A AEW realizou este domingo, dia 3 de Março, o seu primeiro pay-per-view do ano, o Revolution, a partir do Greensboro Coliseum em Greensboro, North Carolina.

Resultados

– Bang Bang Scissor Gang ((AEW World Trios Champions Anthony Bowens, Max Caster & Billy Gunn) & (ROH World Six-Man Tag Team Champions Austin Gunn, Colten Gunn & Jay White)) venceram Jeff Jarrett, Jay Lethal, Willie Mack, Satnam Singh & Private Party (Isiah Kassidy & Marq Quen) (Zero Hour)
Willow Nightingale & Kris Statlander venceram TBS Champion Julia Hart & Skye Blue (Zero Hour)
– TNT Champion Christian Cage venceu Daniel Garcia
– AEW Continental Crown Champion Eddie Kingston venceu Bryan Danielson
– Wardlow venceu Chris Jericho, Dante Martin, Magnus, Powerhouse Hobbs, Lance Archer, HOOK e Brian Cage (All Star Eight-Man Scramble Match)
– Roderick Strong venceu AEW International Champion Orange Cassidy
Blackpool Combat Club (Jon Moxley & Claudio Castagnoli) venceram FTR (Dax Harwood & Cash Wheeler)
– AEW Women’s World Champion Toni Storm venceu Deonna Purrazzo
– Will Ospreay venceu Konosuke Takeshita
– AEW World Champion Samoa Joe venceu Swerve Strickland e “Hangman” Adam Page
– AEW World Tag Team Champions Sting & Darby Allin venceram Young Bucks (Matthew & Nicholas Jackson) (Tornado Tag Team Match)

Report

Em destaque neste Revolution tivemos vários title matches e algumas surpresas, mas o grande destaque foi o último combate da carreira de Sting, em que os AEW World Tag Team Championships estiveram em jogo.

52 Comentários

  1. GG3 meses

    Independente do que acontecer hoje, eu estou feliz, Sting vai se aposentar nos seus próprios termos, na data que ele escolheu, contra os adversários que ele escolheu, sendo Main Event, e tratado como todo o Respeito que uma Lenda Merece.

    #ThankYouSting

  2. Bora laaa 🔥🔥🔥

  3. Wwe world3 meses

    É este o evento que a Mercedes pode aparecer?

  4. The Name3 meses

    Eddie vs Bryan foi um clássico! O Bryan é o melhor de sempre, não há como negar isso, que lutador incrível, têm tudo! GOAT!
    O Eddie ia vencer dada à storyline, isto é wrestling em estado puro 🔥🔥🔥

  5. GG3 meses

    Eddie vs Bryan foi um baita combate, o publico aplaudiu de pé!!!

    Baita fase do Eddie Kinsgton, o publico ovacionou ele mais uma vez, para a tristeza dos haters, Eddie é um dos nomes mais Overs da AEW, e merece tudo que ele batalhou para conquistar.

  6. The Name3 meses

    Kyle O’Reilly! LFG 🔥🔥🔥

  7. The Name3 meses

    OSPREAY VS TAKESHITA COMBATE DO ANO ATÉ AGORA! WOW QUE COMBATE ESPETACULAR, O FUTURO DA EMPRESA PASSA POR ELEVAR ESTES DOIS!!! ⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐⭐

  8. GG3 meses

    Orange vs Roddy – Grande Combate
    Eddie vs Bryan – Baita Combate
    FTR vs BCC – Baita Combate
    Ospreay vs Takeshita – Combate espatecular

    Esta sendo um ótimo PPV até aqui, o fan de Wrestling esta bem servido.

    • GG3 meses

      Joe vs Adam vs Swerve – Baita Combate
      Sting e Dabry vs Young Bucks – Combate espetacular

      Vou repetir ótimo PPV, o fan de Wrestling esta bem servido.

  9. The Name3 meses

    Sting e Darby vencedores caralho! Que combate épico, teve de tudo e não sei como é que o Darby ainda consegue aguentar-se em pé, o gajo é louco, por pouco não se matava, era realmente REAL GLASS!
    Sting retira-se invencível na aew, a decisão correta! Meu deus que ppv, um dos melhores da ppv até à data!

