A AEW transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do Rampage no canal TNT, a partir do James L. Knight Center em Miami, Flórida, sendo que esta teve um Buy-In muito especial a começar 1 hora antes.

O AEW Rampage foi transmitido na FITE TV. Subscreve aqui!

Resultados

– Tay Conti venceu Santana Garrett (Buy-In)
– Bobby Fish venceu Lee Moriarty (Buy-In)
– Bryan Danielson venceu Minoru Suzuki (Buy-In)
CM Punk venceu Matt Sydal
– Ruby Soho venceu The Bunny
– Men Of The Year (Ethan Page & Scorpio Sky) & Júnior Dos Santos venceram Inner Circle (Chris Jericho, Jake Hager & TNT Champion Sammy Guevara)

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Tay Conti venceu Santana Garrett (Buy-In): O primeiro combate desta noite começou de forma técnica, sendo que foi Santana Garrett que levou a melhor nesta vertente. Porém, quando Tay Conti aumentou a agressividade do combate, a brasileira não teve problemas em aplicar o seu DDTay e arrecadar a vitória.

– Bobby Fish venceu Lee Moriarty (Buy-In): Apesar da diferença de experiência, os dois apresentaram um plano de jogo bastante parecido, com Lee Moriarty até a levar a melhor a nível técnico, mas Bobby Fish aumentou a agressividade e passou a comandar o combate ao ritmo que mais lhe interessava.

Lee Moriarty conseguiu sobreviver e com o passar dos minutos virou o ímpeto a seu favor, sendo que o jovem sempre que podia atacava o braço esquerdo do veterano. No final e apesar de toda a luta que o jovem deu, Bobby Fish venceu o combate com um pontapé incrível na cabeça do adversário.

– Bryan Danielson venceu Minoru Suzuki (Buy-In): O combate mais esperado da noite começou de forma bastante técnica, mas ambos os lutadores queriam era mostrar quem era o mais agressivo e rapidamente passaram para a troca de strikes, que foi uma constante nesta guerra.

Minoru Suzuki começou por levar a melhor e dominou durante alguns minutos, mas fora do ringue o “American Dragon” equilibrou a contenda e a troca de strikes foi ficando cada vez mais agressiva, se é que isso é possível.

O cansaço foi sendo cada vez mais evidente com o passar dos minutos e parecia que estávamos sempre a um soco ou pontapé do final deste embate, mas os dois lutadores foram sobrevivendo. Nos minutos finais, os dois lutadores começaram a mostrar urgência em tentar vencer e depois de vários ataques e contra-ataques, Bryan Danielson conseguiu arranjar a distância suficiente para acertar o seu Busaiku Knee e venceu esta guerra.

– CM Punk venceu Matt Sydal: O combate de abertura do Rampage começou um pouco mais lento do que muitos pensariam, com Matt Sydal a usar toda a sua técnica para tentar controlar a maior força de CM Punk. Matt Sydal dominou este opener até sofrer um body slam no apron, o que virou o combate do avesso.

O domínio do “Second City Saint” durou alguns momentos, pois os dois lutadores decidiram lutar no topo das cordas e acabaram por cair ambos para fora do ringue. Com esta confusão, Matt Sydal acabou por ser o lutador que regressou melhor ao embate e quase fez CM Punk desistir por várias vezes.

Nos minutos finais, tudo indicava que esta ia ser a primeira derrota do “Second City Saint” na AEW, mas este conseguiu sobreviver e contra-atacou uma tentativa de crucifix pin e acertou o seu GTS para vencer o combate.

Nos bastidores vimos a Dark Order bastante feliz por serem de novo amigos e por “Hangman” Adam Page estar de volta, sendo que acabaram por desafiar os Young Bucks & Adam Cole para um combate.

– Ruby Soho venceu The Bunny: Ruby Soho entrou melhor, mas The Bunny de forma agressiva virou o ímpeto a seu favor e dominou durante vários minutos. Só fora do ringue é que Ruby Soho conseguiu virar o combate a seu favor, mas a agressividade de The Bunny foi sempre um problema.

Quando parecia que íamos ter aqui uma surpresa com um backslide pin, Ruby Soho apanhou The Bunny e venceu este embate.

Assim que o combate terminou, Penelope Ford atacou Ruby Soho e as duas vingaram-se da derrota de The Bunny.

Como é habitual antes do main event do Rampage tivemos Mark Henry a entrevistar os lutadores que vão lutar. Ao contrário do que é habitual, Dan Lambert teve poucas palavras e explicou que Júnior Dos Santos vai destruir todos na sua estreia. Já Chris Jericho explicou que não há ninguém mais louco que ele na AEW e que o Inner Circle vai vencer.

– Men Of The Year (Ethan Page & Scorpio Sky) & Júnior Dos Santos venceram Inner Circle (Chris Jericho, Jake Hager & TNT Champion Sammy Guevara): O Inner Circle entrou melhor neste main event, isto até Júnior Dos Santos entrar em ringue e primeiro quase deixar Chris Jericho KO, e depois deixou Jake Hager quase fora de jogo com uma joelhada incrível. Fora do ringue, Chris Jericho acabou a discutir com Jorge Masvidal, mas Ethan Page atacou o “Le Champion” pelas costas e o domínio de Júnior Dos Santos e dos Men Of The Year ficou ainda mais acentuado.

