A All Elite Wrestling transmitiu esta quarta-feira, a partir do Daily’s Place em Jacksonville, Flórida, mais uma edição do Dynamite no canal TNT, em concorrência com o WWE NXT e rumo ao Beach Break da próxima semana.

O AEW Dynamite é transmitido na FITE TV. Subscreve!

Resultados

– Eddie Kingston venceu Lance Archer
– Chris Jericho & MJF venceram Varsity Blonds (Brian Pillman Jr. & Griff Garrison)
– “Hangman” Adam Page venceu Ryan Nemeth
– Jungle Boy venceu Dax Harwood
– Britt Baker venceu Shanna
AEW World Tag Team Champions The Young Bucks & Impact Wrestling World Tag Team Champions The Good Brothers venceram Dark Order (Evil Uno, Stu Grayson, Alex Reynolds & John Silver)

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Eddie Kingston venceu Lance Archer: O combate começou de forma bastante agressiva por parte dos dois lutadores, sendo que acabou por ser Lance Archer a ganhar algum controlo da contenda, em especial fora do ringue. Depois de alguns minutos de domínio, parecia que a vitória ia mesmo ser de Lance Archer, mas The Butcher & The Blade apareceram a atacar Jake “The Snake” Roberts, o que o distraiu.

Essa distracção fez com que The Bunny passasse um objecto a Eddie Kingston, que este usou para acertar um Backfist e assim vencer este combate.

Depois do combate, The Butcher & The Blade juntaram-se a Eddie Kingston para continuar a atacar Lance Archer.

A seguir tivemos uma promo de Jon Moxley, em que falou do combate que terá no Beach Break contra Kenny Omega e os Good Brothers, explicando que vai ser uma luta gira e que ele mal pode esperar para meter as mãos no “The Cleaner”.

A seguir tivemos Sting e Darby Allin a falar da Street Fight que terão contra Brian Cage e Ricky Starks no Revolution, que está agora marcado para 7 de Março, e a afirmarem que vai ser uma luta pela sobrevivência.

– Chris Jericho & MJF venceram Varsity Blonds (Brian Pillman Jr. & Griff Garrison): A dupla dos Inner Circle dominou desde cedo e durante vários minutos, mas quando Griff Garrison entrou em ringue virou o combate do avesso.

O final acabou por ser um pouco confuso, mas Chris Jericho acertou o Judas Effect e também o Lionsault para vencer o combate.

A seguir tivemos Cody Rhodes e Arn Anderson no ringue, com o “American Nightmare” a falar de como no Revolution deveria ser ele e a sua esposa Brandi Rhodes contra Shaq & Jade Cargill, mas Brandi está grávida. Foi então que Arn Anderson, depois de contar uma história sobre Dusty Rhodes, afirmou que Cody tem de perceber que ser pai é a sua principal preocupação, mas que ele tem visto algo e quer que Cody pense no assunto.

Foi então que Red Velvet veio ao ringue e afirmou que todos sabemos que Cody nunca baterá em Jade Cargill, mas ela sim. Foi assim que ficou feito o desafio para no AEW Revolution termos o combate entre Cody Rhodes & Red Velvet contra Shaquille O’Neal & Jade Cargill.

Foi transmitido o convite para o casamento de Kip Sabian e Penelope Ford, que irá acontecer no Beach Break da próxima semana.

– “Hangman” Adam Page venceu Ryan Nemeth: O irmão de Dolph Ziggler tentou utilizar o seu estilo mais técnico para dominar o combate, mas “Hangman” Page usou a sua explosividade para dominar e no final, com a sua Buckshot Lariat, arrecadou a vitória.

Assim que o combate terminou, Matt Hardy e “Hangman” Adam Page conversaram, com o veterano a dizer que Adam Page tem amigos e que não quer que ele se sinta sozinho e que não vale a pena que ele se vista numa parte adjacente ao catering, e que pode usar o seu balneário sempre que quiser, e que esta é uma oferta sem segundas intenções.

– Jungle Boy venceu Dax Harwood: O combate começou bastante equilibrado e com um nível de agressividade bastante alto logo desde início. A estratégia parecia simples, Jungle Boy a usar a sua agilidade e Dax Harwood a sua maior experiência e força para dominar.

Fora do ringue, Dax Harwood mostrou essa mesma experiência ao atirar Jungle Boy contra as barreiras e assim virou o ímpeto por completo a seu favor.

Depois de um longo domínio, Jungle Boy começou a equilibrar através da sua agilidade e vontade de vencer para se manter na luta e foi então que chegámos aos minutos finais do combate, onde os dois lutadores trocaram várias quase vitórias, em especial com vários pins rápidos.

No final, Jungle Boy apanhou Dax Harwood numa submissão e o veterano não teve outra hipótese que não desistir.

Assim que o combate terminou, Cash Wheeler e Tully Blanchard atacaram Luchasaurus e destruíram Jungle Boy, e iam cortar-lhe o cabelo, mas foi então que Marko Stunt, acompanhado dos SCU e Top Flight, vieram em auxílio dos dois lutadores dos Jurassic Express.

Fora da arena vimos a Team Taz a atacar dois trabalhadores da All Elite Wrestling que estavam a vender merchandise, com a Team Taz a afirmar que estava a ser desrespeitada.