    THANK YOU STING! QUE CARREIRA FENOMENAL, NÃO HÁ PALAVRAS PARA DESCREVER ESTE HOMEM! E O QUE NOS DEU AO LONGO DESTES ANOS! 👏🏻🙏🏻❤️

  10. Alexandre3 meses

    O que dizer né meu amigo?? Isso é AEW, a melhor companhia de wrestling do mundo com mais um PPV absolutamente FANTÁSTICO.
    Imagine o que é você assistir uma porcaria como um elimination chamber, um PPV que tem um espaço de 1 hora entre uma luta e outra, e então você vai e assisti algo simplesmente maravilhoso como o Revolution, aí vc entende o porquê que os tóxicos da wwe odeiam tanto a AEW, pq é nítido o tanto que a AEW é melhor e eles nao suportam isso. AHAHAHAHAHAHAHAAH.

    • Chego a ter pena de ti. 😕

    • tosse3 meses

      eu adoro o conde da aew, o alex

      é hilariante o seu fanatismo

    • GG3 meses

      Não se combate Toxidade, com mais Toxidade.

      O mundo seria melhor se pessoas estivem mais preocupadas em espalhar respeito e educação, do que espalhar o ódio e ficar brigando por motivos bestas.

    • Pedro+Bento3 meses

      Tô começando achar que vc tem no mínimo 8 anos de idade kkkk pq os seus comentários nesse site e muito infantil 😂

    • E são pessoas aqui como o Alexandre que dão razão á teoria do tribalismo no pro wrestling. Não gostas da WWE? Não vejas. Gostava era de saber o que é que vias antes da criação da AEW. Há espaço para ambos os produtos no mercado, e enquanto fã, sinto me grato por ter tantas boas empresas a meter bom conteúdo cá para fora. Devias experimentar ver wrestling apenas como um hobby, bro. Cheira me que és o bacano do meme “Its still real to me, damn it!”.

    • O PPV foi um sucesso, uma das maiores figuras da história do wrestling reformou-se em alta, tens um novo campeão, o Ospreay “estreou-se”, o O’Reilly regressou quase após 2 anos.. E estás genuinamente a pensar no Elimination Chamber?

      És mais hater da WWE e do que fã da AEW. Como é que vives assim? Se és assim com wrestling que serve apenas como puro entretenimento, nem quero imaginar como deves ser com coisas mais sérias da vida, que triste.

    • Tosse3 meses

      Bom,eu e o ricky concordarmos…

    • Anónimo3 meses

      Este tipo vive com a WWE no pensamento mais do que aprecia a empresa que diz que adora, lol. Não sabe elogiar o que gosta sem mencionar a WWE, é mesmo ridículo.

  11. Jorge3 meses

    O combate do Bryan com o Eddie foi espetacular mas, meus amigos, o combate do Ospreay com o Takeshita foi algo histórico! O presente e o futuro do Wrestling passar com toda a certeza por estes dois! Espero uma rivalidade eterna destes dois senhores!

  12. tosse3 meses

    ou seja, não aconteceu nada de especial.

    • Attitude Era3 meses

      É como sempre que comentas sobre esta empresa, tão previsivel que já ngm te liga, a não ser os putos fanboys

    • Tosse3 meses

      – sting sai pela porta pequena…isto foi uma feud para recordar como flair vs hbk?

      – reinado santino marella aew finalmente acabou com a humilhação que isso acarretou

      – deonna não deu em nada

      – FTR à deriva

      – bryan à deriva

      – humilhação tommy dreammer aew continua como champ

      Menti?

    • Tosse, você assistiu o PPV? Outra dúvida sincera.

    • Attitude Era3 meses

      Mentir não mentes, porque estas a dar uma opinião pessoal, mas estás um pouco desfasado da realidade quanto a mim. Uma coisa é criticar e com razão porque ha falhas em todo o lado, outra é dar hate gratuito sem sentido só por dar, que é o que tens feito nos últimos tempos

    • Salvador e do Tosse não tens pena? É que este tipo passa a vida a destilar ódio à AEW

    • Marco3 meses

      Que giro tu não gostas mas muitos deles são os que mais vendem na AEW, o que chamas deriva chamo dos melhores matches que já vi, de lutadores com carisma e personalidade, que transmitem humanidade

    • DontForgetBenoit, sim, também tenho. Deve ser triste viver assim.

    • Tosse3 meses

      Muito triste.

      Pessoal,não vou mentir: tenho visto pouco de aew (aqui e ali,mas pouco). É um produto desde que o punk saiu perdeu muita força para muitos de nós.

      Acredito que os combates tenham sido todos “bons” para uma perspectiva aew (30 mins, ambos os lutadores estao over ring wise,sem clara definição de quem é face/heel, sem heat para os “não-heels”, e os faces pouco over, com demasiados near finishers e depois acaba com um roll up)

      A questão aqui é mais o booking e as storylines

      Falta melhorar esses 2 pontos acima.

