Baron Corbin é um dos lutadores que hoje em dia melhor consegue manter o kayfabe e ser verdadeiramente odiado pelo público, e em 2019 esse sentimento era tão grande que chegou a receber ameaças de morte.

Em entrevista a Ryan Satin do Out of Character, o “Lone Wolf” falou do assunto e afirmou que as ameaças começaram depois do Extreme Rules, onde fez equipa com Lacey Evans contra Seth Rollins & Becky Lynch.

Quando atingi a Becky [Lynch] com o End of Days recebi ameaças de morte. Numa base regular. 95% [dos críticos] estão na internet ou em segurança em algum lugar onde não podem ser acessados. Roman [Reigns] disse isso da melhor forma uma vez, que ele nunca conheceu alguém que o odeia na vida real. Esse é o mesmo tipo de coisa [que acontece] comigo.

Seria engraçado se no aeroporto todas as pessoas penduradas lá para dar autógrafos abrissem o Twitter e me deixassem ver se está bloqueado ou não, para decidir se podem conseguir um autógrafo. É engraçado, é a coisa “boa” pra se fazer agora na vida, as pessoas só querem deitar as pessoas abaixo, faz com que se sintam bem, mas toda a minha carreira tem sido assim com as redes sociais, mas agora é 10 vezes da forma que o mundo é. Tens que ter “pele grossa”.


Achas que os fãs deveriam saber separar melhor o Wrestling da vida real?

7 Comentários

  1. El Cuebro3 semanas

    Eu olho para o Corbin e vejo tanto bom potencial perdido/desperdiçado pela WWE, ficam inventando personagens ridículos para ele como o Manager, King e agora Happy, não WWE, quem deveria estar em ação é o Lone Wolf ou Lobo, seja como for, o melhor personagem possível dele tem que voltar e ser mais vezes campeão!

  2. O Corbin é daqueles que consegue ser odiado por todos, é mesmo incrível! Mas com certeza não merece ameaças de morte, é bem estúpido!

  3. Anónimo3 semanas

    É com cada maluco, não sabem distinguir as coisas.