Chris Jericho conseguiu sobreviver ao ataque dos seus três adversários e conseguiu fazer o tag ao TNT Champion Sammy Guevara, que simplesmente meteu a quinta mudança e virou o combate do avesso, e “Le Champion” quase venceu com um Lionsault.

O final foi caótico, com Jake Hager a fazer Júnior Dos Santos atravessar uma mesa fora do ringue.

Já dentro do ringue parecia que Chris Jericho ia vencer com o seu Walls Of Jericho, mas Paige VanZant distraiu a árbitra e isso abriu espaço para que Jorge Masvidal acertasse a sua joelhada típica no “Le Champion”. Scorpio Sky aproveitou e fez o pin da vitória neste embate.

Assim que o combate terminou a American Top Team continuou a atacar Chris Jericho, até que Santana & Ortiz vieram em auxílio dos seus amigos e conseguiram tirar de ringue a equipa comandada por Dan Lambert.


O que achaste do AEW Rampage desta semana?

15 Comentários

  1. 13 cm1 mês

    Bryan vs Suzuki – Dream Match integra e de muita qualidade.

  2. L26MC1 mês

    Infelizmente ainda só vi o combate do Punk e do Bryan, este Rampage pareceu ter tido uma grande qualidade.

    O Punk têm vindo a ganhar ritmo como tenho dito noutros posts, estes combates têm servido mesmo para isso, acabo por achar que ele vai calar a boca a muitos fãs quando tiver a sua primeira grande rivalidade. Sublinhar também que até agora não achei que o Punk tivesse tido algum mau combate, habituou é os fãs de wrestling mal, com as suas grandes atuações na WWE.

    Bryan vs Suzuki, que combate tão bom! Não conhecia este Suzuki mas gostava que continuasse a aparecer assiduamente na AEW, gosto bastante do seu estilo de luta.
    O Bryan, está com um ritmo… para mim ele e o Omega estão 2,3 passos à frente dos outros, que animais em ringue!

    • Rolf1 mês

      Suzuki tem excelente combates! Aconselho principalmente os combates que ele tem com o Tanahashi, Okada e com o Aj Styles, um dos melhores combates da Carreira tbm do Aj.

    • L26MC1 mês

      Obrigado pelas sugestões, a ver se realmente vejo.

  3. John mit1 mês

    Muito bom, gostei da parte do punk e principalmente da luta entre Bryan vs Suzuki… Da pra ver que Bryan aprendeu muito com o edge. Demais

  4. Dancan1 mês

    Bryan vs Suzuki já da um gostinho do que veremos quando o American Dragon começar a lutar no Japão.

  5. DaniFixe1 mês

    O combate do Bryan foi 5 estrelas. O do Punk foi bom, mas com mérito do Sydal.

  6. Nao li os resultados porque nao vi ainda o show, nao gosto de spoilers, mas aproveito já para questionar uma coisa.

    Alguem sabe porque nao houve dinamyte esta semana? Pelo menos na streaming que uso nao teve esta semana e tambem pelos vistos aqui no site nao apareceu os resultados e o resumo do show, desde já agradeço quem me souber dizer

  7. BRRM1 mês

    Que combate maravilhoso que o Bryan e o Suzuki tiveram

  8. El Cuebro1 mês

    Grande show, o buy in foi ótimo com a Tay frente à Santana, uma pena a veterana perdendo, mas acho que ela ainda terá muitas boas chances na AEW e a Tay bem que merecia mais uma corrida por título hein, quem sabe a Anna Jay no futuro também, o Fish dominando o Lee e uma dream match que facilmente seria main event em qualquer empresa, Bryan e Minoru foram incríveis, um show de técnica no wrestling, podiam fazer mais dessas lutas! Já no Rampage em si gostei muito da vitória do Punk, ele está construindo um bom recomeço, mas o Sydal também luta bem demais, luta de veteranos incrível, boa vitória da Ruby, acho que logo a veremos disputando títulos novamente e um ótimo main event no show, gostei da performance do Júnior dos Santos, ele treinou bem para sua estreia no wrestling e não decepcionou, um combate de muita confusão e agora a Inner Circle tem uma nova stable rival ow Men of the Year e a American Top Team!!

  9. Ótimo programa, impulsionado pelo que aconteceu no Buy-In. Gostei bastante de Bobby Fish vs Lee Moriarty (mais uma boa contratação de um jovem por parte da AEW) e CM Punk vs Matt Sydal, mas o que dizer de Bryan Danielson vs Minoru Suzuki?
    Que coisa monstruosa!

    Facilmente um dos combates do ano e até devia ser crime colocar um 5-Star Match “de graça” no YouTube. Em pouco tempo na All Elite Wrestling, o Bryan já deu dois combatezorros e provou que ainda é um dos melhores da atualidade. Muito curioso para ver o que segue para ele.

  10. Anónimo1 mês

    Ótimo combate entre o Bryan e Suzuki, estiveram ambos muito bem. Também destaco o combate entre o Punk e Matt Sydal.

  11. Kick_Ass1 mês

    Bryan vs Suzuki foi um combatezão! Digno de PPV.
    O Bryan está num nível absurdo, é um autentico monstro em ringue.

    CM Punk vs Sydal também foi muito bom, até agora foi o melhor combate do Punk, está a recuperar a forma muito rápido!