Depois do Worlds End do último sábado, a AEW transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do Rampage no canal TNT, a partir do Prudential Center em Newark, New Jersey.

No main event, Wheeler Yuta defendeu o ROH Pure Championship com sucesso contra Komander, recuperando da derrota no FTW Rules Match do Worlds End.

Noutro destaque, Mark Briscoe e os The Hardys (Jeff & Matt Hardy) fizeram equipa para vencer Kip Sabian, The Butcher & The Blade num Trios Match.

Na divisão feminina, Kris Statlander & Willow Nightingale garantiram uma vitória num Tag Team Match contra Notorious Mimi & Kenedi Copeland, enquanto Hikaru Shida derrotou Anna Jay num Singles Match.

Deste show, mencionar ainda: uma entrevista dos Le Sex Gods (Chris Jericho & Sammy Guevara) dirigida a Ricky Starks & Big Bill; os The Hardys (Jeff & Matt Hardy) encorajaram os Private Party (Isiah Kassidy & Marq Quen); e Jeff Jarrett e Jay Lethal desentenderam-se por causa das derrotas deste no Continental Classic.

Resultados

– Mark Briscoe & The Hardys (Jeff & Matt Hardy) venceram Kip Sabian, The Butcher & The Blade
– Kris Statlander & Willow Nightingale venceram Notorious Mimi & Kenedi Copeland
– Hikaru Shida venceu Anna Jay
– ROH Pure Champion Wheeler Yuta venceu Komander

Vídeos

Watch Wrestling


O que achaste deste AEW Rampage?

3 Comentários

  1. Tosse2 meses

    Kommander jobou???

  2. Kenedi Copeland? 🤔👀

  3. Começámos este Rampage com um trios match que foi bem aborrecido, honestamente. Estamos em 2024 – o meu interesse em ver os Hardys na programação atingiu mínimos históricos. Segue-se, talvez, a porção mais divertida do show, e não foi pelo combate. A Statlander e a Willow despacham 2 jobbers bem depressa, mas é de destacar o Stokely aqui. O homem é engraçado como tudo e nunca ninguém nesta indústria me representou tanto como o Stokely quando ele começou a comportar-se como o maior simp da Statlander. Anna Jay vs Hikaru Shida é um combate que sinto que acontece 1 vez a cada 3 meses e nunca melhora – este aqui não escapa à regra e adiciona-se aquele botch enorme no fim, onde a Shida não deu kick-out e o árbitro teve que se parar porque senão contava 3. O main event é onde finalmente temos alguma boa ação, com o Wheeler Yuta a utilizar a sua grande experiência em Pure matches, forçando o Komander a exaustar as 3 rope breaks bem cedo. Em geral, é o 1º Rampage do ano mas não se nota grandes mudanças e parece que vai continuar pelo mesmo abismo que andava. Um episódio medíocre.