      Sting sai da empresa sem uma grande storyline(s) e feud (oposto,hbk vs taker), muitos devidos main eventers à deriva (wardlow,miro,hobbs,starks,etc) e jobbers com titulos (orange, kingston

    • Attitude Era3 meses

      Mas continuas a dar hate como se não houvesse amanhã… O Punk nao se retirou, só mudou de empresa à uns meses, podes continuar a acompanhar o belíssimo trabalho que tem feito. O resto do teu comentário nao vai de encontro à realidade, sendo o último parágrafo um atentado onde te contradizes, visto que noutros comentários pelo site já dizes q hobbs wardlow etc não prestam, mas neste comentário já sao main event. Quanto à comparaçao das despedidas, é somar 1+1, usar uma das maiores last fight de sempre, que teve 1 ano de preparaçao e foi feita no maior evento de wrestling do ano, só para desvalorizar a despedida do Sting que foi o próprio que escolheu e correu bastante bem, diz tudo das tuas intençoes ao comentar sobre esta empresa. Abraço.

    • Tosse3 meses

      Hate,toxico,fobico

      Termos woke e snowflake que vida real nunca usarias num autocarro ou no café sem seres gozado.

      Manda vir,é engraçado ver te comunicar de uma maneira mais frágil do que és (?) Na vida real.

      Punk partiu todas os recordes quando foi para a wwe agora
      Já na aew as coisas têm corrido mal desde que saiu,passando até a humilhação dele ser o mais vendido no merchadising…depois de sair da empresa

      Sem dares por isso, concordaste (cruzando com o hbk e flair) que esta ultima do Sting foi muito decepcionante

      Mas posso elogiar na mesma e já não sou hater,pode ser?

    • Isso que é o complicado sobre ti, Tosse. Crítica algo que não acompanha direito, igual o cronista Duarte 🤷‍♀️ e nunca são críticas construtivas ou algo do tipo, muitas vezes são apenas provocações para chamar atenção, mostrando extrema carência.

      Por outro lado… Sempre te tratei com respeito e isso não vai mudar, eu gosto de discutir com você, pois pelo menos se dá ao trabalho de comentar e tentar engajar em algo sobre essa empresa que tanto despreza. Apenas fico triste por vocês não acompanharem bem o produto, ia perceber que muitas das suas críticas são infundadas (outras eu concordo mesmo)

      Sobre o Punk, melhor ter um roster incrível do que apenas 1 lutador GOAT. CM Punk sempre foi meu favorito, porém não esse mimado que apareceu na AEW. Podia ter sido profissional, mas no final não sustentou o discursinho. Enfim.

      Sobre Sting, leve em conta as limitações… HBK tinha 45 anos em 2010, ele e o Taker tinham acabado de ter a melhor luta de todos os tempos. O Flair tinha 59, e não tem como ter uma luta ruim com HBK numa WM, e o Ric mesmo nessa idade não era pouca coisa.

      Se formos falar sobre storyline, concordo que a do Flair e HBK são as melhores da história, porém pela idade do Sting e o contexto atual, eles fizeram ouro. Ele merecia esse momento.

    • Tosse3 meses

      Falaste bem,Omega

      Em getal,concordo
      Muito bem.

      Que achas de orange e kingston como champs?
      Populares com os fans de aew, mas parecem afastar os fans menos das indys…

    • Eu adoro o Orange, pra mim ele tem sim It factor, agora é saber como bookar. O primeiro reinado foi dos melhores de sempre, já o segundo foi uma repetição de algo que tinha encerrado bem. Ele vende bem, luta bem e é um cara da empresa. Não há por que não investir.

      Tenho uma opinião parecida sobre o Eddie, porém de gosto pessoal não é dos meus favoritos. Apesar de ser rei no mic. O Eddie ainda tem que me convencer, assim como o Hangman me cativou.

    • Tosse3 meses

      De novo, bem explicado

      O que sentes que está a faltar estes 2 para trazer os fans menos indy?

  13. Dynomito3 meses

    Excelente PPV!

