Depois do Forbidden Door do último domingo, a AEW transmitiu esta quarta-feira mais uma edição do Dynamite no canal TBS, a partir do FirstOntario Centre em Hamilton, Ontario, no Canadá.

Resultados

– Jon Moxley venceu Tomohiro Ishii
– AEW International Champion Orange Cassidy, Keith Lee & AAA Mega Champion El Hijo del Vikingo venceram Jericho Appreciation Society (Matt Menard, Angelo Parker & Daniel Garcia)
– The Elite (Hangman Page, Matt & Nick Jackson) venceram Dark Order (John Silver, Alex Reynolds & Evil Uno)
– Ruby Soho venceu Alexia Nicole
– Sting & Darby Allin venceram Chris Jericho & Sammy Guevara (Tornado Tag Team Match)

Vídeos

Watch Wrestling

Report

A destacar neste primeiro Dynamite após o Forbidden Door, tivemos o embate entre Jon Moxley e Tomohiro Ishii e um Tornado Tag Team Match entre Sting & Darby Allin e Chris Jericho & Sammy Guevara.

9 Comentários

  1. The Name8 meses

    O Sting é maluco, meu deus!!!

    • Kurt8 meses

      Doido mesma, deve ter partido uns dentes… Bom dynamite!!

  2. João8 meses

    A luta do Sting não atendeu minhas expectativas esperava mais 2/5

  3. O Mox é demais fogo… brutal!

  4. Acho que não conseguiram estar num bom nível neste Dynamite, mas claro que tinham de gerir bem a coisa.
    O opener foi bom, não esperava ser tão bom hoje.
    Preferia que o main event fosse os Dark Order vs Elite e ainda tinha acabado com os BCC a fazer estragos, erraram no main event.
    O primeiro trios match foi um bocado aleatório, e com muita pena minha o Keith Lee não participou neste torneio que a meu ver deveria ser o vencedor este ano.
    Não conhecia a Alexia Nicole, mas fiquei a gostar dela 🤤
    Gostei de ver o Dinossauro como heel, mas quero ver ele sem este estilo e sem esta música.
    Moxley e Eddie Kigston anda a aquecer, pode dar uma bela história isto!
    Adam Cole e MJF está meio estranho esta parceria mas vamos ver no que dá.
    Com muita pena minha os Dark Order ainda não conseguiram ser campeões, espero que isso muda na ROH este ano.
    Gostei do segmento do Johnny TV, sempre achei que ele se identifca com a AEW, e gostei da cena cómica que tiveram, tem potencial.

  5. Gostei:
    – Tomohiro Ishii vs. Jon Moxley. Isto foi um combate altamente violento, com manobras fortíssimas e eu gostei muito disso. Simplesmente foram 2 homens a querer matar-se. Um fantástico combate protagonizado entre estes 2, que também conseguiram acordar o público na parte final.
    – Cassidy, Lee & Vikingo vs. The Jericho Appreciation Society. Foi um combate divertido de se assistir, mas só serviu para encher chouriços, honestamente.
    – The Elite vs. The Dark Order. Foi um ótimo combate, o talento envolvido aqui ia sempre fazer um combate muito positivo, e gostei da história que rodeou o Hangman Page, sendo que podia ter sido mais desenvolvida com um build próprio em vez de um segmento nos bastidores. Com esse build próprio, este combate podia ter sido ainda melhor e mais significativo.
    – Promo do Jack Perry. Ele conseguiu um quantidade decente de heat e, em termos de entrega, teve bem. No entanto, a promo em si é a nº625 do manual de promos genéricas do wrestling, e é uma pena porque até estou curioso para ver como o Jack vai funcionar como heel. Posso dizer que gostei das comparações ao Christian Cage, ele a agir como um cobarde tal como o seu ex-mentor e até a vestir-se de uma forma semelhante a ele. E se o objetivo até for fazer com que ele se pareça ao Christian, metam all-in nisso.
    – Promo da Ruby Soho. Adicionando o facto que esta promo foi planeada à última da hora, isto foi muito bem entregue e deixou-me entusiasmado para Britt Baker vs. Ruby Soho na próxima semana. Ótimo trabalho por parte da Ruby.
    – The Jericho Appreciation Society vs. Allin & Sting. O combate começou bem aborrecido, mas a ação melhorou imenso na parte final e acabou por resultar num bom combate. No entanto, aqui vão 2 críticas enormes: a gimmick de Painmaker do Jericho (por mais parva que seja) estava invencível. E quem terminou essa invencibilidade? Um homem de 64 anos… faz sentido. A 2ª crítica é para começarem a impedir o Sting de fazer aqueles spots. Quando vi o spot pela 1ª vez, pareceu-me que o homem tinha arrebentado os seus joelhos. Eu não quero ver lendas desta indústria a matarem-se em ring para o nosso entretenimento, obrigado. Já basta aquela malta nas indies que se mata por 2 cachorros quentes e um aperto de mão.

    Não Gostei:
    – Ruby Soho vs. jobber. Não há muito a dizer. A doença da Britt Baker (espero que recupere bem) forçou a mudança de planos à última hora, mas certamente haveria algo melhor a fazer com a divisão feminina, não?

    Overall: 5.5/10. Apesar de boa parte do show ter sido positivo, pareceu um show para encher chouriços e não se perdeu nada demais, honestamente. O público não foi grande coisa e a má estrutura do show também contribuiu para a pontuação baixa, e concordo com o Zoro de como The Elite vs. Dark Order devia ter fechado. Por hoje, destaco a promo da Ruby Soho e todos os desenvolvimentos na feud entre BCC e The Elite, nomeadamente o combate de abertura..

  6. The Name8 meses

    Foi um show ok, mas no geral não gostei lá muito, teve umas coisas boas mas tirando isso foi para encher chouriços, depois daquele ppv incrível já era de esperar, muitos ficaram a descansar ou então o Tony ainda deve achar cedo para começar o booking para o All In, um show como ontem esteve muito abaixo do nível que são capazes de produzir, espero melhorias e com o Blood & Guts a caminho espero boas coisas.

  7. Anónimo8 meses

    Bom combate entre o Moxely vs Ishii.