A AEW transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do Rampage no canal TNT, a partir da Cable Dahmer Arena em Independence, Missouri, rumo ao Forbidden Door do dia 26 de Junho.

Resultados

– Eddie Kingston venceu Jake Hager
– Jay Lethal & Satnam Singh venceram Davey Vega & Matt Fitchett
– Kris Statlander venceu Red Velvet
– FTR (Cash Wheeler & Dax Harwood) & Trent Beretta venceram Will Ospreay & Aussie Open (Mark Davis & Kyle Fletcher)

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Eddie Kingston venceu Jake Hager: Este opener começou de forma bastante agressiva como seria de esperar e acabou por ser Jake Hager que teve um pouco mais de domínio, ainda assim Eddie Kingston nunca se deixou ficar e tivemos um combate bastante equilibrado.

Com o passar dos minutos, as quase vitórias foram aparecendo com regularidade, sendo que Jake Hager foi tentando fazer uso da sua maior força, mas o “Mad King” aguentou a ofensiva do seu rival da Jericho Appreciation Society e venceu depois de acertar dois Spinning Back Fist.

Nos bastidores, Britt Baker, Jamie Hayter e Rebel foram entrevistadas e a ex-campeã criticou o facto de Toni Storm ter agarrado o AEW Women’s World Championship, porque não é assim que as coisas funcionam na AEW e que a próxima campeã feminina será alguém do seu grupo.

A seguir tivemos Ortiz a prometer que irá cortar o cabelo de Chris Jericho no próximo Dynamite.

– Jay Lethal & Satnam Singh venceram Davey Vega & Matt Fitchett: Satnam Singh dominou os seus adversários sem problema, tendo este embate terminado quando Jay Lethal acertou uma dupla Lethal Injection.

Assim que o combate terminou, Satnam Singh acertou um Razor’s Edge em Matt Fichett.

No backstage, Lexy Nair estava à procura dos Hookhausen, sendo que os dois apareceram em carros de golfe, para confusão da entrevistadora.

– Kris Statlander venceu Red Velvet: Kris Statlander usou a sua força para controlar os minutos iniciais deste embate, mas Red Velvet depois de um chop block conseguiu ter alguma ofensiva.

O domínio durou durante alguns minutos, mas a força de Kris Statlander fez com que esta voltasse a equilibrar as contas, sendo que depois de algumas quase vitórias, a antiga alien acertou o Friday Night Fever e conquistou a vitória.

Assim que o combate terminou, a TBS Champion Jade Cargill e Kiera Hogan atacaram Kris Statlander, sendo que Anna Jay ainda tentou parar o ataque mas também não conseguiu e quando Athena tentou vir ao ringue, vários árbitros pararam-na.

Depois de ter sido mostrado um video package que mostrou o regresso de Miro, tivemos Ethan Page a falar do combate que terá contra o “Redeemer” tendo dito que quando este terminar, Miro não estará a rezar ao seu Deus, mas irá sim rezar para o “All Ego”.

Antes do main event, Will Ospreay falou em nome do United Empire e explicou que eles vieram à AEW para separar os leões das ovelhas, já os FTR e Trent Beretta afirmaram que este e o seu grupo irritaram as pessoas erradas.

– FTR (Cash Wheeler & Dax Harwood) & Trent Beretta venceram Will Ospreay & Aussie Open (Mark Davis & Kyle Fletcher): O main event começou de forma bastante equilibrada e acabou por ser a maior velocidade de Will Ospreay que virou o ímpeto a favor da sua equipa, que assim isolaram Trent Beretta e dominaram durante vários minutos.

O lutador da AEW ainda assim foi aguentando o ataque dos seus adversários e quando teve espaço, fez o tag a Dax Harwood que virou o combate do avesso, o que fez com que as duas equipas fossem tendo hipóteses para vencer.

Os minutos finais foram caóticos com os seis lutadores em ringue quer fossem o homem legal ou não, e no fim, Trent Beretta contra-atacou um Canadian Destroy de Kyle Fletcher e acertou o seu Strong Zero que deu a vitória à sua equipa.


O que achaste deste AEW Rampage?

9 Comentários

  1. coiso3 semanas

    Pá, adoro o Eddie – mas que combate fraquinho nos deu. O Hager, passe o hate, entrega sempre bons combates; e acho que esta gimmick beneficia-o mais que o antigo swagger.
    Já os outros combates precisavam mesmo de promos e tempo entre eles, foram dignos de ppv.

  2. Este show é melhor do que o SMACKDOWN eu sou anti WWE!

  3. Se o CM Punk não tivesse lesionado, poderia ter enfrentado o Will Ospreay neste trio match.

  4. Dark Nash2 semanas

    Se fossem justos, o Hager venceria o embate. Eddie Kingston foi muito mal neste combate.

  5. El Cuebro2 semanas

    Bons combates no Rampage e só eu acho que o show poderia ter mais uma hora? E também foi meio estranho ver Ospreay e os Aussie Open perdendo depois daquilo tudo que fizeram no Dynamite!

  6. Anónimo2 semanas

    Bom main event.

  7. The Name2 semanas

    Bom show!
    Destaque vai para a Kris que para mim evoluiu muito e teve mais um grande combate com a Red Velvet, boa química entre as duas!
    Para mim era a pessoa ideal para tirar o título à Jade, ela é muito boa em ringue mesmo!

  8. Gostei:
    – Jake Hager vs Eddie Kingston. Na minha opinião, este combate só foi decente por causa de Kingston. O pouco carisma que Hager tem retira imenso ao combate e foi Kingston que tornou este combate bom.
    – Kris Statlander vs Red Velvet. Um bom combate com Kris a ser mais agressiva. Boas nearfalls e foi um belo combate feminino.
    – FTR & Beretta vs The United Empire. Um ótimo combate e foi bom ver os United Empire em ação na AEW, especialmente Will Ospreay (espero que não seja este não seja o fim dele na AEW). O combate teve excelentes manobras e esperava que os heels vencessem, mas assim não foi; no entanto, estranho é o Trent conseguir a vitória.

    Não Gostei:
    – Singh & Lethal vs Fitchett & Vega. Uma squash match para os heels, nada demais por aqui.

    Overall: 6/10. Um episódio decente, com o main event a ser o único destaque, na minha opinião.