– Britt Baker DMD venceu Shanna: Shanna usou a sua maior técnica para dominar Britt Baker durante os momentos iniciais deste embate, mas a dentista residente da AEW aproveitou Rebel para fora do ringue e com alguma batota virar o mesmo a seu favor.

Depois de alguns minutos de domínio, a lutadora portuguesa começou a equilibrar o embate e até quase virou o ímpeto a seu favor, mas Rebel mais uma vez interferiu e isso abriu espaço para que Britt Baker aplicasse o seu Lock Jaw e arrecadasse assim a vitória.

Já depois do combate, Britt Baker e Rebel atacaram Shanna, até que Thunder Rosa veio em seu auxílio.

Nos bastidores tivemos Sammy Guevara e MJF a discutir mais uma vez, com o “Spanish God” a acusar o “Salt of the Earth” de ser manipulador e este a mostrar-se irritado com essas acusações, afirmando que Sammy Guevara não vai querer jogar esse jogo.

Antes do main event tivemos uma entrevista aos Good Brothers e aos Young Bucks, que falaram sobre esta ser a primeira vez em 5 anos que vão lutar juntos. A entrevista descambou quando Kenny Omega veio decidido para falar com os AEW World Tag Team Champions sobre o ataque a Don Callis. Antes que as coisas piorassem, os AEW World Tag Team Champions seguiram para o ringue.

– AEW World Tag Team Champions The Young Bucks & Impact Wrestling World Tag Team Champions The Good Brothers venceram Dark Order (Evil Uno, Stu Grayson, Alex Reynolds & John Silver): Este combate foi caótico desde o primeiro segundo, com os oito lutadores em ringue quer fosse a sua vez ou não. Ainda assim, os “Bullet Club” conseguiram isolar Stu Grayson durante alguns minutos, mas o domínio só durou até ao momento em que John Silver entrou em ringue e usou a sua força e vontade para virar o rumo deste Eight-Man Tag Team Match a favor da Dark Order.

Os minutos finais ainda tiveram mais caos que o início, sendo que as duas equipas quase venceram por várias vezes. No entanto, no final os Good Brothers acertaram o seu Magic Killer com os Young Bucks a acertarem de seguida o Meltzer Driver, para assim fazerem o pin em Stu Grayson e vencerem o combate.

Quando o combate terminou, os AEW World Tag Team Champions Young Bucks pegaram no microfone e falaram da Battle Royal que acontecerá no próximo Dynamite, onde a equipa vencedora irá lutar pelos seus títulos no AEW Revolution de 7 de Março. Como os Young Bucks também estão no combate, se eles vencerem, eles escolhem quem serão os seus adversários, tendo em seguida feito o too sweet com os Good Brothers.

Em seguida, Rey Fenix entrou disparado em ringue e começou a atacar os quatro lutadores, sendo que acabou por ter o auxílio de Jon Moxley. O AEW World Champion Kenny Omega ainda tentou atacar o seu rival, mas acabou por levar um Paradigm Shift, o que assinalou o final de mais este episódio do Dynamite.


O que achaste do AEW Dynamite desta semana?

6 Comentários

  1. Mais um episódio sólido de grande qualidade do Dynamite.
    Destaques:
    -Bom match entre o King e o Archer,parece que a feud não vai ficar por aqui pelo que aconteceu no final e no pós combate.
    -IC com mais momentos must see,a história à volta da stable está cada vez mais interessante.
    -Ótimo match entre o Dax e o JungleBoy,história estava no ponto e o Dax fez o JungleBoy parecer ganda babyface,grande in ring work por parte de ambos.
    Nota para o Tully,Cash e o Luchasaurus estarem algemados entre si e as interações que foram acontecendo.
    -Boa interação entre o Page e o Matt Hardy,que está a tentar contrata-lo e estava a tentar persuadi-lo a juntar-se a si.
    -Boa promo do Darby e do Sting.
    -Shana com mais uma boa prestação desta vez frente a Britt Baker.
    -Bom main event…o Matt deixou o tease de que caso os YB vençam a Battle royal poderão escolher os Good Brothers para o PPV.

    • Anónimo1 mês

      Destacando o último ponto, talvez isso aconteça mesmo.

  2. Dancan1 mês

    jurava que The Elite continuaria atacando a Dark Order e Page iria ao resgate

  3. Jen King1 mês

    Nunca subestime o menino Moxley colocou o Omega pra dormir

  4. Hugo1 mês

    Bom…..
    Mais um bom programa,a continuar assim a Aew está no caminho certo.
    Deixo aqui apenas uma nota para o combate da Shana,apesar de ter perdido ela tem bastante qualidade no ringue e aposto que fará uma grande carreira.
    E claro uma boa promo a aguçar o apetite para o combate do Sting e Darby(estou muito expectante em relação a este combate). Mas no geral mais um bom Dynamite.

  5. AEW a dar-nos novo show de construção para os próximos eventos especiais (Beach Break e Revolution) e devo dizer que foi positivo.
    Grande combate entre Jungle Boy e Dax Harwood (como disse há uns dias, o Jack Perry será uma das caras da empresa a médio prazo) e o main event também foi muito bom.