A AEW transmitiu esta sexta-feira mais uma edição do Rampage no canal TNT, a partir da Chaifetz Arena em St. Louis, Missouri, especial Road Rager e rumo ao Forbidden Door do dia 26 de Junho.

Resultados

– Jon Moxley venceu Dante Martin
– Max Caster & Gunn Club (Austin & Colten Gunn) venceram Ruffin It (Leon Ruff & Bear Country (Bear Boulder & Bear Bronson))
– TBS Champion Jade Cargill venceu Willow Nightingale
– Darby Allin venceu Bobby Fish

Vídeos

Watch Wrestling

Report

– Jon Moxley venceu Dante Martin: Jon Moxley usou a sua maior técnica e força para controlar Dante Martin que sempre que teve hipótese foi usando a sua velocidade.

Ainda assim, o ex-AEW World Champion dominou durante vários minutos, mas o jovem começou a meter o pé no acelerador e foi tendo alguma ofensiva, porém no final, Jon Moxley primeiro com as cotoveladas típicas de Bryan Danielson, seguida de uma submissão, conquistou a vitória.

Nos bastidores, Tony Schiavone entrevistou Swerve Strickland e Keith Lee, com este último a mostrar que só queria uma razão para não dar uma tareia ao seu amigo, tendo este dito que na Battle Royal era cada um por si. O “Limitless” não esteve para ouvir esta conversa e saiu de cena, tendo o segmento terminado com Ricky Starks e Powerhouse Hobbs a rirem-se de Swerve Strickland.

A seguir tivemos um video package a promover o combate que acontecerá no Dynamite entre Malakai Black e Penta Oscuro.

– Max Caster & Gunn Club (Austin & Colten Gunn) venceram Ruffin It (Leon Ruff & Bear Country (Bear Boulder & Bear Bronson)): Max Caster e os Gunn Club não deram hipóteses aos seus adversários e conquistaram a vitória depois de um Mic Drop por parte do lutador dos Acclaimed.

No backstage, tivemos o anúncio que  HOOK no próximo Rampage irá enfrentar um lutador do dojo da NJPW nos Estados Unidos da América, com Danhausen a afirmar que eles irão destruir todos os que se meterem no seu caminho, tendo o jovem lutador dito que ele tinha isto sob controlo.

– TBS Champion Jade Cargill venceu Willow Nightingale: Este embate foi equilibrado desde os primeiros segundos, sendo que a força da TBS Champion Jade Cargill foi sempre um fator que fez a diferença. Ainda assim, Willow Nightingale teve as suas hipóteses para vencer, mas no final, a campeã acertou primeiro um Pedrigree tendo fechado o combate com o seu Jaded.

Assim que o combate terminou, Jade Cargill e Keira Hogan atacaram Willow Nightingale, sendo que Athena apareceu e atacou a Baddie pelas costas, isto até levar uma Big Boot da Jade Cargill. O segmento terminou com Kris Statlander a dar um calduço em Stokely Hathaway antes de entrar em ringue e fazer com que a TBS Champion batesse em retirada.

A seguir tivemos uma vignette com Jay Lethal, Sonjay Dutt e Satnam Singh, com estes a dizer que a rivalidade com Samoa Joe está só a começar.

Antes do main event, tivemos Darby Allin a prometer vingança por os reDRagon terem lesionado Sting, mas tanto Kyle O’Reilly como Bobby Fish desvalorizaram as ameaças do ex-TNT Champion.

– Darby Allin venceu Bobby Fish: Darby Allin tentou usar a sua velocidade para ficar no controlo, mas Bobby Fish com a sua técnica dominou o main event durante alguns minutos.

Porém, já se sabe que Darby Allin nunca se dá por vencido e foi começando a ter alguma ofensiva o que equilibrou este embate. Nos minutos seguintes, os dois lutadores foram tendo várias quase vitórias, e no final, Darby Allin contra-atacou um Ankle Lock e conquistou a vitória com o Last Supper.