    Destaco o opener(pena o resultado), Bryan vs Eddie (Eddie ganhou o respeito como tinha de ganhar, só quem teu mau gosto não gosta do mad king, excelente em ringue, em termos de psicologia e dos melhores que ai anda, mic skills óptimas tudo muito bom, OC vs Strong (bom fim de reinado para alguém que entrega sempre excelentes combates e que a personagem não o impede de ser óptimo), os regresso do Kyle é óptimo ver lo quase dois anos depois, (e do Pac já agora), o Three way também foi muito bom r não me chateia nada que o comentador residente tenha ganho, finalmente alguém a valorizar o quão bom o Joe é!Me a ser aquilo que tem de ser, Sting a superar tudo para vingar o quão fdps foram os bucks em terem atacado os filhos, (bonito o momento deles disfarçados da versão anterior do Sting), darby a ser darby e Sting a retirar se invicto e condignamente ao contrário de outros lados

    • Dynomito3 meses

      Vou falar deste combate à parte, dizia um sábio deste site que Ospreay vs takeshita ia ter 20 minutos só porque sim, não, teve 20 minutos(acho que mais coisa menos coisa) porque toda a gente sabe o que estava ali, dois wrestlers de excelência, e podia bem ter mais 10 que toda a gente continuava investida, a prova que aa vezes para tirar um combate de excelência não é preciso uma grande história, mas ainda acho que eles são capazes de melhorar, e como acho que vão entrar em feud, espero que se superem, mas senão superarem olha, paciência a fasquia entre eles já está bem alta!

      O fanboy do Punk vai meter a duração disto no que ele não gostou aposto, como vai meter a vitória do Eddie não percebendo minimamente a história, mas. quem gosta da AEW, não lhe deiam troco, é o que ele e o site querem

  14. Mikas3 meses

    Para não estar a ser repetitivo e dizer que foi tudo bonito e espetacular, vou referir o que me desiludiu.

    TNT Championship – Muito Botchado
    All Star 8 Man Cenas e Coiso Match – Muito descordenado
    Womans Championship – Demasiado curto

  15. E mais um combate de luxo para o Ospreay. Este homem está muitos patamares acima, fodasse.
    Quanto ao Danielson vs Kingston, fez lembrar aqueles velhos clássicos da AJPW. Bom saber que o King’s Road style continua vivo e de boa saúde.
    Quanto ao triple threat, cheira me que isto é uma maneira de escrever o Hangman para um descanso, acho que até já foi reportado que iria ser esse o caso. Mas as nuances da história entre ele e o Swerve, meu deus, que rivalidade. Grande combate, e parece me que a ascensão do Swerve é no próximo PPV.

    E sim, ainda bem que o TK não meteu os títulos nos Bucks de novo. Por muito interessante que seja este novo lado heel deles, dar lhes a vitória tiraria a atenção do Sting. Obrigado, Sting!

  16. Takeshita é realmente um monstro, porém não há dúvidas, Will Osprey é o melhor wrestler do mundo atualmente. Que match meus amigos, adoraria que iniciasse uma rivalidade apartir daqui.

    Comentando ponto a ponto. A AEW é realmente a única empresa que gosto de acompanhar até o pre show 🤷‍♀️ que foi bastante bom diga-se de passagem. Que volte o bastardo esquecido…

    Excelente opener (óbvio), que o Garcia tenha seu momento no decorrer do ano, mas por enquanto o Christian merece demais aqui.

    Mix feelings quanto ao Eddie e Bryan. Sempre gosto das lutas, porém não sei até que ponto o personagem do Kingston me cativa. Curioso pra ver pra onde ele vai agora. Quanto ao Bryan, as possibilidades são imensas.

    8 Star foi uma grata surpresa, apesar de alguns botches. Só mostrou o quanto Archer e Cage são desvalorizados.

    Grande match entre o Rody e o OC, minha favorita até aqui. Strong merece e vai ser um grande workhorse champ. E admito que me emocionei quando vi o Kyle, quase 2 anos cara…. Sem contar nas possibilidades que acrescenta em história.

    Que tag match incrível, feliz demais com a vitória dos BCC. Por mim eles tem uma revanche em breve com estipulação. Provavelmente os melhores storytellers estão aqui.

    Ponto fraco do PPV agora, a luta feminina foi boa, eu só esperava mais mesmo, no geral. Não teve um angle, não teve clímax, não teve nada. Enfim.

    World Title match, tudo perfeitinho, história bem contada. Sensacional.

    Sting’s final match…. Difícil não se emocionar. Os Bucks estiveram incríveis também. Que momento.

    Apesar de tantas coisas positivas, ainda sinto que falta algo. Tenho saudades da época dos Takeovers, saudades de um baita storytelling com Wrestling de qualidade. Obviamente foi um grande PPV, só queria mais 😬

  17. Lindo! Sting forever

  18. Anónimo3 meses

    Ótimo combate entre o BBC vs FTR, dou destaque também a despedida do Sting.

  19. Esqueci de comentar o momento que o Hangman ataca o árbitro, o homem é ouro!

    • Tosse3 meses

      Porque sentes que fora da aew ele não é respeitado como main eventer?

