casal só faz botches e o yes man continua a apostar neles porque são amigos do Chris ou dele lol ou pior do que eles é a aposta da Marina Shafir que qualquer pessoa vê que é horrível.

    • Tibursio3 semanas

      Deixei de ler quando disseste que foi um bom Main Event. Não sei que programa de wrestling andaste a ver mas parece que estás a comentar na noticia errada

  9. Pro wrestling not sports entertainment3 semanas

    So digo uma coisa, a quem reclamou Sá vitória do jericho, parece óbvio que vai haver um último match, eles estão 2 a 2, Eddie ganhou no revolution e o Blood and guts, jericho o combate do DON e hoje, óbvio que isto vai acabar num cage match só entre os dois que foram eles que começaram isto!

  10. WrestlingFan3 semanas

    Tem que ser muito fanboy pra achar que isso foi bom. nota 4/10 na minha opinião.
    0 booking, 0 criatividade na divisão feminina. Tony provavelmente achou caro o arame pois estava escasso., o que deixou o cenário bem patético. um botch ridiculo na gaiola.

    • Nao foi bom mas foi o melhor show de wrestling, wwe foi 0, só falta a smackdown que nem é pre iso ser bruxo para adivinhar

      O ME foi bem porreiro, agora é um tipo de wrestling que nao é para todos

  11. Facebook Profile photo

    Mais um show da BotchEW

  12. L26MC3 semanas

    O Khan têm que começar a conter a sua emoção de querer utilizar o máximo de wrestlers num só show.
    Nem vou falar do combate em termos de qualidade entre o Jericho e o Kingston, aliás nem era um combate que se esperasse qualidade, mas sim violência, algo que entregou bem, mas mancha muito quanto pela milésima vez temos a interferência de terceiros nos combates/segmentos.
    Este combate precisava ser apenas 1 vs 1, sem mais ninguém a aparecer pelo meio, vamos agora ter outro combate entre eles? Tendo já realizado um combate agressivo, qual é o fã que vai querer ver mais desta rivalidade?!

    Com o aparecimento da ROH e agora com tantas frações, quero ver que organização isto vai ter. Querem criar um título trio quando já há um de duplas, enquanto certas frações têm 4/5 lutadores?

    Volto a salientar que a AEW é um grande balão de oxigénio para quem gosta de wrestling. Apresentam mais shows bons do que maus, mas ao mesmo tempo é muita confusão.

    • BigMando3 semanas

      O Tony Khan tem de parar de contratar qualquer lutador que esteja livre. Tem um roster enorme e muitos lutadores são postos no AEW Dark ou então desesperadamente coloca-os em stables que são imensas e a AEW não precisa de tantas.

    • Vias ECW nos anos 90? Muitos dos combates 1v1 acabavam cheios de gente ao estouro, vê a feud entre tommy dreamer e raven e vais perceber isso… que houve falhas no vombate claro que houveram tambem a AEW nao é ECW onde era puro hardcore na decada de 90 mas nao achei um mau combate, era violencia, hardcore exato mas nesse quesito nao foi mau podia so ter tido mais cuidado em alguns aspetos

  13. Alex Kidd3 semanas

    Tay Conti tentando abrir a gaiola e os caras desesperados com medo de perder o tempo de TV, saindo pelo meio das barras de ferro e sendo flagrados pela câmera, foi vergonhoso demais… Uma pena ter que ver esse tipo de coisa.
    AEW já virou várzea de booking mal feito e mal executado há muito tempo.

    • The Name3 semanas

      O problema é as empresas ainda usarem cadeados verdadeiros, isto já aconteceu na wwe também, mas sim como estavam a ficar sem tempo tiveram que improvisar, é uma das coisas que a AEW têm de melhorar faz tudo à pressa e não deixa as coisas respirar e fluir.

