AEW transmitiu esta sexta-feira a quarta edição do seu novo programa televisivo de 1 hora, o Rampage no canal TNT, a partir da Now Arena em Chicago, Illinois, rumo ao All Out deste domingo, 5 de Setembro.

O AEW Rampage é transmitido na FITE TV. Subscreve aqui!

Resultados

– Malakai Black venceu Lee Johnson
– Kris Statlander venceram Jamie Hayter & Rebel (Handicap Match)
– Darby Allin venceu Daniel Garcia

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Malakai Black venceu Lee Johnson: Lee Johnson tentou fugir e dar alguma luta a Malakai Black, mas a agressividade deste foi complicada de aguentar por parte do jovem lutador. Ao contrário do que seria de esperar, Lee Johnson foi sobrevivendo e dando luta ao seu maléfico adversário, mas Malakai Black usou toda a sua agressividade para destruir o jovem lutador, ao ponto de ir buscar uma cadeira e dar ao seu adversário para que este o atacasse. Lee Johnson não o fez e acabou por levar um pontapé, e Malakai Black arrecadou mais uma vitória.

Já depois do combate terminar, Dustin Rhodes veio ao ringue, mas Malakai Black saiu sem que houvesse luta.

Nos bastidores, Dustin Rhodes foi entrevistado e desafiou Malakai Black para um combate no próximo Dynamite.

No regresso tivemos o TNT Champion Miro, que começou por elogiar as qualidades de Eddie Kingston, mas que este se tem tornado soft. O “Mad King” interrompeu Miro e começou por dizer que o Deus de Miro não existe, mas se vamos fazer de conta que sim, então esse Deus trouxe-o até ao “Redeemer” para o destruir. Eddie Kingston voltou a falar de como o pescoço de Miro é o seu ponto fraco.

O TNT Champion afirmou que se o “Mad King” quisesse lutar podiam começar já e foi isso que aconteceu, depois de uma brawl curta tivemos Eddie Kingston a acertar um DDT, mostrando qual vai ser a sua estratégia no All Out.

– Kris Statlander venceram Jamie Hayter & Rebel (Handicap Match): O duo de Jamie Hayter & Rebel dominou desde cedo, usando a força dos números a seu favor, mas Kris Statlander começou a equilibrar a contenda e com a sua força virou mesmo este Handicap Match. No final, a AEW Women’s World Champion Britt Baker disse a Jamie Hayter para não entrar mais em ringue e a alien residente da AEW fez Rebel desistir.

Depois do combate, Red Velvet apareceu para equilibras as contas e auxiliar Kris Statlander.

A seguir tivemos imagens de uma brawl entre Jon Moxley e Satoshi Kojima que aconteceu durante a Fan Fest do All Out, rumo ao combate que os dois terão no pay-per-view.

Nos bastidores, Mark Henry entrevistou Daniel Garcia e os 2point0 e estes explicaram que vão fazer de tudo para que Darby Allin não consiga chegar ao All Out. Já este afirmou que não está a desprezar Daniel Garcia, mas que o vai vencer hoje e depois vai ficar cara a cara com CM Punk uma última vez antes do All Out.

– Darby Allin venceu Daniel Garcia: O main event começou de forma agressiva, sendo que fora do ringue Darby Allin cometeu um erro ao atirar-se contra uma mesa a tentar atacar Daniel Garcia, e assim o jovem virou o combate a seu favor.

Daniel Garcia dominou durante alguns minutos, usando o Sleeper Hold como grande manobra para tentar vencer Darby Allin, mas este começou a equilibrar e até usou um golpe antigo de CM Punk.

No final, o ex-TNT Champion com um pin rápido conseguiu garantir a vitória neste embate.

Assim que o combate terminou, os 2point0 entraram dentro do ringue para atacar Darby Allin, sendo que Sting ficou encarregado de Daniel Garcia. Este ataque só terminou quando CM Punk veio em auxílio do seu adversário do All Out, e o Rampage terminou com um cara a cara entre o “Second City Saint” e o seu rival.


O que achaste do AEW Rampage desta semana?

5 Comentários

  1. Mais um belo episódio, sem nada de especial, um booking simples mas eficaz. Mal posso esperar pelo All Out, concerteza que vai ser excelente

  2. Gostei:
    – Lee Johnson vs Malakai Black. Lee Johnson consegue algum ataque, até Black conseguir impedir. Ele dá uma cadeira a Johnson e quando Johnson vai pegar nela, spinning heel kick e Black vence. Bom combate e gostei do fim.
    – Promo de Miro, que termina com uma brawl entre ele e Eddie Kingston. Este segmento foi ótimo e aumentou o hype para o combate entre ambos no All Out. (Redeem deez nuts, hehehehe, boa Eddie.)
    – Kris Statlander vs Rebel & Jamie Hayter. O combate cumpriu o propósito de fazer Statlander parecer bem. O spot onde ela pega em ambas foi muito bom. Ela consegue a vitória no fim quando Hayter abandona Rebel.
    – Darby Allin vs Daniel Garcia. O combate é bom, mas deixa Allin fraco para o seu grande combate com Punk no domingo, dado que ele foi dominado. Conseguiu a vitória, mas mesmo assim…
    – Após o combate, o mesmo exato segmento do Dynamite. Brawl entre Garcia e 2point0 e Sting, Allin e Punk. Não foi mau, mas é repetitivo.

    Não Gostei:

    Overall: 7/10. O show não teve nada de mau, mas não foi dos melhores. O melhor momento foi definitivamente Eddie Kingston e Miro.

  3. Show decente. Destaco o bom segmento entre o TNT Champion Miro e Eddie Kingston, bem como o main event com a presença de CM Punk na mesa de comentadores (aquele confronto final que aparece na thumbnail deste post foi muito fixe).

  4. Kay Orton2 semanas

    AEW Rampage mesmo tendo 1 hora e seja simples é o suficiente pra trazer interesse pro próximo ppv. Pode não ser grande coisa mas as promos e os combates sempre são bem sólidos.

  5. 1 hora muito agradável para assistir com bons combates!