    • Não sinto isso. Ele apenas se fez ME na AEW e nunca se testou em outra companhia desde então. Porém a qualidade está ali, já mostrou que consegue entregar em todos os aspectos, além da lealdade.

      Eu não era fan dele, foi o ano de 2022 que me fez perceber o quão bom Hangman é.

  20. (Aviso: comentário bem longo)
    Ora bem, vamos ver o Zero Hour que, de vez em quando, há aqui uma gema. Começámos com uma 12-man tag e, caramba, como é que o Jay White foi do main event para uma multi-man tag no kick-off em 6 meses? Mas pronto, eu diria que cumpriu o seu trabalho – não significa que tenha sido bom. Já a tag feminina foi ligeiramente melhor e notou-se o esforço que as 4 mulheres meteram no combate, mas ainda assim não deu o clique para mim. Passámos ao PPV em si agora, com Christian e Daniel Garcia a abrir num excelente combate! Ambos trabalharam o público de forma exemplar, a ação nunca ficou aborrecida e houve ali 2 grandes nearfalls mesmo no fim! Pena o Nick Wayne ter falhado o Stunner… teria tornado o final mais eficaz. De seguida, temos Bryan Danielson vs Eddie Kingston, que foi um combate absolutamente sensacional! O trabalho à volta do braço do Eddie e o seu selling a isso foi magistral e os momentos finais disto foram wrestling no seu estado mais puro. Um final maravilhoso para uma feud muito boa entre 2 dos melhores! Vejam este combate! Pouco depois, a 8-Man Scramble que, bem, dizendo de forma educada, foram 16 minutos da minha vida que nunca mais vou recuperar. Demasiado longo, desinteressante e vários botches. O grande ponto negativo deste PPV. Strong vs Cassidy seguiu-se e foi um combate muito sólido, com a fórmula simples do campeão estar claramente debilitado das costas! O Messias do Backbreaker venceu (e pelo caminho espetou uma gutwrench powerbomb brutal), claramente a decisão correta. Vamos tirar o Cassidy da TV durante alguns tempos, ele precisa de uma pausa. Muito feliz em ver o Kyle O’Reilly de volta! De seguida, FTR vs BCC foi mais uma masterclass de tag team wrestling da parte dos FTR. A ação foi-se mantendo sólida e, a partir do momento em que o Dax trouxe a cor vermelha para o combate, isto arrancou verdadeiramente! Aquele Doomsday Device com o Claudio a fazer uma uppercut foi brutal e adorei o final disto! É mais um combate que recomendo a assistirem! Seguiu-se Deonna Purrazzo vs Toni Storm… digamos que o build foi melhor que o combate. Desinteressante, um público maioritariamente calado e um final sujo. Depois… Takeshita vs Ospreay… p#ta que pariu, que combate inacreditável! O que estes 2 fizeram aqui foi magia com os vários counters inacreditáveis (aquele Os-Cutter para o Blue Thunder Bomb, nomeadamente), as várias manobras incríveis (o brainbuster no canto, ainda que botchado) e, claro, as near-falls. Dei em doido com o kick-out ao 1 do Takeshita! Facilmente o melhor combate da noite e um combate muito fácil de recomendar a assistirem! Antes de saltarmos para o main event, temos a triple threat pelo World Title que não foi tão boa em termos de manobras como o combate anterior, mas em termos de história, meus amigos, que beleza! A história de 2 homens, tão focados em destruir-se um ao outro, que acabaram por destruir as suas próprias chances de ganhar o título. O Swerve não fazer o pin no Joe após o Stomp e a House Call para atacar o Hangman e o cowboy a desistir para impedir que o Swerve pudesse vencer são provas disso. Bom detalhe também com o Joe a ter que quebrar constantemente as pinfalls. O combate completou o double turn de uma forma magistral e é mais um combate que vos recomendo a ver, absolutamente fantástico! E chegamos ao main event… desde a entrada até ao combate até à promo final, isto é o que todos os lutadores desejam na sua reforma, acredito eu. E isto foi, sem dúvida alguma, o combate final merecedor para uma carreira lendária como a do Sting. Fantástico. Os Bucks foram heels excelentes, tivemos ótimos spots (sendo que nunca irei rever aquilo do Darby Allin, quase que vomitava) e o Sting saiu como um total badass. Muito obrigado por todas as memórias, Sting! Aproveita bem a reforma! Um excelente final para o que foi, até agora, o melhor PPV do ano, um PPV que recomendo a assistirem!