    • É a WWE quené top e um excelente booking e super bem executado

    • L26MC3 semanas

      Não se pode desculpar os erros dos outros com os nossos próprios erros.
      A AEW têm que ter plano B ou até C, se algo correr como não é suposto.
      O que aconteceu ontem, só mancha o nome da empresa e o nome do wrestling, é mais motivos para pessoal de fora deste mundo, continuar a gozar.

      A AEW têm erros grosseiros e super caricatos, qualquer dia ninguém os leva a sério.
      Não basta ter Punks, Moxleys, Bryans, Stings, etc… se não souberes como organizar e fazer funcionar, então não vale a pena.

    • Tibursio3 semanas

      L26MC disse tudo

    • Anónimo3 semanas

      Concordo L26MC. Não se pode desculpar os prolemas da AEW como os da WWE e vice versa. Cada empresa é responsável pelos seus próprios erros.

    • L26MC até podes ter razao mas como fã de wrestling o que tu sugeres a alguem que quer iniciar e dar uma oportunidade á modalidade? É que nas 2 grandes empresas a qualidade da AEW encontra-se mesmo assim bem superior á WWE que cada vez está mais ridiculo e basta olhar para o nxt 2.0 e imaginar o futuro com aquela gente que até dá dó…

    • L26MC3 semanas

      Gangrel, imagina meter alguém a ver AEW a pessoa até vai curtir, mas depois na semana seguinte vai perguntar “onde está aquele lutador” o erro da AEW é ter um vasto roster em que de semana a semana vai alterando por completo. O Dynamite parece uma Brand Split de semana a semana, mas com o mesmo design.

      Outra coisa é o elevado número de títulos que aparecem nos shows, como o FTW que induz quem não acompanha, que aquilo é um título oficial, ou simplesmente quando aparecem título de outras empresas no show.

      De mal a menos a WWE está com um produto que chega ao horrível, mas pelo menos as pessoas vão identificar-se com aqueles segmentos de backstage em que os personagens interagem mais, aqueles segmentos em ringue, poucos títulos, entre outras tantas coisas. Eu pessoalmente não gosto, deixei de acompanhar quase tudo, mas isso sou eu que vivi outra Era, fui habituado a algo diferente.
      Os fãs de hoje em dia talvez vão gostar da WWE atual porque têm bastante entretenimento e não vão preocupar-se em ver sangue, combates extremos, palavrões, rivalidades mais sérias que roça a realidade, muitas delas até passavam da realidade para a ficção.

    • L26MC sobre o roster ser extenso de mais na AEW tem 2 coisas, 1° ou o Tony se iludiu de mais no começo e andou sempre a contratar, 2° poderao estar a pensar ter shows semanais diferentes com brand split em que cada show tem o seu roster estilo WWE, mas tens a tua razao, mas isso pode ser melhorado se eles quiserem. Para alem das ausencias dos melhores tipo Omega entre outros

      Sobre titulos em demasia, foi a estrategia do Tony da open door e ter varias promotoras lá, estratégia de marketing que por um lado divulga gente menos conhecida e promotoras menos conhecidas assim como a propria AEW se dá a conhecer a tudo e todos e cresce com isso, foi uma estrategia muito positiva inicialmente, visto agora já estarem lá em cima poderia e deveriam ser mais exclusivos e deixar de lado essa ideia de open door e ficar só com o seu produto e nada mais, haveria menos titulos e menos campeoes, como seria um roster mais ligado ao publico ao invés de andar sempre malta nova ou de outros lados aparecer…

      Sobre a WWE eu identifico-me a 0 com o NXT 2.0 e no main roster só com aqueles que brilharam no passado ou no nxt verdadeiro, por isso a wwe está mega generica, nao havendo roman, lesnar, rollins entre outros a wwe passa a uma especia de indy ou nem isso

  14. Grande ME estilo ECW como eu gosto

    De resto um show normal

  15. Anónimo3 semanas

    Destaco o tag team match masculino, o main event podia ter sido mais organizado.