Assim que o combate terminou, Bobby Fish voltou ao ataque e quando Kyle O’Reilly se ia juntar com uma cadeira, as luzes da arena apagaram-se e quando se reacenderam tivemos o regresso de Sting!! O “Stinger” com o seu taco de basebol atacou Kyle O’Reilly, tendo dado a cadeira a Darby Allin que fez de tudo para lesionar a perna de Bobby Fish.


O que achaste deste AEW Rampage Road Rager?

10 Comentários

  1. Dark Nash2 semanas

    Rampage com resultados previsiveis. O Tony Khan poderia aumentar o tempo desse show e a qualidade, já passou da hora …

  2. Dark Nash2 semanas

    A AEW reconheço que tem feito bons shows, mas precisa urgentemente colocar mais lutadores a mostra, tem um rooster completo mas não consegue usar eles com clareza. Nesse show pra testar o Moxley poderia ser o Andrade ou outro lutador top da empresa.

  3. Entusiasmada por ver quem irá finalmente conquistar o título da Jade

  4. Gostei:
    – Darby Allin vs Bobby Fish. Um ótimo combate, extremamente sólido, com o Darby a fazer as coisas a que já nos acostumou e o Bobby Fish a trazer uma violência impecável a este combate. Bom ver Sting de volta, também!

    Não Gostei:
    – Jon Moxley vs Dante Martin. Não foi mau, mas também não achei nada de especial. O resultado é previsível e não sei se o Dante sai mais forte com esta derrota.
    – Caster & The Gunn Club vs Ruffin & Bear Country. Squash, puro domínio dos heels.
    – Jade Cargill (c) vs Willow Nightingale. Mais uma vez, nem foi mau nem foi bom. No entanto, prezo imenso a exibição de Willow. Muito sólida em ring. Acho que se este combate tivesse mais 1 ou 2 minutos, poderia ter sido melhor.

    Overall: 5.5/10. Não foi mau, mas não teve nada de especial. Allin vs Fish é o meu principal destaque, bem como a exibição de Willow Nightingale.

  5. Eu concordo que está mais que na altura de aumentar o tempo deste show, e com um roster gigante como tem era ótimo para gerir o pessoal mais pequeno.
    Concordo que o Moxley vs Dante não foi nada de especial, pareceu um aquecimento.
    Quanto à Jade, só vejo a Athena a tirar-lhe o título mas vamos ver.
    Acclaimed & Gunn Club foi das melhores coisas que já vi nos últimos momentos no wrestling, estes têm muito talento e juntos são muitos bons, um verdadeiro espetáculo.
    Darby Allin vs Bobby Fish nunca iria desapontar, dois grandes lutadores, mas estão a demorar para oferecer algo mais a Darby Allin que já merece um título.

    • The Name1 semana

      Mas naquele horário não vale a pena aumentar, 1h de show a uma sexta às 23h de lá já é bem tarde, agora se a TNT decidir mudar o show para outro dia da semana ou até no mesmo dia podiam aumentar mais uma 1h, quem sabe se eles renovarem o contrato com a aew, o Tony fale no assunto, mas para já está bem assim.

    • coiso1 semana

      Concordo inteiramente! Até porque há outro ponto a ter em consideração que ajuda a degustar do episódio: as promos entre combates, acredito que com elas o Rampage catapulte os números.

  6. El Cuebro1 semana

    Eu gostaria muito de ver o Rampage ganhando mais uma hora, a hora atual é pouco para o tanto de coisa que acontece ou poderia acontecer nesse show, espero que eles possam rever isso para o futuro, o Rampage, os fãs e o roster da AEW merecem essa atenção, no mais queria muito ver o Dante Martin no Blackpool Combat Club, ele é bom demais para ser só um jobber, vai ser difícil parar a Jade também, queria ver mais da Willow na AEW, grande main event com retorno do Sting também, Swerve e Lee vão voltar a parceria para ainda lidar com Hobbs e Starks?!

  7. WWE1 semana

    bom show

  8. Anónimo1 semana

    Bom main event.